"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."
Quinta-feira, 22 de Agosto de 2019
A Amazónia está a arder

Captura de Ecrã (209).png
(Imagem de satélite de 13 de Agosto onde é possível ver o fumo dos fogos na floresta amazónica)

Sempre houve incêndios na floresta amazónica mas é preocupante o impacto negativo da desflorestação ilegal e queimadas não autorizadas que se têm verificado nos últimos meses. Em comparação com o mesmo período do ano passado o número de fogos no Brasil cresceu 82% este ano, tendo o país registado mais de 71 mil focos de incêndio até ao passado domingo. Segundo o Programa de Queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), o bioma (conjunto de ecossistemas) mais afetado é o da Amazónia, com 51,9% dos casos, seguindo-se o cerrado – ecossistema que cobre um quarto do território do Brasil –, com 30,7% dos focos registados no ano. O cerrado é o segundo maior bioma brasileiro, ficando atrás em extensão apenas da floresta amazónica, com dois milhões de quilómetros quadrados.



Publicado por Tovi às 10:49
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Janeiro 2022
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9

19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Posts recentes

Porto: da Outra Cidade......

Vida Selvagem na SIC... c...

O PAN é um "Cavalo de Tro...

Boavista 1 - 1 Gil Vicent...

Debate eleitoral do tudo ...

Transportes públicos grát...

Como seria o processo de ...

A China e as medidas anti...

Programas Eleitorais para...

Situação crítica no Cazaq...

Boavista 1 - 1 Tondela

Acórdão do assalto ao pai...

Afeganistão: 20 anos, 20 ...

Ómicron “vai dominar” nes...

Debates televisivos para ...

Catarina Martins vs André...

Pirataria informática con...

Bom Ano 2022

2022 um ano de decisões

Acontecimentos do ano 202...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus