"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Sábado, 23 de Maio de 2015
Carlos Santos Silva vai para prisão domiciliária

Santos Silva prisão domiciliária 23Mai2015.jpg

A não perder este novo capítulo da “telenovela” Processo Marquês… Assim de repente parece que o enredo vai ser alterado, restando saber se é a evolução natural da “história” ou uma cambalhota judicial do “argumentista”.

 Notícia do DN aqui.

 

  Comentários no Facebook

«José Camilo» >> Este caso está-me a meter impressão pela sua originalidade. Ou por outra. Da forma como está a ser tratado e publicitado pelo juíz, dá-me legitimidade de pensar o que quer que seja, mesmo um exercício de física a aturar gatos por uma janela.

«João Thiago Rocha Ferreira» >> Assim por momentos, ao ler a "headline", pensei que só poderia ser do Inimigo Público lol

«Joaquim Leal» >> Mesmo "anilhado", em casa é ké bom.

«Carlinhos da Sé» >> Começo a pensar que já não sabem que fazer ao 44...

«Joaquim Leal» >> Nem tudo se perde José Sócrates 11.jpg

«Carlinhos da Sé» >> Este país é uma treta, a justiça é uma palhaçada, se assim não fosse Ricardo Salgado estava dentro, mas ele sabe coisas...

«Joaquim Leal» >> Esse se fôr (como espero) leva-os todos atrelados

«Carlinhos da Sé» >> Pois, por isso não vai.

«David Ribeiro» >> Essa “telenovela” onde é artista principal o Ricardo Salgado também ando a seguir… E ainda tenho esperança que ambas cheguem ao fim, seja ele qual for o fim que o “argumentista” lhes arranjar. Mas diga-se em abono da verdade que o “julgamento público” já está feito e este não tem apelo para nenhuma outra instância.

«Raul Vaz Osorio» >> Eu se fosse a mulher do Carlitos exigia que ele mudasse de advogada. A senhora, para ter reagido de forma tão emocional, tem que ter um envolvimento muito maior do que a simples relação advogado-cliente.

«David Ribeiro» >> ...ou então foi um milagre dos pastorinhos de Fátima e a senhora advogada, que nem era crente, ficou para morrer ;-)



Publicado por Tovi às 08:07
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 16 de Maio de 2015
Sandra Santos, a amiga-mistério de Sócrates

Expresso 14Mai2015 a.jpg

Nesta ”telenovela” Processo Marquês há de vez em quando uns episódios que não se podem perder… não é que falhar um capítulo altere muito a “história”, até porque como há vários “argumentistas” neste enredo nunca se sabe quem é que estará a seguir seriamente o guião. Mas eu, que AINDA acredito nos homens (sim, acredito… cada vez menos, é verdade, mas ainda acredito) estou sempre atento a tudo o que se diz.

Já agora: Quem é que já leu o livro do Fernando Esteves?

 

  Comentários no Facebook

«Jose Riobom» >> ....acho... creio... "acardito"... que falta uma palavra chave no final do artigo... Putaria...!

«Joaquim Leal» >> Algo que li hoje e que aprofunda bem a pessoa... Macroscópio – Sócrates, “The Neverending Story” 

«João Thiago Rocha Ferreira» >> Para quando um livro com toda a verdade?

«David Ribeiro» >> Nestas "telenovelas" não há uma VERDADE... cada um cria a sua verdade.

«João Thiago Rocha Ferreira» >> No que concerne ao Sócrates, com base nas investigações, provas, tracking do dinheiro, haverá eventualmente uma verdade que poderá ser escrita em livro....

«David Ribeiro» >> Se a acusação for deduzida… se houver julgamento… se Sócrates for condenado… toda a documentação judicial desta “telenovela” vai ser um best-seller.

«João Thiago Rocha Ferreira» >> Trocaria o "se" por um "quando". Com aquilo que já foi tornado público, se o tipo não passa pelo corredor da justiça até ao trânsito em julgado, ui... nem quero saber



Publicado por Tovi às 08:58
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 2 de Maio de 2015
Personagens da “telenovela” Processo Marquês

Rui Mão de Ferro 1Mai2015.jpg

Mais uma personagem na "telenovela" Processo Marquês... Cada vez mais interessante.

E para aqueles que não têm acompanhado o dia-a-dia desta “telenovela” aqui ficam as personagens mais importantes, que é o mesmo que dizer os sete arguidos (até ao momento) neste processo de investigação e sobre o qual o Tribunal da Relação de Lisboa até já disse: “Quem cabritos tem e cabras não tem de algum lado lhe vem”:

José Sócrates - Foi primeiro-ministro durante seis anos e é suspeito de ter recebido dinheiro quando estava no Governo para favorecer o Grupo Lena. Está preso em Évora desde Novembro do ano passado. Acusa o MP de o querer condenar sem provas.

Carlos Santos Silva – É suspeito de funcionar como testa de ferro do ex-primeiro-ministro. Segundo o MP, recebia dinheiro que se destinava a Sócrates. Está preso desde Novembro.

João Perna – Motorista particular de Sócrates, terá, de acordo com o MP, feito entregas em dinheiro vivo ao patrão. Já esteve preso, mas foi libertado.

Joaquim Barroca – Administrador do Grupo Lena, terá funcionado como “barriga de aluguer” para o dinheiro da construtora que se destinava a Sócrates. Está em prisão domiciliária desde a semana passada.

Inês Pontes do Rosário – O MP sustenta que as contas da mulher de Carlos Santos Silva serviram de passagem para o dinheiro com destino a José Sócrates.

Paulo Lalanda e Castro – Deu emprego na Octapharma a José Sócrates e pediu para ser ouvido. O MP acabou por constituí-lo arguido.

Gonçalo Ferreira – Advogado de Carlos Santos Silva, interveio num negócio entre o empresário e José Sócrates e foi por isso constituído arguido.



Publicado por Tovi às 09:50
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 29 de Abril de 2015
José Sócrates volta a escrever da cadeia

José Sócrates 10.jpg

Esta “telenovela” vai ficar na história da democracia portuguesa mais não seja pelo muito que já se escreveu sobre o «Processo Marquês» e pelo muito que ainda se irá escrever, tendo em conta que ainda não se vislumbra a acusação formal de José Sócrates, quanto mais o início do seu eventual julgamento.

Para memória futura aqui ficam algumas partes interessantes de uma carta enviada por Sócrates ao socialista António Campos, revelada ontem pela SIC sob autorização deste, e em que o ex-primeiro-ministro admite que poderá vir a ser condenado mas, se tal acontecer, será "sem provas".

 DN online 28Abr2015

"Ao fim de 5 meses o MP [Ministério Público] não teve ainda tempo de me apresentar as provas do crime que me imputa" (…) "Não cometi crime algum"; "Só faltava que, no final, ficássemos a saber o que julgávamos para sempre afastado: que no nosso Estado, que queremos de Direito, é possível condenar alguém sempre sem factos e sem provas"; "O Ministério Público tem uma teoria e parece convencido de que não precisa de provar nada" (…) a acção do MP é de "terrorismo de Estado"; "Sabemos agora que é possível manter alguém preso sem factos ou sem provas" (…) "A situação a que o processo chegou é simplesmente patética. Não sabem dizer onde foi praticado o crime de que me acusam. Nem em que país"; "Foi caça ao homem, esta operação Marquês"; "Este facto [nos dados das "contas na Suíça", "em lugar algum sou referido"] tem sido escondido porque põe em causa a teoria de que o dinheiro do meu amigo era afinal meu e ele era apenas um testa de ferro"; "Apenas me encontrei uma meia dúzia de vezes [com Barroca] na vida" (…) "o Governo actual adjudicou a este grupo [Lena] mais empreitadas de obras públicas do que o Governo anterior".

 

  Comentários no Facebook

«Raul Vaz Osorio» >> Desta história toda, eu vou tirando uma simples conclusão: Portugal é mesmo original. Senão, vejamos: temos aqui um ex-primeiro ministro, digno das piores ditaduras africanas onde roubar sem vergonha é o pão nosso de cada dia dos governantes. Mas até nas piores ditaduras africanas, quando o chefe cai, a corte cai com ele (geralmente não em celas confortáveis, mas em valas comuns, mas pronto, não se pode ter tudo). Já em Portugal, o chefe cai mas serve de bode expiatório para que a corte que alimentou fique inteirinha no local confortável em que ele a colocou, indo até a votos para ser o próximo chefe a roubar a malta. Só mesmo cá!

«Jorge Veiga» >> Raul Vaz Osorio disseste precisamente o que eu penso!

«João Simões» >> Contínuo a ter a mesma opinião. Trata se de um insulto à democracia e ao estado direito prenderem alguém durante meses a fio com base em suposições.

«Raul Vaz Osorio» >> Mas quem disse que são só suposições? Para além do próprio e do Soares? Semântica é semântica. Aliás, suposições sobre o homem temos todos. As histórias são tantas e tão mal contadas que é inevitável. Espera-se que as autoridades judiciais, ao investigar, obtenham um pouco mais do que isso. Eu acredito que sim.

«David Ribeiro» >> Não esquecer que já houve pareceres de duas instâncias judiciais superiores e ambas se pronunciaram pela continuação da prisão preventiva de Sócrates.

«João Simões» >> Não é preciso ninguém dizer. Se houvesse provas já o julgamento estaria a decorrer ou vão manter alguém preso preventivamente apesar das provas que supostamente existem? Não esqueço não. Até porque um deles foi do juíz que foi apanhado no caso vistos gold. Coincidências

«Raul Vaz Osorio» >> João Simões, não diga disparates, por favor. É que se torna difícil manter um debate civilizado nestas condições. Você ou demonstra uma enorme ignorância em relação aos assuntos sobre os quais está a opinar, ou então é apenas mais uma daquelas echo-boxes que hoje são tão usadas nas redes sociais para fazer fretes a quem as paga.

«João Simões» >> Por discordar a 100pc de si tenho direito a opinião ou não? Ou estamos já num estado de pensamento único?

«Raul Vaz Osorio» >> De forma nenhuma, mas não pode é utilizar as suas fantasias como argumentos ou falar do que desconhece como se soubesse.

«João Simões» >> Afinal o Raul conhece as provas. Conhecerá mais ou menos que a cabrita?

«Raul Vaz Osorio» >> Eu conheço as provas? Onde é que eu disse isso? Você é que parece desconhecer por completo os trâmites do processo penal em Portugal, os tempos habituais da justiça portuguesa ou a legislação sobre prisão preventiva. Olhe vou-lhe explicar uma coisa: A técnica utilizada para anular polémicas nas redes sociais desfavoráveis a quem nos agrada ou paga, é quase sempre a mesma: lançar ruído, "trollar", por forma a que as pessoas envolvidas se percam a discutir os iscos lançados, esquecendo-se de discutir o assunto original. Seja por argumentos estapafúrdios, seja por intervenções ad hominem, são técnicas que resultam quando os alvos não estão atentos. As suas intervenções neste assunto, são exactamente um exemplo do que descrevi acima. Se o faz deliberadamente ou se é apenas mais um daqueles tipos que adora opinar sobre o que não percebe, não sei nem me interessa. Sei é que é precisamente nestes momentos que um bom moderador faz a diferença. O David Ribeiro é um moderador experiente e competente, pelo que não sou eu que lhe vou sugerir como moderar o grupo que tão bem modera há tanto tempo. Para si não tenho mais tempo, a não ser que comece a discutir com seriedade.

«David Ribeiro» >> Vou opinar não como moderador deste grupo mas sim como cidadão livre e atento a tudo o que se passa neste nosso Portugal. O João Simões, que não tenho o prazer de conhecer pessoalmente mas por quem tenho apreço, parece-me cada vez mais um adepto incondicional do ex-primeiro-ministro José Sócrates e isso faz-me confusão, pois eu tenho sempre dúvidas de tudo e raramente tenho certezas, muito mais em casos deste tipo. Como moderador… desde que não estrilhem, tudo bem, venham dai os vossos argumentos.

«Jorge Veiga» >> O Sr João Simões deve ser Juiz ou Advogado, porque sabe muito da maneira como estes processos se desenrolam...

 

  Expresso online 29Set2015 18h00

Ministério Público suspeita que Sócrates recebeu €17 milhões - Dinheiro terá origem no Grupo Lena, num empresário holandês e em duas empresas controladas por Helder Bataglia. O Ministério Público acredita ter mais provas de que José Sócrates foi de facto corrompido. O Expresso sabe que nos mandados de busca que levaram à detenção de Joaquim Barroca, administrador do Grupo Lena, o procurador Rosário Teixeira, com base em informações recebidas das autoridades suíças, alega que o ex-primeiro ministro terá recebido um total de 17 milhões de euros com origem ilegal.



Publicado por Tovi às 09:54
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 23 de Abril de 2015
Administrador do Grupo Lena foi detido

Grupo Lena a.jpg

Joaquim Barroca Rodrigues, filho do fundador do Grupo Lena e actualmente um dos principais administradores e accionista deste grupo de empresas do sector da construção civil, foi detido após buscas realizadas à sede em Leiria e em que participaram o procurador Rosário Teixeira e o juiz Carlos Alexandre. Ao que dizem este novo capítulo da “telenovela” do «Processo Marquês» tem a ver com dados bancários enviados pelas autoridades helvéticas e nos quais era identificada a origem do dinheiro e também o período no qual se verificaram transferências de muitos milhões de euros - de 2007 a 2009 - ou seja, durante o período em que José Sócrates foi primeiro-ministro. E assim lá vai Sócrates ficando em Évora à espera de melhores dias. Se não fossem as visitas mais ou menos regulares de Mário Soares ao estabelecimento prisional, qualquer dia nem nos lembrávamos que um ex-primeiro-ministro português está atrás das grades à espera da conclusão de um processo em que é suspeito de corrupção, branqueamento de capitais e fraude fiscal.

 

 Sexta-feira, 24Abr2015

Ficou-se hoje a saber que o Tribunal Central de Instrução Criminal atribuiu a Joaquim Barroca Rodrigues, administrador do Grupo Lena, a medida de coação de prisão domiciliária com pulseira eletrónica.



Publicado por Tovi às 12:15
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 18 de Abril de 2015
Morreu Mariano Gago

Mariano Gago morreu a 17Abr2015.jpg

Requiescat In Pace

Faleceu ontem vítima de cancro, aos sessenta e seis anos de idade, Mariano Gago, ministro da Ciência e do Ensino Superior nos governos de António Guterres e de José Sócrates. Era doutorado em Física pela Universidade de Paris e considerado uma das figuras que mais fizeram pela promoção da ciência em Portugal, atividade que começou a desenvolver ainda como presidente da Junta Nacional de Investigação Científica e Tecnológica (JNICT), nos anos 80.



Publicado por Tovi às 08:00
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 11 de Abril de 2015
Conferência de imprensa dos advogados de Sócrates

José Sócrates 10Abr2015 recursos.jpg

As “telenovelas” caracterizam-se por serem divididas em episódios ou capítulos, em que o seguinte é a continuação do anterior, sendo que o sentido geral da trama é previsto inicialmente, mas o desenrolar e o desenlace não o são. E também todos sabemos que quando as audiências baixam é necessário e imperioso fazer novas abordagens folhetinescas ao enredo. Parece-me evidente que é o que está a acontecer no «Processo Marquês» quando os advogados do ex-primeiro-ministro José Sócrates, detido em prisão preventiva desde Novembro do ano passado por suspeitas de corrupção, branqueamento de capitais e fraude fiscal, dão uma conferência de imprensa como a que teve lugar ontem num hotel de Lisboa.

 

  Comentários no Facebook

«Carlinhos da Sé» >> Começo a pensar que o acabou o alarido em torno do "caso Sócrates" porque já havia muita gente a dizer, "prendem este por 23 milhões, os que roubaram biliões estão´em liberdade".

«Joaquim Leal» >> Não assisti á conferência de imprensa mas do que vi espaçadamente nos noticiários retive dois pormenores fantásticos: Pretender imputar ao ministério público uma acusação de um crime ainda não previsto (enriquecimento ilicito/injustificado) e a falta de confiança do meliante no "sistema" bancário para efectuar as "transações" por pombo correio. Com dois advogados deste calibre depois não se admirem que apodreça nos calabouços.



Publicado por Tovi às 09:47
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 28 de Março de 2015
“A Confiança no Mundo” de José Sócrates

José Sócrates 27Mar2015 livro.jpg

Fosse o livrito o único pecado do Sócrates. O que me preocupa é que nunca mais nos dizem, e metem na cadeia, os gajos que lhe deram graveto para sei lá o quê. A ser verdade e a provarem-se as patifarias por que está preso, como é óbvio e fica sempre bem dizer nestas alturas.



Publicado por Tovi às 08:31
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 18 de Março de 2015
José Sócrates continua em prisão preventiva

José Sócrates 09.jpg

Até agora muitos socialistas, indefectíveis amigos de José Sócrates, acusavam Rosário Teixeira, o procurador que lidera a investigação do «Processo Marquês» no Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP), e Carlos Alexandre, o juiz que decretou a prisão preventiva do ex-primeiro-ministro, de ambos estarem a inventarem um pretexto para achincalharem José Sócrates e o ”queimarem” politicamente. Mas agora veio dizer o colectivo do Tribunal da Relação de Lisboa, por unanimidade, que sobre o “inquilino” da cela 44 do Estabelecimento Prisional de Évora há fortes indícios dos crimes imputados. Seguramente que Sócrates vai ter que sentar o cu no mocho para responder por corrupção, branqueamento de capitais e fraude fiscal. Que se faça Justiça… e se possível rapidamente, que de processos a arrastarem-se indefinidamente pelos tribunais, já estamos todos fartos.

 

   Comentários no Facebook

«Carlos Wehdorn» >> fartos tb das velinhas e dos hinos ao 44

«João Simões» >> Ainda ontem ouvi no café duas conversas. Nas duas se dizia que não morriam de amores pelo Sócrates, antes pelo contrário. Mas defendiam que ele devia estar cá fora como todos os outros e primeiro ser acusado e depois preso. Que não entendiam como é que em democracia se prendia por fortes indícios sem provas e sem acusação. Assim vai a justiça em Portugal. Também com uma ministra como a que temos...

«David Ribeiro» >> Posso depreender das suas palavras, João Simões, que quando houver um novo ministro da Justiça, muito provavelmente socialista, o Sócrtes é libertado?...

«João Simões» >> Não. À justiça o que é da justiça. E eu depreendo das suas que se o prenderem sem acusação para procurarem provas está tudo bem?

«David Ribeiro» >> Se houver um juiz que entenda haver necessidade de me meterem atrás das grades porque há risco de eu perturbar as investigações de eventuais crimes que tenha praticado, está de acordo com a Lei vigente e só tenho que aguentar. O meu gosto pessoal nesta matéria é irrelevante.

«João Simões» >> Ainda bem então e já agora se esse mesmo juíz e procurador passarem informação para os jornais verdadeira ou não sobre si, também é igual?

«David Ribeiro» >> Isso é outra coisa, importante e condenável sem dúvida, mas que não tem nada a ver com a permanência de Sócrates atrás das grades. É curioso que há quem ande preocupado com a prisão preventiva do ex-primeiro-ministro mas de Carlos Santos Silva, indiciado no mesmo processo e pelos mesmos crimes, poucos falam. Para mim estão ambos (e ao que parece mais alguns) no mesmo saco e sim, isto é que é pugnar por "à Justiça o que é da Justiça".

«Joaquim Pinto da Silva» >> E a passagem da informação - a famosa quebra do segredo de justiça - vem de quem? Quem ganha mais com esse crime?

«Zé Carlos» >> Esta questão é deveras complexa, mas numa coisa o amigo David Ribeiro tem toda a razão ; a tese da cabala do procurador e do juiz acabou. Outra questão muito relevante é a da competência do tribunal. Parece óbvio que sendo crimes cometidos no exercício de funções o processo teria que ser encaminhado ao supremo.



Publicado por Tovi às 12:05
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 15 de Março de 2015
Secção de Campanhã do Partido Socialista

Secção Campanhã PS.jpg

Na secção de Campanhã do PS a foto de Sócrates ainda está na parede…
Ninguém os pode acusar de manipulação estalinista




Quarta-feira, 11 de Março de 2015
Juiz Conselheiro Santos Cabral

Expresso 10Mar2015.jpg

Seja qual for a decisão do juiz conselheiro José Santos Cabral na apreciação do pedido de libertação imediata do ex-primeiro-ministro, isto já vai dar para as mais variadas teorias da conspiração. E assim vai decorrendo a telenovela «Processo Marquês».

 

  Comentários no Facebook

«Joaquim Leal» >> Eu se fosse o juiz acertava contas eh eh eh

«Pica Miolos» >> Há muito mais gente com vontade de acertar contas com o PS e com o sr. Socrates...

«David Ribeiro» >> Se o mantiver em prisão preventiva, é porque está a vingar-se... se o mandar em liberdade é porque soçobrou á pressão mediática. Está feito ao bife o antigo director da Polícia Judiciária.

«Jorge Oliveira E Sousa» >> O que vale é ele ter conhecimento de todas as vigarices socratianas e assim pode julgar em consciencia.

«Jorge Baldinho» >> O homem foi demitido em 2006 porque já sabia demais e andava a mandar investigar onde não devia...



Publicado por Tovi às 08:57
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 4 de Março de 2015
Joaquim Barroca do Grupo Lena

 Joaquim Barroca 4Mar2015.jpg

Mais um capítulo da telenovela portuguesa «Processo Marquês»… Os tentáculos do polvo chegam a todo o lado e atingiram Joaquim Barroca, um dos administradores e donos do grupo Lena.



Publicado por Tovi às 09:29
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 28 de Fevereiro de 2015
Sócrates, Santos Silva e Sofia Fava

José Sócrates + Carlos Santos Silva + Sofia Fava

Tenho para mim que Carlos Santos Silva, o amigo do peito de José Sócrates, é um verdadeiro santo. É que o último episódio da telenovela “Processo Marquês” diz-nos que a ex-mulher de Sócrates recebia de uma das empresas de Santos Silva a módica quantia de cinco mil euros mensais a título de um qualquer serviço não muito bem especificado. E era com esse dinheiro que Sofia Fava pagava a mensalidade de 4.488 euros de uma aplicação financeira para a compra de uma herdade de 12 hectares no Alentejo, com piscina e uma casa de 600 m² onde vive actualmente. Não há dúvida alguma que Carlos Santos Silva é um SANTO… poderá ser um santo de pau carunchoso, mas é um santo.

 

  Comentários no Facebook

«Joaquim Leal» >> Só nós os dois é que não temos amigos destes

«Carlinhos da Sé» >> Nem eu!

 



Publicado por Tovi às 09:47
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 20 de Janeiro de 2015
Violação do Segredo de Justiça

JN Segredo de Justiça 19Jan2015.jpg

Nada que já não se desconfiasse, mas agora é o Director do JN que coloca a boca no trombone e acusa magistrados de violarem o segredo de justiça.

Ler aqui o artigo completo.



Publicado por Tovi às 19:45
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 5 de Janeiro de 2015
A telenovela "Processo Marquês" no seu melhor

José Sócrates entrevista TVI Jan2015 a.jpg

Ver aqui as respostas de Sócrates a seis questões da TVI.

 

 Comentários no Facebook

«José Camilo» >> Des........canso.

«Elisabete Loureiro» >> E eu que nem gosto de novelas... haja pachorra!

«Eduardo Vasques de Carvalho» >> uma mentira repetida exaustivamente... torna-se verdade e o primeiro a acreditar é o emissor

«Fernanda Velho» >> Haja pachorra diz bem a Elisabete!

«José Carlos Ferraz Alves» >> Engraçado, que quando é contra ele, já não é novela...

«David Ribeiro» >> "Novela" é sempre... pode agradar é a gregos ou a troianos

«Jorge Veiga» >> Como eu não percebo nada de justiça, vou mandar um palpite. O que ele está a fazer, não é ilegal?

«David Ribeiro» >> Isso não interessa nada, Jorge Veiga... Num país em que há legislação sobre segredo de Justiça e a que ninguem liga nada, o que se diz ou não disse (telenovela no seu melhor) é que é bom e o que o Povo gosta. (Também vende jornais e dá direito a muitos treinadores de bancada dizerem de sua justiça)

«Jorge Veiga» >> Pois é David Ribeiro a "gente" sabe, mas se o golo é em fora de jogo, é em fora de jogo apesar de ser golo. E depois é ou não ilegal (só curiosidade...).

«Raul Vaz Osorio» >> O que ele está a fazer é ilegal, sem dúvida. Mas é igualmente ilegal o que a Cabrita faz. E o que fazem dezenas de outros Sousas e Cabritas. O problema é que uma Justiça que está constantemente a quebrar o seu próprio segredo, em benefício próprio ou alheio, ao ponto de dar oportunidade a um abjecto ditador africano para dar lições de moral ao país, não tem qualquer autoridade para fazer mais do que queixar-se.

«Jorge Veiga» >> Ou seja Raul Vaz Osorio é ilegal. E já agora eu gosto de cabritos e cabritas, mas não gosto de Sousas a não ser que seja de Paços de Sousa...

«David Ribeiro» >> Há coisas, como por exemplo na paixão futebolística, em que o coração tem mais importância do que a razão, mas naquilo que tem a ver com a nossa vidinha temos que ser mais sérios e não embarcar em "futebois".

«Jorge Veiga» >> David Ribeiro tens toda a razão, mas o que eu vejo consegue ser pior que futebol...

«Raul Vaz Osorio» >> Mas o dizer que se gosta de um apelido e não do outro, ou é simplesmente um trocadilho inconsequente ou é embarcar em futebois. Não pode ser mais ou menos (i)legal consoante o apelido em causa, certo? A minha dúvida mantém-se: que direito tem um sistema de justiça de punir uma ilegalidade de que ele próprio usa e abusa quando lhe convém? Por mim pune-se... mas de fio a pavio.

«David Ribeiro» >> Quando se ouve dizer "o meu partido é "x" (seja ele qual for) até morrer" parece-me que está tudo dito. Isto ainda devem ser resquiícios dos tempos da outra senhora.

«Jorge Veiga» >> Raul Vaz Osorio hoje está zangado com o domingo?

«Raul Vaz Osorio» >> LOL não, porquê?

«Jorge Veiga» >> eu estive a fazer trocadilhos e a falar de futebois, porque este assunto para mim só é de se falar depois do julgamento, se é que o vai haver, e tu deste-me uma traulitada, acho eu...



Publicado por Tovi às 08:18
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Dezembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Posts recentes

A tragédia de Sócrates

José Sócrates abandona o ...

Ainda não parei de rir

Processos mediáticos na J...

Isto agora não para… é se...

Lula da Silva condenado… ...

Entrevista de Sócrates à ...

Processo Marquês… agora é...

"Belino Foundation"... Go...

Um amigão... o Carlos San...

O "electricista" do Proce...

Vai haver acusação?

Nunca mais ninguém se lem...

Amnistia total... e já

Os interrogatórios fatais...

Bava e Granadeiro arguido...

Luís Cunha Ribeiro detido...

Novas revelações no Proce...

Túnel do Marão

As auto-estradas do Sócra...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus