"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Quarta-feira, 26 de Julho de 2017
Continuam os incêndios na Região Centro

AAoQbgG.jpg

A Procuradoria-Geral da República já publicou ontem a lista oficial das 64 vítimas mortais do incêndio de Pedrógão Grande e por isso penso eu já estar na hora de mandar para a Região Centro ajudar os desalojados a tal “caramela” que andou pr’aí a inventar mortos.

 

20376019_490679784617320_1564320869728094190_n.jpg



Publicado por Tovi às 09:46
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 25 de Julho de 2017
Ainda a tragédia de Pedrógão Grande

25Jul2017 ab.jpg

Uma empresária lisboeta, Isabel Monteiro, tem vindo a afirmar saber que os mortos no incêndio de Pedrógão Grande foram muito mais do que os 64 anunciados pelas autoridades portuguesas. Eu até não sou muito de acreditar em tudo o que leio, mas se realmente for verdade concordo que está na hora da Ministra da Administração Interna ir embora… mais toda a chefia da Protecção Civil e todos aqueles que nos andaram a enganar. Mas se isto tudo não passar de uma aldrabice jornalística… é de punir exemplarmente os inventores desta coisa. E cada vez mais me parece que a montanha está a parir um rato… e dos pequeninos.

 

   Comentários no Facebook

«João Simões» - Uma vergonha usarem a tragédia para fins políticos. Um autêntico nojo.

«David Ribeiro» - Se o Governo, mais a incompetente Protecção Civil, não se tivessem posto a jeito nada disto tinha acontecido. Há que ser perspicaz e saber antecipar as comunicações… é que está sempre muita gente à espera das escorregadelas.

«João Simões» - O governo e a proteção civil? Trata se de bom senso e a oposição e certos jornalistas deveriam fazer política e não inventar suicídios e afins. Um autêntico nojo.

«David Ribeiro» - No Portal do Ministério Público em 24Jul2017: “O Ministério Público, no momento em que teve conhecimento do incêndio de Pedrógão Grande e suas consequências, instaurou inquérito nos termos legais, sendo as investigações desde logo iniciadas em estreita colaboração com a Polícia Judiciária (PJ) e a Guarda Nacional Republicana (GNR) e o apoio do Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses (INMLCF) e das demais instituições envolvidas. No âmbito deste inquérito foram identificadas, até ao momento, 64 vítimas mortais. Foi ainda instaurado um outro inquérito com vista à investigação das circunstâncias que rodearam a morte de mais uma vítima no âmbito de um acidente de viação.”

«João Simões» - Claro como água. Mas como o objetivo de muitos é deitar abaixo o governo, querem é usar a tragédia e os mortos para baixa política. Uns falam em suicídios, outros em mão criminosa, outros em quedas de aviões etc etc. Tudo inventado. É o que temos.



Publicado por Tovi às 08:59
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 28 de Junho de 2017
Juntos Por Todos

Juntos-por-Todos-620x270.jpg

Todos os canais televisivos generalistas portugueses – RTP, SIC e TVI – e ainda a maioria das rádios nacionais, transmitiram ontem à noite o grande concerto de solidariedade com as vítimas do trágico incêndio de Pedrógão Grande. Os portugueses quando querem, e muitas vezes o têm demonstrado, não se inibem de ajudar quem mais precisa. Agora só esperamos que haja no Ministério da Solidariedade, em articulação com representantes das autarquias e das Misericórdias das zonas atingidas, quem saiba dar o devido e correcto destino ao fundo financeiro de solidariedade criado com os donativos recebidos.



Publicado por Tovi às 12:03
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 19 de Junho de 2017
Continua o combate aos incêndios

StaticMapService.png

Ao início da manhã de hoje as condições climatéricas parecem favorecer o combate aos incêndios que ainda se mantêm activos na zona centro do País. No terreno encontram-se mais de mil operacionais, incluindo bombeiros, GNR e INEM.

 

   11h52 de hoje

O comandante operacional da Proteção Civil disse esta segunda-feira, no primeiro balanço do dia dos fogos florestais que lavram nos distritos de Leiria, Castelo Branco e Coimbra, que o combate às chamas está a decorrer de forma favorável. Elísio Oliveira admitiu, contudo, a possibilidade de novas complicações no combate às chamas, uma vez que os meios aéreos não estão de momento a operar, devido às condições atmosféricas. Neste momento, estão no terreno mais de 900 operacionais no combate às chamas.

  17h40 de hoje

Um dos bombeiros que se encontrava no hospital em estado crítico faleceu esta tarde, elevando para 63 o número de mortos nos trágicos incêndios de Pedrógão Grande.

  23h00 de hoje

Último balanço do incêndio de Pedrógão Grande: 64 mortos e 157 feridos, 7 em estado grave; 26 mil hectares consumidos pelas chamas.



Publicado por Tovi às 09:35
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 18 de Junho de 2017
Tragédia no incêndio de Pedrógão Grande

BBCOIXG.jpg

Dezanove civis mortos (16 em viaturas apanhadas pelo fogo e mais 3 por inalação de fumo) e mais de duas dezenas de feridos num grande incêndio florestal que deflagrou na tarde de ontem no concelho de Pedrógão Grande e que alastrou posteriormente para Figueiró dos Vinhos.

 

   02h20 de hoje

As vítimas mortais subiram para 24. Há quatro bombeiros feridos em estado grave. Vão a caminho dois pelotões de militares. Dois aviões Canadair espanhóis vêm reforçar os meios aéreos de combate a este incêndio.

   08h10 de hoje

Número de mortos revisto para 39. Os feridos são 59, dos quais 7 em estado grave, seis bombeiros e uma criança.

  08h35 de hoje

Os mortos chegaram aos 43, temendo-se que ainda sejam encontradas mais vítimas mortais nas povoações onde os operacionais de socorro estão a chegar.

   10h25 de hoje

Novo balanço desta tragédia: 57 mortos e 59 feridos.

   19h00 de hoje

Já há 61 mortos confirmados.

  23h00 de hoje

Foi encontrada mais uma vítima mortal na maior tragédia de que há memória recente em Portugal.

 

   Testemunho da jornalista Andreia Novo da RTP

"Sinto necessidade de vos contar o que eu e o Rui Castro vimos, sentimos. Saímos às 2h de Gaia, chegamos às 4h a Pedrogão. Os acessos estavam todos cortados. Percorremos centenas de kms e não havia sinal de bombeiros. As pessoas estavam todas na rua. Todas. Só depois das 5h é que conseguimos andar por estradas que ainda não estavam interditas, mas com fogo por todos os lados. Conseguimos passar. Às 6h começamos a encontrar os primeiros carros incendiados. Uns atrás dos outros. Desfeitos. 6h30, já com luz do dia, descobrimos umas aldeias no meio do fumo que cega de tão denso. Começam a surgir os corpos. Não consigo descrever bem, a partir daqui, o que aconteceu. Uns atrás dos outros. Famílias inteiras no chão, carbonizadas, e não dentro dos carros como alguns jornalistas têm avançado. Casas completamente destruídas pelas chamas. "São imensos menina, mas não podemos apanhá-los, não temos autorização" disse-me um bombeiro quando lhe perguntei pelos corpos. Falei com moradores de duas aldeias com cerca de 80/100 habitantes que já não diziam coisa, com coisa. Só falavam nas pessoas desaparecidas. "Isto é o inferno na terra, meu amor" disse-me uma idosa em lágrimas. Certo é que os bombeiros nunca lá foram até agora. Muitos dos que morreram são locais, fugiam de carro quando se despistaram, explodiram, ou simplesmente sufocaram. Nunca vi nada assim. E assim, só nós RTP captamos isto."

 

   Pois é!...

“Quando há um secretário de Estado da Administração Interna que resolve dizer que ‘o fogo é imprevisível, o que há é uns académicos que têm umas teorias sobre isso’, é evidente que tem responsabilidade. Porque está a dizer que descarta o conhecimento que existe sobre a gestão de fogo porque acha que o problema é imprevisível. É a mesma coisa que a Assunção Cristas andar a rezar a Nossa Senhora por causa da seca."



Publicado por Tovi às 00:51
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Dezembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9


18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Posts recentes

Continuam os incêndios na...

Ainda a tragédia de Pedró...

Juntos Por Todos

Continua o combate aos in...

Tragédia no incêndio de P...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus