"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Quarta-feira, 14 de Outubro de 2020
Novo Estado de Calamidade em Portugal
Desde o início do passado mês de setembro que é GRAVE a evolução da pandemia em Portugal (ver gráfico da evolução da caraterização clínica em Portugal, com dados da DGS atualizados ao dia de hoje), pelo que não nos devemos espantar com a declaração de um novo ESTADO DE CALAMIDADE, com as seguintes medidas:
1. 
Elevar o nível de alerta, de contingência para o estado de calamidade em todo o território, habilitando Governo a adotar, sempre que necessário, as medidas que se justifiquem para conter a pandemia, desde restrições de circulação a medidas que, em concreto e localmente, se justifiquem.
2. 
A partir da meia-noite deixarão de poder haver ajuntamentos na via pública de mais de cinco pessoas. A limitação aplica-se noutros espaços de uso público de natureza comercial e na restauração.
3. 
Limitar os eventos de natureza familiar, como casamentos e batizados, que sejam marcados a partir de hoje, a um máximo de 50 participantes.
4. 
Proibir nos estabelecimentos de ensino, designadamente nas universidades e politécnicos, todos os festejos académicos e atividades de carácter não letivo ou científico, designadamente as atividades de receção ao caloiro e outro tipo de festejos que implicam ajuntamentos.
5. 
Determinar às forças de segurança e à ASAE um reforço das ações de fiscalização para o cumprimento das regras na via pública, nos estabelecimentos comerciais e na restauração.
6. 
Agravar até 10 mil euros as coimas aplicáveis às pessoas coletivas que não assegurem o cumprimento das regras em vigor quanto à lotação e afastamento que é necessário assegurar nesses espaços.
7. 
Recomendar vivamente a todos os cidadãos o uso de máscara comunitária na via pública, sempre que haja outras pessoas na via pública, e a utilização da aplicação Stayaway Covid, e a comunicação através da aplicação sempre que haja um teste positivo.
8. 
Apresentar à Assembleia da República uma proposta de lei para que seja imposta a obrigatoriedade do uso de máscara na via pública, nos momentos em que há mais pessoas na via pública, e o uso da aplicação Stayaway Covid, em contexto laboral, escolar e académico, nas forças armadas e de segurança e na administração pública. A proposta será apresentada entre hoje e amanhã, e será solicitada a sua tramitação com urgência.

Situação hospitalar 14out.jpg

 


porto 14out.jpg

 


frança recolher obrigatório.jpg



Publicado por Tovi às 13:52
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 4 de Outubro de 2020
COVID-19 - Situação hospitalar

Situação hospitalar 04out.jpg

Diz o Governo que o aperto nas medidas só acontecerá se houver um agravamento significativo que coloque em causa o SNS, mas a verdade é que a ocupação hospitalar em Portugal, nomeadamente em cuidados intensivos, já está nos valores de meados de maio passado. Só na região de Lisboa e Vale do Tejo os hospitais estão com capacidade entre os 70% e os 80%. Um novo confinamento está fora de questão, tal seria o efeito devastador numa economia já débil, mas mais do que nunca teremos todos que apostar na responsabilidade individual. E o negacionismo e a cruzada obscurantista contra a ciência não são boa opção perante o SARS Cov-2.

 

   23h00 de hoje
Anotação 2020-10-04 231954.jpg

 

   5h14 de 5out2020
Os testes de diagnóstico de infeção com o novo coronavírus realizados no domingo pelo chefe de Estado, Marcelo Rebelo de Sousa, pelo presidente da Assembleia da República, Eduardo Ferro Rodrigues, e pelo primeiro-ministro, António Costa, deram negativo. A informação foi avançada à Lusa por fonte oficial da Presidência da República, que adiantou que também deram resultado negativo os testes realizados por outros cinco conselheiros de Estado: os antigos presidentes da República Jorge Sampaio e Aníbal Cavaco Silva, Francisco Pinto Balsemão, Leonor Beleza e Francisco Louçã.

 

   7h58 de 5out2020
Anotação 2020-10-05 104503.jpg

   Terá sido?
Anotação 2020-10-05 215213.jpg



Publicado por Tovi às 14:53
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 11 de Setembro de 2020
Dados da DGS ao dia de hoje

COVID-19 Norte e Lisboa V Tejo 11set.jpgSituação hospitalar 11set.jpg



Publicado por Tovi às 16:15
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 31 de Agosto de 2020
Regras para a Festa do "Avante!"

A DGS divulgou hoje um parecer técnico sobre a Festa do "Avante!", que arranca na próxima sexta-feira, dia 4 de setembro, na Quinta da Atalaia, na Amora. Antes tinha sido anunciado que o evento avançaria com uma lotação máxima de 33 mil pessoas, mas o parecer da DGS agora conhecido estabelece que “o total de lotação é de 16.563 pessoas em simultâneo no recinto”.

  Parece que já estou  a ver a GNR a entrar por lá adentro
gnr.jpg



Publicado por Tovi às 16:39
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 5 de Julho de 2020
COVID-19 – Relatório de Situação

96_dgs_boletim_20200606-page-002.jpgSigo diariamente o Relatório de Situação - informação publicada pela DGS / COVID-19 – e com os dados disponibilizados atualizo alguns gráficos que nos dão uma visão da evolução da pandemia, não só em Portugal mas também nas regiões Norte e Lisboa e Vale do Tejo. Ainda não tenho a informação de hoje… Mas as notícias são preocupantes. O que se passará?

12h58 de hoje - O Instituto Politécnico da Guarda suspendeu os exames presenciais, transferindo-os para as plataformas digitais, após ter conhecimento da existência de estudantes infetados com covid-19. "A decisão deve-se às informações transmitidas, sábado à noite, pela Unidade Local de Saúde (ULS) da Guarda de que há estudantes do IPG que testaram positivo à covid-19, tendo oito ficado internados no hospital por não terem nos respetivos alojamentos condições para estarem em isolamento durante o período de quarentena", refere o IPG, em comunicado enviado à agência Lusa.

13h25 de hoje - Mais três pessoas morreram com covid-19, entre sábado e este domingo, em Reguengos de Monsaraz, na sequência do surto que terá tido origem no lar de idosos. No total, já morreram 12 pessoas naquele concelho alentejano.

14h18 de hoje - Há quase um mês que a Direção-Geral da Saúde (DGS) não reporta novos infetados com covid-19 no Porto, em Matosinhos, em Gondomar e na Maia no relatório de situação diário. Desde o dia 9 de junho que o número de casos confirmados não sofre alteração, apesar de os hospitais de S. João (Porto) e de Pedro Hispano (Matosinhos) confirmarem o tratamento de novos doentes com residência naqueles concelhos.

 


COVID-19 Norte 05jul2020.jpg



Publicado por Tovi às 14:50
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 27 de Maio de 2020
COVID-19 não é uma doença de velhos

Captura de Ecrã (244).png
Os dados da DGS no que diz respeito à caracterização dos óbitos ocorridos em Portugal ainda não refletem um perfil da vítima de Covid-19 como a realidade de alguns países da América Latina, mas a caracterização demográfica dos casos confirmados já tende para isso – “No Brasil, 15% das mortes foram pessoas com menos de 50 anos, uma taxa mais de 10 vezes que na Itália ou Espanha; No México, a tendência é ainda mais forte: quase um quarto dos mortos já foi entre os 25 e 49; No estado do Rio de Janeiro mais de dois terços das hospitalizações são para pessoas com menos de 49 anos”. O vírus SARS-CoV-2 ainda é imprevisível.



Publicado por Tovi às 07:40
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 15 de Maio de 2020
A segunda fase do desconfinamento

norte 14mai.jpg
mundo 14mai.jpg

O Norte continua a ser em Portugal a região mais flagelada pelo COVID-19, embora o número de mortes apresente já uma evolução menos agressiva do que a que se verificou nas primeiras cinco semanas da pandemia. E por tudo isto é importante saber quais as decisões que o Governo irá tomar sobre a segunda fase do desconfinamento, após a reunião que teve lugar ontem no Infarmed com a presença do Presidente da República, do primeiro-ministro, de representantes de partidos e dos parceiros sociais, mais diversos especialistas, onde se analisou a situação epidemiológica.

À saída desta reunião Jerónimo de Sousa falou de um “misto de incerteza e confiança …/… Tendo em conta os internamentos e os recuperados, nota-se uma tendência positiva por parte da ciência que demonstra que é possível aplicar medidas de confinamento como aquelas que recentemente aconteceram …/… temos um longo caminho a percorrer”. E pediu um “reforço do Sistema Nacional de Saúde que deu resposta e continua a dar resposta, seja no plano orçamental, seja no plano de conseguir mais profissionais”. No plano da indústria, solicitou um “reforço das medidas de higiene e segurança dos locais de trabalho …/… É preciso retomar a atividade com a normalidade, mas acompanhada de proteção especial a quem trabalha e a quem se desloca para o trabalho”.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, declarou após a reunião no Infarmed que "O desconfinamento em Portugal, começado a partir do dia 03 de maio, foi um desconfinamento muito contido. Os portugueses foram sensíveis àquilo que lhes foi pedido de fazerem a abertura por pequenos passos, portanto, a grande maioria continuou a ser muito contida. O que quer dizer que não temos muitos dados que permitam retirar conclusões firmes".



Publicado por Tovi às 07:59
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 3 de Maio de 2020
COVID-19 - a doença que nunca mais nos larga

A doença COVID-19 é causada pelo vírus SARS-CoV-2 (em Inglês: Severe acute respiratory syndrome coronavirus 2), altamente contagioso entre seres humanos e cujas primeiras infeções conhecidas foram na cidade chinesa de Wuhan, na província de Hubei, no mês de dezembro de 2019.

   Mortes por milhão de habitantes (em países com grande incidência)
mundo 2mai.jpg

  Situação na Região Norte de Portugal
norte 2mai.jpg

 

   Sondagem da Pitagórica

Após ser conhecida hoje uma sondagem da Pitagórica (para JN e TSF) a evolução das intenções de voto fica assim:
Captura de Ecrã (180).png



Publicado por Tovi às 07:13
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 31 de Março de 2020
Cerca sanitária ao Porto... um disparate

Quando ontem ouvi as primeiras notícias sobre uma hipotética “cerca sanitária ao Porto” sempre pensei que, a acontecer, seria no mínimo para o Grande Porto e nunca para a cidade, sendo óbvio que considerando só o município seria um completo disparate.
Captura de Ecrã (70).png

 


Está certo... cada um de nós vale por dois
Captura de Ecrã (71).png

 

 

   Situação em Portugal e Região Norte 

7443 casos confirmados (4452 na Região Norte)
160 mortos (83 na Região Norte)
COVID19 31mar.png
Nas últimas 24 horas a Região Norte registou um acréscimo recorde de 651 casos confirmados de COVID-19, o que se deverá seguramente ao facto de se ter feito muitos mais testes. O número de mortos na Região e neste mesmo período subiu unicamente mais 9 casos, o que é um boa notícia, tendo em conta que nos últimos três dias o aumento andava nos +13, +17 e +11.



Publicado por Tovi às 07:24
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 9 de Novembro de 2017
A Leggionella não é uma fatalidade

Carlybio aa.jpg

Durante os últimos 25 anos da minha vida profissional estive ligado à comercialização de equipamentos industriais de refrigeração e um dos produtos que disponibilizávamos aos instaladores de refrigeração e ar-condicionado era o CARLYBIO, eficientíssimo na desinfecção de equipamentos sujeitos à proliferação de Legionella. Pena é que por políticas economicistas não se utilizasse regularmente este produto ou outros similares.

 

   Comentários no Facebook

«Jose Bandeira» - Já agora, aproveitando a deixa, se as zonas mais propensas a acumulação de detritos potencializadores da formação de colónias bacterianas fossem revestidas com filmes antiaderentes muitos dos perigos se reduziriam ou seriam de muito mais fácil manutenção. 😉

«Raul Vaz Osorio» - Claro que não é. Nem é por acaso que estes surtos só tenham começado nos anos recentes. A culpa tem que ser assacada à legislação permissiva emitida nos tempos da troika, com vista a poupar dinheiro.

«Carlos Miguel Sousa» - O problema não são as politicas economicistas, porque o equilíbrio constante das contas públicas deve ser SEMPRE um desígnio nacional. O problema está nas PRIORIDADES. Mas quando um país não tem uma ESTRATÉGIA DE PAÍS, porque as suas INSTITUIÇÕES estão repletas de ladrões, é natural que não se definam PRIORIDADES NENHUMAS, ou no caso as prioridades sejam sempre as mesmas. O assalto constante ao erário público. Não há equilíbrio social sem equilíbrio económico e não há este sem equilíbrio financeiro, concordemos ou não. É assim.

 

   13h09 de hoje

O número de casos confirmados de doença dos legionários do surto no Hospital São Francisco Xavier, em Lisboa, subiu para 41, anunciou esta tarde a Direção-geral da Saúde (DGS). Numa nota divulgada no seu site, a DGS indica que se mantêm internados em cuidados intensivos cinco doentes infetados com legionela. Relativamente ao boletim divulgado na quarta-feira houve mais três casos registados. O surto de legionela identificado na sexta-feira no Hospital São Francisco Xavier já provocou duas mortes. A maioria dos casos deste surto ocorreu em mulheres (63%) e mais de 70% dos doentes infetados têm 70 ou mais anos.

 

    9h57 de 10Nov2017

Mais um doente com legionella morreu, anunciou esta sexta-feira a Direção-Geral de Saúde. São já quatro as mortes no surto da doença que afeta um total de 44 pessoas.



Publicado por Tovi às 14:54
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 13 de Novembro de 2014
Surto de Legionella em Vila Franca de Xira

Legionella Vila Franca de Xira Nov2014.jpg 

Desde finais de Outubro que estamos sob o efeito nefasto da bactéria Legionella pneumophila na região de Vila Franca de Xira, havendo até agora 302 infectados, quarenta deles em estado grave, nove mortos (destes ainda não estão cientificamente confirmados quatro), sendo este o terceiro maior surto de Legionella de sempre em todo o Mundo, só superado por um no Reino Unido em 2002 (494 infectados e sete mortos) e outro em Espanha em 2001 (449 doentes e seis vítimas mortais). Em ambos estes casos a propagação da bactéria foi feita por sistemas de refrigeração, num centro cultural em Barrow e num hospital em Múrcia. O chamado “caso zero”, o que permitiu descobrir a doença, aconteceu em 1976, num hotel da Pensilvânia, durante uma reunião da Legião Americana e somou 180 doentes e 29 mortos. Neste caso português as suspeitas recaem sobre os sistemas de refrigeração de unidades industriais da zona, com especial ênfase na fábrica Adubos de Portugal (ADP Fertilizantes), em Alverca. Ao que nos foi dado saber as análises às águas das torres de refrigeração da ADP deverão ser conhecidas ainda hoje e a ser verdade que foi esta unidade industrial a causadora deste crime ambiental, os responsáveis poderão vir a ser punidos em multa até 5 milhões de euros e de um a oito anos de prisão. As penas deverão ser exemplares neste caso, pois é uma área que anda “à balda” e a que ninguém liga nenhum. Encontro-me ligado profissionalmente ao aconselhamento técnico para sistemas de refrigeração e ar condicionado e digo-vos que um dos produtos mais difíceis de “vender” é o controlo e prevenção da Legionella. Enquanto para limpar as sanitas de nossa casa, ou de umas outras quaisquer casas de banho públicas, não nos poupamos em detergentes mais ou menos higienizadores, para os sistemas de ar condicionado, desde os mais simples splits domésticos até aos mais sofisticados Roof Top, ninguém quer saber disto. E nem estamos a falar de aplicações altamente caras ou sofisticadas… é barato, de fácil aplicação, perfeitamente certificado e com provas dadas.

 

 Relatório da DGS em 14Nov2014

A Direcção-Geral da Saúde apresentou as conclusões do estudo epidemiológico que já fez sete mortes e infectou 316 pessoas, bem como das inspecções realizadas num conjunto de fábricas localizadas em Vila Franca de Xira, não identificando para já a empresa responsável pela origem, tendo o processo sido entregue na Procuradoria-Geral da República. Confirma-se que a bactéria da principal torre suspeita coincide com a detectada nas pessoas contaminadas com a bactéria Legionella.



Publicado por Tovi às 08:52
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Outubro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9



29
30
31


Posts recentes

Novo Estado de Calamidade...

COVID-19 - Situação hospi...

Dados da DGS ao dia de ho...

Regras para a Festa do "A...

COVID-19 – Relatório de S...

COVID-19 não é uma doença...

A segunda fase do desconf...

COVID-19 - a doença que n...

Cerca sanitária ao Porto....

A Leggionella não é uma f...

Surto de Legionella em Vi...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus