"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Sábado, 12 de Janeiro de 2008
Quinta da Lixa

«Reboredo» ⇒ Meu caro Tovi, recebi de um amigo uma garrafa de vinho verde espumante D.O.C. Tinto Bruto 11%vol produzido por: Quinta da Lixa, Sociedade Agrícola,Lda - Lixa - Felgueiras - Portugal - recebi uma outra com o nome: O Tal Vinho da Q da Lixa, Vinho Verde Denominação de origem controlada 10%vol produzido pela mesma Sociedade. Que sabe ou pode saber o meu amigo sobre estes encantos?

«XôZé»Lá está o chato do comunista a incomodar quem trabalha. :twisted:  Com garrafas dessas até eu te posso esclarecer, ora quueres saber? :roll:  Só bebe essa pomada quem é burguês. :P  Depois o Socrates é que é fascista. :whistle:

«Viriato»:twisted: :lol: :twisted: :lol: :twisted:

A empresa Quinta da Lixa – Soc. Agrícola, Lda. é proprietária da Quinta da Lixa (área total de 10 hectares, com 7 hectares de vinha) e da Quinta de Sanguinhedo (com 30 hectares, dos quais 20 ha com vinha) e só muito recentemente apostou fortemente nos vinhos verdes varietais e nos datados, saindo assim da mediocridade do vinho vendido a granel.
 
Dizem os críticos mais credenciados que o Quinta da Lixa 2003 (verde branco) não agradou muito, principalmente pelo excesso de carbónico e presença de sulfuroso, apesar de ter sido medalhado com ouro pela Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes; o Quinta da Lixa Trajadura 2004 (verde branco) feito com a casta Trajadura, não se apresentou muito equilibrado em acidez; mas parece que os vinhos da colheita de 2006 se apresentavam muito melhor. Eu ainda não os provei...

«Reboredo»TOVI, pf: vinho verde espumante D.O.C. Tinto Bruto 11%vol ABF 0871141 / 2007 Dec Lei 119/97 de 19/05/1997 75 cl
O Tal Vinho da Q da Lixa, Vinho Verde Denominação de origem controlada 10%vol Lot 35407 contém àcido sulfuroso (conhecido por Vinhão)
Dec Lei 119/97 de 19/051997 75 cl

Pois é meu caro «Reboredo»… Nunca ouvi falar em espumantes desta casa nem o "vinhão" é sinónimo de ácido sulfuroso... Mas a verdade é que os espumantes e outros variedades de vinhos existem e estão referenciados no site da Quinta da Lixa, como passo a transcrever:
Vinhos de Quinta: Quinta da Lixa Branco (Vinho Verde); Quinta da Lixa Tinto (Vinho Verde)
Monocastas: QL - Alvarinho (Vinho Verde); QL - Trajadura (Vinho Verde); QL - Loureiro (Vinho Verde); QL - Espadeiro (Vinho Verde); Tinta Roriz - Monsenhor - Reserva (Estremadura)
Vinha Real: VR - Branco em garrafa Bordalesa; VR - Branco em Cantil; VR - Rosé
Douro: Heitor - Tinto Reserva
Outros vinhos: Aguarela (bordaleza); Terras do Minho Branco (Vinho Verde); Terras do Minho Tinto (Vinho Verde); Monsenhor - Mercado Nacional (Vinho Verde); Monsenhor - Exportação (Vinho Verde); QL Branco (Vinho Verde); QL Tinto (Vinho Verde)
Espumantes: QL - Espumante Branco - Bruto; QL - Espumante Branco - Meio Seco; QL - Espumante Tinto - Bruto

«XôZé» ⇒ Eu já calculava. :mrgreen: 

Na Lixa, qualidade só é sinónimo de "Esteves". :content:

 

«Reboredo»Em que ficamos? afinal que é que tu sabes disto: "Com garrafas dessas até eu te posso esclarecer, ora quueres saber? Só bebe essa pomada quem é burguês."

Cá por mim ficamos em que nunca ouvi falar do Espumante Quinta da Lixa nem nenhum dos críticos em cujos "bitaites" tenho confiança alguma vez se pronunciou sobre este vinho.

«XôZé»Ficou melindrado?...ficou?... :mrgreen:   Então e "O Esteves" da Lixa, não conheces?... :mrgreen:   Dizem que por lá é só kólidade... :twisted:

 

«Reboredo»XôZé escreveu: " Então e "O Esteves" da Lixa, não conheces?..." - Eu não! Mas os brejeiros em baixo tiveram encontros com ele. Para quem se pergunte quem é o Esteves, aqui vai:
«O Esteves não é uma pessoa... o Esteves somos todos nós.» -Maestro Vitorino de Almeida
«O Esteves não é alguém... é um modo de viver.» -Fernando Mendes
«... é uma filosofia.» -Guilherme Leite
«... é uma dramatização do drama que vive dentro de nós.» -Teresa Guilherme
«O Esteves, meu grande amigo de longa data, é um estado de espírito.» -Manuel Luís Goucha
«... é a expressão do viver e do não viver.» -Manoel de Oliveira
«O Esteves é, para além de tudo, a voz de uma vida metropolitana.» -Vítor Baía
«O Esteves é um gajo que dá porrada.» -Marco do Big Brother
«O Esteves sería a Alma, se esta existisse.» -Dalai Lama
«... é algo que, lá bem no fundo do nosso ser, se esgrime contra a opressão involuntária por nós proprios imposta» -Manuela Moura Guedes
«... é a revolta... o Horror...» -Artur Albarran
«Filha da puta!!!!» -João Pinto
«... é uma pouca bergonha!!!! Eu bi tudo!!! Eu sei quem é o gajo!!!» -Sr. Adalberto Silva de Fornos de Algodres

 

«Viriato» " o Esteves é o Preto " - Viriato



Publicado por Tovi às 13:09
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 20 de Setembro de 2007
Feira dos Vinhos - Carrefour

A Feira dos Vinhos do Carrefour está a decorrer de 12 a 23 de Setembro.
Tem muita coisa no catálogo… Vou destacar os seguintes vinhos:

Alentejo
Loios Branco 2006 – 2,79€; Loios Tinto 2006 – 2,79€; Monte da Cal Tinto 2004 – 3,29€; Monte Velho Branco 2006 – 3,49€; Monte Velho Tinto 2006 – 3,99€; Encostas do Enxoé Tinto 2005 – 4,90€; Vinha da Defesa Rosé 2006 – 4,78€; CR&F Tinto Colheita Seleccionada 2004 – 5,40€; E.A. Tinto 2006 – 5,90€; Montes Claros Tinto Reserva 2004 – 5,90€; Cartuxa Branco DOC 2005 – 6,90€; Vinha da Defesa Tinto 2005 – 7,50€; Herdade dos Grous Tinto 2006 – 7,90€; Reguengos Tinto Garrafeira dos Sócios 2001 – 10,90€; Quinta da Terrugem Tinto 2004 – 10,90€; Herdade do Esporão Branco Colheita Tardia 2005 – 11,90€; Quinta do Carmo Tinto 2002 – 11,90€; Tapada de Chaves Tinto 2001 – 12,40€; Esporão Reserva DOC Tinto 2005 – 14,90€; Cartuxa Tinto 2004 – 14,90€; Herdade do Peso Tinto Reserva 2003 – 19,80€; Mouchão Tinto 2002 – 26,90€; Altas Quintas Tinto 2004 – 19,90€.

Douro
Lello Tinto 2005 – 3,49€; Lello Branco 2006 – 2,99€; Esteva Tinto 2005 – 3,90€; Burmester Tinto DOC 2005 – 4,29€; Planalto Branco 2006 – 4,59€; Quinta da Soalheira Tinto 2005 – 4,98€; Vinha de Mazouco Reserva DOC Tinto 2003 – 6,90€; Quinta do Côtto Tinto 2004 – 7,90€; Valle Pradinhos Tinto 2004 – 7,90€; Vinha Grande Branco 2006 – 9,90€; Vinha Grande Tinto 2003 – 9,90€; Casa Burmester Tinto Reserva DOC 2005 – 10,90€; Callabriga Tinto 2002 – 14,90€; Evel Tinto Grande Escolha 2004 – 14,90€; Duas Quintas Tinto Reserva 2003 – 19,90€; Quinta da Leda Tinto 2004 – 24,90€; Quinta do Crasto Tinto Vinhas Velhas DOC 2005 – 17,90€.

Terras do Sado
Periquita Tinto 2004 – 3,79€; Romeira Palmela Tinto DOC 2005 – 3,79€; Catarina Branco 2006 – 3,99€; Dona Ermelinda Touriga Nacional 2004 – 8,90€; Dona Ermelinda Tinto DOC 2005 – 2,99€; Quinta da Bacalhôa Tinto 2004 – 14,90€; Colecção Privada DSF Touriga Nacional 2003 – 11,90€.

Dão
Grilos Tinto 2005 – 2,79€; Cabriz Branco Colheita Seleccionada 2006 – 2,79€; Cabriz Tinto Colheita Seleccionada 2005 – 2,89€; Casa de Santar Tinto 2004 – 4,90€; Cabriz Tinto Reserva 2004 – 7,90€; Borges Dão Tinto Reserva 2003 – 12,90€; Quinta dos Carvalhais Colheita 2002 – 8,90€; Quinta dos Carvalhais Touriga Nacional 2000 – 13,90€.

Vinho Verde
Muralhas de Monção Branco 2006 – 3,49€; Quinta da Aveleda Branco 2006 – 3,59€; Alvarinho Deu-la-Deu Branco 2006 – 5,80€; Alvarinho Portal do Fidalgo Branco 2006 – 5,90€; Alvarinho Dona Paterna Branco 2006 – 7,80€.

Beiras e Bairrada
Castelo Rodrigo Tinto Colheita Seleccionada 2003 – 3,49€; Castelo Rodrigo Touriga Nacional DOC 2004 – 5,90€; Quinta do Cardo Tinto Colheita Seleccionada 2003 – 3,98€
Luis Pato Tinto 2004 – 4,98€; Quinta da Corga Tinto Reserva 2004 – 9,90€.

Estremadura
DFJ Alvarinho & Chardonnay 2004 – 4,99€; DFJ Caladoc & Alicante Bouschet 2001 – 5,90€; DFJ Tinta Roriz & Merlot 2004 – 5,90€; Morgado de Stª. Catherina Branco 2005 – 7,80€.

Ribatejo
Quinta da Lagoalva Tinto Reserva 2005 – 5,90€; Quinta da Lagoalva de Cima Branco 2006 – 5,70€; Fiúza Cabernet Sauvignon Rosé 2006 – 3,99€; Quinta do Falcão Tinto Reserva 2004 – 6,90€; Falcoaria Tinto 2004 – 7,90€.

Licorosos
Moscatel de Favaios – 3,79€; Moscatel de Setúbal J.P. DOC – 4,29€; Moscatel de Setúbal JMF 2001 – 4,79€; Moscatel de Setúbal Bacalhôa DOC – 11,90€; Moscatel Medalha de Campeão – 6,90€; Vinho Licoroso Quinta do Boição Arinto 2003 – 9,50€.

Espumantes
Espumante Raposeira Reserva (Bruto/Meio seco/Doce) – 4,98€; Espumante Luís Pato Bruto 2005 – 5,80€; Espumante João Pires 2005 – 6,90€; Espumante Murganheira Reserva Tinto Bruto – 8,90€; Espumante Vértice Reserva Bruto 2004 – 8,90€; Espumante Herdade do Esporão Bruto – 12,50€.

Vinho do Porto
Porto Westport (tawny/ruby/white) – 4,29€; Porto Ferreira (tawny/ruby) – 5,79€; Porto Ramos Pinto Lágrima – 7,90€; Porto Velhotes Reserva – 8,90€; Porto Ramos Pinto Collector – 9,90€; Porto Quinta do Crasto LBV 2001 – 9,90€; Porto Quinta do Noval 10 Anos – 17,90€; Porto Ferreira Dona Antónia reserva – 10,90€; Porto Rozés White Reserve – 11,90€; Porto Ferreira Quinta do Porto 10 Anos – 19,90€; Porto Cruz Vintage 1989 – 14,90€; Porto Borges Vintage 2004 – 32,90€.



Publicado por Tovi às 08:55
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 16 de Setembro de 2007
Vinhos portugueses em Bruxelas

«Reboredo» ⇒ Para o comentário do meu caro amigo Tovi:

Promotions du mois de Septembre chez Alambique
Quinta dos Eirados rouge 2004 - 4.50 € au lieu de 5.25 €
Quinta de Cabriz blanc 2004 - 5.25 € au lieu de 6.00 €
Morgado da Canita rouge 2004 - 5.80 € au lieu de 6.25 €
H. dos Machados rosé 2006 - 6.60 € au lieu de 7.00 €
Quinta da Peça reserva rouge 2000 - 6.50 € au lieu de 7.00 €
D'arada rouge 2003 - 6.50 € au lieu de 7.75 €
Mousseux Torre de Menagem brut 2004 - 8.50 € au lieu de 9.75 €
Porto Solene Ruby reserve/Tawny reserve - 20.00 € au lieu de 22.25 €

Um abraço,

Ora muito bem!... Se bem compreendi esse tal “Alambique” é uma das mais prestigiadas lojas de vinhos portugueses aí pela cidade de Bruxelas, não é verdade?... Pois então vamos lá ver o que sei, ou que fui saber, sobre os vinhos referenciados:

Seta Quinta dos Eirados rouge 2004 – Não conheço este vinho… Sei que é uma das marcas da Quinta de Santa Eufémia, onde há mais de cem anos se produzem vinhos de qualidade e um Velho Senhor, dono dos melhores aromas e sabores inesquecíveis – O Vinho do Porto.

Seta Quinta de Cabriz blanc 2004 – Conheço bem os vinhos da Quinta de Cabriz (Dão Sul - Soc. Vitivinícola SA), cujo complexo vinícola está localizado em Carregal do Sal. Os melhores vinhos desta marca que bebi nos últimos tempos foram: Quinta de Cabriz Colheita Seleccionada Tinto 2004 (Alfrocheiro, Tinta Roriz e Touriga Nacional - 13% de álcool), Quinta de Cabriz Colheita Seleccionada Branco 2006 (Malvasia-Fina, Encruzado, Cerceal-Branco e Bical - 12,5% de álcool – 3,19€/75cl) e Quinta de Cabriz Rosé 2006 (Touriga Nacional e Alfrocheiro - 12% de álcool – 3,79€/75cl).

Seta Morgado da Canita rouge 2004 – João Barbosa em Março deste ano, escreveu no “João à Mesa” sobre este vinho regional alentejano da Casa Agrícola Santos Jorge SA: Este não é, claramente um grande tinto nem um tinto de excelência; É um tinto que não envergonha, que vai para o mercado a preço cordato; É um dos chamados vinhos de combate, daqueles que vencem pela relação entre a qualidade e o preço, que têm de se apresentar em meias garrafas; Devo dizer que no padrão da gama é dos melhores que tenho tragado; É honesto.

Seta H. dos Machados rosé 2006 – A Herdade dos Machados pertence à Casa Agrícola Santos Jorge SA, em Moura no Alentejo. Um dos seus vinhos mais cotados é o Santos Jorge Herdade dos Machados Antão Vaz 2003, segundo os críticos um dos melhores monocasta Antão Vaz dos últimos anos.

 

Seta Quinta da Peça reserva rouge 2000 – Deste vinho só provei o da colheita de 2004, um vinho feito pelo enólogo Anselmo Mendes com uvas seleccionadas das castas Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Tinta Barroca.

Seta D'arada rouge 2003 – Será um vinho da empresa exportadora Sociedade Agrícola Quinta da Margem de Arada Lda em Olhalvo, na Estremadura?...

Seta Mousseux Torre de Menagem brut 2004 – Grande espumante de vinho verde este Torre de Menagem pertencente à sub-região de Monção, feito com 95% da casta Alvarinho e 5% de Trajadura. Muito aromático e frutado é sem sombra de dúvida um espumante a fazer concorrência aos da Bairrada e mesmo aos da zona de Távora-Varosa.

Seta Porto Solene Ruby reserve / Tawny reserve – A marca Porto Solene da casa Wine Cluster Co, em parceria com a empresa Manoel D. Poças Júnior, é uma forte aposta em novos mercados, com predominância em camadas jovens. O design das garrafas é alternativo ao clássico e os vinhos são produto exclusivo, com edição limitada e numerada, provenientes de lotes de excelente qualidade, estagiados em madeira e criteriosamente seleccionados.



Publicado por Tovi às 10:09
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 2 de Setembro de 2007
Red Bull Air Race 2007



Por motivos que não interessam para o caso, tive no dia de ontem acesso a todas as zonas do espectáculo Red Bull Air Race 2007 e antes de tudo tenho que dar os meus parabéns ao Rui Rio e ao Luís Filipe Menezes por terem trazido este “circo” para as cidades do Porto e Gaia.

Que tenha sido o piloto britânico Steve Jones a conquistar o primeiro lugar no pódio, não me parece muito importante para nós portuenses, mas o facto de se conseguir juntar mais de 600 mil pessoas (um dúzia de estádios do Dragão completos) nas margens do rio Douro (entre a Ponte de D. Luiz I e o viaduto do Cais das Pedras em Massarelos), é, sem dúvida, um feito só comparável com a loucura da noite do São João.

Houve quem viesse à praça pública insurgir-se com a falta de segurança… Pois posso-vos garantir que foram asseguradas desde a primeira hora, pela organização e pelas autarquias, inequívocas condições de segurança para o público.

«XôZé» ⇒ Eu só sei que as melhores actividades só vão para Lisboa ou Porto. Enfurecido   Tudo o resto é o deserto! Endemoniado

Só me faz confusão como é que fazem um espectáculo destes a pagantes... Não percebo como se conseguem cobrar bilhetes numa área descoberta e tão grande como a do Rio Douro. Confuso

«Scalabis»Ó Xô eu acho que estás enganado rolando os olhos o men da TB disse que era á borlix

«XôZé»Curioso...   Então porque é que na sexta-deira a RFM (a minha telefonia no espaço laboral) estava a oferecer convites?    Se já estavam afinal todos convidados...

«rjmoreira»Eu respondo... Havia 2 zonas em que se pagava para estar presente.

A Red Bull Air Race no Porto representa uma plataforma única para clientes corporativos e VIPs, e como tal os pacotes de hospitalidade disponíveis oferecem oportunidades emocionantes tanto para pessoas como negócios. Os convidados dos pacotes de hospitalidade da corrida do Porto terão também a oportunidade de ter um contacto directo com os heróis da Red Bull Air Race: os pilotos e os aviões.
Hospitality Tickets for the Porto race are sold out!
Os dois programas de hospitalidade disponíveis são:
Race Club - O Race Club, que estará localizado na antiga Alfândega do Porto, ao lado da Torre de Controlo da Corrida do Porto (o coração da organização da Air Race), na margem norte do rio Douro. Os bilhetes para o Race Clube incluem: Uma das melhores vistas da Red Bull Air Race; “Video walls” e som para acompanhar a corrida, entretenimento no local; Bebidas e canapés à chegada; Almoço em buffet; Bebidas durante o evento; Ecrãs de plasma.

High Flyer’s Lounge - A High Flyer’s Lounge é a principal zona de hospitalidade, proporcionando um serviço extraordinário e uma excelente atmosfera. O acesso à High Flyer’s Lounge inclui o seguinte: Zona de “Passadeira Vermelha”; Varanda com a vista mais espectacular da Red Bull Air Race; Almoço em buffet com três pratos; Bebidas durante o evento; Serviços exclusivos; Confortável zona de descanso estilo “lounge”; Ecrãs de plasma:
Preços -
Race Club: Sexta feira (qualificação): 64,40 €; Sábado (Eliminatórias): 106,40 €; Bilhetes de 2 dias: 139,30 €.
High Flyer’s Lounge: Sexta feira (qualificação): 317,80 €; Sábado (Eliminatórias): 527,80 €; Bilhetes de 2 dias: 688,10 €. Crianças até 9 anos, até ao limite de 2 e acompanhas por adulto com ingresso, têm entrada gratuita.
Todo o restante espaço circundante da corrida, tanto no Porto como em Gaia eram á borla! O Rui Rio dá ao povo o que ele gosta. Festa rija à borliux!!!

«XôZé» Reparaste nos preços?  Fónix!

«rjmoreira» Pois reparei... Eram para quem podia!!!  Mas é assim.... Dada a espectacularidade do evento e a facilidade de vizualização, impunha-se uma zona que destacasse realmente quem lá estivesse e desse alguma receita. Também estou convencido que a grande maioria dos presentes seriam convidados e penetras.... Tipo amigo do primo do presidente Rui Rio ou cunhado do irmão do representante da RedBul... Mas é sempre assim. Tb já fui algumas vezes ao mundial de motocross aqui em Águeda e nunca paguei um tostão!!! Gargalhando

Meus caros amigos,
Aqueles preços que vocês chamaram “exorbitantes” incluíam, como muito bem está transcrito pelo «rjmoreira», almoço, serviço de “VIP Lounge”, localização privilegiada durante as provas e outras mordomias que só dignificam a organização deste espectáculo. Além disso estavam assegurados locais de livre acesso para o público não pagante.
E já agora fiquem a saber que os tais bilhetes “caros” foram praticamente todos comprados por empresas para os oferecerem aos seus clientes mais importantes. Aqui pela cidade do Porto sabemos reconhecer aqueles que nos dão dinheiro a ganhar. Só para terem uma ideia: O meu almoço foi numa fabulosa esplanada com vista sobre o rio Douro, e constou de Amêijoas à Bulhão Pato regadas com Espumante Quinta da Rigodeira Bruto 2003.



Publicado por Tovi às 11:36
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Setembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


Posts recentes

Aliança

Bom Ano 2018

Nunca se exportou vinho t...

Conservas de Sardinha da ...

Francesinha da Cervejaria...

Côto de Mamoelas Alvarinh...

Caves São João Reserva Br...

Almoço de domingo em famí...

Príncipe Real Bruto Natur...

Sardinhas Assadas na Bras...

Peru Assado

Boa Passagem de Ano

Feiras de "Queijos, Enchi...

Vinhos Portugueses na Bél...

Espumantes Portugueses

Quinta da Lixa

Feira dos Vinhos - Carref...

Vinhos portugueses em Bru...

Red Bull Air Race 2007

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus