"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."
Quinta-feira, 1 de Outubro de 2020
Inspetores do SEF acusados de homicídio qualificado

sef.jpg

O Ministério Público (MP) deduziu no dia de ontem a acusação contra três inspetores do SEF (Bruno Sousa, Duarte Laja e Luís Silva), detidos em março passado, pela morte de um imigrante ucraniano no aeroporto de Lisboa. A investigação da PJ conclui que os inspetores do SEF mataram à pancada Ihor Homeniuk, com 40 anos, casado, com dois filhos menores e que queria trabalhar em Portugal. Os três inspetores estão acusados de homicídio qualificado consumado, como coautores, e pelo crime de detenção de arma proibida - o bastão que foi utilizado para espancar o ucraniano. Diz também o MP que os inspetores sujeitaram Ihor "a um tratamento desumano”, durante cerca de 20 minutos violentamente agredido, quando estava no chão amarrado e algemado, “violando gravemente os deveres inerentes às suas funções".



Publicado por Tovi às 07:54
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Janeiro 2022
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9

21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Posts recentes

Faltam 10 dias para as Le...

Reflexões sobre a derrota...

Porto: da Outra Cidade......

Vida Selvagem na SIC... c...

O PAN é um "Cavalo de Tro...

Boavista 1 - 1 Gil Vicent...

Debate eleitoral do tudo ...

Transportes públicos grát...

Como seria o processo de ...

A China e as medidas anti...

Programas Eleitorais para...

Situação crítica no Cazaq...

Boavista 1 - 1 Tondela

Acórdão do assalto ao pai...

Afeganistão: 20 anos, 20 ...

Ómicron “vai dominar” nes...

Debates televisivos para ...

Catarina Martins vs André...

Pirataria informática con...

Bom Ano 2022

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus