"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Domingo, 6 de Agosto de 2017
Bombardeamentos atómicos a Hiroshima e Nagasaki

1.jpg
Estamos no septuagésimo segundo aniversário dos bombardeamentos atómicos a Hiroshima (6Ago1945) e a Nagasaki (9Ago1945), actos bélicos que mataram de 100 mil a 200 mil pessoas em questão de minutos, além de muitas outras dezenas de milhares que morreram como resultado da radiação nuclear nas semanas, meses e anos seguintes. Mas eu, cidadão “ocidental” nado e criado no pós-guerra, educado numa filosofia de Paz e harmonia entre os Povos, não posso no entanto esquecer os crimes de guerra praticados pelo Império do Japão durante a Guerra do Pacífico, um dos teatros de operações da Segunda Guerra Mundial no Sudeste Asiático, na qual o exército japonês matou milhões de não-combatentes, incluindo prisioneiros de guerra, de várias nações. A Sanko Sakusen ("Política dos Três Tudo") na qual os japoneses adoptaram uma táctica de terra queimada na China e que se resumia em "Mate Tudo, Queime Tudo e Saque Tudo", política iniciada em 1940 por Ryūkichi Tanaka (9Jul1893 – 24Nov1972) e implementada na sua totalidade em 1942 no norte do território chinês pelo general Yasuji Okamura (15Mai1884 – 2Set1966), são disso exemplo, que de acordo com o historiador Mitsuyoshi Himeta resultou na morte de "mais de 2,7 milhões" de civis chineses.



Publicado por Tovi às 14:42
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 6 de Junho de 2015
O Dia D – Junho de 1944

Dia D 6Jun1944 mapa b.jpg

Na madrugada de 6 de Junho de 1944, dezoito mil pára-quedistas britânicos e americanos eram largados na Normandia, ocupando pontes de importância decisiva e destruindo linhas de comunicação alemãs. Às 6h30 da manhã, desembarcaram as primeiras tropas, forças americanas, que desceram na praia «Utah», com os seus tanques anfíbios. Menos de uma hora depois, às 7h25, os primeiros soldados britânicos chegavam às praias «Gold» e «Sword», seguidos, na praia «Juno», por 2.400 canadianos, apoiados por setenta e seis tanques anfíbios. Às 10h15, era levada a notícia destes desembarques a Rommel, que se encontrava então na Alemanha. Rommel meteu-se imediatamente num avião a caminha de França, tendo-lhe Hitler dado instruções no sentido de, até à meia-noite seguinte, «atirar de novo para o mar» os invasores. Mas á meia-noite tinham já desembarcado 155.000 homens das tropas aliadas. Apenas na praia «Omaha», os defensores alemães conseguiram conter os 35.000 assaltantes americanos no interior de um círculo que não teria mais de uma milha de perímetro. Em todos os outros locais de desembarque, os avanços terra dentro continuavam e tinham sido já consideráveis. [in “A Segunda Guerra Mundial” de Martin Gilbert, vol. 6, pag. 85; Publicações Dom Quichote]



Publicado por Tovi às 07:46
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 10 de Maio de 2015
Os 70 Anos da Derrota Nazi

Moscovo Dia da Vitória 9Mai2015.jpg

(Foto REUTERS / Host Photo Agency / RIA Novosti)

Ontem em Moscovo, grandioso desfile militar que assinalou os 70 anos do triunfo sobre a Alemanha Nazi na Segunda Guerra Mundial. A Rússia celebrou o Dia da Vitória  (em russo: День Победы, Den' Pobedy) com uma parada militar em que participaram 16.500 soldados, 140 helicópteros e aviões, tanques como o T-14 Armata - que é descrito como a nova arma de destruição russa – ou os novos mísseis balísticos RS-24 Yars.

 

  Comentários no Facebook

«Fernando Duarte» >> a capitulação alemã foi assinada em Reims às 2h41 de 7 de Maio 1945, a segunda capitulação foi em Berlim às 23h01 de 8 de Maio1945 à hora de Berlim, ou seja às 01h01 de 9 de Maio 1945 à hora de Moscovo (e é isso que explica porque é que os Russos festejam o fim da Guerra 2 dois dias depois), mas a guerra só acabou mais tarde com a rendição do Japão

«Joaquim Leal» >> As imagens da parada em Moscovo, algo que só me lembrava os tempos da antiga união soviética tal o aparato. Não apreciei a ausência de figuras internacionais de maior destaque porque o momento deve ser objecto de respeito e união de todos mas o presidente russo também não tem facilitado com os comportamentos na Crimeia e mais recentemente na Ucrânia. Ao que julgo saber, apenas estiveram presentes dirigentes internacionais próximos de Putin, dos antigos territórios, Venezuela e China. Ah, o Mugabe também e imaginem, ainda o Steven Segal.

«David Ribeiro» >> A reter na memória a presença do Chinês.



Publicado por Tovi às 08:18
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 27 de Janeiro de 2015
Foi há 70 anos…

Auschwitz d.jpg

A 27 de Janeiro de 1945, as tropas soviéticas entravam no campo de concentração de Auschwitz.

Para assinalar um dia histórico, o Expresso disponibiliza online um texto publicado originalmente a 28 de Janeiro de 1995, onde alguns dos sobreviventes evocam o drama e se reflete sobre um episódio julgado impensável (ver aqui).



Publicado por Tovi às 10:22
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 6 de Junho de 2014
Dia D

Faz hoje 70 anos que começou a maior invasão anfíbia de todos os tempos, com o desembarque das tropas Aliadas nas praias da Normandia, operações militares que iniciaram o princípio do fim da Segunda Guerra Mundial. O assalto foi realizado em duas fases: uma aterragem de assalto aéreo de 24 mil britânicos, americanos, canadianos, e tropas livres de franceses aerotransportados pouco depois da meia-noite e um desembarque anfíbio da infantaria aliada e divisões blindadas na costa da França, com início às 6h30 da manhã.



Publicado por Tovi às 09:27
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9


23
24
25
26
27
28

29
30
31


Posts recentes

Bombardeamentos atómicos ...

O Dia D – Junho de 1944

Os 70 Anos da Derrota Naz...

Foi há 70 anos…

Dia D

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus