"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Quarta-feira, 30 de Dezembro de 2015
Peru para o almoço de Ano-Novo

peru aa.jpg

Haja paciência para entender a gestão de stocks dos supermercados cá do burgo.
Saí hoje de manhã cedo para ir comprar um peru para o almoço de Ano-Novo. Fui ao Continente da Prelada e não tinha… Fui ao Continente de Matosinhos e o fornecedor não tinha entregue... Fui ao Jumbo do Mar-Shopping e só havia para quem tinha encomendado… Fui ao Lidl de Agramonte e não tinha… Fui ao Pingo-Doce da Avenida da Boavista e não tinha… e lá acabei por encontrar no El Corte Inglés (Supercor do Fluvial) a um preço muito simpático e parecendo de excelente qualidade.
Depois não se queixem… nem venham dizer mal dos espanhóis

 

  Comentários no Facebook

«Gonçalo Lavadinho» >> E que tal o comércio tradicional?

«David Ribeiro» >> Pois é… mas no que toca a talhos estamos conversados, tal é a falta de qualidade que tenho encontrado nos últimos tempos. Umas vezes a carne é dura, outras vezes tem mais nervo que carne, outras vezes até tenho dúvidas da sua frescura… Vai daí só compro carne nas grandes superfícies, cuja qualidade não me tem faltado.

«Mario Reis» >> Eu compro num talho tradicional porque alem de mais barata tem sido melhor que no Continente... O talho, passo a publicidade, é o talho em Pedro Hispano mesmo a chegar a Avenida da França. Embora não seja propriamente tradicional pois parte de um Grupo de Talhos nunca me deixou ficar mal.

«Carlos Wehdorn» >> se fosse antes um ganso... arranjava-se [Emoji wink]



Publicado por Tovi às 12:21
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 2 de Outubro de 2012
Feira de Vinhos do El Corte Inglés

Na Feira de Vinhos do El Corte Inglés de 2012 – O Vinho – que começou em 28 de Setembro e vai acabar em 25 de Outubro, incompreensivelmente não aparece um único Vinho Verde nem apresentam Espumante, Moscatel, Porto e Madeira. Alentejo e Douro têm o mesmo número de vinhos em promoção (42 variedades para cada região) representando as duas regiões vinícolas 43,8% dos vinhos em catálogo. O Dão vem logo a seguir com 26 vinhos (13,5%). No que respeita a preços os vinhos estão muito bem distribuídos de 2 até 10 euros (19,8% de 2 a 4€; 24,5% de 4 a 6€; 24,0% de 6 a 8€; 20,8% de 8 a 10€).


«Zé Carlos» in Facebook >> Muito estranho não haver sequer um verde.

«David Ribeiro» in Facebook >> Quando voltar a passar pelo El Corte Inglés de Gaia vou perguntar o motivo pelo qual não há em promoção vinhos verdes.



Publicado por Tovi às 07:30
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 22 de Junho de 2012
El Corte Inglés visto por Rui Rio

Sobre a (não) implantação do Corte Inglês na Boavista disse Rui Rio: Tenho eu naquela altura criado um polo de atracção tão forte como esse na rotunda da Boavista e hoje a baixa era zero e sendo a baixa zero estas parcerias como o Mercado Ferreira Borges, o Palácio do Freixo, não tinham condições de mercado e garantias para ir para a frente. Está tudo dito… Este gajo não percebe nada do mercado imobiliário e muito menos de Urbanismo. O que vale é que já nos vai desamparar a loja em Setembro do ano que vem.


«Joaquim Leal» in Facebook >> Outubro.



Publicado por Tovi às 13:05
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 19 de Novembro de 2011
Conservas Nero

 

Estive hoje à tarde no Club del Gourmet do El Corte Inglés de Gaia numa degustação de produtos das Conservas Nero (Rua Direita, 351 – Leça da Palmeira), uma empresa ligada à indústria de conservas há várias gerações e que recentemente relançou o negócio de família. Provei (e comprei) latas de conserva de Filetes de Atum Português Catraio, Bacalhau à Portuguesa Naval e Filetes de Peixe Espada Preto em Azeite. Muito sinceramente vos digo que fiquei fã destas conservas e recomendo-vos estes produtos genuinamente portugueses de alta qualidade.


«Pataxó Lima» in Facebook >> Se é vc quem diz, super gourrmet david, eu assino embaixo e de olhos fechadissimos... Certamente é a maior delícia, vou ver se encontro nas importadoras daqui... rsrsrs!!

«Zé Zen» in Facebook >> Quero ser o padrinho.

«Conservas Nero» in Facebook >> Caro David, muito obrigado por este post.  Mas porque é que não se identificou? Nunca tive o prazer de  conhece-lo pessoalmente, agora julgo que sei quem é, estava acompanhado creio de sua mulher quando nos visitou no ECI e conversamos um pouco sobre o relançamento deste negócio. Grande abraço - José Nero.

«Zé Zen» in Facebook >> Sò podia ser a esposa. Hà 70 anos que é assim. :))

«Conservas Nero» in Facebook >> ‎70 anos...  é uma bonita história, não os conheço pessoalmente mas deu para ver que são pessoas com ética muito acima da média. Com o nosso amigo Tovi, troquei em tempos várias conversas em forums na internet, mas nunca tinha-mos falado pessoalmente. Um abraço para este simpatiquíssimo casal.

«David Ribeiro» in Facebook >> O Zé Zen é um mentiroso... Eu só tenho 61 anos :-) Obrigado José Nero (Conservas Nero) pelas suas simpáticas palavras. Sou um verdadeiro fã das suas conservas. Um grande abraço,

«Zé Zen» in Facebook >> Jà estàs mais perto dos 90 do que dos 30. :))



Publicado por Tovi às 19:34
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 4 de Outubro de 2010
Caramba!...

Esqueci-me que tinha de ir ao supermercado fazer umas compras para a minha mulher. Deixa-me ir já a correr, antes que ela me ralhe.


«Joaquim Leal» in Facebook >> eh eh eh

«Joana Fonseca de Almeida» in Facebook >> hahahaha com o rolo da massa logo...

«Joaquim Leal» in Facebook >> Eram bem dadas AH AH AH

«Fernando Pimentel» in Facebook >> :))

«Joaquim Leal» in Facebook >> Ele quando aqui chegar vai ficar muito sensibilizado com este grupo de amigos que lhe venderam a pele AH AH AH

«Fernando Pimentel» in Facebook >> Sem dúvida :))

«Joaquim Leal» in Facebook >> Pelo menos comigo não se admirará. Há muito que sabe que não o gramo eh eh eh

«Fernando Pimentel» in Facebook >> Não é o que ele me tem dito... :))

«Joaquim Leal» in Facebook >> Ele é muito mentiroso... ;-)

«Fernando Pimentel» in Facebook >> eheheh

«David Ribeiro» in Facebook >>     Desta vez safei-me!… Fui a correr para o Supercor (o novo supermercado do El Corte Inglês que abriu recentemente na zona do Fluvial cá no Porto), comprei tudo o que ela me tinha mandado comprar e ainda trouxe uns “petits fours” muito bons que eles lá têm e de que ela gosta muito. Ufff… Foi por pouco que não fui apanhado em falta.

«Isabel Oliveira» in Facebook >> Pois os "petits fours" safaram-lhe as costas.

«Zé Regalado» in Facebook >> Ó Tovi, e o que são essas cenas com nome estrangeiro? São de comer?

«David Ribeiro» in Facebook >>  O que seria de vocês sem a minha sabedoria... Um PETIT FOUR (plural: petits fours) é um pequeno doce, consumido no final de uma refeição (por exemplo, com café) ou servido como parte da sobremesa. O nome vem do francês "petit four", que significa "pequeno forno".

«Joaquim Leal» in Facebook >> Podias ter simplificado e colocado logo essa cena em português mas como gostas que te façam perguntas...

«Zé Regalado» in Facebook >> Merda para a colonização da língua. Que diabo, não há palavras em português para definir isso?

«Fernando Pimentel» in Facebook >> As coisas que o David sabe... :))



Publicado por Tovi às 19:30
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 28 de Julho de 2009
Lulas em Caldeirada

Deliciosas e muito baratas (80g x 3 = 1,25€): Conserva de Calamares en Salsa Americana (Lulas em Caldeirada) da marca Miau (Bernardo Alfageme SA – Vigo – España), compradas no El Corte Inglés de Gaia. Excelentes para um lanchinho... Só ainda não sei muito bem qual o vinho ideal para as acompanhar. Há quem diga que com caldeiradas picantes o ideal é um vinho tinto, seco e encorpado... Vou experimentar o Chaves Reserva Tinto 2001, um VQPRD da Cooperativa Agrícola de Chaves CRL.




Segunda-feira, 1 de Junho de 2009
Vinha do Meio Queijo Tinto 2006

No jantar da passada Quinta-feira o Lombo de Porco Assado foi acompanhado por uma garrafita que um dos meus genros trouxe para o jantar – Vinha do Meio Queijo Tinto 2006 – um vinho retinto e encorpado proveniente de uma vinha de letra “A” situada no Cima Corgo, com predominância das castas Touriga Franca, Tinta Roriz e Touriga Nacional, feito pela casa Churchill Graham Lda, um vinho que me encantou e do qual nunca tinha ouvido falar. Já alguém bebeu este DOC Douro?... Sabem onde o posso encontrar à venda?... 

«Miguel Buccellato» / RevistaDeVinhos ► Aqui em Lisboa encontra-se no Corte Ingles a € 3.75, calculo que tambem deva haver no ECI de Gaia.

«RLP» / RevistaDeVinhos ► O vinho é feito pelo João Brito e Cunha na Churchill's e é proveniente de uma Quinta em formato de Meio Queijo que a empresa tem ao lado da Quinta de Roriz (para os lados de Ervedosa do Douro). Em Portugal é distribuído pela ME Selections e é facilmente encontrado à venda no ECI de Lisboa ou Gaia. 

Meus caros «Miguel Buccellato» e «RLP»... Obrigado pelas vossas dicas. (...) na próxima semana lá estarei no El Corte Inglés de Gaia para comprar umas garrafitas do Vinha do Meio Queijo Tinto 2006. 

«nuno oliveira garcia» / RevistaDeVinhos ► Provei-o faz duas semanas: boa fruta madura e sedutora como a maiora dos vinhos do Jonnhy Graham. Algo "quente", esguio de corpo, falta final de boca e complexidade. Tem bom preço.




Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Setembro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


Posts recentes

Peru para o almoço de Ano...

Feira de Vinhos do El Cor...

El Corte Inglés visto por...

Conservas Nero

Caramba!...

Lulas em Caldeirada

Vinha do Meio Queijo Tint...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus