"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."
Segunda-feira, 4 de Outubro de 2021
Emergência no Afeganistão

Captura de ecrã 2021-10-02 160724.jpg

Claro que vai ser necessário apoiar as muitas famílias a necessitarem de ajuda urgente no Afeganistão... mas temos que resolver também toda a anacrónica situação política e social em que os Talibã colocaram aquele país.

 

   UNICEF
É o desespero de uma população que precisa do nosso auxílio. O Afeganistão sempre foi um dos lugares mais perigosos para ser criança. Mas, nas últimas semanas, a situação tornou-se ainda mais desesperante. Não iremos abandonar o país, por todas as crianças e suas famílias. Presentes no Afeganistão há 65 anos e com 11 escritórios no terreno, a UNICEF tem a capacidade de prestar assistência humanitária. Mas precisamos de si para continuar a apoiar! 
Captura de ecrã 2021-10-02 154959.jpg

  Cruz Vermelha Internacional
Um porta-voz do Ministério do Interior afegão informou que uma explosão perto da entrada da mesquita Eid Gah em Cabul, neste domingo, matou pelo menos dois civis e três ficaram feridos. Várias ambulâncias foram vistas dirigindo-se para o Hospital de Emergência de Cabul, na área de Shahr-e-Naw. O ato ainda não foi reivindicado.
Captura de ecrã 2021-10-02 101018.jpg
(in Novo Semanário - 1out2021) - “Mais de dois mil estabelecimentos de saúde fecharam e cerca de 23 mil trabalhadores da saúde, incluindo sete mil mulheres, já não são pagos ou tiveram de deixar de trabalhar”, disse em Cabul o director para a Ásia-Pacífico da Federação Internacional das Sociedades da Cruz Vermelha, Alexander Matheou. Além da crise na saúde, o país enfrenta também escassez de alimentos devido à situação económica. Há cerca de 18 milhões de afegãos a precisar de assistência humanitária. Matheou explicou que no sector da saúde as pessoas aceitarão trabalhar sem salários durante mais algumas semanas, mas que as unidades de saúde fecharão quando “não houver medicamentos, electricidade, nem nada para oferecer aos doentes”. A ajuda internacional foi suspensa após os talibãs assumirem o controlo em 15 de Agosto, deixando a economia afegã, devastada por décadas de guerra, em crise.

 

  Al Jazeera, às 19h50 de 03out2021
Um porta-voz do Ministério do Interior afegão informou que uma explosão perto da entrada da mesquita Eid Gah em Cabul, neste domingo, matou pelo menos cinco civis e quatro outras pessoas ficaram feridas. 
Várias ambulâncias foram vistas correndo em direção ao Hospital de Emergência de Cabul, na área de Shahr-e-Naw. O ataque, que ainda não foi reivindicado, tinha como alvo um serviço memorial realizado pela mãe do porta-voz Talibã, Zabihullah Mujahid.
Captura de ecrã 2021-10-04 085037.jpg
  Nesta segunda-feira (4out) o Daesh declarou-se responsável pela explosão ocorrida no dia anterior em Cabul, segundo a sua agência de notícias Amaq relatou no Telegram.



Publicado por Tovi às 07:47
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Dezembro 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


Posts recentes

Vantagens e Desvantagens ...

Dia Nacional do Pijama

Não chamem a isto Descent...

Um elemento de segurança ...

Ómicron ou B.1.1.529 - O ...

Eleições no PSD no dia de...

Arouca 2 - 1 Boavista

Se as Legislativas fossem...

Onde estavam no 25 de Nov...

Diana com Galgo

Os “Talibã 2.0” são iguai...

Chegou a Portugal a CNN

A uma semana das eleições...

Um presente envenenado

Crise na fronteira da Bie...

Terceiro dia do julgament...

Começou ontem o julgament...

Terrorismo em Liverpool

Portugal 1 - 2 Sérvia

Comboio elétrico... brinq...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus