"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Domingo, 2 de Maio de 2021
Valongo dos Cidadãos

178605943_10219527291157412_9212592959477409665_n.

   José Bandeira em "Valongo dos Cidadãos"

No rescaldo da Convenção Nacional Mais Cidadania podemos sem qualquer subterfúgio afirmar que a adesão ao objectivo de promover um modelo de sociedade onde o cidadão esteja próximo da governação, com ferramentas para poder influenciar e mesmo determinar decisões com impacto no seu futuro, se vai alargando na sociedade civil contando com o profundo empenho de muitos dos melhores pensadores do país.
Continuo contudo com um enorme amargo de boca quando constato que o bem fundamentado e vivamente sentido discurso dos pensadores sociais não tenha a correspondente adesão daqueles a quem se destina: os cidadãos.
O grande desafio neste momento é vencer a barreira que ainda separa a população daqueles que sentem as suas mágoas e pretendem servi-la mas, a partir do momento em que ousam confrontar o Poder, passam a ser conotados como sendo parte desse poder.
O grande desígnio do grupo Valongo dos Cidadãos é vencer essa barreira, ganhar a confiança dos munícipes de #alfena, #campo, #ermesinde, #sobrado e #valongo para que se juntem a nós na construção de um Concelho onde o respeito pelo outro, a consciência do outro, a percepção do quanto os nossos mais simples actos influenciam a vida do outro, sejam o pilar das nossas vidas.
Cidadãos anónimos mas com uma vivência social activa e participativa juntaram-se para dar início a um processo que possa conduzir o Concelho de Valongo, que até aqui tem sido mantido num vergonhoso estado de subdesenvolvimento pelos servos do poder central que o governam há 3 décadas, ao estatuto de baluarte da causa do Bem Comum.
Ousemos liderar pois sei que temos gente de qualidade para fazê-lo, desde que se juntem em torno desta causa. E, como esta Convenção provou, não faltarão homens e mulheres de boa vontade para apoiar-nos!
Para todos os cidadãos do Concelho de Valongo o meu abraço de profunda admiração, com plena consciência de que convosco tudo é possível!
Bem hajam!
 
    Comentários no Facebook
David Ribeiro - Tenho seguido com a máxima atenção o aparecimento de “Valongo dos Cidadãos”… e quando vejo agora o meu amigo José Bandeira a dizer que tem “um enorme amargo de boca quando constato que o bem fundamentado e vivamente sentido discurso dos pensadores sociais não tenha a correspondente adesão daqueles a quem se destina: os cidadãos” pergunto-me se não estaremos perante uma falta de comunicação. Perdoem-me este desabafo e entendam-no como uma crítica construtiva, mas além de crítica ao que não tem sido feito é fundamental um plano de obra a fazer, a nível social, habitacional e tudo o que será do interesse dos cidadãos. Aguardo o Manifesto Eleitoral, onde creio que tudo isto irá ser apresentado. E mais uma vez entendam esta minha “crítica” como construtiva.
Tiago Moreira - David Ribeiro... meu caro, temos ventilado nas redes sociais a nossa intenção mas não temos recebido feedback ao nosso apelo de participação por parte dos cidadãos, daí o amargo de boca que o Jose Bandeira refere...
José BandeiraCaro amigo David Ribeiro... as críticas são sempre bem vindas, em especial quando provêem de pessoas com objectivos comuns como o de promover a capacidade de intervenção dos Cidadãos nas decisões que afectam a sua vida em sociedade. No grupo Valongo dos Cidadãos, para o qual desde já convido todos os que se batem por este desígnio, pretendemos deixar bem claro que iremos até onde nos permitir a força conjunta dos Cidadãos que aceitarem este desafio. O objectivo é fazer de Valongo um importante pólo de desenvolvimento na Área Metropolitana do Porto, tirando partido da excelência dos seus habitantes, das óptimas acessibilidades e área disponível, para, em estreita ligação com a Academia, transformá-lo num centro de desenvolvimento de indústria de valor acrescentado, sem menosprezar obviamente os serviços, bem como projectos agrícolas de ponta. Contamos ser um elo forte na cadeia de construção de valor que queremos ver crescer e consolidar-se na Área Metropolitana do Porto e assim contribuir para o recrudescimento do seu poder no contexto nacional. Um abraço.


Publicado por Tovi às 10:51
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 23 de Abril de 2021
Alterações à Lei Eleitoral Autárquica

eleicoes-autarquicas-de-2021.jpg
A Assembleia da República aprovou esta quinta-feira, por maioria, as alterações à lei eleitoral autárquica, que dá resposta às reivindicações dos movimentos de autarcas independentes que se queixavam de dificultar as candidaturas. Votaram a favor PS, BE, CDS, PAN e as duas deputadas não inscritas, Joacine Katar Moreira (Ex-Livre) e Cristina Rodrigues (ex-PAN). O PSD, PCP e PEV votaram contra, enquanto os deputados do Chega e Iniciativa Liberal se abstiveram.

Com as mudanças hoje aprovadas, é dada resposta quase integral à reivindicação quanto às assinaturas, preocupação partilhada pelos partidos mais pequenos, mas não há cedência numa delas: o nome do primeiro candidato pode ser usado na sigla numa candidatura à câmara e assembleia municipal, mas não já pode ser utilizado numa lista à assembleia de freguesia.

Não foi aprovada a possibilidade obrigatória dos tribunais fiscalizarem a identidade e as assinaturas dos grupos de cidadãos eleitores, uma exigência do PSD que nenhum partido acompanhou. O PSD defendia também que "a mesma pessoa não se pudesse candidatar simultaneamente à Câmara Municipal, à Assembleia Municipal e a uma freguesia". Outra das reivindicações dos sociais-democratas, "sugestão da Comissão Nacional de Eleições (CNE)", era a "obrigatoriedade dos grupos de cidadãos eleitores identificarem nos impressos que entregam ao tribunal, se um candidato é ou não filiado num partido político".



Publicado por Tovi às 09:12
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 19 de Abril de 2021
Grande "bitaite" de José Manuel Ribeiro

jmr valongo.jpg
   Disse José Manuel Ribeiro... e parece que estava convencido do que dizia: "Nós estamos à espera de uma candidatura de dimensão nacional que apareça como vencedora. Porquê? Porque precisamos de uma governação diferente na Câmara do Porto. Precisamos de um Porto aberto à Área Metropolitana".



Publicado por Tovi às 08:21
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 8 de Abril de 2021
Verdadeiramente hilariante a proposta da CNE

rm_entrevista-tsf-e1617884707633.jpg

A Comissão Nacional de Eleições (CNE) vem hoje propor que o Parlamento obrigue os candidatos independentes às autárquicas a declararem expressamente se são militantes de algum partido. O presidente do Conselho de Fundadores do Porto, o Nosso Movimento, Rui Moreira, rejeita esta ideia e, em declarações esta manhã à TSF, acusa a CNE de ser “preguiçosa” e negligente em relação aos eleitos independentes. Rui Moreira defende que, se é por uma questão de igualdade, então também deve ser exigido aos candidatos apoiados pelos partidos que sejam filiados.  “A mim o que me parece é que a Comissão Nacional de Eleições tem sido muito preguiçosa em relação aos eleitos independentes e em relação às alterações à lei que, hoje mesmo, estão mais uma vez a ser discutidas no Parlamento”, começou por dizer Rui Moreira. “Pelo meu lado, não tenho nenhum problema. Nunca fui filiado em nenhum partido, nem conto ser, a não ser que tenha de formar um partido, porque a Comissão Nacional de Eleições não cria condições para que os movimentos independentes possam concorrer às eleições autárquicas”, continuou. O presidente da Câmara do Porto deixou ainda a seguinte reflexão. “Também não sei se a Comissão Nacional de Eleições não deve, por uma questão de transparência, exigir que os candidatos autárquicos, escolhidos pelos partidos, sejam filiados nesses mesmos partidos”. “Se estamos a falar em questões de igualdade, então parecer-me-ia bem que a Comissão Nacional de Eleições, que tão bem tem olvidado esta matéria, que também se pronunciasse nesse sentido”, concluiu. Ouvido pela TSF, também Aurélio Ferreira, presidente da Associação Nacional Movimentos Autárquicos Independentes, rejeitou liminarmente a proposta apresentada à antena da TSF pelo porta-voz da CNE, João Tiago Machado. (in "Porto, o Nosso Movimento" - 8abr2021)

 


Pedro Baptista, o meu saudoso Amigo Pedro Baptista, era muitas vezes conflituoso, por vezes até era irascível e poderemos dizer que em certas ocasiões até foi injusto, mas como eu gostaria de o ouvir perante o que se está a passar no Parlamento sobre a “reforma” da Lei Eleitoral Autárquica.



Publicado por Tovi às 13:51
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 23 de Março de 2021
Vladimiro Feliz na corrida das Autárquicas... no Porto
vf.jpg

Pronto!... PSD já tem candidato às Autárquicas no Porto. Vladimiro Feliz é uma segunda escolha, já que Paulo Rangel acabou por recusar o convite, apesar da forte insistência das estruturas locais do partido.

Só para recordar... nas Autárquicas de 2013 o PSD teve na Cidade Invicta 21,06% e em 2017 não foi além de 10,39%.

 
   Carla Soares, jornalista do JN - 22mar às 22h30

O combate na Invicta contra o independente Rui Moreira é encarado como o maior desafio eleitoral para Rui Rio, quer em termos políticos quer estratégicos, também pelas contas que tem a ajustar com o seu sucessor no Porto. Comparativamente ao antigo comissário europeu Carlos Moedas, candidato a Lisboa contra o socialista Fernando Medina, tem sido apontada internamente a Vladimiro Feliz a falta de dimensão nacional e de peso político dentro do partido, mas a sua forte ligação à cidade e perfil mais conciliador surgem como trunfos.

 

    "Cidade Mais" - Jul2016

Vladimiro Feliz nasceu no Porto e é licenciado em Engenharia Mecânica, opção de Gestão da Produção, pela Universidade do Porto.
Iniciou a sua carreira profissional no Instituto Electrotécnico Português, foi Engenheiro de Programa na OGMA – Industria Aeronáutica de Portugal, SA e Presidente Executivo da Fundação para a Divulgação das Tecnologias de Informação. Já no universo CMP foi Administrador Delegado da Fundação Porto Social e Director Municipal de Sistemas de Informação e Vereador do Turismo, Inovação e Lazer da CMP, Presidente do Conselho de Administração da Associação Porto Digital, Presidente do Conselho de Administração da Porto Lazer e Vice-Presidente da Associação de Turismo do Porto.
Actualmente esta na direcção do CEIIA, onde lidera o programa Smart Cities.

 

    Comentários no Facebook
Celio Alves - Rangel declina porque sabe, tal como o PSD, que nunca ganharia a autarquia. Assim, nomeia-se um voluntário para a carreira de tiro.
David Ribeiro - Não estou nem nunca estive na área política do PSD, o que não invalida que o considere um partido importante, não só para a democracia portuguesa mas também para a vida da Cidade Invicta. E por isso entendo que todos os partidos, mesmo que admitam não conseguirem a liderança autárquica, deverão candidatar os melhores, tendo em vista conseguirem vereadores que sejam importantes para a Cidadania.



Publicado por Tovi às 09:35
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 20 de Março de 2021
António Oliveira candidato a Gaia

antonio oliveira.jpg

Já lá vão uns anitos… Num evento de morfologia canina – Exposição Canina Internacional do Norte – que se realizou na Exponor, tive uma longa e interessantíssima conversa com António Oliveira sobre algumas raças caninas e eu, que só o conhecia do mundo do futebol, fiquei completamente convencido que estava perante uma pessoa culta, de fino trato e com interesse em saber mais do que o muito que já sabia sobre cães. Por isso vou estar com atenção a esta sua entrada numa candidatura autárquica. Independentemente do partido pelo qual vai concorrer, pode ser uma pedrada no charco, ganhe ou não ganhe a autarquia de Gaia.

 

    Comentários no Facebook
João Pedro Maia - Não seria justo para o Eduardo V. Rodrigues.
David Ribeiro - João Pedro Maia... admitamos que não ganha a Eduardo Vítor Rodrigues, mas poderia ser um elemento muito interessante no executivo, tenha ele votos para ser eleito vereador.
Jorge Veiga - David Ribeiro se for vereador na oposição, bem pode ficar em casa, que ninguém do executivo vai ligar às suas propostas, por muito boas que sejam.
David Ribeiro - Jorge Veiga... mas tem direito a voto. É verdade que neste mandato o PS tem uma larga maioria (9-2) mas a oposição, desde que válida e construtiva, é importante.



Publicado por Tovi às 09:57
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 25 de Fevereiro de 2021
Reunião no sábado dos autarca independentes

grupos independentes.jpg

O autarca de São João da Pesqueira, eleito em 2017 pelo movimento 'Pela Nossa Terra' vai ser o anfitrião de uma reunião de emergência. No próximo sábado, pela manhã, no Museu do Vinho, Manuel Cordeiro juntará os 17 autarcas eleitos por Grupos de Cidadão Eleitores (GCE) e o líder da AMAI (Associação Nacional de Movimentos Autárquicos Independentes), Aurélio Ferreira. Os presidentes da Câmara do Porto e de Oeiras já aceitaram o convite para estarem presentes.

 

    14h57 de 27fev2021, no JN
Anotação 2021-02-27 150431.jpg

   16h30 de 27fev2021, na pagina do "Porto, o Nosso Movimento"
Foram os partidos que criaram este problema, pelo que devem ser os partidos a resolvê-lo. Será para o efeito solicitada uma audiência aos partidos políticos com assento parlamentar.



Publicado por Tovi às 07:46
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 21 de Fevereiro de 2021
Quem é candidato à Câmara do Porto?

expresso 20fev aa.jpg

No Expresso deste fim-de-semana a jornalista Isabel Paulo diz-nos que no PSD poderão ser candidatos à Câmara Municipal do Porto o vice-presidente da autarquia na era Rio, Vladimiro Feliz, e também Alberto Machado, atual presidente da Junta de Freguesia de Paranhos. Já no PS parece que o mais consensual é José Luís Carneiro, secretário-geral-adjunto dos socialistas, mas há quem diga que Pizarro e Tiago Barbosa Ribeiro também poderão ser nomes para o escrutínio.



Publicado por Tovi às 11:11
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 17 de Fevereiro de 2021
O namoro

o namoro.jpg
    Expresso, 16fev
Salvador Malheiro jantou, no Porto, com Rui Moreira e Francisco Ramos, líder do 'Porto, o Nosso Movimento'. Na ementa esteve o namoro ao autarca para ir a votos como candidato independente nas listas do PSD. Mas as 'setinhas' do partido no boletim de voto comprometeram a aliança. .../... De acordo com uma fonte do PSD, no cardápio esteve nova "investida" a Moreira para ir a votos numa coligação de centro direita, formada pelo PSD, CDS e o Movimento Independente. Ao que o Expresso apurou, Rui Moreira terá recusado o convite para correr nas listas sociais-democratas, mas não enjeitou, à partida, um eventual apoio do maior partido da oposição. .../... O ponto de honra dos sociais-democratas era que Rui Moreira, mesmo mantendo o estatuto de independente, fosse a votos com o símbolo do partido nos cartazes de campanha e no boletim de voto. Uma cedência que Moreira teima em não fazer, sob pena de perder a aura de independência partidária, a marca com a qual conquistou a Invicta em 2013, sem maioria, e, em 2017, com maioria absoluta no executivo, mas não na Assembleia Municipal.

 

    E agora o diz-que-disse habitual.
PSD diz que proposta de coligação no Porto partiu de Rui Moreira. Líder do movimento independente desmente. Ver aqui.

   Para que não restem dúvidas sobre a verdade dos factos.
(Notícia de Hermana Cruz no JN)
Rui Moreira não rejeita um apoio do PSD mas só como independente
Autarca e direção social-democrata falaram sobre candidatura ao Porto ao jantar, mas não chegaram a acordo. Independente e partido com versões diferentes do encontro.
Rui Moreira não rejeita um apoio do PSD à sua recandidatura à Câmara do Porto. Contudo, o autarca só admite avançar para um terceiro mandato, encabeçando a lista do seu movimento independente. O tema foi abordado durante um jantar entre Rui Moreira e a Direção do PSD, sobre o qual os independentes e os sociais-democratas têm versões diferentes.
O encontro ocorreu dois dias depois de Rui Moreira ter acusado o seu antecessor na Câmara do Porto, Rui Rio, de ter alterado a lei eleitoral autárquica para travar, em tribunal, a sua candidatura como independente.
O jantar teve lugar na quinta-feira passada, em Cortegaça (Esmoriz), e juntou Rui Moreira, o presidente do seu movimento, Francisco Ramos (ex-líder da Concelhia do PSD/Porto), o vice-presidente do PSD, Salvador Malheiro, e o secretário-geral do partido José Silvano. Esse é, aliás, o único ponto consensual.
Aceitava nomes do PSD
Segundo o vice-presidente do PSD, Salvador Malheiro, o jantar ocorreu por iniciativa de Rui Moreira. “Tentou impedir que o PSD apresentasse listas à Câmara do Porto e queria que o apoiássemos. Em troca, integrava na sua lista, como independente, nomes sugeridos pelo PSD”, conta ao JN.
Salvador Malheiro garante que o PSD recusou imediatamente a proposta. E assegura que nunca foi feito qualquer “convite formal” para que Rui Moreira encabeçasse uma lista do PSD, como independente. “É completamente falso que o PSD tenha feito um convite oficial a Rui Moreira para liderar a sua lista. E não existe qualquer fonte oficial do PSD que possa confirmar isso”, assevera o “número dois” de Rui Rio.
Já o secretário-geral José Silvano reafirma, ao JN, a versão de Salvador Malheiro e garante que o PSD “vai ter um candidato próprio à Câmara do Porto”.
Já o movimento de Rui Moreira garante que o jantar foi marcado por iniciativa do PSD e, lamenta, até que tenha sido tornado público algo que era sigiloso.
“Durante o jantar, foi-nos transmitido que Salvador Malheiro estava na qualidade de vice-presidente do PSD e José Silvano enquanto secretário-geral. E que estavam mandatados pela Comissão Permanente para questionar se Rui Moreira estava disponível para ser candidato por uma coligação do centro-direita. Rui Moreira disse imediatamente que essa questão nunca se colocaria, que jamais seria candidato por uma coligação de partidos”, conta o presidente do movimento, Francisco Ramos.
Segundo o ex-líder do PSD/Porto, também foi debatida a hipótese de o PSD apoiar a candidatura independente de Rui Moreira. “Dissemos que estávamos dispostos a analisar. O movimento sempre disse que está disponível para ter apoios de partidos democráticos”. Mas o PSD terá recusado essa hipótese.
“Disseram que o PSD não podia abdicar de ter votos no Porto na noite eleitoral das autárquicas”, revela ainda Francisco Ramos.
Sem acordo, o PSD procura agora um candidato ao Porto e Rui Moreira analisa se avança como independente ou se cria um partido.

 

  Rui Moreira sempre disse que não enjeita o apoio de partidos democráticos numa candidatura à Câmara do Porto, mas jamais aceitaria apresentar-se como candidato coligado a um partido político.



Publicado por Tovi às 07:42
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 11 de Fevereiro de 2021
Um atentado à Democracia

Pois é!... nós, os INDEPENDENTES, incomodamos muita gente  
148503323_3399724326800739_175238467108598800_o.jp
  JN de 10fev2021



Publicado por Tovi às 07:22
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 25 de Setembro de 2020
CDS-Porto apoia Rui Moreira para novo mandato

expresso 24set.jpg

   Expresso, 18h40 de 24set2020

"O CDS Porto orgulha-se do apoio a este projeto político, que nasceu com Rui Moreira, e do qual, como referido, fez parte desde a primeira hora. Continua a rever-se nele como sendo a solução que melhor serve os interesses da cidade, pelo que esta concelhia apoiará uma nova candidatura de Rui Moreira caso esta se venha a verificar", justificou esta quinta-feira a comissão política do partido em comunicado. A estrutura centrista recorda que apoiou o movimento independente que Rui Moreira encabeçou em 2013, fazendo parte da solução de governo da cidade que "tão bons resultados tem sentido". "O CDS Porto honra os seus compromissos", acrescenta no comunicado.



Publicado por Tovi às 09:39
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 19 de Setembro de 2020
É necessária uma recandidatura de Rui Moreira

119878948_1391785854346867_8672767245973054267_o.j

Os associados do 'Porto, o Nosso Movimento' apelam a recandidatura de Rui Moreira às próximas eleições autárquicas portuguesas, que decorrerão em 2021. Na Assembleia Geral desta Associação Cívica, que decorreu na passada quinta-feira, foi aprovada por aclamação uma moção de apelo a que o autarca se recandidate a um terceiro mandato como presidente da Câmara do Porto. Confrontando pelos jornalistas sobre a sua possível recandidatura às autárquicas de 2021, Moreira mostrou-se satisfeito com a decisão do movimento, mas escusou-se a adiantar se irá ser candidato. "Fico satisfeito pelos associados acharem que estou a fazer um bom trabalho, mas não, não tomei a decisão que será tomada no tempo adequado. Não tenho calendário para isso", afirmou, lembrando que da primeira vez que concorreu só tomou a decisão em abril.



Publicado por Tovi às 09:55
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 7 de Setembro de 2020
Batota!... disse o Professor Carlos Fiolhais

carlos_fiolhais-e1599403487450.jpg

   Carlos Fiolhais in “Público”, 3 de setembro de 2020

Democracia em queda

Uma alteração legislativa que acaba de ser publicada pela calada, com a complacência do Presidente da República, após o PS ter apoiado uma proposta do PSD na Assembleia da República, veio limitar a participação dos movimentos independentes nas próximas eleições autárquicas, daqui a pouco mais de um ano. Os dois maiores partidos nacionais, nesta sua tentativa de monopolização da democracia, estão de facto a prejudicá-la, alienando cada vez mais o eleitorado.
A referida alteração impede os movimentos de cidadãos de concorrerem com a mesma designação e símbolo à câmara municipal e à assembleia municipal, por um lado, e às assembleias de freguesia, por outro. Além disso, arvorando-se “donos” das palavras, PSD e PS decidiram proibir o uso das palavras “partido” ou “coligação” por esses grupos.
Não percebo por que razão, por exemplo, o Porto não pode ter, como tem, um movimento cívico chamado “Rui Moreira: Porto, o nosso partido” ou por que razão movimentos de cidadãos não se possam coligar entre si ou com partidos. Trata-se de uma lei dirigida principalmente a Rui Moreira, cujo movimento conseguiu, em 2013, 39% dos votos e, em 2017, 45% dos votos, alcançando a maioria absoluta. De acordo com a nova legislação, esse movimento, se quiser agora voltar a concorrer às freguesias do Porto, terá de se redesignar para cada uma das freguesias: “Campanhã, o meu *” ou “Paranhos, o meu *” (está um * para a palavra proibida). Não lembraria ao diabo, mas lembrou ao PSD e ao PS.
Em resposta, o presidente da Câmara do Porto desafiou Rui Rio a concorrer ao Porto, “a solo ou em coligação com o Chega ou com o PS” (Expresso, 27/8). A avaliar pelo resultado das últimas eleições autárquicas, o PSD e o PS juntos não chegariam para o derrubar, pois o primeiro teve 10% e o segundo 29%. Nem com o Chega chegaria… A menos que este cresça muito: com a democracia em queda, admira-me que os velhos partidos se admirem com o crescimento do Chega.
Moreira é, de facto, um dos poucos líderes independentes que vão resistindo ao que se pode chamar partidocracia, ou asfixia da democracia pelos partidos. Os partidos são parte essencial da democracia, mas esta não se esgota de modo nenhum neles. Das poucas vezes em que Moreira falou em nome do Porto, fosse para enfrentar a TAP ou a DGS, revelou enorme força. Ele representa uma cidade onde, a 24 de Agosto de 1820, fez agora 200 anos, nasceu um movimento que pugnava por maior cidadania e liberdade em todo o país. Em particular, pretendia “levar a redenção aos cativos lisbonenses”.

Com o recente golpe do PSD e do PS torna-se mais difícil a tarefa dos cidadãos que se mobilizam pelas suas terras

Mas não foi só no Porto que houve candidaturas independentes vencedoras. Apesar da sua condenação pela justiça, Isaltino Morais, obteve 42%, contra o PSD e o PS. Tem legitimidade para criticar a Associação Nacional dos Municípios Portugueses (ANMP), liderada pelo socialista Manuel Machado (presidente da Câmara de Coimbra), que ficou quieta e muda perante uma alteração que lesa a democracia. “A ANMP não serve para nada”, disse Isaltino. De facto, as posições que ela tem assumido quanto à descentralização ou à regionalização são demasiado passivas. O Governo central em Lisboa não quer, de facto, abdicar do seu poder, mas desfruta para isso de cumplicidades regionais.
Outras câmaras lideradas por independentes são Vila Nova da Cerveira (58% dos votos), Anadia (56%), Vila do Conde (48%), Portalegre (32%), embora nos dois primeiros casos tenha havido apoio de partidos e nos dois segundos os independentes fossem dissidentes partidários. No conjunto do país, os grupos de cidadãos ganharam 17 câmaras. Nalguns casos, como em Coimbra, um movimento independente — o “Somos Coimbra” — é a oposição, pretendendo ganhar a câmara. Com o recente golpe do PSD e do PS, que parece contrariar a Constituição (artigo 113.º-3b), torna-se mais difícil a tarefa dos cidadãos que se mobilizam pelas suas terras, que além do mais são alvo de discriminação fiscal. O presidente da Associação dos Movimentos Autárquicos Independentes resumiu: “Os candidatos dos partidos jogam com melhores botas, os partidos fazem as regras e nomeiam o árbitro e o Estado é o sponsor.”
Se Marcelo Rebelo de Sousa não está distraído, como não pode nem deve estar, o que ele fez foi contentar a sua base de apoio, o Bloco Central. Não posso por isso votar nele.



Publicado por Tovi às 07:49
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 21 de Agosto de 2020
E s c a n d a l o s o ! . . .

O "casamento" de Rui Rio e António Costa em todo o seu esplendor... com a bênção do Marcelo.
2 21ago.jpg
    Porto, O Nosso Movimento

Não passarão!
O Presidente da República promulgou hoje a lei que altera as regras para os movimentos independentes que concorrem às eleições autárquicas. Completa-se assim um ciclo iniciado em 2017, quando o PSD tentou, através dos tribunais, impedir a candidatura do movimento RUI MOREIRA PORTO O NOSSO PARTIDO.  Derrotado nas urnas, derrotado que já fora na secretaria, Rui Rio não desistiu. Não por persistência, mas antes por obsessão. São conhecidas estas suas obsessões e birras. E que só é democrata quando lhe convém.
No âmbito do seu recente e subserviente casamento com o PS, negociou o dote e conseguiu ver aprovada uma lei que tem como único alvo óbvio o movimento que venceu as duas últimas eleições no Porto, e libertou a cidade do cinzentismo ‘riista’. Ou seja, uma lei à medida, à medida da sua birra.
Assim, o Movimento fica impedido de se recandidatar com o nome com que venceu as últimas eleições, não podendo utilizar a palavra “partido” e não podendo utilizar o nome do candidato à Câmara nas siglas das listas concorrentes às Freguesias.

Tudo isto engendrado, como é indesmentível, para enganar e confundir o eleitor, e com o topete de afirmar nos considerandos que é isso que se pretende evitar.
Hoje é, por isso, um dia triste para a democracia e de júbilo biliar para o Dr. Rui Rio. Não é por isso, ainda assim, que desistiremos. Para isso, terão de inventar um outro proibicionismo qualquer.

Mas, com todo o “fair play”, deixamos aqui um desafio ao Dr. Rio:
Apresente-se como candidato ao Porto com os poucos do PSD que ainda o apoiam, peça apoio aos seus “compagnons de route” e aliados do PS e, já agora, convide o Chega. Chame-lhe coligação Rio, porque a lei permite isso aos partidos, e venha a jogo. Às claras. O Porto cá os espera!

 

   No Expresso

Rui Moreira inibido de repetir sigla que venceu as autárquicas…

   No Jornal de Notícias

Moreira desafia Rio a candidatar-se ao Porto…



Publicado por Tovi às 18:27
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 13 de Junho de 2020
Tabu de Moreira condiciona PS e PSD

Captura de Ecrã (296).png
(Artigo de Miguel Santos Carrapatoso, no Expresso deste fim-de-semana)

 

A ano e meio das próximas Autárquicas já andam todos a fazer contas… e Rui Moreira, muito bem, não lhes fará o favor de desfazer o tabu.



Publicado por Tovi às 17:42
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Maio 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9

19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


Posts recentes

Valongo dos Cidadãos

Alterações à Lei Eleitora...

Grande "bitaite" de José ...

Verdadeiramente hilariant...

Vladimiro Feliz na corrid...

António Oliveira candidat...

Reunião no sábado dos aut...

Quem é candidato à Câmara...

O namoro

Um atentado à Democracia

CDS-Porto apoia Rui Morei...

É necessária uma recandid...

Batota!... disse o Profes...

E s c a n d a l o s o ! ....

Tabu de Moreira condicion...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus