"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."
Quarta-feira, 6 de Março de 2013
Morreu Hugo Chávez

Uma grande perda... para a industria portuguesa de computadores {#emotions_dlg.blink}

A morte do Presidente da Venezuela, Hugo Chávez foi ontem, terça-feira, anunciada pelo vice-presidente Nicolás Maduro.


«Paulino Coelho» in Facebook >> E os estaleiros de Viana acabaram de perder metade do seu valor.

«Joaquim Leal» in Facebook >> Vocês gozam... :P Vai haver funeral, no minimo, durante 15 dias...

«Sérgio Ribeiro» in Facebook >> El presidente venezolano fue un jefe brillante, imprevisible, contradictorio, errático, afecto al darwinismo social, construido para la confrontación. El frenético asentimiento de las masas cuando Hugo Chávez prometía partir el espinazo de los partidos políticos tradicionales y sancochar a los oligarcas, preludiaba, en los mítines de 1998. Murió imaginándo-se en la historia junto a Simón Bolívar, José Martí e Ernesto Guevara. Hugo Chávez, o "El comandante" do socialismo do século XXI. O Presidente da Venezuela, Hugo Chávez Frías, que morreu hoje, ganhou dimensão mundial pelas políticas sociais para os mais desfavorecidos, pelas suas posições antiamericanas. Ganhou todas as eleições que disputou, apesar das acusações de "autoritarismo" dos seus adversários. Católico, divorciado duas vezes e pai de duas filhas, tinha no basebol o seu desporto de eleição. Morreu aos 58 anos em Caracas, vítima do cancro.

«Carla Molinari» in Facebook >> Nao faz cá falta nenhuma... é dos que não deixam saudades :(

«Sérgio Ribeiro» in Facebook >> Não gostar individualmente de "El comandante" nunca impediu o seu POVO de o adorar. A marca, o cunho, a impressão, a propriedade, a qualidade distintiva, a Índole, o génio, a firmeza e a dignidade que moldavam o seu carácter, são o abamtesma dos pobres de espírito.

«Carla Molinari» in Facebook >> Eu estive na Venezuela e não achei nada que era adorado. Como é que se pode adorar um ditador que não dá liberdade de expressão ao povo do seu pais? Finalmente acabou mas os que vêm atrás dele não vão largar mão aos biliões de $$$$ do petróleo... Deixemo-nos de fantasias, o ouro preto é que manda naquele pais e eles tem-no a jorros... E como diziam os Romanos, ao povo dá-se pão e circo!!!

«Sérgio Ribeiro» in Facebook >> Carla Molinari escreveu: "E como diziam os Romanos, ao povo da-se pao e circo!!!" a Roma e os Romanos a que Carla Molinari se refere era uma Roma doutros tempos. Senão vejamos:- a máxima panem et circenses nascera como um cliché do citadino romano médio, que não se dedicando a nenhum trabalho, vive do alimento gratuito e do prazer proporcionado pelo espectáculo da arena e do circo.- O POVO da Venuzuela é trabalhador. Mas a Roma que Carla Molinari cita tinha nos seus dirigentes "barbaros ou civilizados pouco importa uma preocupação importante. - o problema da subsistência fora desde cedo um problema fundamental, quer do ponto de vista do bem-estar físico como da estabilidade social. A necessidade de assegurar o abastecimento público, defendida e elogiada por Plínio-o-Velho, fora entendida já pelogrego Xenofonte como obrigação do chefe e torna-se num ditame importante na Época da República, e sobretudo na Época Imperial, apartir de Nero. No tempo da República o governador deveria encarregar-se de manter o exército e oferecer alimentos à população civil de Roma. Júlio César distribuía entre os seus súbditos carne de porco, azeite e trigo. E durante o mandato do seu sucessor o número dos que recebiam regularmente alimentos do estado ascendia aos 320 mil. "El comandante" com o ouro preto não ficou pessoalmente rico, mas permitiu ao seu POVO viver melhor (todo o contrário do que faz o PPC, o Gasparzinho com o consentimento do acabado silva) O facto de a Carla Molinari ter estado na  Venuzuela tem que se ter em consideração. Sem esquecer que a Senhora porta um instrumento composto de lente para auxílio da vista que talvez não estivesse convenientemente limpo e, por esse facto lhe toldava a vista. Ainda bem que existe ouro negro a jorros na Venuzuela. Isso faz a independência desse POVO que nos falta a nós portugueses e não tarda muito aos seus primos italianos cara Senhora Molinari.

«Luís Alexandre» in Facebook >> Eu acho que o mundo perdeu um grande homem. Não é seguramente o mundo em que vivemos

«Sérgio Ribeiro» in Facebook >> "Não é seguramente o mundo em que vivemos" Estamos a falar da América Latina meu caro.


«David Ribeiro» in Facebook >> O caixão de Chávez, coberto por uma bandeira e ladeado por uma guarda de honra, saiu do hospital onde, de acordo com a informação oficial, o “comandante” morreu, e seguiu para a Academia Militar de Caracas, onde estará até sexta-feira. (in "Público" - Fotos de Luís Camacho/AFP)

«Fernando Roque» in Facebook >> ''Porque no te callas, hombre?'' Ahora finalmente se encuentra calladito para siempre. El rey debe estar feliz por eso. Eh eh eh eh

«Sérgio Ribeiro» in Facebook >> Foi assim que o rei de Espanha, rei pela vontade do genocida Franco, admoestou Hugo Chávez em plena XVII Cimeira Ibero-Americana, em Santiago do Chile. Hugo Chávez foi presidente pela vontade do seu povo, por escrutínio dos venezuelanos, incómodo a que um rei não se sujeita. É por isso que as monarquias acabam em tragédia mesmo as que, como a de Espanha, começaram pela obsessão de um ditador. Finalmente, Hugo Chávez calou-se. Conseguiu um cancro o que o rei e os adversários, juntos, não conseguiram. (texto roubado) a Carlos Esperânça.



Publicado por Tovi às 07:55
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Julho 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
12
13

16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


Posts recentes

Tomada da Bastilha - 14 d...

Fim-de-semana de Exposiçõ...

Parabéns Alice

Atribuição de Medalhas Mu...

D. Pedro IV, o Libertador

Populista Português Moder...

Malhar em ferro frio

Legislativas'2019... no G...

Saladas da Culinária Viet...

Mercadona... em Portugal

Acho bem...

Sinais dos tempos

Morreu Mordillo

Pedro Duarte sobre as esc...

Paulo Portas e Rui Moreir...

Que a Justiça lhes seja p...

The other side of the...

A canibalização da STCP

Criar um Homem novo...?

São João... um pouco molh...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus