"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Quinta-feira, 31 de Dezembro de 2009
Boa Passagem de Ano

Vou agora mesmo decantar o Duas Quintas tinto 2002 (DOC Douro da Ramos Pinto) que vai acompanhar o “Bacalhau com Todos” do jantar de fim-de-ano… E também tenho que refrigerar o Espumante Marquês de Marialva Bairrada Reserva Bruto 2007 (DOC Bairrada da Adega Cooperativa de Cantanhede) que vai ser aberto às doze badaladas... Um BOM ANO para todos.

«Luis Alexandre» in Facebook ► E eu daqui ergo o meu cálice e faço um brinde á tua pessoa, que continues com essa boa disposição e por ser para ti... viva o Porto carago!!

«XZôZé» in ViriatoWeb ► Outra vez bacalhau, Tovi? És mesmo pobre. Eu já temperei um bom naco de lombo de suíno para assar. Como entradas, umas pistolas grelhadas parecidas com as que o ViVi prova uma vez por ano. Acompanharão uns primos destas, fritas com molho picante. Para boer um tinto Monte Vilar (Alentejano), reserva de 2007 que não sei se é bom ou mau mas isso pouco interessa pois fez parte do conjunto de três garrafas que me foram oferecidas pela minha entidade laboral no passado Natal. Para remate, um espumante Raposeira como anteriormente anunciado. Acompanhar-me-á no repasto o meu herdeiro que já está maior que eu. O morzinho foi dispensado à semelhança do ano passado e desfrutará da festividade em Albufeira com as manas e amigos. Com as baixas temperaturas que se fazem sentir no Algarve no dia de hoje (entre 5 e 7 graus), não tenho pena nenhuma dele(s).

«Tovi» in ViriatoWeb ► Eu gosto muito de bacalhau cozido com todos (bacalhau cura amarela, pencas da Póvoa, uma cebolinha e um ovinho cozido, bom azeite, alhos picados e pimenta em grão moida na altura)... “nacos de lombo de suíno assado”, “pistolas grelhadas” ou “marisco frito com molho picante”, como eu durante todo o ano ...ou já te esqueceste qual é a minha actividade profissional?




Domingo, 12 de Abril de 2009
Este néctar duriense...

...um vinho já com 16 anos de idade, apresentava-se opaco (a lembrar um “Porto Ruby”), ainda com forte aroma a fruta vermelha madura, algum sabor a fumado (proveniente da madeira do seu envelhecimento), mas macio e delicado e com um final de boca prolongadíssimo. Um belo vinho português este Duas Quintas Tinto 1992!... E que bem acompanhou o Cabrito Assado com Vinho do Porto (receita da minha sogra) do almoço desta Páscoa.

 

«xarax» / RevistaDeVinhos ► uaidaminit... não era o reserva?!??!

«Tovi» / RevistaDeVinhos ► Não, não era o “reserva”… Mas as uvas da Quinta da Ervamoira e da Quinta dos Bons Ares nunca deixaram de dar vinhos "DOC Douro" fortes e complexos. Isto na minha humilde opinião…

«Xingu» / RevistaDeVinhos ► Pena não ter sido o reserva 1992, ainda lá tenho pelo menos uma garrafita e estou muito curioso... qualquer dia é dia...

«joao pires» / RevistaDeVinhos ► o vinho que me acordou para o vinho foi o DUAS QUINTAS RESERVA 1992   quem tiver uma garrafa, eu compro... ou entao vamos bebe-la juntos

«Xingu» / RevistaDeVinhos ► Ainda lá anda uma por casa... Tem resistido... Depois desta conversa não sei por quanto tempo mais... Será uma honra, caso se proporcione, em partilha-la consigo.




Duas Quintas Tinto 1992

Estava esquecida na adega cá de casa uma garrafa de Duas Quintas Tinto 1992 (Garrafa de 75cl.; Lote 1550; Selo de garantia da Casa do Douro - 321346-Q4)... E embora a Ramos Pinto nesta colheita não tenha sido premiada nos grandes concursos mundiais de vinhos (medalhas de prata e/ou de ouro em 1991, 1994, 1996, 1999, 2000, 2001 e 2004) a verdade é que as uvas da Quinta da Ervamoira e da Quinta dos Bons Ares (castas: Tinta Roriz e Touriga Nacional) nunca deixaram de dar vinhos "DOC Douro" fortes e complexos.
Vou já decantá-lo e irá acompanhar o Cabrito Assado do almoço de Páscoa… Depois digo-vos como estava este néctar duriense.



Publicado por Tovi às 09:43
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 19 de Outubro de 2008
Duas Quintas - Ramos Pinto

Era divinal o Duas Quintas Douro Tinto 1996 que abri hoje ao almoço para acompanhar o Cozido à Portuguesa.

Um fabuloso vinho "DOC Douro" feito pela casa Ramos Pinto com as castas Tinta Roriz e Touriga Nacional. Com mais de uma década de vida ainda se apresenta vigoroso e equilibrado, com os frutos vermelhos a aparecerem logo no início. O final é longo e persistente. Dos melhores tintos do Douro que tenho bebido.

 

«Viriato» / ViriatoWeb ► de certeza que te dão o vinho à borla, em troca da publicidade     faz-me lembrar os jogadores de bola, que andam vestidos e calçados com roupa de tal ou tal marca e quando passam na TV fazem tudo para mostrar o nome da marca, ou os entrevistados com nomes de marcas na parede, por tràs!     também havia antigamente, quando o ciclismo ainda era um desporto, gajos que eram pagos pela Coca-Cola, para se colocarem por detràs dos ciclistas entrevistados à chegada de cada etapa, com uma boina da marca, bem em evidência!     mas tens razão Tovi, toca a aproveitar!

«Tovi» / ViriatoWeb ► Prontos!... Ja percebi tudo!... O «Viriato» é pago pela DGSE (Direction Générale de la Sécurité Extérieure), anteriormente a 1982 conhecida por SDECE (Service de Documentation Extérieure et de Contre-Espionnage), para dizer bem da França por esta WEB fora. Daí ele pensar que somos todos iguais.

 

«AnitaLopesGraça» / AzulJasmim.info ► Só me falam de tintos... e eu só bebo brancos.

«Tovi» / AzulJasmim.info ► Mas também há Duas Quintas brancos… São vinhos vinificados a partir das castas tradicionais da Região Demarcada do Douro, muito frutados, de final persistente e com um excelente equilíbrio entre acidez e maturidade, evidenciando todo o cuidado tido na sua elaboração.



Publicado por Tovi às 14:34
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Outubro 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9



25
26
27
28
29
30

31


Posts recentes

Boa Passagem de Ano

Este néctar duriense...

Duas Quintas Tinto 1992

Duas Quintas - Ramos Pint...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus