"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."
Terça-feira, 17 de Outubro de 2017
Dito por um Secretário de Estado do Governo Socialista

17Out2017 aa.jpg

Exigir que haja (e que funcione) um serviço nacional, regional ou distrital de bombeiros que nos acuda em catástrofes como as que este ano assolaram a floresta portuguesa, é o mínimo que se pode pedir a um Governo que se reivindica de Estado-Social. Vir defender “cada um por si” é do mais nojento neo-liberalismo.

 

  Comentários no Facebook

«Diamantino Hugo Pedro» - O nosso estado é social para sacar, nada mais !

«Henrique Camões» - Quando o verniz estala e a mascara cai o que sobra é o real.

«Pedro Simões» - David, é mesmo anarco-capitalismo, sem Estado. Ate os defensores do Estado mínimo defendem que as funcoes de seguranca e protecao sao funcao fundamental do Estado. Até os 'neo-liberais'... portanto este governante decidiu entrar ja pela via do anarquismo. Mas se ele defende ausencia de Estado... entao que comece por desocupar o seu posto. Por um minimo de coerencia.



Publicado por Tovi às 10:41
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Maio 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9



27
28
29
30

31


Posts recentes

TAP quer condenar o Porto...

A pandemia terminará em P...

The New York Times de hoj...

Mais duas semanitas e já ...

Trevo-de-Quatro-Folhas

Devemos-lhes um grande OB...

Papillon... de Henri Char...

Os “amigos” do pai do Mar...

Sessão de hoje da Assembl...

Xicos-espertos a aproveit...

Nova sondagem da Intercam...

A segunda fase do desconf...

Quem vai ser o próximo Mi...

Sessão Extraordinária da ...

Preparando o “dia seguint...

Tragédia numa freguesia d...

Neste Porto que arregaça ...

A propósito de "Propósito...

A minha Cactus Orquídea

Segurança Social a "reben...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus