"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."
Sábado, 9 de Maio de 2015
Lápis Azul

Censura Mai2015 a.jpg

Não pegou á primeira… Mas esta malta não desiste facilmente e lá vem outra vez com tiques totalitários a fazerem lembrar os senhores do Estado Novo… ou do PREC.

Censura Estado Novo.jpg

O "lápis azul" foi o símbolo da censura e da época da ditadura portuguesa do século XX. Os censores do Estado Novo usavam um lápis de cor azul nos cortes de qualquer texto, imagem ou desenho a publicar na imprensa. Para proteger a ditadura, os cortes eram justificados como meio de impedir e limitar as tentativas de subversão e difamação. Desde o Golpe Militar de 28 de maio de 1926 aos regimes de Oliveira Salazar e Marcello Caetano, o "lápis azul" servia para os censores decidirem o que devia ser noticiado ou divulgado. A 22 de junho de 1926 é instituída a Comissão da Censura, passando os jornais a serem obrigados a enviar a esta comissão quatro provas de página e a não deixarem em branco o espaço das notícias censuradas. Em 1933, a Constituição Portuguesa institui legalmente a Censura, que permanece até à Revolução dos Cravos, a 25 de abril de 1974. Até setembro de 1968, no governo de António de Oliveira Salazar, é a designada Comissão da Censura a responsável pelo "lápis azul". Durante o governo de Marcello Caetano esta comissão passa a chamar-se Comissão do Exame Prévio, mas, na prática, mantém o mesmo lápis com o mesmo sentido censório. (in Infopédia – Dicionários Porto Editora)



Publicado por Tovi às 09:52
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Outubro 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9



25
26
27
28
29
30

31


Posts recentes

Ser mulher no Afeganistão

Mais uma vez o “proibicio...

Caus instalado no Afegani...

Instalação dos Órgãos do ...

Nova ponte sobre o Douro....

A camioneta-fantasma

Burro!... burro!... burro...

Rio Ave 4 - 0 Boavista

Os subsídios às empresas

Acordo de governação na C...

Germano Silva fez ontem 9...

Portugal 5 - 0 Luxemburgo

Ter ou não ter maioria ab...

Violência no Porto… e a c...

Tão amigos que nós somos,...

Há independentes e indepe...

Juiz negacionista expulso...

Erupção do Cumbre Vieja e...

A segurança ao estilo Tal...

Portugal é uma das melhor...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus