"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Quarta-feira, 28 de Outubro de 2020
Assim vai a pandemia em alguns países da EUROPA

europa .jpg

  • As hospitalizações na BÉLGICA estão a subir a um ritmo semanal de 88%, com 502 internamentos diários em média, enquanto as mortes associadas ao Sars-CoV-2 se situaram na média diária de 48,3 óbitos, uma alta semanal de 50%.
  • Em ESPANHA estão hospitalizados em todo o país 16.008 pessoas infetadas com o novo coronavírus, das quais 2.183 estão em UCI.
  • No REINO UNIDO 1.142 pessoas foram hospitalizadas por causa do novo coronavírus, que já provocou a morte a 44.998 infetados e mais de 890.000 contágios.
  • Os infetados com covid-19 nas UCI da ITÁLIA são já 1.284 e crescem a uma média diária de 90 pessoas, o que faz temer que, em poucas semanas, os hospitais possam entrar em colapso, tal como ocorreu em março.
  • Nos últimos sete dias, os hospitais da FRANÇA registaram 13.066 internamentos devido ao novo coronavírus. Segunda-feira, segundo os dados avançados pela Agência de Saúde Pública (ASP) francesa, estavam hospitalizados 17.784 pacientes, 2.770 nas UCI.
  • Na HOLANDA estão hospitalizados devido ao novo coronavírus 2.249 pacientes, com 506 deles nas UCI.
  • A ROMÉNIA registou nas últimas 24 horas 104 mortes associadas à covid-19.
  • PORTUGAL contabilizou hoje mais 28 mortos relacionados com a covid-19 e 3.299 novos casos confirmados de infeção.
  • REPÚBLICA CHECA acumulou cerca de 163 mil infeções desde o início da pandemia, com 5.613 pacientes hospitalizados, 800 deles em estado grave.
  • O sistema de saúde na RÚSSIA está a trabalhar hoje em toda a sua capacidade.
  • A falta de pessoal nos hospitais está a converter-se num dos principais problemas para assistir os doentes com coronavírus na ALEMANHA, onde o número de pacientes nas UCI duplicou em duas semanas.


Publicado por Tovi às 07:02
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 24 de Outubro de 2020
Hospitais sobem patamares nos planos de contingência

Situação hospitalar 24out.jpg
Um dos indicadores que está a causar maior preocupação é o número total de internados (1455 em enfermaria e 221 nos cuidados intensivos), provocando assim uma grave pressão sobre os serviços de saúde. A ARS Norte assume que “todos os hospitais da região têm ativos os seus planos de contingência”, avançando ainda que “durante o último mês, foram duplicadas as camas de enfermaria (atualmente 590) e de UCI (129) para covid”.

 

   C u i d a d o ! . . . 

Anotação 2020-10-24 170854.jpg

 


"Estamos numa fase muito séria da pandemia da COVID-19. O número de novos casos está em espiral crescente, dia após dia. A pandemia está a espalhar-se rapidamente de novo, ainda mais rápido do que no início, há mais de seis meses", disse Angela Merkel num discurso televisionado no dia de hoje.

merkel .jpg

 

   Negacionismo
negacionismo.jpg



Publicado por Tovi às 14:38
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 22 de Outubro de 2020
Da série "repensar o Natal"

presépio.jpg



Publicado por Tovi às 10:59
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 20 de Outubro de 2020
Programa Alimentar Mundial (PAM)

fome.jpg

Numa altura crítica em que todos andamos preocupados com a pandemia que nos atormenta, é compreensível que não seja grande tema de conversa o Prémio Nobel concedido ao Programa Alimentar Mundial (PAM), mas tudo anda ligado e temos que colocar a FOME no centro da agenda mundial. Esta organização agora laureada com o Prémio Nobel é a maior agência humanitária das Nações Unidas e fornece assistência a cerca de 100 milhões de pessoas, incluindo 58 milhões de crianças, em 88 países. De acordo com estimativas do próprio PAM, o número de pessoas em situação de insegurança alimentar aguda deve aumentar em 80% no ano de 2021, especialmente por deterioração das condições criadas pela COVID-19.



Publicado por Tovi às 10:00
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 17 de Outubro de 2020
Situação hospitalar de internamento em UCI

expresso ab.jpg
expresso aa.jpg
(Artigos do Expresso deste fim-de-semana)

O número crescente de infetados por Covid-19 é preocupante, é certo, mas o GRAVE é a situação hospitalar, principalmente nos internamentos em UCI.

 
   Comentários no Facebook
Joaquim Figueiredo - E se não tivermos juízo as coisas vão piorar
José Lachado - A falta de juízo da população, acrescido do desinvestimento na saúde e falta de profissionais, desde os tempos da ministra Manuela Ferreira Leite, levam a um certo descontrolo. Mas, na Europa o cenário não é melhor. Haja bom senso. Levem esta pandemia a sério!
 
 
   Evolução da situação hospitalar em Portugal
Situação hospitalar 17out.jpg


Publicado por Tovi às 09:43
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 15 de Outubro de 2020
Instalar ou não a StayAwayCovid ?

121665104_10157827198202842_284632918616791761_n.j

No meu telemóvel não dá, pois a versão Android é 4.0.4 de 29mar2012… mas dizem que é assim: "...se a proposta for aprovada passará a ser obrigatória a instalação da Stayaway Covid, a aplicação para rastreio da doença que por agora é de uso voluntário, em contextos 'laboral ou equiparado, escolar e académico', para toda a gente que tenha um telemóvel que o 'permita'. Os trabalhadores em funções públicas, funcionários e agentes da Administração Pública, incluindo o setor empresarial do Estado, regional e local, profissionais das Forças Armadas e de forças de segurança, serão 'especialmente' abrangidos pela regra."

 


Com máscara ou sem máscara na rua… com ou sem instalação da aplicação Stayaway Covid… o que temos é que urgentemente travar este aumento diário de camas ocupadas nos hospitais com Covid-19.
Situação hospitalar 15out.jpg

 


A 13 de outubro os hospitais da Região de Lisboa e Vale do Tejo tinham 517 camas de enfermaria dedicadas a doentes com covid-19, estando ocupadas 420 (81,2%). Nas Unidades de Cuidados Intensivos (UCI) estavam alocadas 97 camas, 64 das quais ocupadas (66%). A capacidade total instalada na região é de 6330 camas de enfermaria e de 301 de UCI de adultos polivalente. Não tenho dados da Região Norte mas só o hospital São João tinha nesta quarta-feira, 53 pessoas internadas com covid em enfermarias e 15 no serviço de cuidados intensivos.
uci.jpg



Publicado por Tovi às 10:21
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 14 de Outubro de 2020
Novo Estado de Calamidade em Portugal
Desde o início do passado mês de setembro que é GRAVE a evolução da pandemia em Portugal (ver gráfico da evolução da caraterização clínica em Portugal, com dados da DGS atualizados ao dia de hoje), pelo que não nos devemos espantar com a declaração de um novo ESTADO DE CALAMIDADE, com as seguintes medidas:
1. 
Elevar o nível de alerta, de contingência para o estado de calamidade em todo o território, habilitando Governo a adotar, sempre que necessário, as medidas que se justifiquem para conter a pandemia, desde restrições de circulação a medidas que, em concreto e localmente, se justifiquem.
2. 
A partir da meia-noite deixarão de poder haver ajuntamentos na via pública de mais de cinco pessoas. A limitação aplica-se noutros espaços de uso público de natureza comercial e na restauração.
3. 
Limitar os eventos de natureza familiar, como casamentos e batizados, que sejam marcados a partir de hoje, a um máximo de 50 participantes.
4. 
Proibir nos estabelecimentos de ensino, designadamente nas universidades e politécnicos, todos os festejos académicos e atividades de carácter não letivo ou científico, designadamente as atividades de receção ao caloiro e outro tipo de festejos que implicam ajuntamentos.
5. 
Determinar às forças de segurança e à ASAE um reforço das ações de fiscalização para o cumprimento das regras na via pública, nos estabelecimentos comerciais e na restauração.
6. 
Agravar até 10 mil euros as coimas aplicáveis às pessoas coletivas que não assegurem o cumprimento das regras em vigor quanto à lotação e afastamento que é necessário assegurar nesses espaços.
7. 
Recomendar vivamente a todos os cidadãos o uso de máscara comunitária na via pública, sempre que haja outras pessoas na via pública, e a utilização da aplicação Stayaway Covid, e a comunicação através da aplicação sempre que haja um teste positivo.
8. 
Apresentar à Assembleia da República uma proposta de lei para que seja imposta a obrigatoriedade do uso de máscara na via pública, nos momentos em que há mais pessoas na via pública, e o uso da aplicação Stayaway Covid, em contexto laboral, escolar e académico, nas forças armadas e de segurança e na administração pública. A proposta será apresentada entre hoje e amanhã, e será solicitada a sua tramitação com urgência.

Situação hospitalar 14out.jpg

 


porto 14out.jpg

 


frança recolher obrigatório.jpg



Publicado por Tovi às 13:52
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 8 de Outubro de 2020
Num clube de strip...

...em tempo de pandemia

120926424_1782586578547112_3808942609051361094_n.j



Publicado por Tovi às 07:12
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 4 de Outubro de 2020
COVID-19 - Situação hospitalar

Situação hospitalar 04out.jpg

Diz o Governo que o aperto nas medidas só acontecerá se houver um agravamento significativo que coloque em causa o SNS, mas a verdade é que a ocupação hospitalar em Portugal, nomeadamente em cuidados intensivos, já está nos valores de meados de maio passado. Só na região de Lisboa e Vale do Tejo os hospitais estão com capacidade entre os 70% e os 80%. Um novo confinamento está fora de questão, tal seria o efeito devastador numa economia já débil, mas mais do que nunca teremos todos que apostar na responsabilidade individual. E o negacionismo e a cruzada obscurantista contra a ciência não são boa opção perante o SARS Cov-2.

 

   23h00 de hoje
Anotação 2020-10-04 231954.jpg

 

   5h14 de 5out2020
Os testes de diagnóstico de infeção com o novo coronavírus realizados no domingo pelo chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, pelo presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, e pelo primeiro-ministro, António Costa, deram negativo. A informação foi avançada à Lusa por fonte oficial da Presidência da República, que adiantou que também deram resultado negativo os testes realizados por outros cinco conselheiros de Estado: os antigos presidentes da República Jorge Sampaio e Aníbal Cavaco Silva, Francisco Pinto Balsemão, Leonor Beleza e Francisco Louçã.

 

   7h58 de 5out2020
Anotação 2020-10-05 104503.jpg

   Terá sido?
Anotação 2020-10-05 215213.jpg



Publicado por Tovi às 14:53
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 2 de Outubro de 2020
É só uma gripezinha...


Anotação 2020-10-02 084313.jpg

 


COVID-19 Mundo 02out.jpg

 

   Associated Press - Saturday, October 3, 2020 4:43AM
Anotação 2020-10-03 085631.jpg

 

   Pedro Ribeiro Ferreira, designer de profissão e cartoonista de ocasião
Pedro Ribeiro Ferreira, designer de profissão e c



Publicado por Tovi às 11:22
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 28 de Setembro de 2020
COVID-19 - Evolução da Caraterização Clínica

Situação hospitalar 28set.jpg

Preocupantes os valores da evolução da caraterização clínica em Portugal, no que a internados com COVID-19 diz respeito. Em Unidades de Cuidados Intensivos (UCI) estamos com os valores iguais a meados de maio deste ano.

 

Valores das duas últimas semanas, no gráfico apresentado.
hospitais 28set.jpg



Publicado por Tovi às 15:21
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 22 de Setembro de 2020
Se não vai a bem vai a mal

beber na rua .jpg



Publicado por Tovi às 12:19
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 14 de Setembro de 2020
Da série "Regresso à Escola"

Distanciamento social  

Regresso à escola 02.jpg



Publicado por Tovi às 07:21
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 11 de Setembro de 2020
Dados da DGS ao dia de hoje

COVID-19 Norte e Lisboa V Tejo 11set.jpgSituação hospitalar 11set.jpg



Publicado por Tovi às 16:15
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 5 de Setembro de 2020
A vacina russa para combater o vírus SARS-CoV-2

118849714_10218155296821774_9106359342169505022_o.

The Lancet, uma das mais prestigiadas revistas científicas do mundo acaba de publicar os dados dos testes da primeira vacina russa contra a COVID-19. Menos de um mês após o registo da vacina, The Lancet publicou ontem os resultados das primeiras duas fases de testes clínicos do medicamento, algo que era muito aguardado pela comunidade científica mundial. O material publicado responde às críticas de especialistas estrangeiros e traz a tão esperada clareza sobre o desenvolvimento do medicamento pelos cientistas russos. Fica assim aceite que a Sputnik V, sendo a primeira vacina contra a COVID-19 registada na Rússia e no mundo, não só é eficaz no combate ao coronavírus SARS-CoV-2 como a sua aplicação é segura.

 

   Comentários no Facebook

Raul Vaz OsórioNão é verdade. Em primeiro lugar, o Lancet fez uma publicação de tipo informal, não é uma publicação com "chancela" após peer review. A confusão é natural, muita gente desconhece a existência deste tipo de publicações que são mais "jornalísticas" do que científicas, mas é um facto. Depois os testes das fases divulgadas não garantem em termos médicos a eficácia e muito menos a segurança da vacina. É bom que se faça esta publicação, não me interprete mal, mas ainda estamos a anos luz das conclusões que tirou. Há uma campanha de marketing politico desenvolvida por Putin sobre este assunto, tal como há por outros lideres populistas deste mundo, parecem traças á volta do candeeiro. Aconselho o meu amigo David a ler todas as notìcias deste cariz com um grão de sal. Um abraço

David RibeiroCaríssimo Raul Vaz Osorio… Como é óbvio tenho muito pouco saber para falar deste assunto e o que escrevi foi o que li. Dizia também o artigo, referindo-se às conclusões da The Lancet: “Um dos maiores receios da comunidade científica em relação ao uso de vacinas na base de vetores de adenovírus do ser humano – é este precisamente o método usado pela vacina Sputnik V – seria a existência anterior em algumas pessoas de imunidade em relação aos adenovírus. Em outras palavras, havia o receio de que esta imunidade não deixasse entrar no organismo a quantidade necessária de adenovírus humano, que na vacina exerce a função de "táxi", levando às células o material genético da membrana externa do coronavírus (é bom lembrar que a vacina Sputnik V não contém o próprio coronavírus, o que excluiu completamente a possibilidade de infecção). Considerando que as pessoas habitualmente adoecem por adenovírus (um exemplo é o simples resfriado), nelas pode-se formar imunidade, a qual teoricamente poderia reduzir a eficiência da vacina, que usa adenovírus como vetor. Os resultados dos testes acabaram mostrando o oposto: a imunidade pré-existente não influencia a eficiência da vacinação.”

Raul Vaz Osório - Sim, eu apenas quis esclarecer. Quanto ao esquema dos 2 vectores diferentes para cada dose é interessante embora não seja assim tão inovador como sugerido. Não é por aí, esse destaque faz parte da tal campanha de marketing.

 

   Dados atualizados ao dia de hoje
COVID-19 Mundo 05set.jpg



Publicado por Tovi às 07:49
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Outubro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9



29
30
31


Posts recentes

Assim vai a pandemia em a...

Hospitais sobem patamares...

Da série "repensar o Nata...

Programa Alimentar Mundia...

Situação hospitalar de in...

Instalar ou não a StayAwa...

Novo Estado de Calamidade...

Num clube de strip...

COVID-19 - Situação hospi...

É só uma gripezinha...

COVID-19 - Evolução da Ca...

Se não vai a bem vai a ma...

Da série "Regresso à Esco...

Dados da DGS ao dia de ho...

A vacina russa para comba...

Estado de Contingência......

Tragédia no lar de Reguen...

Como funciona a vacina ru...

Impacto da pandemia na ec...

COVID-19 em Portugal... d...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus