"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Terça-feira, 11 de Junho de 2013
Azeite Gallo

Imagem promocional do Azeite Gallo no Dia Mundial dos Oceanos (8-Junho).

{#emotions_dlg.smile} Das coisas mais lindas que tenho visto.


«Joana Matos Correia» no Facebook >> Muito giro!!!

«Zé Carlos» no Facebook >> Grande campanha da Galo

«Fátima Sousa» no Facebook >> today is the oil oliva day ...someone do it  ...is nice



Publicado por Tovi às 07:08
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 30 de Junho de 2012
Azeite Romeu

Muito me alegra saber que o guia italiano de azeites “L’Extravergine” e a revista gourmet alemã “Der Feinschmecker” consideraram o Azeite Romeu – Puro como Deus o deu - entre os dez melhores do Mundo. Este Azeite Extra Virgem de Agricultura Biológica (certificada pela SATIVA PT/AB 03, ou seja, que não se usa nenhum produto químico na sua cultura ou no processamento industrial - UE, Regulamento nr. 2092/91) é produzido nos cerca de 120 hectares de olival (Cobrançosa, Verdeal Trasmontana e Madural, todas autóctones da região) da Sociedade Clemente Menéres Lda, na Quinta de Romeu, em plena Terra Quente Transmontana, ali mesmo perto da cidade de Mirandela, uma região com Designação de Origem Protegida (DOP) pela União Europeia.


Publicado por Tovi às 18:17
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 29 de Junho de 2011
Porque não uma chuva de azeitonas?

Sou um adepto incondicional da dieta mediterrânica… Azeitonas e azeite, uma riqueza nacional que não podemos esquecer.



Publicado por Tovi às 21:44
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 15 de Fevereiro de 2011
Molhar o pão no azeite

 Está decidido!... Vou deixar de comer "pão com manteiga" às refeições. A partir de agora só Pão com Azeite.

 [MaisAmbiente] - (...) o meu comensal pediu um pratinho com azeite. Em Roma sê romano e naturalmente, mais que não fosse por cortesia, acompanhei o pedido. E foi assim que enquanto esperávamos o que viria para o almoço, começámos a conversa substituindo os habituais e elegantes pedacinhos de pão com manteiga pela operação de molhar o pão no azeite dos ditos pratinhos o que na minha infância só podia ser feito às escondidas, ou pela magnânima condescendência paternal (...)


«Eduarda Fernandes» in Facebook >> O melhor é deixares de comer pão às refeições :))

«Rita Encarnação» in Facebook >> Pão transmontano (mais precisamente da Tia Maria Luísa) com azeite e flor de sal, foi precisamente o que acompanhou o meu jantar de hoje! É divinal ;-)

«Jorge Gonçalves» in Facebook >> O melhor é deixares de comer!!!

«Mário Ribeiro» in Facebook >> aqui na minha terra não se diz em roma sê romano... diz-se em trás os montes sê TRANSMONTANO. e não era azeite era OURO de Mirandela


«Raul Carvalho» in RevistaDeVinhos >> O Restaurante Assinatura já usa esse método na entrada de refeição... Eles que estão aqui para confirmar... Por acaso, até é o Azeite da CARM... Não é o meu preferido... Mas...

«Miguel» in RevistaDeVinhos >> Tovi, cada vez mais sou adepto disso e é uma das melhores maneiras de provar um azeite.

«mlpaiva» in RevistaDeVinhos >> Felizmente que há já imensos restaurantes a praticar esta velha modalidade. No defunto Degusto, até era o que faziam melhor: azeite, balsâmico, pimenta preta...

«joão geirinhas» in RevistaDeVinhos >> No jantar dos Prémios "Os Melhores do Ano" também alinhámos na moda. No caso, o azeite de J. Portugal Ramos.

«Alentejano» in RevistaDeVinhos >> Falando no azeite do JPR... ostenta uma Medalha de Ouro no Concurso Nacional de Azeites Virgem Extra 2010, a mesma que o azeite à venda no Continente da Quinta do Pouchão em formato 0,75 a 3,99€. PS: Pão com azeite é a melhor maneira de começar uma refeição.



Publicado por Tovi às 07:54
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 16 de Março de 2008
Azedo com Grelos e Batata Cozida

Sexta-feira passada estive em Mirandela e almocei com amigos no Restaurante Távora, que é há já muitos anos um dos meus locais preferidos para o “pecado da gula”… E comi pela primeira vez na minha vida "Azedo com Grelos e Batata Cozida"… E que maravilha é esta espécie de alheira, com o formato de um salpicão grande… Ligeiramente assada no forno, só para tostar o exterior, o paladar torna-se muito mais interessante que o das famosas Alheiras de Mirandela. Apresenta um agradável travo azedo, motivado pela fermentação do pão, que liga muito bem com o sabor e aroma fumado deste enchido de carne e gordura de porco, muito bem condimentado com azeite de Trás-os-Montes, colorau e alho.

«Viriato» / ViriatoWeb ⇒ o azeite de Trás-os-Montes ????   duvido que seja bom   quando tinha a mulher de Chaves, a família dela pedia-me para lhes levar azeite do nosso, das Beiras ! :roll:   o que là têm de bom, de muito bom, é o presunto e ........ algumas gajas ! :twisted: 

Pois fica sabendo que o Azeite de Trás-os-Montes [*] é um azeite muito equilibrado, com cheiro e sabor a fruto fresco, proveniente das melhores variedades de azeitona plantadas em Portugal.

[*] Denominação de Origem “Azeite de Trás-os-Montes” - A área geográfica de produção está circunscrita aos concelhos de Mirandela, Vila Flor, Alfândega da Fé, Macedo de Cavaleiros, Vila Nova de Foz Côa, Carrazeda de Ansiães e às freguesias de Sonim, Barreiros, Santa Valha, Vilarandelo, Fornos do Pinhal, Possacos, Valpaços, Vassal, Santiago da Ribeira, Algeriz, Sanfins, Rio Torto, Àgua Revés e Castro, Santa Maria de Émeres, Canavezes e São Pedro de Veiga de Lila do concelho de Valpaços; às freguesias de Vales, Palheiros, Murça, Noura e Candedo, do concelho de Murça; às freguesias de Lousa, Cabeça Boa, Castedo, Horta da Vilariça, Adeganha, Torre de Moncorvo, Cardanha, Larinho, Felgueiras, Felgar e Souto da Velna, do concelho de Moncorvo; às freguesias de Valverde, Paradela, Mogadouro, Brunhoso, Castro Vicente, Vale da Madre Remondes, Soutelo e Azinhoso, do concelho do Mogadouro; à freguesia de Santulhão do concelho de Vimioso e às freguesias de Izeda e Macedo de Mato do concelho de Bragança.

«Viriato» / ViriatoWebisso jà é Tràs os Montes de baixo ! :lol:   mas azeite ............ nunca por là vi nada de jeito , enfim , comparado com o nosso ! :roll:

Meu caro «Viriato»… O azeite da Beira Interior ainda não conseguiu sair da mediocridade, quer pela pouca quantidade produzida (0,59 toneladas por hectare, quando a média nacional é de 0,83 ton/ha), quer pela dificuldade em conseguirem a certificação deste produto. Isto já para não falar do azeite da Beira Baixa que todos os entendidos consideram o pior de Portugal, um azeite com forte sabor e aroma a tulha, muito longe das características organolépticas exigidas para um produto deste tipo. Para mim, os melhores de Portugal são, sem qualquer sombra de dúvida, o de Trás-os-Montes (com aroma de frutos secos e ligeiro toque amargo e picante) e o do Alentejo (mais suave, menos amargo, mas igualmente picante).



Publicado por Tovi às 12:51
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Setembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


Posts recentes

Azeite Gallo

Azeite Romeu

Porque não uma chuva de a...

Molhar o pão no azeite

Azedo com Grelos e Batata...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus