"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."
Sábado, 16 de Janeiro de 2016
Norte de Portugal vs Estados da Alemanha

Um dos argumentos que muita gente usa para contestar a Regionalização é dizer que somos um País muito pequenino… Pois para todos esses aqui fica a comparação, em área e habitantes, da Região Norte de Portugal (NUTS II) com os dezasseis estados da Alemanha.

Região Norte vs Alemanha dados kms e habitantes i

  Comentários no Facebook

«Joao Antonio Camoes» >> E se falarmos de paises muito mais pequenos que estao regionalizados sob diversos formatos (Suiça, Belgica etc) reforça o argumento.

«David Ribeiro» >> Todos os dezasseis Estados Federados (Regiões Administrativas) da Alemanha estão representados no Bundesrat (Conselho Federal) que tem voto em todo o processo legislativo.

«Natércia Bragança Fontes» >> Este complexo de inferioridade de que sofremos é absurdo !

«Jorge Baldinho» >> Não tenho nenhum complexo de inferioridade e sou contra a regionalização... Não será complexo de inferioridade querer copiar as soluções dos outros quando as realidades são bem distintas?

«Vítor Carla Sequeira» >> Como, vivemos de quê, dos serviços???? Industria no Norte já era, só se podermos contar com o regresso ao Porto das empresas que estão sediadas no estrangeiro SONAE INDÚSTRIA,MOTA-ENGIL etc Alemanha é uma grande Economia. Quer se comparar aqui o quê. Mas é certo se fosse o Norte uma Região autónoma, certo é que muitos dos defensores teriam tacho no governo regional e eram muitos de certeza. Somos uma Região pobre, e só é assim porque não somos homogéneos.

«José Camilo» >> Só disparates de quem não quer pensar. Enfim, vão-se queixando, vão.

«Vítor Carla Sequeira» >> Disparates.... um assunto que já foi debatido desde o tempo do Guterres e bem debatido. Uma Cidade que se nega ao sotaque, é uma cidade sem identidade.

«Raul Vaz Osorio» >> Disparates sim, como "indústria no Norte já era" e "vivemos de serviços?". Em primeiro lugar não "era", basta ver de onde vêm quase todas as exportações que configuraram um dos "sucessos" do governo anterior. Grande indústria? Ainda vai havendo, para quem não está distraído. O que efectivamente foi deslocalizado à força para Lisboa foram precisamente os serviços, especialmente na área financeira, graças ao basbaquismo cavaquista, com o plano imbecil de fazer da capital uma "grande cidade europeia" que arrastaria o país para um amanhã brilhante. Só mesmo um complexado como o senhor silva para gizar tal plano. Vejo que há aqui vários outros complexados, mas nenhuma região está livre deles. Na verdade, a experiência e a história de outros países mostram que a regionalização iria inverter essa lógica e devolver ao Norte os centros de decisão que perdeu por esta política estupidamente centralista. Aliás, só mesmo no país mais centralizado do mundo se poderiam ouvir barbaridades destas. Aliás, para exemplo de mal e bem respectivamente (em minha opinião, claro), mas ambos com desenvolvimento inegável, basta olharmos para a Madeira e Açores.

«Vítor Carla Sequeira» >> Raul Vaz Osorio de todas as opiniões que vou lendo por aqui, a sua é que levo mais em conta. Agora o Porto não tem industria ponto final, mas nem sempre foi assim. A industria que fala esta no Minho. E será que os Vimaranenses ou os Bracarenses são a favor do Porto ser o poder central?

«José Camilo» >> E continuamos. Uma no cravo (do dia 25) e outra na ferradura (que por acaso até é no Algarve). Agora... enfim, desisto.

«Raul Vaz Osorio» >> Vítor, antes de mais agradeço o elogio que não será merecido, pois há por aqui opiniões capazes e bem sustentadas. Eu quando quero falar do Porto, falo do Porto, quando quero falar do Norte, falo do Norte. Aqui estou a falar do Norte como terá ficado claro. Quanto ao argumento de o Porto ser "poder central" é mais um disparate dos argumentos centralistas. Porque raio é que o Porto há-de ser ou querer ser, poder central? Isso fazia desta cidade uma provinciana "Lisboa wanna-be", o que nunca foi a sua postura. Quem se opõe de forma sincera ao poder centralista, não o quer reproduzir, porque reconhece os erros que ele acarreta, seja em que escala fôr. O (Grande) Porto terá sempre um papel decisivo no Norte e no Noroeste Peninsular, pela sua importância natural de maior cidade e centro de serviços, mas não pode nem deve aspirar a ser uma Lisboa mais pequena. Como tenho dito inúmeras vezes por aqui, a minha visão de uma região Norte passa por uma capital administrativa descentralizada, sendo pela sua centralidade e dimensão, Vila Real a candidata que me parece mais apropriada. Já numa visão mais alargada de Euro-região Nordeste Peninsular, surgem algumas alternativas interessantes à própria Vila Real, como Ourense pela sua centralidade geográfica ou Santiago pela tradição que já possui de capital autonómica. Se alguém quer reproduzir à escala essa centralidade lisboeta no Porto, são os que propõe o reforço das áreas metropolitanas como alternativa à regionalização. As áreas metropolitanas devem ser reforçadas, têm interesses próprios que disso beneficiarão, mas não como alternativa, senão como complemento a uma regionalização, reforçando-se mutuamente. E para os argumentos já acima aduzidos de dimensão, lembro que a Galiza toda tem menor população que o eixo Porto-Braga.



Publicado por Tovi às 07:57
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Julho 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


Posts recentes

COVID-19 em Portugal... a...

Um investidor para o Boav...

Férias em Arcos de Valdev...

Boavista 1 – 0 Santa Clar...

O pensamento de Agostinho...

Plano de abertura presenc...

Prestação de contas do an...

Assim vai o COVID-19 por ...

FC Porto 4 - 0 Boavista

São João do Porto

Nuno Markl em guerra com ...

Offshore... essa coisa es...

Mural de Vhils no Hospita...

Um São João muito especia...

Boavista 3 - 1 Vitória de...

O incêndio de Pedrógão fo...

Põe já a máscara!...

Ataques terroristas no no...

Braga 0 - 1 Boavista

Tabu de Moreira condicion...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus