"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Quarta-feira, 27 de Março de 2024
A nova Assembleia da República

Captura de ecrã 2024-03-26 094132.png

  Distribuição dos lugares na Assembleia da República
Tanto Bloco como o PCP conseguiram manter os mesmos dois lugares na fila da frente e viram o Livre, que não tinha direito a entrar na corrida por não ter grupo parlamentar, ganhar os mesmos dois lugares equilibrando todos os partidos à esquerda do PS. Já o PS viu a sua bancada parlamentar perder 40 deputados e restou-lhe apenas cinco lugares na frente do hemiciclo. À direita, a vitória pouco expressiva da AD deu direito aos mesmos cinco lugares que os socialistas na montra do parlamento. Depois de não ter conseguido alcançar a meta de engordar a bancada parlamentar, a Iniciativa Liberal não conseguiu reclamar mais do que os dois lugares na frente que já lhe tinham sido atribuídos nas eleições de 2022. Já o crescimento exponencial do Chega permitiu-lhes ganhar mais representatividade também na primeira fila do parlamento, passando de três para quatro lugares. Outra das principais novidades desta nova sessão legislativa é o regresso do CDS ao Parlamento. Graças a esta distribuição que garante a inclusão de todos os grupos parlamentares na frente, também o partido liderado por Nuno Melo irá ter um dos seus elementos na fila mais disputada do hemiciclo.

  
Jose Luis Soares MoreiraFica só a questão! Porquê ainda se continua com 240 deputados, quando grandes em tudo, países europeus lhes chegam cerca de um terço destes 240? Vamos lá Portugal.
Júlio GouveiaJose Luis Soares Moreira são 230 , não 240 . De qualquer modo também acho um grande exagero. É só uma questão de mais despesas , que somos todos nós a pagar. 120 chegavam e mesmo assim ainda eram demais. Poupava-se varios milhares se não mesmo milhoes
David RibeiroSó que com um menor número de deputados algumas forças políticas nunca teriam a possibilidade de lugares no Parlamento, contribuindo assim para o poder único das grandes forças políticas.
Jose Luis Soares MoreiraDavid Ribeiro, também seria possível alterar essa lei, por exemplo atribuir até um ou dois deputados a partir dos 70 000 votos, depois seguir-se-ia o atual sistema. A questão de em Portugal não haver enriquecimento do País para um melhor desenvolvimento e de vida social mais qualificada em termos de sustentabilidade, prende-se com a despesa pública astronômica e criadora de tachos numa grande maioria.
Altino DuarteJose Luis Soares Moreira Creio que a opinião do Jose Luis Soares Moreira é bastante contestável se formos verificar o número de deputados que, de acordo com o número de habitantes, compõem os parlamentos dos vários países da Europa . Em Portugal, 120 eram demais? São livres as opiniões...
Salvador Silva
Jose Luis Soares Moreira, parece-me que são só 230 mas mesmo estes são um exagero.

 

  ELEIÇÃO DA PRESIDÊNCIA E RESTANTE MESA DA AR
1024.jpgNo dia de ontem [3.ª feira 26mar2024] a Assembleia da República, eleita nas Legislativas de 10 de março, numa primeira votação para eleição de José Pedro Aguiar-Branco, deputado eleito por Viana do Castelo pela Aliança Democrática (AD) e candidato único para presidente da Assembleia da República, precisava de, pelo menos, 116 votos para ser eleito (metade mais um dos 230 deputados existentes). No entanto, conseguiu apenas 89. Houve ainda 134 votos brancos e sete nulosEmbora não possam existir certezas sobre quem não votou a favor, há algumas deduções fáceis de fazer. Desde logo, sobre quem terá apoiado a eleição de Aguiar-Branco: a AD (PSD e CDS) tem 80 deputados, pelo que, partindo-se do princípio de que todos eles votaram a favor do candidato proposto, sobram nove votos a favor "incógnitos". Ora, a bancada do Chega tem 50 deputados e a da IL tem oito. Assim, entre as 134 abstenções estará, forçosamente, a maioria dos 78 deputados do PS, bem como boa parte dos 50 parlamentares do Chega. Menos dificil de intuir é o sentido de voto dos 14 deputados da Esquerda (BE, PCP e Livre) mais PAN, que deverão ter sido todos dirigidos para a abstenção e, em menor número, para os nulos.

  
Vitor Soares
Não se comprometem com o Chega... ainda ontem os comentadores de direita diziam que o anterior presidente tinha sido um mau presidente... pumba, não há apoio de ninguém... depois querem entendimento para legislar...vai ser bonito vai
Paulo TeixeiraPalavra dada tem de ser palavra honrada.
David RibeiroMas qual é o espanto?... André Ventura nunca foi e continua a não ser confiável.
Paulo TeixeiraDavid Ribeiro isto nao é tao linear. Sao todos burros. A direita toda é burra e o ps perdeu o sentido de estado. Caminhamos para o abismo.
David RibeiroPaulo Teixeira, o PS (neste caso justiça lhe seja feita) anunciou que iria abster-se, mas o Ventura afirmou que apoiaria a eleição de Aguiar-Branco... só que Ventura é Ventura e facilmente dá o dito por não dito.
Alexandre Lapão Dos SantosPaulo Teixeira nem mais, nem menos. Muito bem dito!!!!
Gonçalo G. MouraDavid Ribeiro foi a AD quem roeu a corda. O acordo foi negado duas vezes pelo Nuno Melo e pelo Paulo Rangel... o Ventura tinha que ser muito ingénuo para o honrar.
David RibeiroNão deixas de ter razão, Gonçalo G. Moura, há "impreparação política" nesta AD.

  E é assim que estamos... O PSD retirou o nome de Aguiar-Branco para candidato a presidente da Assembleia da República. Convictos de que a votação seria igual à primeira, isto é, com PS e Chega a não votarem a favor do nome do PSD, os sociais-democratas optam por retirar a candidatura. Joaquim Miranda Sarmento, líder parlamentar do PSD, anunciou no plenário. “Assistimos à primeira coligação negativa” entre PS e Chega. “Talvez haja uma coligação positiva entre as duas forças e queiram apresentar um candidato.”

 
Isabel Sousa BragaDavid Ribeiro enfim.....
Vitor SoaresDavid Ribeiro mas dizer que é uma coligação negativa sem que primeiro tenham falado com o PS, depois de supostamente haver acordo com o Chega, também não fica lá muito bem ao PSD...
David RibeiroSem dúvida, Vitor Soares. Está na hora de um entendimento entre PSD e PS, não obrigatoriamente no Governo mas pontualmente no Parlamento.
Vitor Soares
Está na hora de mostrarem ao povo português que o povo está a cima dos interesses partidários.
Jose Luis Soares MoreiraComplicado, e agora?

  O Partido Socialista acaba de anunciar Francisco Assis candidato para presidente da Assembleia da República. Aguiar-Branco volta atrás e reapresenta candidatura. Manuela Tender do Chega também se candidata à presidência da AR, o que torna praticamente impossível uma eleição com estes candidatos.
  
Isabel SilvaSerá que os portugueses vão aprender?

  Assis foi o mais votado e passou com Aguiar Branco à segunda volta (Aguiar Branco 88; Francisco Assis 90; Manuela Tender 49; 2 votos brancos). Na segunda votação Francisco Assis teve mais votos que Aguiar-Branco, mas nenhum conseguiu os 116 exigidos. Assis 90; Aguiar-Branco 88; Votos em branco 52. Vamos ter no dia de hoje mais novas candidaturas e as respetivas votações.

 Bernardo Sá Nogueira MergulhãoVergonha, politiquice do pior. Qual o mal de Aguiar-Branco? Nenhum apenas apanhado no triste espectáculo. Siga.

   Notícia desta manhã - 4.ª feira 27mar2024
Captura de ecrã 2024-03-27 101517.png 
  David RibeiroPerante a birra de André Ventura e a imaturidade política de alguns senhores da AD, só há duas opções: ou o PSD retira a candidatura de José Pedro Aguiar-Branco e aceita a eleição de Francisco Assis, proposto pela bancada do PS, ou Pedro Nuno Santos aceita o candidato do PSD.

  Acaba de ser noticiado que o Chega vai apresentar Rui Paulo Sousa como candidato.

  Vitor SoaresOs dois principais partidos da governação têm que se entender e ser claros com os portugueses, nas propostas e na resolução dos portugueses. Se for tudo às escuras e continuarem a não saber comunicar com o povo, só dão força ao Chega.

  A solução encontrada para acabar com a birra do Chega parece-me interessante: PS e PSD acordam presidência dividida da AR - José Pedro Aguiar-Branco será presidente da Assembleia da República durante duas sessões legislativas (isto é, metade da legislatura, se chegar até ao fim), sendo as outras duas entregues ao PS, com Francisco Assis. Mas Assis não confirma se vai ser ele a presidir à AR daqui a dois anos: "O que é certo é que vai ser alguém do PS".

  
Isabel Sousa BragaDavid Ribeiro está cena do chega custou-lhe vários votos
Paulo NevesDavid Ribeiro sinal de que o governo vai durar, pelo menos, dois anos. Sentido de Estado
David RibeiroAssim parece, Paulo Neves. Mas não há garantia que o PS aprove tudo e mais alguma coisa que o PSD apresente no Parlamento. Assembleia da República é uma coisa e Governo é outra.
Paulo Neves
David Ribeiro, claro. A ver vamos. Eu acredito que isto vai durar, pelo menos, dois anos.

  Aguiar-Branco foi eleito Presidente da Assembleia da República
Captura de ecrã 2024-03-27 160315.png
Houve ainda 18 votos em branco. Só votaram 228 dos 230 deputados.
Foram eleitos vice-presidentes da Assembleia da República, Teresa Morais, do PSD, Marcos Perestrello, do PS, Diogo Pacheco de Amorim, do Chega e Rodrigo Saraiva, da IL.

 
David Ribeiro - E já agora: António Filipe é um Senhor. Vai ficar na história da nossa Assembleia da República.
Antero Braga
Tenho para mim ser homem sério e sempre disponível para servir o país. Merece o respeito de todos nós.
Albertina Pena Sousa
Uma pessoa de grande respeito e seriedade 👏👏
Adolfo Barros
A escolha foi má, devia ser o Ventura🤣🤣🤣🤣
Jose Carvalho
Foi o Antônio Filipe porque era o deputado com mais anos de assembleia da republica por isso foi ele que abriu os trabalhos.
Júlio Gouveia
Acho que é uma pessoa séria, embora claro não concorde uma virgula com aquilo que ele pensa. Agora.....acho que quem deveria ser o presidente deveria ser o anorma (peço desculpa ao administradpr mas foi a palavra mais simpatica qie encontrei ) do Ventura. Na minha opinião o tribunal constitucional nem deveria autorizar este partido com aquele programa, totalmente autoritário e com ideias todas contrárias à constituição. 50 deputados ???? O povo está louco ???

  Rescaldo dos últimos dias no Parlamento
434187768_10225014187889764_1150209823337757568_n.



Publicado por Tovi às 07:06
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 15 de Março de 2024
Vai ser assim na Assembleia da República...

 ...e a Iniciativa Liberal já disse que não quer ficar ao lado deles

417549164_10229571256019881_9018197033435483802_n. 

   
Isabel Ponce de LeãoEsta constante demonizacão do CHEGA dá-lhe protagonismo e agilizou o resultado das eleições. Há que ponderar!
David RibeiroMas temos que separar o trigo do joio na direita portuguesa, Isabel Ponce de Leão.
Isabel Ponce de LeãoDavid Ribeiro , em relação a isso estamos de acordo, mas tal não acontecerá se lhe continuarem a dar protagonismo.
Paulo TeixeiraIsabel Ponce de Leão isabel curioso não é. Ninguém separa o trigo do joio na esquerda
David RibeiroIsso não é verdade, Paulo Teixeira... e mesmo que fosse não servia de desculpa para não o fazer na direita.
Paulo TeixeiraDavid Ribeiro nao. Nao servia. Mas qual a diferenca entre o chega e o be o livre e o pc. Nenhuma. Sao partidos aceites pela constituição. Mantem te nesse registo de dizer que o lobo esta a porta e vais arriscar te a que ele venha mm. Digo eu que nao sou ou voto chega....
David RibeiroEu tenho uma linha vermelha com essa gente do Chega, Paulo Teixeira e concordo com Montenegro quando afirma que "não é não".
Gonçalo Norton LagesE os comunistas e os bloquistas estão representados sem as auréolas porquê?!
David RibeiroPorque nunca as exibiram no Parlamento, Gonçalo Norton Lages.
David RibeiroPorque nunca as exibiram no Parlamento, Gonçalo Norton Lages.
Fernando PeresDavid Ribeiro esses cercaram a assembleia e obrigaram os deputados a dormirem lá!!!! É um “poucochinho “mais que o Chega , não acham?
David RibeiroFernando Peres e porque é que as asneiras de uns terão que "normalizarem" as do Chega?
Fernando PeresDavid Ribeiro é que uns são crucificados pelo que vão fazer, porque até agora ainda nada de mal fizeram , e os outros que tanto mal fizeram estão agora “ normalizados”.
Jose Antonio M MacedoGonçalo Norton Lages Não sou de esquerda nem de direita, mas de centro, por isso estou à vontade para dizer que uma diferença substancial entre o Chega e o BE e o PCP é que estes últimos não defendem uma Quarta República tal como o Chega advoga. O Chega é um partido que não se define muito e isso preocupa-me, pois tanto defende medidas radicais esquerdistas e direitistas.
Jose Antonio M MacedoSe bem que o Chega defende medidas que são características da esquerda à esquerda do PS: "O Chega quer usar uma taxa sobre os lucros da banca para servir para baixar o crédito habitação"
David RibeiroO que está em causa, Jose Antonio M Macedo, não é a política do Chega, mas sim a forma "abandalhada" como se tem vindo a portar no Parlamento, o que advinha um futuro hilariante.
Jose Antonio M MacedoDavid Ribeiro Tem razão. Também e sobretudo isso, mas não só. Esse comportamento deriva da vontade do Chega se demonstrar como antissistema e anti politicamente correto. É uma forma de assumirem, materialmente, esse propósito.
Isabel Ponce de LeãoHá que voltar a redefinir regras e eleger uma mesa para AR forte, competente, imparcial e intransigente com arruaceiros
Jose LatourretteCom essa exigência a IL tem pouco de Liberal....e de democraticos.



Publicado por Tovi às 07:32
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 5 de Fevereiro de 2024
Eleições Regionais nos Açores

Resultados finais (provisórios)

Captura de ecrã 2024-02-04 233843.png

Tenho uma dúvida: Esta vitória da coligação PSD+CDS+PPM irá ter influência nas Legislativas2024?... O que vocês acham?

  
Paulo NevesVentos de mudança. PNS já disse tudo: não querem o Chega no governo, mas também não viabilizam um governo da AD. Conclusão: o maior aliado dos socialistas é o Chega.
Júlio Gouveia
Paulo Neves se a direita tiver maioria e os socialistas não viabilizarem governo da AD , infelizmente que remédio vão ter eles senão aguentarem com o Chega. Ao fim e so cabo foi o que eles fizeram com a geringonça. É pegar ou largar: ou apoias ou levas com o Chegq . Há outra solução?
Fernando PeresAquando das últimas legislativas o PS levantou o problema das sondagens que nunca deram maioria ao PS resultado que veio a obter. Será que hoje também vão pedir a cabeça das mesmas agências de sondagens que nunca deram a vitória da AD, colocando sempre o PS á frente?
Paulo Teixeira
Fernando Peres boa malha Peres
Paulo NevesSim, as sondagens e os comentadores são também os derrotados da noite.

  Reação da AD
"Governarei com uma maioria relativa. É com este cenário que vou tentar a estabilidade governativa durante 4 anos", diz José Manuel Bolieiro. O líder da AD Açores diz que está feliz e alegre e refere que a AD aumentou 5297 votos. "É a crescer que vemos a confiança do povo, o povo adere em massa à nossa governação", disse. O vencedor das eleições acusa o PS de fazer coligação negativa e "ainda assim sair derrotado". "Bolieiro é, de facto, o vencer da noite. Obteve para esta coligação uma vitória que não alcançávamos há 32 anos. É uma inspiração para dia 10 de março", começa por dizer Luís Montenegro. "Estes resultados dão condições de governabilidade", afirma.

 Reação do PS Açores
Vasco Cordeiro começa por dizer que já felicitou José Manuel Bolieiro pela vitória da AD nas eleições. "Os votos são claros e evidentes. A minha candidatura não alcançou o sucesso que eu desejava", afirma. Acrescentou que todas as "decisões e reflexões" sobre este resultado "serão feitas no tempo e local próprio". 
Já Pedro Nuno Santos afirma que "quando o PS ganha, ganha todo o PS, e quando perde, perde todo o PS". O líder do PS afirma que quer estabilidade, com progresso social e económico. 

  Reação do Chega
André Ventura diz que o PS e a esquerda não terão a maioria parlamentar e, segundo o líder do Chega, "isso deve-se ao crescimento exponencial do Chega em todas a ilhas dos Açores, em São Miguel e Terceira, com maiores círculos eleitorais".  O Chega mais que duplicou os resultados das eleições de 2020. "Já felicitei o presidente e a equipa dos Açores pelo resultado obtido", diz André Ventura. "A partir de hoje, com estes resultados, o Chega começará a trabalhar em conjunto com o PSD para um governo com estabilidade nos Açores. Estamos em articulação para haver uma convergência durante 4 anos", afirma.

  
David Ribeiro
Uma leitura que se pode fazer destas eleições nos Açores é que cabe aos socialistas impedir que o governo minoritário dependa do Chega, mas, infelizmente, não parece ser assim que pensa Pedro Nuno Santos. Mas os Açores são dos açorianos e eles é que sabem.
Jorge Ferreira MarvãoDavid Ribeiro, a estabilidade do futuro governo da AD nos Açores depende, pura e simplesmente, da vontade de PNS. Vota com o Chega e impede a maioria de governar. É só escolher
Bernardo Sá Nogueira MergulhãoA sondagem que dava vitória do PS da RTP é que pelos vistos não. Não faço a mínima ideia. O Chega apesar de todo o esforço para se tornar relevante é um desperdício de voto, nem cheira-rá poder e ainda bem.
David RibeiroBernardo Sá Nogueira Mergulhão... no meu entender se a AD da Madeira cair na esparrela de aceitar o Chega para lhe garantir uma maioria absoluta no Parlamento Regional, deixa de ser "um desperdício de voto", mas é capaz de vir a ser a breve trecho um problema para PSD+CDS+PPM.
Júlio Gouveia
David Ribeiro estou em querer que o PAN votará a favor do orçamento. Eles só não queriam era o Albuquerqie.v Claro que fazer acordos com o Chega é um desastre nacional aqui no continente , mas como vai ser se a direita tiver maioria???? Quem governa?
Bernardo Sá Nogueira Mergulhão
David Ribeiro já respondeu a isso, não. Irá governar em minoria negociando. Agora democratas tem de demonstrar sê-lo.
Manuel Alexandre SollaA direita tem que ganhar juízo . Sei que é difícil . A Coligação teve mais 5000 votos mas mantém uma minoria de deputados . O resto são flores. 
Fernando Peres
Manuel Alexandre Solla tem uma minoria de deputados com 42% , faltam 3 deputados para a maioria absoluta, mas cá o Costa / PS tiveram maioria com 41 %!!! O sistema nos Acores com o círculo de compensação da representatividade aos partidos mais pequenos e faz com que todos os votos contém, mantendo a importância de todas as 9 ilhas. Ca em Portalegre só elegem 2 deputados e todos os votos sobrastes vão para o lixo!!!
Manuel Alexandre Solla
A governação nos Açores que ter sair do binómio : Coligação de Direita - PS . A alternativa terá de ser à esquerda . Esperemos que o PS aprenda alguma coisa . Os Açores não precisam de alternância mas sim de alternativa . Mais 4 anos perdidos.
David Ribeiro - .Meu caro amigo Manuel Alexandre Solla... não estou muito à vontade para falar da política açoriana, porque em boa verdade não estou a par de todos os dados, mas uma coisa me parece certa: há partidos, os mais pequenos, que ou não fizeram um bom trabalho nos últimos anos ou já não têm qualquer credibilidade.
Manuel Alexandre Solla
David Ribeiro - A boa política não se mede pela quantidade . Hitler subiu ao poder com o voto popular e deu no que deu ... Não é para comparar mas apenas para justificar que nem sempre o voto popular justifica as políticas que se seguem.
Paulo Teixeira
Manuel Alexandre Solla so mesmo tu. A esquerda tem o seu pior resultado e nem a esperança no faial salvou a noite. A esquerda esta fora de moda. Foi o que disse o povo ontem
João CerqueiraSim, tem influencia



Publicado por Tovi às 07:21
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 28 de Dezembro de 2023
O Chega e a nova AD

A-Raposa-e-as-Uvas.jpg 

Diogo Pacheco Amorim, deputado do Chega, diz que "nunca teria aceitado convite" para integrar a nova AD. E André Ventura desvaloriza AD: “É uma aliança só de nome que mostra o desespero de quem quer ter mais votos do que o Chega”.



Publicado por Tovi às 07:15
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 23 de Novembro de 2023
Barómetro de novembro da Intercampus

Captura de ecrã 2023-11-21 134716.png

Pedro Nuno Santos será muito provavelmente o próximo líder do PS, ganhando a José Luís Carneiro, o seu principal adversário. É também apontado como sendo, potencialmente, o melhor primeiro-ministro, num Governo que saia das próximas eleições legislativas. A conclusão é do barómetro de novembro da Intercampus para o Negócios, CM e CMTV, cujo trabalho de campo decorreu de 14 a 17 de novembro. No entanto há que considerar que os indecisos (NS/NR) andam na ordem de 1/3 dos inquiridos.

  
Jorge SilvaQuerem eleger a força esta pessoa, esquecem se que esta sondagem não serve para nada
Gonçalo G. MouraJorge Silva tal como o personagem...
Jose Luis Soares Moreira
Creio ser comparado a António Costa/ António José Seguro, infelizmente quem os escolherá são os cúmplices da atualidade, então irá continuar a corrupção e o atraso no país ou partido. Esperemos consciência dos portugueses nas próximas eleições.
Júlio Gouveia
A ser verdade, o que sinceramente espero é que não haja maioria à esquerda senão iremos ter politicas comunistas e extremistas pois esse individuo é mais comuna e extremista que muotos comunistas e bloquistas. Temo pelo pais e por todos aqueles que foram com o seu trabalho construindo o seu futuro.
Pedro Matos Trigo
Quem diz que o PNS é o provável vencedor é a claque dele sob a batuta do LPM. E a malta repete isso. Mas vamos vendo a prestação de cada um, desde logo na CNN (mas não só) e a diferença é como o azeite...
David Ribeiro
Pena é, Pedro Matos Trigo, que se vote mais por "clubite" do que em verdadeira consciência.
Pedro Matos TrigoDavid Ribeiro não é só pena, é a razão desta #%&/(🤬🤬

 

  Outras coisas "interessantes" nos jornais de hoje
ab.jpg
  
Sobre "a respeito de Geert Wilders"
Gonçalo G. Moura -  Já estás como o nosso jornalixo? Até o CDS agora é de extrema-direita...
Bernardo Sá Nogueira Mergulhão
Era muito importante ressuscitar CDS na nossa democracia
Sobre "Debandada na IL"
Gonçalo G. Moura -
Tirando saberem de economia, muito pouco os distingue do BE...

 

  Tiraram-me as palavras da boca... ou melhor dizendo: escreveram aquilo que eu gostava de ter teclado
Captura de ecrã 2023-11-23 111103.png
   Júlio GouveiaQuem dera que ele ganhe. Com ele certamente acabarão os ódios que foram constantes nos governos Costa e talvez o pais se salvasse com acordos mutuos entre a direita ( sem Chega ) e o PS. As más governacoes que têm existido dos partidos ditos democraticos , por toda a Europa e em Portugal também; tem levado a subida enorme dos partidos da direita extremista o que coloca em perigo a democracia. Vejamos a Hungria, a Italia , também agora a Holanda entre outros. A França a ser a segunda força, A Espanha a terceira e em Portugal em terceiro segundo as ultimas sondagens com 18% Ou os partidos ditos democraticos se entendem e colaboram no sentido de querem efetivamente governar o país e para todos os portugueses e não tardará tudo a que o Chefa também tome conta do país. A alternativa é o comuna do não pagamos se unir aos extremistas de esquerda e fazer disto uma republica comunista extremista pois esse esquerdalha do Pedro tudo fará para se unir ao BE e com a fome de poder aceitar tudo que estes extremistas quiserem , inclusivé aceitar que essa catraia beloquista se torne ministra das finanças e cortar tudo a quem ganhe mais do ordenado minimo


  As tão aguardadas explicações de Lucília Gago... ou serão as não explicações?
(CNN Portugal na manhã de hoje)
Captura de ecrã 2023-11-23 134605.png



Publicado por Tovi às 07:01
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 17 de Agosto de 2023
André Ventura pede perdão a Papa Francisco

367726477_10223965658077174_2125166395112479910_n.

Assim de repente julguei que isto fosse mais uma invenção da "silly season"... mas não, é mesmo verdade esta nova patetice do líder do Chega.


Isabel Sousa Braga
Anedótico 😅
David Ribeiro
Estou completamente de acordo com o que escreveu o meu amigo Raul Almeida: "...Ventura esteve errado desde o primeiro minuto, acreditando que a JMJ ia ser um fracasso. Andou estupidamente, como lhe é habitual, a criar alarmismo, a prever a vinda de hordas de terroristas e enormes riscos de segurança. Foi desmentido categoricamente por mais de um milhão e meio de jovens, numa semana em que todos estiveram unidos em torno dos valores que Ventura combate: o amor, a fraternidade, a inclusão, a não discriminação, a generosidade..."
Jose Pinto PaisO papa deve ter agradecido
Bernardo Sá Nogueira MergulhãoPalhaço, no mínimo...
Paulo NevesNão vejo grande diferença entre este flic flac do Ventura e a pirueta do PM, que pouco se interessou pela JMJ (ao contrário de Marcelo que foi a todas) e depois almoçou com a Igreja
David Ribeiro - A sério que o Paulo Neves não vê grande diferença?... ou é só um comentário de quem não gosta de António Costa?
Paulo NevesDavid Ribeiro, as duas coisas. Afinal, quem é o ajudante mor de Ventura? Sim, porque ninguém questionou o PM pela sua não presença na JMJ? E porque não convidou ele todos os que estiveram diretamente envolvidos? Sabe muito.... Piscar o olho ao eleitorado católico, que esteve em massa com a JMJ. Claro que também é aproveitamento político, mas não interessa ir por aí, a começar pelos comentadores/comunicação social.
David RibeiroJá o entendi, Paulo Neves. Quando me explicam, eu percebo tudo.
Paulo NevesDavid Ribeiro ainda bem. Abs
David RibeiroCambada de aldrabões... Renascença alvo de notícias falsas difundidas por André Ventura 14ago2023
Isabel Sousa BragaDavid Ribeiro trafulhas, TODOS incluindo a RR
Valdemar RochaO Papa queria lá saber de tão negra personagem!...



Publicado por Tovi às 07:23
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 25 de Abril de 2023
Valeu a pena?... Claro que sim

22287221_cpcN2.jpeg

Campo de Instrução Militar de Santa Margarida
Batalhão de Engenharia n.º 3
Quarta-feira, 24 de Abril de 1974, 22h55
São quase 11 horas da noite e já entreguei no gabinete do oficial de dia ao QG do CIM (Campo de Instrução Militar) o relatório da ronda acabada de efetuar aos paióis. As temperaturas estão registadas, os cadeados das portas foram verificados, o pessoal está nos postos.
A caminho do nosso quartel, o Martins, o brioso condutor da Land Rover, desafia-me para uma partida de snooker: “Só uma partidinha… Hoje estou com uma fezada que lhe ganho”. Concordo e lá vamos para a messe de sargentos. O “barista” dormita encostado ao balcão e, com cara de quem já não esperava mais clientes, diz-nos: “Depressinha que tenho que fechar antes da meia-noite”. Duas minis fresquinhas escorrem-nos pelas goelas abaixo e começo eu. Nas duas primeiras tacadas entram a “1” e a “5”. Giz no taco, aponto à “3”, preparo o efeito… e aparece o Sargento da Guarda ao Quartel. “Quem é o Sargento de Dia ao Piquete?” pergunta ele. Com uma tacada brusca meto a bola no buraco do canto. “Sou eu, porquê?” – respondo-lhe com maus modos. Com o ar mais importante do Mundo diz-me: “O Nosso Segundo Comandante está à tua espera no edifício de Ordem Pública do QG. Vai lá depressa”. Prontos… lá se foi uma vitória certa. Boina na cabeça, blusão apertado e lá vamos a caminho do Quartel-General. Em 10 minutos estamos lá. À porta de armas informam-nos que deveremos ir imediatamente para a Sala de Operações. Entro, faço a continência e com um olhar rápido inventario os participantes na reunião: Um Major, o meu Segundo Comandante; três Capitães, dois do meu quartel e um de cavalaria; seis Alferes, todos do QG. Com ar grave diz-me o Major: “Ó Ribeiro, vamos entrar em prevenção rigorosa e quero que você me organize a defesa e proteção dos paióis. Ponha todos os seus homens do piquete a interditar as estradas de acesso e, a partir de agora, reporta diretamente a este grupo de oficiais. Vá lá organizar as tropas e depois encontramo-nos na messe de oficiais do Batalhão”. Faço novamente a continência e respondo: “Sim senhor, meu Comandante. É para já”. Meia volta e em passo rápido dirijo-me para o jeep. O Martins, com o ar mais aparvalhado que já lhe tinha visto pergunta-me: “Então?! Vai haver merda?”. Sem lhe responder entro na viatura e com a mão aponto-lhe a direção do quartel. Não me apetece falar… Ainda não digeri a ordem que acabo de receber. Tenho a certeza absoluta que aquilo que andamos a falar há uns tempos vai ser hoje.
Entro na caserna da 2ª Companhia de Sapadores e acordo o pessoal: “Está a formar rápido… Quero todos na parada em 5 minutos… Levantem rações de combate e encham os cantis de água… Quero toda a gente municiada e de capacete… Hoje não é exercício noturno… É mesmo a sério”. Tenho absoluta confiança nos meus homens. São Sapadores de Engenharia, habituados a acompanharem-me em operações de interdição de pistas de aviação e desativação de explosivos. Gente de barba rija.
Passam vinte minutos da meia-noite. No programa Limite da Rádio Renascença é transmitida a canção "Grândola Vila Morena" de Zeca Afonso. Está a começar o meu 25 de Abril.


Rodrigo Falcão MoreiraBelíssimo relato. Obrigado por isto.
Alfredo SolteirQue a liberdade se mantenha e que não seja confundida com liberdade para mandar mas sim liberdade para viver.

 

  
DE01769.jpgO dia 25 de Abril é sempre especial na Assembleia da República, palco da sessão solene que assinala a Revolução dos Cravos e o fim da ditadura em Portugal. Mas, este ano, a chamada casa da democracia recebe um convidado antes das intervenções de partidos, presidente da Assembleia e presidente da República, o que obrigou a algumas alterações de protocolo e outras tantas declarações acesas de líderes políticos. Lula da Silva, nesta manhã, quinto e último dia da sua visita oficial a Portugal, é homenageado no parlamento com uma sessão solene que já fez correr muita tinta. O partido Chega, manifestou-se desde logo "veementemente contra" a presença do presidente brasileiro no parlamento português. Tendo em conta que manifestações estão agendadas para aquele local - uma delas convocada pelo Chega em protesto pela presença de Lula da Silva no Parlamento, outra por apoiantes do presidente brasileiro - o Comando da PSP de Lisboa recusou divulgar o número de efetivos empenhados na operação junto à Assembleia da República, garantindo porém que as autoridades vão apostar num policiamento de visibilidade e preventivo, que possibilitará uma resposta "rápida e eficaz" se for necessária.

 


Captura de ecrã 2023-04-25 110140.pngInqualificável a atitude dos deputados da bancada do Chega ao levantarem-se com várias mensagens - cartazes onde se lia “Chega de corrupção” e outros a dizerem “Lugar de ladrão é na prisão” - durante o discurso de Lula da Silva na Assembleia da República. Há limites para tudo. O que se passou hoje na Casa da Democracia é vergonhoso.

  
Júlio Gouveia
Bem verdade. Vergonhoso. Por muito que não se possa gostar do homem ou das suas políticas, trata-se de um presidente dum país eleito democraticamente. Pelo que o que o Chega fez é vergonhoso e envergonha o nosso país. Inadmissível.
Joaquim Figueiredo
Pode dar origem a processo penal e cadeia. Espero que o MP esteja atento
Carlos Miguel SousaJoaquim Figueiredo Pode ? Porquê ?
Joaquim FigueiredoCarlos Miguel Sousa o código processo penal identifica como crime e sujeito a prisão quem insulte um chefe de estado em visita oficial ao nosso país. Artigo 322.º - Crimes contra pessoa que goze de protecção internacional. 1- Quem atentar contra a vida, a integridade física ou a liberdade de pessoa que goze de protecção internacional, encontrando-se o ofendido em Portugal no desempenho de funções oficiais, é punido com pena de prisão de 1 a 8 anos, se pena mais grave lhe não couber por forca de outra disposição legal. 2- Quem ofender a honra de pessoa que goze de protecção internacional e se encontre nas condições referidas no número anterior é punido com pena de prisão até 2 anos ou com pena de multa, se pena mais grave lhe não couber por força de outra disposição legal.
Diogo Jácome de VasconcelosFoi demasiado mas Graças a Deus o Santos Silva deu a importância pretendida.
David Ribeiro
A "irritação" do Presidente da Assembleia da República é perfeitamente compreensível, no meu entender, porque realmente “Os senhores deputados que se querem permanecer na sessão plenária devem comportar-se com urbanidade, cortesia e a educação que é exigida a qualquer representantes do povo português. Chega de degradarem as instituições, chega de porem vergonha no nome de Portugal”.
Paulo NevesDavid Ribeiro, o próprio SS (Santos Silva) não precisava de usar tantas vezes o nome do partido em causa.
David RibeiroE porque não, Paulo Neves ?...
Paulo Neves
David Ribeiro porque lhe está a dar palco. Hoje, Bernardo Ferrão na SIC dizia, e bem, que Costa se pôs a jeito quando falou em brasileiro. Ainda não perceberam que lhe dão palco desnecessariamente. E nisso o PS é mestre.
Carlos Miguel SousaPaulo Neves Não é desnecessariamente é PROPOSITADAMENTE. 😉
Paulo Neves
David Ribeiro, desculpe, só mais uma ideia: hoje, no parlamento, ninguém se preocupou com o alheamento da juventude relativamente ao 25/4. E sobre a crise e empobrecimento de Marcelo nem uma palavra.
Gilberto Santos - Vergonhoso. Há limites para tudo.
Ana Maria OliveiraPalhaçada!
Jorge SilvaParabéns para o Chega,Portugal é um pais de ladrões começa no presidente e termina nos deputados, bem hajam os deputados do chega
David RibeiroJorge Silva... tratar o Presidente da Assembleia da República e os seus Deputados, seja porque motivo for, por "ladrões", não é admissível neste Grupo.
Jorge SilvaDavid Ribeiro sou livre de dizer o que quiser faça o que quiser
David Ribeiro - Olha m'este!...
Manuel Matos
David Ribeiro ainda não o saneou do grupo????
Paulo NevesSó deixo uma questão para reflexão: está a ser cumprida a Constituição? Vão lá ver, se fazem favor, o que diz sobre a ilegalidade de certos partidos. Tal e qual como a regionalização. Se calhar, o erro começa por aí
David Ribeiro
Não deixa de ter razão, Paulo Neves... mas o que eu gostaria de ver era uma maioria qualificativa para rever a já "fora de época" da nossa Lei Fundamental.
João Correia da SilvaVergonhoso é receber na casa da democracia um condenado por corrupção que foi posteriormente não condenado por erro processoal e não por estar inocente.
Manuel MatosJoão Correia da Silva se teve processos criminais ou não, não sei. Sei é que aquela pessoa estava na AR como Presidente Eleito democraticamente pelos eleitores do seu País. E isso deveria querer dizer alguma coisa .... Mas você deve ser daqueles que acha que era mais legítimo Salazar governar sem eleições
João CerqueiraJá estava previsto desde aquele convite atabalhoado, para branqueamento e normalização da corrupção.
Margarida Fernandes
Uma vergonha, que triste figura 🙈🙈
Carlos Miguel Sousa
A Liberdade de Expressão tem um preço.
Maria Manuela SilvaVergonhoso. Um parvalhão que só sabe berrar, gesticular, um fanfarrão, fantoche, e tudo o de mais que não posso escrever.



Publicado por Tovi às 00:20
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 31 de Março de 2023
PS e PSD empatados - Direita consegue maioria

Conhecida ontem uma sondagem ICS-ISCTE, para SIC/Expresso. Trabalho de campo decorreu entre os dias 11 e 20mar2023.

Captura de ecrã 2023-03-30 214122.png

  Este Governo de António Costa já teve melhores dias
Captura de ecrã 2023-03-30 220649.png


Júlio GouveiaPois.... o Chega cada vez a subir mais ....por culpa de quem???? Da péssima governação do PS, e isso vê-se também na descida abrupta desse partido.
Raul Almeida
E é do ISCTE, o maior feudo socialista da academia.

 

  Evolução das sondagens trimestrais da ICS-ISCTE, comparadas com os resultados das Legislativas2022
ISCTE 30mar2023.png



Publicado por Tovi às 07:55
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 18 de Março de 2023
Chega de André Ventura mais próximo do PSD e PS

Captura de ecrã 2023-03-17 203800.png

O PS e o PSD continuam muito próximos nas intenções de votos, uma tendência que se tem verificado nas últimas sondagens. De acordo com o último barómetro da Intercampus publicado nesta sexta-feira, no Jornal de Negócios e no Correio da Manhã, os socialistas obteriam 25,9% dos votos, enquanto os sociais-democratas conseguiriam 24,2%. Os dois partidos sobem face ao último estudo de opinião. O Chega, por sua vez, consegue 13,5%, aumentando em quase 2% as intenções de votos em relação ao barómetro de fevereiro. O partido de André Ventura obtém mesmo o melhor resultado de sempre numa sondagem da Intercampus. Em quarto, segue-se a Iniciativa Liberal, com 7%, registando uma queda de 0,4 pontos percentuais. Os partidos de direita (PSD, Chega, IL e CDS) voltam a estar em maioria face à esquerda (PS, BE, CDU e Livre) e com uma vantagem confortável (46% contra 37,2%). 

  Júlio GouveiaO povo está a começar abrir os olhos e a perceber o quão errada tem sido está governação, em que se apresentou a eleições com um programa socialista e executa o programa comunista que não foi sufragado. E esta governação infelizmente está a fazer o " upa upa " do Chega

 

  Evolução dos valores do  barómetro mensal da Intercampus, comparados com as Legislativas2022
Intercampus evolução até 17mar2023.png

 

  António Costa vs Luís Montenegro
336510137_219486480736356_761621240512850077_n.jpg

Maria Emília FerreiraCosta
Raquel P. Magalhães CorreiaGostaria de ouvir qual o fundamento dos inquiridos para tal escolha.
David RibeiroPois é, Raquel P. Magalhães Correia ... A falta de confiança na oposição dá estes resultados.



Publicado por Tovi às 07:35
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 22 de Janeiro de 2023
Sondagem da Aximage para JN, DN e TSF

Captura de ecrã 2023-01-22 100102.jpg
PS - 27,1%
PSD - 25,1%
Chega - 12,9%
I.Liberal - 9,5%
BE - 6,6%
CDU (PCP) - 4,8%
Livre - 3,4%
PAN - 3,1%
CDS - 1,4%

Era expectável... depois de tantas trapalhadas em que o PS se tem envolvido.

 

  Uma sondagem é um retrato do momento, sempre com imperfeições, não é uma eleição. Ainda assim, mesmo os mais desconfiados serão obrigados a reconhecer que esta que foi realizada pela Aximage, entre 10 e 14 de janeiro, parece confirmar muitas das leituras que se têm ouvido a comentadores e politólogos, e até ao presidente da República, nos últimos meses: primeiro, o desgaste do PS, minado por sucessivos escândalos; segundo, a incapacidade do PSD de se apresentar como uma alternativa forte; terceiro, a polarização que desfaz o centro, premiando os radicais de Direita. (Notícia completa do JN aqui)

 
  Evolução das sondagens conhecidas em 2023
Valores das sondagens (I=Intercampus; A=Aximage) comparadas com as Legislativas de 2022

Sondagens evolução 22jan2023.jpg

 


Júlio GouveiaPois é mesmo certissima a análise que faz. O PS e AC vão ser os responsáveis por este pais ficar nas mãos da extrema direita do Chega , não digo que cheque ao extremismo de vencer e ser ele a governar , mas que qualquer governo que se possa fazer esteja dependente do voto do Chega não me admiro
Joaquim FigueiredoJá disse...o MP está minado por fascistas, porque há casos que não são casos e o MP envia para o seu jornal de parede informações indevidas... depois são ilibados como Azeredo Lopes ou Miguel Macedo...e como gostamos de "sangue". O importante já não é governar bem... são casos e casinhos, um ou outro grave, mas não são actos de corrupção
David RibeiroMeu caro amigo Joaquim Figueiredo, já não se consegue tapar o Sol com a peneira. Os escândalos são constantes e alarmantes do estado a que chegamos.
Joaquim FigueiredoDavid Ribeiro que escândalos? O único que me parece escândalo é o caso da Alexandra
David RibeiroJoaquim Figueiredo, se em vez de acusar "MP está minado por fascistas", coisa muito grave vindo de si, se olhasse para dentro do seu partido, não só o PS mas também a DEMOCRACIA ficavam a ganhar.
Joaquim Figueiredo
David Ribeiro não tenho partido, não encontro no PS coisas diversas que vejo nos outros, mesmo nos ditos partidos sem ideologia. Claro que o PS e o PSD estão mais sujeitos a adversidades... a diferença é que o PS tem sido o bombo da festa. Acha que o caso Manuel Pizarro é caso? Acha que o caso da senhora da agricultura é caso? Acha que o caso de Rui Moreira foi caso? Francamente
João Pedro MaiaO Chega? Que país medonho nós vivemos...
Carlos Pedrosa
Espero que o Povo Português não se esqueça que já teve de dizer: CHEGA!
Bernardo Sá Nogueira Mergulhão
E o iniaciva Liberal, mais um votante. Claramente os melhores quadros actualmente.



Publicado por Tovi às 09:59
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 23 de Agosto de 2022
Barómetro de agosto da Pitagórica

Captura de ecrã 2022-08-22 214650.jpg



Fernando Duarte
Os indecisos também votam, e por vezes decidem à ultima da hora. Uma "Jéssica" por exemplo, assassinada na véspera por uma bruxa com a cumplicidade da mãe, e o CHEGA passa de 9 para 20 !
Rui LimaO vendedor de banha da cobra a crescer é inexplicável... Idem para o PC .



Publicado por Tovi às 08:49
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 31 de Janeiro de 2022
O dia seguinte às Legislativas2022

rtp rrsultados.jpg

A vitória do PS não me surpreendeu, mas não contava com uma maioria absoluta. Esperemos que António Costa a saiba usar para o bem dos portugueses.

Rui Rio, por quem nunca tive simpatia política, não conseguiu que o PSD se afirmasse como alternativa ao Governo. Está provado que o País não é a cidade do Porto onde foi presidente por 12 anos.

Chega é, sem dúvida, o partido dos “descontentes” e há muitos descontentes em Portugal.

A Iniciativa Liberal foi um dos vencedores da “direita” nesta noite eleitoral. Mas tem ainda que sair das zonas urbanas e ir à conquista do país.

O Bloco de Esquerda e o Partido Comunista Português deram um trambolhão maior do que era esperado e vão ficar reduzidos a cinco e seis deputados, respetivamente.

Contra o que eu esperava o Livre lá conseguiu eleger deputado o Rui Tavares, não parecendo ter acusado a rutura com Joacine Katar Moreira na legislatura anterior.

O PAN, o “Cavalo de Troia” da política nacional, ainda conseguiu eleger Inês de Sousa Leal, mas não vai longe com este resultado.

O CDS desapareceu, na minha opinião fruto da infantilidade política do Chicão.

E pronto… siga para bingo.


João Geirinhas Rocha - Quem viesse de Marte e aqui aterrasse nos últimos dias ao ler o Facebook ficava convencido que o Costa era o politico mais odiado do país. E no entanto…

 

  A Liga dos Últimos
a liga dos últimos 31jan2022.jpg


  A iliteracia política nacional
31jan2022.jpg

 

  A melhor explicação para se saber de quem é a culpa do resultado eleitoral de domingo: "...dos tradicionais malandros ex-abstencionistas que, desta vez, para baralhar as contas, decidiram ir votar". (roubado por aí)



Publicado por Tovi às 09:24
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 4 de Janeiro de 2022
Debates televisivos para as Legislativas2022

Rio vs Costa.jpg

António Costa disse que uma solução estável "só é possível com uma maioria do PS". Rui Rio garantiu que "é impossível haver uma coligação com o Chega".

Já tenho dois motivos para votar PSD… e, politicamente falando, nem morro de amores por Rui Rio.
 

Nuno Matos Pereira - Mas o David vota num representante que defenda o seu distrito ou vota num primeiro ministro para o governo?
João Simões - Não sabia que o David agora votava diretamente no PM. Nem sabia que tinha gostado da governação de Rio, no Porto.
David Ribeiro - Eu voto para um Parlamento donde sairá um Governo. Obviamente que me terei de identificar politicamente com quem integra as listas em que votarei.
 
 
  Debate André Ventura x Rui Rio - 03jan2022
Ventura x Rio 3jan2022.jpg
Ventura continua a garantir que só apoia o PSD se entrar no Governo. Rio não acredita nas ameaças e diz que Chega tem de escolher se viabiliza um Governo de direita ou se faz o frete aos socialistas.

Questionado se prefere entregar o poder ao PS a fazer um entendimento com o Chega, Rio contrapôs com um desafio a André Ventura. "Se o PSD apresentar um programa de Governo na Assembleia da República - não é votado, mas podem meter uma moção de censura - aí naturalmente o dr. André Ventura tem de decidir se quer chumbar o Governo do PSD e abrir portas à esquerda", afirmou. Confrontado com esta questão, o líder do Chega reiterou as suas condições para essa viabilização: "O Chega só aceita um Governo de direita em que possa fazer transformações e isso implica presença no Governo", disse.

 

  Pois é!... Mas eu não quero uma "Geringonça 2.0"
Eu não quero uma Geringonça 2.0 .jpg

 

  Debate António Costa x Jerónimo de Sousa - 04jan2022
Costa vs Jerónimo 04jan2022.jpg

 

  Debate Cotrim Figueiredo x Rodrigues dos Santos - 05jan2022
IL vs CDS 5jan2022.jpg
Com o debate de hoje entre IL e CDS fiquei a perceber porque é que a Iniciativa Liberal cresce e o CDS minga... eu já desconfiava mas hoje tive a confirmação que Cotrim Figueiredo sabe ser um líder partidário, ao contrário do Xicão que até me faz lembrar o André Ventura na forma como debate política.
  David Ribeiro - O que mais me irritou neste debate foram as graçolas de mau gosto que o Xicão usou para tentar fazer valer os seus parcos argumentos. Nisto até conseguiu superar o André Ventura. E é nestas pequenas (grandes) coisas que se faz a opinião.

 

  Debate Rui Rio x Catarina Martins - 05jan2022
PSD x BE 05jan2022.jpg
Para mim uma coisa ficou clara neste debate: Rui Rio é um social democrata e Catarina Martins está muito longe de o ser.

David Ribeiro - Mas uma coisa também é certa... Rui Rio continua a ser o "casmurro" que sempre foi e já era tempo de ouvir os seus conselheiros (se é que os tem) e saber falar para audiências. Continua um mau comunicador.
Paulo Jorge Teixeira - David Ribeiro e insiste no erro. Quem prepara o homem para os debates deve vir de uma agência de publicidade do Burkina Faso pedindo desculpa desde já ao país pela comparação.



Publicado por Tovi às 09:22
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 3 de Janeiro de 2022
Catarina Martins vs André Ventura

271182424_10159302039367949_166586493608517170_n.j

  Expresso - Debates Legislativas2022
No segundo debate das legislativas, as notas dos comentadores do Expresso dão negativa a André Ventura: o líder do Chega não passa a médio dos 3,8 valores, contra 5,5 da líder do Bloco. Veja porquê, aqui em baixo, lendo a avaliação dos comentadores do Expresso.
Daniel OliveiraCatarina Martins 7 x André Ventura 5
Pela primeira vez, um dirigente de esquerda conseguiu impedir a sabotagem. A todas as interrupções, Catarina Martins nunca se deixou levar. Nunca baixou o nível ou perdeu a calma. Os dois candidatos falavam para os seus potenciais eleitores, não a indecisos entre si. E Catarina Martins precisava de deixar claro que a simetria entre Ventura e ela são absurdas. O que deixou alguns comentadores dececionados. E centrou o debate no terreno que Ventura costuma tentar focar sozinho: na corrupção. Ventura disse para marcar o dia e a hora para debater a corrupção. Faltou, no parlamento, quando se votaram as medidas anticorrupção. Como o conteúdo conta, deve-se reforçar que não teve medo de defender a decência, seja sobre imigrantes ou os mais pobres, mesmo em temas que podem ser impopulares. Foi inteligente na utilização do Papa Francisco no confronto com Ventura.
Martim SilvaCatarina Martins 4 x André Ventura 2
Catarina Martins procurou levar o debate para temas como a corrupção, tentando combater André Ventura em áreas com que este adora encher a boca. A opção era difícil e arriscada, convenha-se. De qualquer forma, André Ventura (com um discurso que, há que reconhecer, é fácil e pode ter impacto) continua a querer assustar e a usar o discurso do medo, dizendo por exemplo que o RSI é “distribuir subsídios para o pessoal” ou que o apoio aos refugiados e migrantes cria subsidio-dependência. Quem o faz não pode, necessariamente, ter uma avaliação positiva.
David DinisCatarina 4 x Ventura 1
Ventura está mais agressivo, mais demagogo, mais insultuoso, mais irascível, mais perigoso do que nunca. Ventura foi, porventura, eficaz para os seus, leva um ponto, porque um ponto é o melhor que se consegue dar a quem entra num debate como se entrasse no Squid Game. Catarina Martins foi cilindrada com ataques e muitos insultos e, em contenção (lembram-se de Marisa Matias?), só mais perto do fim decidiu dizer a verdade: “André Ventura é um condenado por racismo”. Pois é, mas Catarina foi pouco eficaz.
 
  Só para contextualizar... sondagens dos últimos dois meses para BE e Chega, comparadas com o resultado das Legislativas2019.

30dez2021 BE e Chega.jpg



Publicado por Tovi às 09:52
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 16 de Julho de 2021
Primeira sondagem para as Autárquicas no Porto

Sondagem e evolução 16jul2021.jpg
Sondagem da ICS/ISCTE (para SIC e Expresso) em comparação com os resultados das Autárquicas de 2013 e 2017.

  Rui Moreira pode repetir a maioria absoluta de há quatro anos. PS baixa resultado de 2017, PSD nem chega aos 10%.

 

   Comentários no Facebook

Tiago Barbosa RibeiroNão tenho o hábito de comentar sondagens, mas vale a pena olhar para tendências. Gostaria por isso de destacar a primeira grande sondagem conhecida para a Câmara Municipal do Porto (ICS e ISCTE-IUL para SIC e Expresso). Os números sugerem o seguinte:
1. Há apenas dois candidatos que podem vir a liderar a autarquia. Um é Rui Moreira, o outro sou eu. Os descontentes e desalentados com o actual poder municipal têm uma alternativa clara para concentrar o seu voto e possibilitar a mudança.
2. O PS parte de uma posição destacada que iremos reforçar dia a dia. Está em marcha uma grande campanha com centenas de candidatos, apoiantes e voluntários. Nas últimas 4 semanas tenho estado de manhã à noite no terreno e é notório - e crescente! - o apoio ao nosso projecto.
3. Lidero uma candidatura pelo PS que vai muito para além do PS. Isto é válido para cidadãos sem partido e para tradicionais votantes de outros partidos. Respeito todos os candidatos e opções. É sabido que sempre mantive diálogo com forças progressistas do Porto e não há nenhuma razão, nem de protagonistas nem de programa, que impeça o seu apoio a este projecto. Ele é o único capaz de corporizar um mudança sem provocar uma fragmentação eleitoral que tornará inconsequente a mobilização daqueles que aspiram a outro Porto. Neste diálogo não esquecemos, porque está na nossa identidade, a sustentabilidade ambiental e a protecção dos animais.

David Ribeiro - Com toda a amizade e simpatia que tenho por Tiago Barbosa Ribeiro, e ele sabe que o tenho em grande consideração, gostaria no entanto de saber se ele ficará ou não como vereador socialista no executivo camarário, no caso mais que provável de não ganhar a Câmara do Porto.



Publicado por Tovi às 11:15
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Maio 2024
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9


25

26
27
28
29
30
31


Posts recentes

A nova Assembleia da Repú...

Vai ser assim na Assemble...

Eleições Regionais nos Aç...

O Chega e a nova AD

Barómetro de novembro da ...

André Ventura pede perdão...

Valeu a pena?... Claro qu...

PS e PSD empatados - Dire...

Chega de André Ventura ma...

Sondagem da Aximage para ...

Barómetro de agosto da Pi...

O dia seguinte às Legisla...

Debates televisivos para ...

Catarina Martins vs André...

Primeira sondagem para as...

António Fonseca e as próx...

A Grande Ilusão: o ódio s...

Há coisas que não entendo

Separemos as águas entre ...

Mais duas semanitas e já ...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus