"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Quinta-feira, 17 de Setembro de 2020
Evolução das sondagens para as Presidenciais2021

Presidenciais2021 16set2020.jpg
No gráfico a evolução das sondagens para as Presidenciais2021, após ser conhecido ontem um estudo de opinião da Intercampus (para Correio da Manhã e Jornal de Negócios):
Marcelo Rebelo de Sousa 60,3%
Ana Gomes 14,0%
André Ventura 9,4%
Marisa Matias 6,2%
João Ferreira 2,9%
Tiago Mayan 0,5%



Publicado por Tovi às 07:33
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos (1)

Sábado, 12 de Setembro de 2020
Eleições na CCDR-Norte

Consta-se que serão estes os eleitos para a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte.

ccdr candidato.jpg



Publicado por Tovi às 10:34
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 14 de Agosto de 2020
Um simulacro de eleição

Anotação 2020-08-13 104802.jpg

  TEXTO do Decreto-Lei n.º 27/2020 de 17 de junho

 

   Direção do 'Porto, O Nosso Movimento'
A direção da Associação Cívica afeta a Rui Moreira avisa que, a confirmar-se a notícia que o PS e o PSD estão a negociar os nomes dos candidatos a presidentes das cinco comissões de coordenação e desenvolvimento regional (CCDR), a situação é “preocupante” e a eleição indireta, prevista para outubro dos futuros presidentes, “é um embuste”, que nada tem de descentralizadora. “Nada que nos surpreenda, porque o Bloco Central existe, e foi concebido, para estas situações. Ou seja, para garantir a repartição de cargos, assegurando ao PSD o magro quinhão que o PS lhe adjudica”, adverte em comunicado o 'Porto, Nosso Movimento”, liderado pelo ex-social-democrata Francisco Ramos.



Publicado por Tovi às 07:49
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 12 de Agosto de 2020
Eleições para a CCDR-Norte

ccdrn-logo.png
Já há candidatos para a liderança da CCDR-Norte?... Libertem-se dos aparelhos partidários e escolham alguém competente e independente.



A eleição indireta dos respetivos presidentes das CCDR´s é feita por um colégio eleitoral composto pelos presidentes e vereadores das câmaras municipais, pelos presidentes e membros das assembleias municipais (incluindo os presidentes de junta de freguesia) da respetiva área territorial.

 


Apesar deste tipo de eleição – eleição indireta – não ser do meu total agrado, gostaria de ver eleito quem é sério, capaz e independente, como considero ser o atual presidente da CCDR-Norte, Fernando Freire de Sousa.



Publicado por Tovi às 10:18
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 18 de Julho de 2020
Eleições internas no PS

cc3b3pia-de-fotografia-11.jpg

Hoje, dia de eleições para a Federação Distrital do Porto do PS, lembrei-me que os socialistas permitiram em 2014 que cidadãos inscritos no partido com a categoria de simpatizante tivessem direito a voto em eleições primárias. O que será feito desta base de dados?


Tags: ,

Publicado por Tovi às 14:32
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 19 de Janeiro de 2020
Rui Rio vence as diretas no PSD

8EE04443-9804-492B-B68A-E2294D473CF1.jpg

O presidente do PSD, Rui Rio, e o antigo líder parlamentar Luís Montenegro voltaram a ir a votos no dia de ontem, em eleições diretas, para escolher quem vai ocupar a cadeira do poder na São Caetano à Lapa. E numa inédita segunda volta, em que o tom da campanha endureceu bastante, a vitória foi de Rui Rio com 53%.

 

  Comentários no Facebook

Raul Almeida - A vitória de Rui Rio no PSD é legitima e merece cumprimentos institucionais. Sou daquele CDS que não segue, ou apoia, candidatos ou candidatos a candidatos do PSD. O PSD sabe resolver o seu destino sem ajudas externas, tal como o CDS. Merece respeito nestes momentos. A escolha de Rui Rio para a presidência tem um significado político inequívoco. Teremos o PSD mais consolidado do que nunca no espaço do centro-esquerda, o que é uma opção legítima dos seus militantes. Politicamente e sociologicamente, o espaço entre a nova esquerda moderada e liberal do PSD e a direita populista do Chega fica por ocupar. Há na sociedade portuguesa uma faixa de eleitorado muito significativa e consolidada que é da direita social e moderada e que hoje fica sem casa e sem conforto. O Congresso do CDS na próxima semana decidirá se o partido vai mostrar que é capaz de mostrar a credibilidade necessária para ocupar este espaço, ou se quer ser um mega Iniciativa Liberal ou um proto-Chega.

Paulo Jorge Texeira - O centro direita a morrer, mas lentamente. Não nos livramos do PREC.

David Ribeiro - Rui Rio ganhou a liderança do PSD mas há quem ainda considere por resolver se o partido é de centro-esquerda ou centro direita… como se isso fosse importante para os portugueses, que muito bem sabem que está entre o PS e o CDS.



Publicado por Tovi às 00:01
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 13 de Dezembro de 2019
O dia seguinte às Eleições Gerais no Reino Unido

I160623c.jpg

  Resultado final das Eleições Gerais no RU
Captura de Ecrã (362).png

  Comentários no Facebook

Rui Moreira - Amanhã, os jornais portugueses vão dizer que os britânicos perderam. Ninguém dirá que o Labour se travestiu de BE, não soube dizer se queria brexit ou remain. Entretanto, a independência da Escócia parece inevitável. A Inglaterra será uma colónia da sua ex-colónia americana.

Pedro Braga de Carvalho - A maioria absoluta dos Conservadores de Boris Johnson vai finalmente conduzir à consumação do maior erro na política externa britânica no pós-guerra. E veremos, com o tempo, quais os estragos que esta consumação poderá trazer à unidade do reino. Do you still rule, Britannia?

Raul Almeida - A vitória de Boris Johnson traduz diferentes realidades. Primeiro, os britânicos querem inequivocamente o Brexit, as percepções contrárias, como a minha, estavam erradas. Segundo, foi uma derrota absoluta da esquerda que Corbyn protagoniza, um misto de populismo errância e cobardia. Terceiro, a Europa e o Reino Unido começam agora uma reconfiguração profunda, que exige o melhor de todos. Quarto, Boris Johnson, de quem não gosto nem um bocadinho, tem total legitimidade política para pôr o seu plano em marcha, I hope there is one.



Publicado por Tovi às 09:01
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 12 de Dezembro de 2019
Eleições Gerais no Reino Unido

_110031504_p07x3gw4.jpg

Particularidades das eleições gerais de hoje no Reino Unido:
- Quarenta e seis milhões de eleitores para escolher o novo Parlamento Britânico e, por consequência, o primeiro-ministro que governará o país.
- Nestas eleições gerais, o primeiro-ministro não é eleito diretamente pelo povo. Os eleitores escolhem um representante para o seu distrito eleitoral — são 650 no total, com um máximo de 80 mil eleitores em cada – que será o seu representante no parlamento.
- O primeiro-ministro é escolhido pelos parlamentares do partido vencedor (aquele que reuniu o maior número de cadeiras) e nomeado pela rainha num ato protocolar.

 

  11h30 de 12dez2019

 Malta do PAN… ponham os olhinhos nisto
Captura de Ecrã (360).jpg

   22h00 de 12dez2019

Primeiras projeções 
78834385_10157972228994522_3275441273674137600_n.j



Publicado por Tovi às 11:25
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 23 de Outubro de 2019
Evolução das sondagens em Espanha

Espanha 22nov2019.jpg
Os recentes acontecimentos na Catalunha alteraram consideravelmente as intenções de voto dos espanhóis para as próximas eleições de novembro, como era de esperar.



Publicado por Tovi às 07:51
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 28 de Setembro de 2019
A criada malcriada... e o voto antecipado

Captura de Ecrã (268).png



Publicado por Tovi às 08:26
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 13 de Agosto de 2019
Mais eleitores nas Legislativas'2019

23035366_770x433_acf_cropped.jpg

Nas próximas eleições o número total de cidadãos recenseados e habilitados a votar é de 10.811.436, mais 50.280 do que nas eleições europeias de 26 de maio.

Comparando com o número de eleitores das últimas legislativas, em 04 de outubro de 2015, em Lisboa verificou-se um acréscimo de cerca de 20.000 eleitores e no Porto esse aumento foi de 3.433 cidadãos aptos a votar, pelo que o círculo eleitoral de Lisboa vai ter em disputa 48 assentos em vez dos anteriores 47 e no Porto o total de mandatos passou de 39 para 40. O número de mandatos de deputado a atribuir nos círculos eleitorais da Guarda e de Viseu diminuiu de quatro para três e de nove para oito, respetivamente.



Publicado por Tovi às 08:50
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 5 de Março de 2018
Eleições em Itália

df32d81976baf01d868f04b6398a62f5.jpg

Numa sondagem à boca das urnas, o Movimento 5 Estrelas tem entre 29-32%, seguindo-se o Partido Democrático com 20,5-23,5%, a Forza Italia com 13-16%, a Lega com 13-16%, os Fratelli d'Italia com 4-6%, os Liberi e Uguali com 3-5%, a +Europa Bonino com 2,5-4,5%, Noi con l'Italia - Udc com 1-3%. Os demais partidos têm previsões inferiores a 2%. Tendo em conta a complexidade do novo sistema eleitoral, espera-se que só no dia de hoje haja uma ideia da composição do próximo parlamento italiano.
mw-1024.jpg



Publicado por Tovi às 10:56
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 6 de Janeiro de 2018
Eleições no PSD

Na página do Facebook do “Um novo norte para o Norte” fiz um pequeno inquérito sobre as eleições no PSD… e não há dúvida, o Rui Rio ainda tem muitos adeptos cá pelo Norte.

5jan2018.jpg



Publicado por Tovi às 09:28
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 22 de Dezembro de 2017
A República Catalã venceu o Artigo 155

Ilustración Rodrigo Acevedo Musto.jpg
(Ilustração de Rodrigo Acevedo Musto)

Há quem diga que as coisas ainda não ficaram claras na Catalunha, mas não restam dúvidas para ninguém que Mariano Rajoy saiu completamente derrotado destas eleições.

 


catalunha eleicoes2017 ab.png

  Comentários no Facebook

«Raul Vaz Osorio» - O Ciudadanos, pelo menos na sua versão catalã, está também contra o 155 e a estratégia de colorido fascista adoptada por Rajoy. Sendo assim, podemos considerar que houve uma maioria qualificada e não apenas absoluta que rejeitou a aplicação do dito artigo. Querem maior derrota do que esta?

«Gonçalo Graça Moura» - Eu acho que quem perdeu foram os catalães... quero ver como vão recuperar todos os negócios que saíram de lá com esta história...

«Raul Vaz Osorio» - Essa perspectiva materialista é que é o grande mal do mundo de hoje. Da forma como você coloca a questão, conclui-se que o único valor importante em jogo aqui é o dinheiro é isso negócios. Se não o único, pelo menos o fundamental. Ora, na verdade, existe toda uma gama de valores em jogo nesta situação e não é lícito escolher um em detrimento dos outros, seja ele qual for, com a excepção, talvez, da liberdade de opinião e escolha. Como regionalista, autonomista e no limite até independentista se necessário, em prol do Norte, desde já lhe digo que sacrificava de bom grado alguns grandes negócios para ver a minha região livre do parasitismo lisboeta.

«Serafim Guimarães» - Raul, concordo genericamente mas pergunto-te porque é que a Catalunha quer independência, ao contrário da Galiza. Claro que é pelos motivos materiais, pela percepção de que dão mais a Espanha do que o que dela recebem. E estão a esquecer-se que fora da União Europeia, a Catalunha perde (muita) riqueza. E o bem estar material de uma sociedade é que permite que ela se dedique a ter outras preocupações. Por isso é que, apesar de toda a minha simpatia pela causa catalã, acho que eles fazem mal separar-se e espero que consigam encontrar uma solução que não passe pelo radicalismo... Já saíram 3000 em presas (milhares de empregos). Até a Seat (que é alemã....) ameaça sair!!!

«Raul Vaz Osorio» - Serafim mas nunca me ouviste dizer que eles fazem bem ou mal. Digo é que lhes compete a eles decidir. Digo que há muitos valores em jogo é que não é lícito aplicar à questão a lógica TINA.

Já agora, essa do "fora da União Europeia" não é, de forma alguma, um dado adquirido. Mas faz parte, juntamente com a saída de empresas, de una chantagem do establishment politico-economico europeu sobre os catalães.

«Serafim Guimarães» - Raul Vaz Osorio fora da união europeia sim, porque para entrar um novo membro tem que haver unanimidade....

«Raul Vaz Osorio» - Estás a assumir que há saída. Não seria muito difícil criar uma norma, mesmo à margem dos tratados, que preservasse a integridade da União face a separatismos. Era apenas levar a lógica da Europa das Regiões, já consagrada no edifício político e legislativo da UE. Aliás, bastava a Escócia ou o Ulster decidirem em referendo demarcar-se do Brexit e pretender permanecer na UE para as mesmas vozes que anunciam a inevitabilidade da saída de uma Catalunha independente virem explicar como se poderia manter essas regiões na UE.



Publicado por Tovi às 09:23
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 21 de Dezembro de 2017
Catalunha a votos

mw-768.jpgMais de cinco milhões vão hoje votar na formação de um novo país ou colocar um travão a fundo nesse sonho milenar do Povo Catalão. Em verdade o que se vai escolher nesta consulta popular são os novos líderes catalães, depois de o governo de Mariano Rajoy, primeiro-ministro espanhol, ter dissolvido a Generalitat. A última sondagem do Centro de Pesquisa Sociológica (CIS) mostra que duas forças opostas podem estar, na realidade, muito próximas. A formação unionista de Inés Arrimadas, o Cidadãos, está perto dos 22,5% nas intenções de voto (entre 30 a 32 assentos parlamentares) e a Esquerda Republicana (ERC) está nos 21% (como o mesmo número de lugares possíveis). Mais logo, o mais tardar amanhã de manhã, saberemos qual o destino da Catalunha.

 

  La Vanguardia - Elecciones catalanas 2017 del 21D

08h24 - Alrededor de 5,5 millones de catalanes están convocados este jueves a las urnas en unas elecciones catalanas que servirán sobre todo para dirimir si los ciudadanos avalan la aplicación del artículo 155 de la Constitución que ha intervenido el autogobierno catalán y rechazan la independencia, o si dan un nuevo impulso al proceso soberanista.

10h39 - Uno de los cabezas de lista que no podrá votar será el candidato de ERC, Oriol Junqueras, encarcelado preventivamente desde el pasado mes de noviembre acusado de rebelión, sedición y malversación. Sin embargo el vicepresident de la Generalitat de Catalunya cesado se ha manifestado a través de su cuenta de Twitter evocando que hace justo 4 años que se casó con su mujer, y ha confiado en salir pronto de la cárcel para poder estar con su familia.

11h13 - Más de dos horas después de la apertura de los colegios electorales, las colas siguen siendo las protagonistas. En algunos centros de votación de Barcelona es de incluso más de media hora.

12h00 - Cinco días de castigo a Junqueras por su entrevista a RAC1. Los servicios penitenciarios sancionan al candidato de ERC también por grabar un audio desde prisión.

14h19 - Los servicios penitenciarios han desmentido haber sancionado a Oriol Junqueras, exvicepresident y candidato de ERC a la presidencia de la Generalitat, con cinco días de confinamiento en su celda por conceder una entrevista a El Món a RAC1 mediante conexión telefónica y por grabar un audio desde prisión, según ha podido saber La Vanguardia.

15h05 - Un 34,7% de los catalanes llamados a las urnas este jueves ha votado hasta las 13 horas, lo que supone 0,4 puntos menos que en el primer avance de participación de las elecciones catalanas del 27 de septiembre de 2015, cuando a la misma hora había votado el 35,1% del censo.

18h10 - La participación se dispara y supera la de 2015 hasta el 67,96%. Supone un 6,3% más respecto al 63,12% registrado en 2015 a las 18:00 horas.



Publicado por Tovi às 09:36
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Setembro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9



29
30


Posts recentes

Evolução das sondagens pa...

Eleições na CCDR-Norte

Um simulacro de eleição

Eleições para a CCDR-Nort...

Eleições internas no PS

Rui Rio vence as diretas ...

O dia seguinte às Eleiçõe...

Eleições Gerais no Reino ...

Evolução das sondagens em...

A criada malcriada... e o...

Mais eleitores nas Legisl...

Eleições em Itália

Eleições no PSD

A República Catalã venceu...

Catalunha a votos

Eleições em Angola

Autárquicas no Porto – Te...

Theresa May ganhou as ele...

Macron é o novo President...

Terrorismo em França a tr...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus