"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Quarta-feira, 10 de Fevereiro de 2010
Feiras de Fumeiro

...um negócio importante para as gentes de Trás-os-Montes.

 [jn.sapo.pt] - Cerca de cinco milhões de euros de volume de negócio, mais de uma centena de toneladas de enchidos vendidos foi o resultado, só no ano que passou, em oito municípios que, por esta altura, organizam festas e feiras de fumeiro. A crise não esmorece o apetite.


«Guilherme Lickfold» in RevistaDeVinhos ► É bem verdade. Este fim de semana é a de Vinhais. Dizem que gera milhões.

«jms» in RevistaDeVinhos ► Quando estava embrenhado no negócio, visitei diversas vezes as feiras de Montalegre, Vinhais e Boticas. Tém um ambiente muito interessante e expositores genuínos no que isso tem de bom e de menos bom. Esta faceta diz respeito à falta de capacidade comercial destes micronegócios, a maioria estritamente familiares em que se está a falar de meia dúzia de porcos. Esta falta diz respeito à parte financeira e de comercialização. Mantendo a genuinidade do produto, garantida a segurança alimentar, falta quase tudo no que à apresentação dos produtos, embalagem e sua utilização diz respeito. Por exemplo o desconhecimento do que são os rojões no pote (conservados em banha) na generalidade do pìs é um crime. Mais ainda se compararmos esse desconhecimento como o conhecimento que já é (quase) generalizado dos confits de canard, por exemplo. Vale a pena lá ir. Antropologicamene e gastronomicamente.

«Joel Carvalho» in RevistaDeVinhos ► As feiras do Fumeiro e todas essas pequenas mas importantes feiras sempre foram e serão fundamentais para as populações locais. Trazem gente de dentro da região e de fora e além disso dá alguma projecção em tudo o que é comunicação social. Eu costumo ir todos os anos a várias feiras dessas, mas a que mais me atrai é a de Boticas. Vejo que gera negócio para esta pequena vila e torna-a mais dinâmica a níveis sociais, porque vem sempre agarrado a isto, outras iniciativas culturais. Ou concertos, ou bailes, ou palestras ou mais coisas ainda. Irá beneficiar toda a população como é claro. É pena não se organizarem mais eventos deste género, as Câmaras Municipais podiam investir mais na divulgação dos seus produtos regionais… Abraço

«Fernando A Coelho» in RevistaDeVinhos ► É bem verdade. Aqui em Itália os governos regionais e os municípios acordaram há anos para a muito concreta realidade que a enogastronomia tem um efeito rebocador fortíssimo do turismo em geral. Que estatísticas de sector têm demonstrado. As pessoas cada vez mais se deslocam - mesmo centenas de kms - para apreciar e comprar especialidades gastronómicas onde são produzidas, visitar produtores de vinho, trocar impressões sobre as características do vinho e comprar directamente na adega. Já agora: na vossa opinião tem vindo a verificar-se uma deterioração da qualidade, em particular, da farinheira?

«Tovi» in RevistaDeVinhos ► Não, não tenho notado... Ainda esta semana experimentei uma nova forma (*) de preparar uma Farinheira de Arganil que comprei na feira que está a decorrer nos hipermercados Continente até ao próximo dia 14 de Fevereiro - Feira de Queijos, Enchidos e Vinhos – e o resultado foi excelente.
(*)
Foi assim que fiz: Num assador de barro cobri o fundo com “maxlumen” (gel de aquecimento para uso doméstico à base de etanol) e assei a farinheira na qual previamente fiz alguns furinhos, para não rebentar a pele e assim evitar que saia o recheio.

«Margarida Rodrigues» in RevistaDeVinhos ► Gosto de farinheira, mas tenho sempre muita dificuldade na escolha, porque a maioria tem gordura excessiva e aos bocados, excesso de sal, muito fraca qualidade, etc... Costumava comprar a farinheira do Fundão, foi durante anos, para mim, a melhor. Este ano descobri na feira do fumeiro do continente "farinheira biológica de porco preto" e "chouriço biológico de porco preto", foi uma excelente surpresa, ambos muito bons. Faço-os assim: pico-os, ponho-os em água, deixo ferver, desligo e deixo ficar na água uns 7 a 10 minutos, retiro-os e ponho a assar no forno ou num assador.

«Tovi» in RevistaDeVinhos ► Tenho que experimentar esta forma de preparar farinheiras que a nossa querida amiga Margarida nos acaba de ensinar. E vai ser já amanhã…

«Guilherme Lickfold» in RevistaDeVinhos ► Ontem (14 de Fevereiro) fui a Vinhais. Foi a minha primeira feira do fumeiro. Fiquei um pouco impressionado com a dimensão do evento. É um evento tipicamente popular mas para além da questão do fumeiro tem centenas de "barracas" com os mais diversos artigos. Quanto ao espaço do fumeiro própriamente dito acho que estava bem organizado e com uma variedade muito grande de produtores. Petisquei num dos espaços mas o domingo não é certamente o melhor dia para visitar o evento. A maioria dos produtos da lista já estavam esgotados. A viagem é um pouco longa e o frio é muito mas acho que vale a pena a visita (desde que não seja ao fim de semana)




Terça-feira, 9 de Fevereiro de 2010
Farinheira de Arganil x Castelinho Tinto Reserva 2007

 (imagem da NET)

Desde 26 de Janeiro e até ao próximo dia 14 de Fevereiro está a decorrer nos hipermercados Continente uma Feira de Queijos, Enchidos e Vinhos ...e eu tenho passado por lá praticamente todos os dias para comprar coisas boas. Hoje trouxe uma Farinheira de Arganil (230gr / 0,88€, já com 20% de desconto) e vou assá-la em álcool. Para acompanhar vou abrir uma garrafinha de Castelinho Douro Tinto Reserva 2007 (Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Tinta Barroca; 13,5% de teor alcoólico) que me ofereceram recentemente e que ainda não provei.


«Fernando Duarte» in Facebook ► Meu amigo, disso percebo eu, e posso-te garantir que NENHUM queijo nem nenhum enchido são genuínos. É tudo de fábrica. Se um dia te apanho là em Seia vais provar morcela ou chouriço, do a sério, porque quanto ao queijo já tiveste a ocasião de o comer e sabes bem que estou a dizer a verdade!

«David Ribeiro» in Facebook ► É verdade sim senhor!... O Queijo da Serra que a tua prima fazia era qualquer coisa de divinal.

«Joaquim Leal» in Facebook ► Boas. Desconhecia essa forma de "afiambrar" a farinheira. Estou habituado a come-la no cozido à portuguesa. Com álcool apenas conheço as chouriças, optando de preferência assadas com aguardente do mais genuíno medronho algarvio. Quanto ao queijo da "prima"... ui... ui... Agora imagino as "morcelas" mas como a conversa do Fernando é só para ti, perdi a esperança. Tu sabes do que estou a falar!

«David Ribeiro» in Facebook ► Pois é!... Vou hoje experimentar uma nova forma de preparar a farinheira: Num assador de barro cobrir o fundo com “maxlumen” (gel de aquecimento para uso doméstico à base de etanol) e pôr a assar a farinheira na qual previamente se fizeram alguns furinhos, para não rebentar a pele e assim evitar que saia o recheio. Vamos lá a ver como vai ficar este petisco… eu depois conto.

«Fernando Duarte» in Facebook ► olha là ó Joaquim Leal, a cena da morcela também é para ti, claro está... se trouxeres alfarrobinha!

«Joaquim Leal» in Facebook ► Porra que estes gajos não fazem as coisas de forma graciosa...

«Isabel Oliveira» in Facebook ► e eu que o diga, não paro de encher as prateleiras...



Publicado por Tovi às 18:31
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 25 de Outubro de 2009
Foire aux Vins 2009

Um grande amigo meu, a viver há já vários anos na diáspora (obrigado «Viriato» por te teres lembrado de mim), enviou-me pelo correio os catálogos de “Foire aux Vins 2009” dos supermercados franceses Auchan e E.Leclerc. Há por lá muita coisa interessante… comprar é que já não é assim tão fácil.
No catálogo do Auchan pode-se ver 500 vinhos a “prix d’exception” divididos por zonas: Le Tour de France des Vins – Champagne, Loire, Alsace, Bordeaux, Bourgogne, Beaujolais, Sud-Ouest, Cotes du Rhône, Languedoc-Roussilion, Provence/Corse e ainda uma secção para “Les Magnums”, “Les Vins du Monde” e “”Les Vins Effervescents”.
No catálogo do E. Leclerc os vinhos estão divididos em: “Les Rouges” (Bordelais, Bougogne, Beaujolais, Loire, Vellée du Rhône, Languedoc-Roussillon, Sud-Ouest, Provence, Allsace et Savoie); “Les Rosés” (Corse, Languedoc et Provence, Bordeaux, Vallée du Rhône et Loire); “Les Blancs Secs” (Bourgogne, Loire, Bordelais, Vallée du Rhône, Savoie et Jura, Alsace, Corse, Sud-Ouest et Languedoc); “Les Blanc Moelleux” (Bordelais, Sud-Ouest, Loire et Alsace); “Les Vins Doux Naturels”; “Les Champagnes”.
Quando será que nós vamos ter cá pelo nosso "País à beira-mar plantado" feiras de vinhos com esta variedade e qualidade?...

«Alentejano» in RevistaDeVinhos ► Já tivemos com os nossos grandes vinhos bem representados... mas a esperteza de quem gere essas coisas acabou com o que de melhor poderia haver para um enófilo, vinhos de topo (já não me atrevo a dizer grandes vinhos senão...) a preços mais baratos.

«mlpaiva» in RevistaDeVinhos ► Caro, Pelo exposto, não dá para ver a qualidade. Quanto a variedade, as feiras de vinho cá do rectângulo (eu que uso esta expressão há décadas - por analogia com o hexágono a que nos referimos - vou ter de deixar de a usar a fim de prevenir eventual conotação com qualquer laranja a boiar no Atlântico) não lhe ficam atrás. E não somos o país dos 300 queijos...

«Arp» in ViriatoWeb ► Bem vindo Tovi! Bolas, estava a ver que a campanha te tinha roubado definitivamente do nosso convívio normal.



Publicado por Tovi às 08:36
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 27 de Agosto de 2009
Vindouro - Festa do Vinho

É já nos próximos dias 28, 29 e 30 de Agosto que S. João da Pesqueira (município maior produtor de Vinho do Porto e do Douro e concelho que detém a maior área classificada como Património Mundial da UNESCO) nos vai dar à prova os seus vinhos na VINDOURO 09.

No centro histórico, os visitantes poderão encontrar expositores de produtos tradicionais durienses e divertir-se com animação de rua que recupera a época (século XVIII) de uma das figuras mais proeminentes da região: o Marquês de Pombal. Durante o evento haverá ainda concertos e outras actividades que irão elevar S. João da Pesqueira a capital do Douro Vinhateiro.



Publicado por Tovi às 20:17
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 31 de Maio de 2009
Feira do Livro do Porto

Voltou à baixa da cidade a Feira do Livro do Porto (de 27 de Maio a 14 de Junho) e até me parece que é a Avenida dos Aliados o local mais arejado e funcional para um evento deste tipo.

Conto fazer uma visita de reconhecimento no fim da manhã de hoje e irei também dar uma espreitadela à Praça Leya onde a minha filha mais nova está das 11h às 19h com um “Atelier” de animação infantil.

Espaço infanto-juvenil da 79ª Feira do Livro do Porto
(Foto de Jorge Padeiro/Agência Zero - in Facebook)


Tags: ,

Publicado por Tovi às 10:44
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 4 de Abril de 2009
Dois bons tintos de 2006

Kopke Tinto 2006 - Um Douro da Sogevinus-Fine Wines SA feito com as castas Touriga Nacional, Tinta Roriz, Touriga Franca e Tinto Cão, apresentando-se com corpo e final longo, muito dentro do estilo desta casa.

Cortes de Cima Tinto 2006 - Muito me impressionou este tinto alentejano feito pelo dinamarquês Hans Jorgensen na Vidigueira, com as castas Syrah, Aragonez, Touriga Nacional, Trincadeira e Cabernet Sauvignon. É um vinho com aromas a frutos vermelhos, suave e equilibrado no paladar, apesar dos seus 14,5% de teor alcoólico.

(Vinhos provados na "Essência do Vinho 2009")



Publicado por Tovi às 08:54
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 25 de Março de 2009
Cedro do Noval 2006 Tinto

A Quinta do Noval fez este tinto com as castas Touriga Nacional, Tinta Roriz e Touriga Franca, sendo o resultado um DOC Douro excelente, digno de repousar para envelhecimento nas garrafeiras de todos os apreciadores. (Vinho provado na "Essência do Vinho 2009")



Publicado por Tovi às 23:02
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 22 de Março de 2009
Vila Santa Syrah 2007

Não foi por acaso que este vinho regional alentejano de J. Portugal Ramos Vinhos SA foi incluído nas “boas compras de 2008” da Revista de Vinhos. As uvas da casta Syrah foram vindimadas à mão e fermentaram com controlo de temperatura, tendo-se seguido uma maceração prolongada e um estágio de seis meses em meias pipas novas de carvalho americano e francês. O resultado foi um vinho com grande concentração aromática, sabor elegante, macio e grande final de boca. (Vinho provado na "Essência do Vinho 2009")



Publicado por Tovi às 08:04
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 18 de Março de 2009
Montes Claros Reserva Tinto 2006

A minha curiosidade neste vinho da Adega Cooperativa de Borba era grande, pois ainda me recordo perfeitamente do êxito da colheita do ano de 2004 (18 valores na Revista Blue Wine). Pareceu-me um vinho perfeito, com bom corpo e final longo. Ainda tenho algumas garrafas do ano 2004 na minha garrafeira, mas não me posso esquecer de comprar uma ou duas caixitas desta colheita de 2006, pois estou convencido que com o tempo este tinto alentejano vai melhorar substancialmente. (Vinho provado na "Essência do Vinho 2009")



Publicado por Tovi às 19:03
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 17 de Março de 2009
Quinta da Lagoalva de Cima Rosé 2008

Um bom equilíbrio entre doçura e acidez fazem deste rosé ribatejano um vinho muito interessante e outra coisa não seria de esperar da equipa de enólogos da Quinta da Lagoalva de Cima (Sociedade Agrícola da Lagoalva de Cima SA), uma enorme propriedade localizada na margem sul do rio Tejo a cerca de 2 km da vila de Alpiarça. (Vinho provado na "Essência do Vinho 2009")




Domingo, 15 de Março de 2009
Dona Maria Branco 2007

Um branco alentejano (Estremoz) da Quinta Dona Maria (ou Quinta do Carmo) propriedade de Júlio Tassara de Bastos, feito com as castas Roupeiro (60%), Arinto (20%) e Antão Vaz (20%). Com forte aroma a citrinos tem na boca uma elegância notável. (Vinho provado na "Essência do Vinho 2009")

 

«Scalabis» / ViriatoWeb ► Assim ás primeiras lembro-me daquela expressão "sabor amargo doce" amargo pelos limões e doce pela laranjas. Não será um vinho branco forte de mais, daquele que se fica a saborear até ao próximo copo. É assim Tovi? Já agora qual seria o casamento perfeito para este vinho, carne ou peixe?

«Tovi» / ViriatoWeb ► É sem dúvida um vinho com presença de aromas a citrinos e como muito bem dizes este branco tem uma grande persistência no palato, pelo que o aconselho para pratos de peixe fortes, tais como “pargo assado no forno” ou “cataplana de marisco”.



Publicado por Tovi às 09:08
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 13 de Março de 2009
Valle Pradinhos Branco 2008

Um branco de Trás-os-Montes (Macedo de Cavaleiros) muito fora do vulgar, feito por Maria Antónia Pinto de Azevedo Mascarenhas com as castas Riesling, Gewurtzstraminer e Malvasia. Muito vivo e intenso este vinho irá certamente dar que falar. (Vinho provado na "Essência do Vinho 2009")



Publicado por Tovi às 12:09
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 12 de Março de 2009
Ázeo Reserva 2007 Branco

Um Douro do produtor João Brito e Cunha feito com uvas de vinhas velhas (80%) e Viosinho (20%). Fermentou com controlo de temperatura, metade em barricas novas e a outra parte iniciou a fermentação em inox e terminou em barricas de segundo ano. Muito intenso de aroma, concentrado de sabores, com uma boa conjugação de doçura e acidez. Um grande branco do Douro. (Vinho provado na "Essência do Vinho 2009")



Publicado por Tovi às 08:23
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 10 de Março de 2009
Borges Vinho Verde Reserva 2007

Um vinho verde branco da zona da Lixa, feito pela Sociedade dos Vinhos Borges SA com as castas Alvarinho, Arinto e Avesso. Fermentação com temperatura controlada e parte do lote estagiou em barricas novas de carvalho francês. Vinho muito frutado e fresco, parecendo capaz de melhorar com o envelhecimento em garrafa. (Vinho provado na "Essência do Vinho 2009")



Publicado por Tovi às 18:59
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 8 de Março de 2009
Essência do Vinho 2009 (II)

Estive ontem na Essência do Vinho e foi uma tarde muito bem passada… Muitos amigos para conversar, bons vinhos para provar, uma autêntica FESTA DO VINHO no Palácio da Bolsa… Ainda não “passei a limpo” os meus apontamentos, pelo que os relatos das provas ficam para “segundas núpcias”… Mas para já vou-vos mostrar a imagem que Ana Cristina Leite (*) criou para a “Essência do Vinho 2009” e onde não só exprimiu a sua linguagem tão própria como conferiu um toque feminino, sensual e festivo a um país historicamente ligado à cultura do vinho.

   Essência do Vinho 2009

(*) Ana Cristina Leite nasceu em 1964 no Porto, cidade onde vive e trabalha. É formada em Artes Plásticas e Pintura, pela Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto e conta com diversas obras expostas individual e colectivamente desde o início da década de 90. Ana Cristina tem conseguido afirmar-se não só no nosso país como em Espanha, França, Alemanha, Itália e Brasil. Em 1990 ganhou o “Prémio SOCTIP Jovens Pintores”, contando ainda no currículo o prémio “BCM (Banco Comercial de Macau)” de 1995 e 1997, o “Prémio Montepio Geral 150 Anos” de 1997, o “Prémio Ateneu Comercial do Porto”, de 1997, e uma menção honrosa no “Prémio Fidelidade”, também no mesmo ano.



Publicado por Tovi às 08:19
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Julho 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9



31


Posts recentes

Simplesmente... Vinho 201...

Feira da Alheira de Miran...

Feira de Vinhos do El Cor...

Feira de Vinhos do Jumbo

Feira de Vinhos do Contin...

Essência do Vinho 2011

Feira de Vinhos do Contin...

Feiras de Vinhos nos hipe...

Feira de Vinhos - LIDL

Essência do Vinho 2010 #6

Essência do Vinho 2010 #5

Essência do Vinho 2010 #4

Essência do Vinho 2010 #3

Essência do Vinho 2010 #2

Essência do Vinho 2010 #1

Feiras de Fumeiro

Farinheira de Arganil x C...

Foire aux Vins 2009

Vindouro - Festa do Vinho

Feira do Livro do Porto

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus