"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Sábado, 8 de Maio de 2021
Cimeira Social da União Europeia

A Cimeira Social da União Europeia realizou-se no Porto entre sexta-feira e hoje. Nestes dois dias estiveram na Cidade Invicta mais de 100 participantes na Cimeira.

 


image.jpg
Ontem, poucos minutos antes das 11 horas, a Câmara do Porto foi palco da receção de boas-vindas aos três mais altos dirigentes da UE - presidente do Parlamento Europeu, David Maria Sassoli; presidente do Conselho Europeu, Charles Michel; e presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen - que receberam das mãos de Rui Moreira as chaves da cidade.

 


transferir.jpg
A Cimeira Social da UE iniciou-se com uma conferência, na Alfândega do Porto, onde marcaram presença líderes políticos e institucionais, parceiros sociais e sociedade civil; e continua, neste sábado de manhã, com um Conselho Europeu informal no Super Bock Arena – Pavilhão Rosa Mota, de onde se aguarda que saia um compromisso político para a agenda social europeia.

 

   Porto, O nosso Movimento
Captura de ecrã 2021-05-09 104447.jpg

 


Até nos pequenos pormenores se vê a qualidade com que os portuenses receberam os Chefes de Estado europeus no Super Bock Arena – Pavilhão Rosa Mota.
image (1).jpg



Publicado por Tovi às 08:46
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 14 de Abril de 2021
Vai haver vacinas para todos?

jn 14abr.jpg
Parece estar provado que há alguns graves efeitos secundários destas vacinas… mas eu temo que a “guerra” entre a União Europeia e as farmacêuticas venha a provocar enormes dificuldades numa completa vacinação das populações.

 

    La Stampa
la stampa.jpg

 

    Relatório de Vacinação em Portugal (de 27dez2020 a 11abr2021)
vacinação em portugal.jpg

 

    Expresso, 14abr2021 às 13h54
A Presidente da Comissão Europeia anunciou ao início da tarde desta quarta-feira que mais 50 milhões de doses de vacinas da Pfizer devem chegar à UE na segunda metade de abril. Para 2022 e 2023 espera-se a entrega de mais 1,8 mil milhões de doses.
A Dinamarca anunciou esta quarta-feira que desistiu de usar a vacina para a covid-19 da AstraZeneca devido aos efeitos secundários "raros, mas graves", enquanto a Alemanha decidiu administrar outra vacina nas segundas doses a quem tomou este fármaco na primeira.




Sábado, 2 de Janeiro de 2021
Portugal na Presidência do Conselho da UE

   Entre 1 de janeiro e 30 de junho de 2021, Portugal assume a Presidência rotativa do Conselho da UE.

mw-1920.jpg



Publicado por Tovi às 07:19
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 15 de Novembro de 2020
O "milagre" da Suécia no combate à pandemia

Pois é... 
suecia 15nov.jpg

   Valores atualiados ao dia de ontem
Covid19 Europa 14nov2020.jpg

 

   Comentários no Facebook

Altino Duarte - O jornal "Público" de 3 de Maio trazia uma extensa entrevista dum epidemiologista sueco, Johan Giesecke, já reformado mas consultor das autoridades de Saúde do país que defendia o modelo que estava a ser seguido e que, na altura, já tinha sido abandonado no RU. Dizia ele que quando se fizessem as contas, se iria verificar que teriam morrido um número idêntico de pessoas em todos os países da Europa, isto é, as mortes seriam comparativamente iguais em cada um deles. Nessa altura já a Suécia, com uma população quasi igual à portuguesa apresentava o dobro das vítimas de Portugal, sendo que a maior parte das pessoas tinha mais de 70 anos de idade. Lembro-me que, na altura, muito boa gente acreditou, tanto lá como cá. Por ironia do destino vi, ontem, no "Expresso da Meia Noite" uma personagem que ultimamente muito se tem destacado como conhecedor destes assuntos do Covid fugir como o diabo da cruz quando a conversa parecia ir nesse sentido. Essa personagem, ex bastonário da Ordem dos Advogados e que me lembro de citar as declarações do epidemiologista sueco em causa , com as quais concordava, fez, aliás, uma triste figura no programa da SIC de ontem confrontando opiniões de médicos conhecedores do assunto e de primeiríssimo plano no combate à pandemia. Pelos vistos, o sistema sueco não funcionou e são as próprias responsáveis a admitir que as previsões estavam erradas...

David Ribeiro - Sem dúvida, Altino Duarte... e numa altura em que a própria WORLD HEALTH ORGANIZATION diz que ainda se sabe muito pouco sobre o SARS-CoV-2, acho uma piada do caraças aos epidemiologistas armados em "treinadores de bancada".



Publicado por Tovi às 11:37
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 14 de Novembro de 2020
C u i d e m - s e ! . . .

Anotação 2020-11-14 100741.jpg

   Uma importante ajuda no combate à pandemia   
A Pousada da Juventude do Porto - Estrutura Distrital de Acolhimento Provisório para Pessoas com Teste Negativo à COVID.19, já está a funcionar e acolherá pessoas provenientes de estruturas residenciais de idosos que necessitem de segregar pessoas que testaram positivo. Integralmente financiada pela Câmara do Porto, que disponibiliza 300 mil euros, esta resposta foi criada em cooperação com a Comissão Distrital de Proteção Civil, a ARS-N e a Segurança Social.

 

   Situação hospitalar em Portugal
Situação hospitalar 14nov.jpg



Publicado por Tovi às 10:33
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 28 de Outubro de 2020
Assim vai a pandemia em alguns países da EUROPA

europa .jpg

  • As hospitalizações na BÉLGICA estão a subir a um ritmo semanal de 88%, com 502 internamentos diários em média, enquanto as mortes associadas ao Sars-CoV-2 se situaram na média diária de 48,3 óbitos, uma alta semanal de 50%.
  • Em ESPANHA estão hospitalizados em todo o país 16.008 pessoas infetadas com o novo coronavírus, das quais 2.183 estão em UCI.
  • No REINO UNIDO 1.142 pessoas foram hospitalizadas por causa do novo coronavírus, que já provocou a morte a 44.998 infetados e mais de 890.000 contágios.
  • Os infetados com covid-19 nas UCI da ITÁLIA são já 1.284 e crescem a uma média diária de 90 pessoas, o que faz temer que, em poucas semanas, os hospitais possam entrar em colapso, tal como ocorreu em março.
  • Nos últimos sete dias, os hospitais da FRANÇA registaram 13.066 internamentos devido ao novo coronavírus. Segunda-feira, segundo os dados avançados pela Agência de Saúde Pública (ASP) francesa, estavam hospitalizados 17.784 pacientes, 2.770 nas UCI.
  • Na HOLANDA estão hospitalizados devido ao novo coronavírus 2.249 pacientes, com 506 deles nas UCI.
  • A ROMÉNIA registou nas últimas 24 horas 104 mortes associadas à covid-19.
  • PORTUGAL contabilizou hoje mais 28 mortos relacionados com a covid-19 e 3.299 novos casos confirmados de infeção.
  • REPÚBLICA CHECA acumulou cerca de 163 mil infeções desde o início da pandemia, com 5.613 pacientes hospitalizados, 800 deles em estado grave.
  • O sistema de saúde na RÚSSIA está a trabalhar hoje em toda a sua capacidade.
  • A falta de pessoal nos hospitais está a converter-se num dos principais problemas para assistir os doentes com coronavírus na ALEMANHA, onde o número de pacientes nas UCI duplicou em duas semanas.

 

   Situação crítica em Espanha, França e Alemanha
europa hoje.jpg



Publicado por Tovi às 07:02
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 29 de Setembro de 2020
Ursula Von der Leyen está em Portugal

120197864_3650703958275235_4271995254488846287_o.j

Ursula Von der Leyen está de visita oficial a Portugal, para participar no Conselho de Estado. A presidente da Comissão Europeia tem também agendada uma visita ao Instituto Ricardo Jorge e à Fundação Champalimaud, em Lisboa, ao lado do primeiro-ministro António Costa, onde vão apresentar os planos de recuperação de Portugal e o da União Europeia.



Publicado por Tovi às 11:26
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 11 de Agosto de 2020
Impacto da pandemia na economia e saúde

Anotação 2020-08-08 114053.jpg
Ou seja, ainda há um terço de portugueses que vivem noutro mundo. Mas mesmo assim somos dos que mais se preocupam com esta situação nos países consultados (Alemanha, Dinamarca, França, Holanda, Itália, Portugal e Reino Unido).

Ontem de manhã tive que ir à Baixa do Porto - Hospital de Santo António, Leões, Carmelitas, Torre dos Clérigos – e já dá gosto ver a VIDA que os turistas dão à Cidade Invicta.



Publicado por Tovi às 10:41
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 21 de Julho de 2020
Maratona negocial no Conselho Europeu

Anotação 2020-07-21 101323.jpg

Parece que em Bruxelas se chegou a acordo… e Portugal irá dispor, nos próximos sete anos (2021/2027) de um pouco mais de 45 mil milhões de euros. Só espero que tenhamos tininho na aplicação deste graveto e que sejam postos longe destes fundos muitos dos chicos-espertos que por aí ainda andam.



Publicado por Tovi às 10:18
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 13 de Julho de 2020
Um Cinturão, Uma Rota

1024px-One-belt-one-road.svg.png
(Na figura: China em vermelho, membros do Banco Asiático de Investimento em Infraestrutura em laranja, os seis corredores em preto e azul)

Na semana passada vi na RTP-2 um interessante documentário que revela a iniciativa chinesa "Um Cinturão, Uma Rota", pretendendo criar uma vasta zona económica em toda a Eurásia. O governo chinês está a construir infraestruturas e a incentivar o comércio e o investimento ao longo de duas rotas, por terra e por mar. O programa centra-se em três locais-chave ao longo de uma linha férrea construída entre a China e a Europa: o Cazaquistão, fonte vital de energia e alimentos para a China, a Polónia, novo mercado para os produtos chineses; e a Alemanha, líder da União Europeia que a China procura conquistar. Este documentário revela-nos a rápida expansão económica e a "nova Rota da Seda" chinesa que marcha em direção ao Ocidente. Escolas de línguas chamadas "Institutos Confucio" estão a abrir por toda a Europa. Com o apoio do governo chinês propagam o pensamento e a cultura chinesa. Atualmente, este país com mais de 1,4 mil milhões de pessoas está a expandir-se rapidamente para o Ocidente. "Um Cinturão, Uma Rota" é a política nacional da China. É a planta para uma rede económica colossal que liga a China à Europa através da Rota da Seda, por terra e por mar. Uma linha ferroviária transcontinental transporta a energia da China para o Ocidente, atravessando a Ásia Central para chegar à Europa. A China fornece pessoas, dinheiro e bens a locais que fazem parte dessa rota, criando pontos chave ao longo de um cinturão e uma rota. Grandes quantidades de trabalhadores chineses são enviados para o Ocidente para garantirem reservas estáveis de energia e alimento. Com a revolução no transporte de bens, os produtos de origem chinesa invadiram os mercados. A onda de capital chinês estendeu-se ainda mais para Ocidente, atacando o mercado e os produtos de tecnologia de ponta.



Publicado por Tovi às 07:53
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 31 de Maio de 2020
Crew Dragon a caminho da Estação Espacial

dragoncrew.8k.jpg

Às 20h22 de ontem (hora de Portugal Continental) partiu para a Estação Espacial Internacional a Crew Dragon numa missão histórica da SpaceX (nome comercial da Space Exploration Technologies Corp., sediada em Hawthorne, Califórnia), levando a bordo dois astronautas da NASA, Bob Behnken e Doug Hurley. Os astronautas viajam no módulo Dragon, incorporado no nariz de um foguetão Falcon 9. Esta missão é preponderante para o futuro da exploração espacial dos EUA. Será a primeira vez desde 2011, há nove anos, que os Estados Unidos regressam aos voos tripulados a partir de solo americano e com tecnologia da casa. Desde a reforma do programa Space Shuttle que os astronautas com o selo da NASA apanhavam boleia dos russos até ao espaço em troca de 85 milhões de euros por lugar.

 

   15h16 de hoje

crew-dragon-acoplagem.jpg
Foram realizadas com sucesso e ficaram concluídas às 15h16 (hora de Portugal continental) as manobras de acoplagem do Crew Dragon (agora rebatizado pelos dois astronautas como Endeavour) à Estação Espacial Internacional. Cerca de duas horas depois Bob Behnken e Doug Hurley desembarcarão e juntar-se-ão à tripulação russo-americana que já está a bordo da EEI e que é composta pelo astronauta da NASA, Chris Cassidy, e os cosmonautas russos Ivan Vagner e Anatoly Ivanishin.

 

   Estação Espacial Internacional

1200px-International_Space_Station_after_undocking
A Estação Espacial Internacional (em inglês: International Space Station), é um laboratório espacial completamente concluído, cuja montagem em órbita começou em 1998 e terminou oficialmente em 8 de julho de 2011 na missão STS-135, com o vaivém espacial Atlantis. É um projeto conjunto da Agência Espacial Canadiana (CSA/ASC), Agência Espacial Europeia (ESA), Agência Japonesa de Exploração Aeroespacial (JAXA), Agência Espacial Federal Russa (ROSKOSMOS) e Administração Nacional de Aeronáutica e Espaço (NASA) dos Estados Unidos. A estação encontra-se em órbita da Terra a uma altitude de aproximadamente 400 quilómetros (é possível ser vista da Terra a olho nu) e viaja a uma velocidade média de 27.700 km/h, completando 15,7 órbitas por dia. Tem sido mantida com tripulações de número não inferior a três astronautas desde 2 de novembro de 2000. A cada rendição da tripulação, a estação comporta duas equipas (uma em serviço e a próxima), bem como um ou mais visitantes.



Publicado por Tovi às 07:51
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 24 de Maio de 2020
The New York Times de hoje

Vai ficar para a História a primeira página do The New York Times de hoje.
Captura de Ecrã (237).png

...e realmente o total do número de mortes por Covid-19 nos EUA é assustador, mas se considerarmos mortes por milhão de habitantes veremos que há vários países cá da Europa em situação muito pior.
mundo 23mai.jpg



Publicado por Tovi às 15:20
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 14 de Abril de 2020
Mais um disparate da TVI

93839061_2883342271754135_8916048761545818112_n.jp
Foi esta a conclusão a que chegaram uns "intelectuais", daqueles que mandam bitaites nas tv's nacionais, sobre os motivos porque o Norte foi mais castigado pelo COVID-19. Já não há paciência para tanta estupidez.

   Comentários no Facebook

David Ribeiro - Segundo os “intelectuais” que mandam bitaites na TVI sobre este assunto, seguramente que Espanhóis, Italianos, Belgas, Franceses, Holandeses, Britânicos, Suíços e Suecos têm uma “população menos educada, mais pobre, envelhecida e concentrada em lares” do que na Região Norte de Portugal (onde as mortes por milhão de habitantes são de 82,1).
mundo morte p m 13abr.png

Raul Almeida - Isto é a população do Norte. Agora imaginem como será quem escreve e quem permite que se publique uma coisa destas. Há alturas em que percebemos que o país tem problemas infinitamente maiores do que o COVID-19. Para o Covid é previsível que venha a haver cura ou vacina.

António Alves - Há quem ache que o Norte é uma realidade homogénea. Que o interior transmontano ou o Tãmega é igual ao Grande Porto e ao Litoral. Na Itália é precisamente a região mais rica e industrializada, a de Milão, a que tem mais casos. Em Portugal são igualmente os concelhos mais industrializados da Área Metropolitana do Porto e Norte Litoral os mais afectados. E também dos mais ricos do país, em poder de compra per capita - Porto, Matosinhos, Maia, Braga, Gaia -, depois de Lisboa e Oeiras. Como diz o meu amigo Pedro Sousa Chichorro, a falta que o futebol faz a muita gentinha.

Carlos Amadis - Porque é que a televisão está em decadência? Por isto. Para a TVI, a população do Norte é menos educada. No Sul as pessoas são mais educadas e formadas. Os lobbys não querem a Regionalização para poderem continuar a manter o status quo do País. Manter o "stablishment" nas pessoas de forma a intocar a Narrativa de um País a duas velocidades e a dois níveis civilizacionais. O problema não é Lisboa. Lisboa é linda. O problema são os saloios de Lisboa. Eu tenho nojo da Comunicação Social Portuguesa.

Rui Moreira - (...) O “Norte”, esse ponto cardeal que a TVI confunde com o Porto e vice-versa, e que imagina Viana do Castelo como uma freguesia da cidade Invicta e Braga como a sua periferia, não está provado que tenha gente mais mal-educada ou mais bem-educada do que Lisboa, da mesma forma que não se provou ainda que Lisboa tenha mais ou menos estúpidos que a Amadora, como na mesma lógica da TVI, seria apropriado dizer-se. (...)

Ana Alyia - Pela mesma lógica eu não apanho covid sendo que sou educada, não sou tão pobre ainda não sou velha e não vivo em lar. Já estou a imaginar o vírus a fazer uma seleção criteriosa "és educado? Ah ok então vou procurar outro para atacar". Valhamedeus nunca ouvi afirmação tão descabida.

Nuno Botelho - Há uma legitima indignação a respeito da peça de ontem da TVI sobre as razões da incidência do Covid19 no Norte. A própria TVI já veio apressar-se a pedir desculpas, reconhecendo a gravidade do disparate. A grande verdade é que o Norte é a região mais exportadora do país, com forte espírito empreendedor que a leva a sair de portas para fazer negócios e a procurar novos mercados, com um peso relevante da indústria (e não há indústria em tele-trabalho...). Como em Itália, também em Portugal houve um maior número de casos na região mais dinâmica e mais aberta ao mundo. Ao contrário de Lisboa, que centraliza Estado, despesa e funcionários, além de concentrar a quase totalidade das compras e dos fornecimentos públicos, como explica oestudo da Associação Comercial do Porto sobre o tema. O Norte pode não ser a Lombardia, mas Lisboa cai demasiadas vezes na tentação de um certo imperialismo romano.

   Comunicado do Diretor de Informação da TVI, Sérgio Figueiredo

O Jornal das 8 de ontem emitiu uma peça que pretendia explicar os motivos que levam a Região Norte a constituir-se como a parte do território nacional onde a Covid-19 regista um número bastante superior de casos positivos e de óbitos devido à pandemia, face às outras regiões.
Desde o primeiro momento em que o assunto foi internamente discutido, logo na reunião da manhã de preparação do jornal – onde participou o editor habitual do Jornal das segundas-feiras, Miguel Sousa Tavares, o pivot José Alberto Carvalho, eu próprio e outros editores da TVI – a preocupação era legítima e construtiva: porquê e como responder àquelas populações particularmente afetadas?
Do ponto de vista jornalístico é normal que se questionem as razões que, numa só região, e segundo os dados oficiais, se registem 60% de todas as pessoas infetadas e 57% dos óbitos do país devido à doença. E do ponto de vista social consideramos que questionar é o primeiro passo para encontrar as respostas necessárias na resolução do flagelo.
Os nossos procedimentos foram os de sempre: à nossa jornalista destacada para a conferência de imprensa diária da DGS foi pedido que procurasse junto das Autoridades de Saúde uma explicação; o José Alberto Carvalho perguntaria sobre isso ao epidemiologista entrevistado em direto no Jornal (o que aconteceu) e a autora da reportagem recolheu a análise de vários especialistas, dois aceitaram ser entrevistados e entraram na peça.
Apesar de todas as redações que produzem jornalismo estarem a trabalhar em condições terríveis, em que nenhum de nós até hoje tinha vivido, a TVI fez o que estava certo: questionou algo relevante, falou com quem sabe e produziu uma reportagem com uma intenção genuinamente construtiva e socialmente relevante.
Isto não justifica, porém, a construção de uma frase infeliz no ecrã, nem a parte do texto que a suportava. Nomeadamente aquela que, entre as razões demográficas e sociológicas indagadas, sugeria níveis de educação abaixo da media nacional. Essa frase foi por muitos interpretada como uma ofensa às gentes do Norte – o que não era evidentemente o nosso propósito.
Nem é essa a tradição da TVI, que historicamente mantém uma relação de grande proximidade com as populações e de ligação à Região. No caso concreto da Informação, concentramos boa parte dos nossos recursos na redação do Porto e em duas delegações regionais que cobrem acontecimentos diários do litoral ao Interior.
Com a mesma humildade que a todos pedimos desculpas por um erro que somos os primeiros a lamentar, temos a convicção que a TVI não deve a ninguém, em esforço, em tempo de antena, em grandes eventos desportivos e culturais que promovemos ou patrocinamos, a relevância que o Norte merece e justifica na mancha de cobertura informativa que diariamente, semana após semana, anos a fio, aqui lhe temos dedicado e que continuaremos a fazê-lo.
Da mesma forma que um erro grosseiro – que não foi previamente detetado nestas difíceis condições em que a pandemia também coloca ao trabalho dos jornalistas e de uma televisão – não caracteriza todo um Jornal e, menos ainda, uma estação televisiva que todos os dias acorda guiada pela sua mais nobre missão que é servir os portugueses. Sem exceções e sem discriminações de natureza alguma.

 

   Situação em Portugal e Região Norte

17448 casos confirmados (10302 na Região Norte)
567 mortos (321 na Região Norte)
COVID19 PortNorte 14abr.jpg



Publicado por Tovi às 09:33
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 29 de Março de 2020
Dá que pensar... Suiça vs Portugal

covid19 europa 27mar.png

A Suíça tem menos 14% de habitantes que Portugal e segundo os dados da World Health Organization em 27mar2020 tinha mais duas vezes e meia de casos confirmados de COVID-19 e o dobro dos mortos, comparando com o nosso País.

Nota: A Suíça teve início da doença mais cedo do que Portugal e portanto está situada numa fase mas evoluída na curva epidémica ou pandémica, mas foram unicamente estes os dados a que tive acesso na World Health Organization.

 

   Situação em Portugal e Região Norte

5962 casos confirmados (3550 na Região Norte)
119 mortos (61 na Região Norte)
covid19 29mar.png



Publicado por Tovi às 11:04
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 1 de Fevereiro de 2020
O Brexit chegou

Duncan-Hull-Banksy-does-Brexit-detail-banksy-brexi

Desde as 23 horas locais de ontem (zero horas em Bruxelas) o Reino Unido está fora da União Europeia. E os britânicos sobreviverão e continuarão a ter um papel importante na economia internacional, assim como a Europa continuará uma força da cooperação económica. Mas a Europa precisava de ser mais do que isto… e nisto ficou fragilizada.



Publicado por Tovi às 09:15
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Setembro 2021
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9


20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30


Posts recentes

Cimeira Social da União E...

Vai haver vacinas para to...

Portugal na Presidência d...

O "milagre" da Suécia no ...

C u i d e m - s e ! . . ....

Assim vai a pandemia em a...

Ursula Von der Leyen está...

Impacto da pandemia na ec...

Maratona negocial no Cons...

Um Cinturão, Uma Rota

Crew Dragon a caminho da ...

The New York Times de hoj...

Mais um disparate da TVI

Dá que pensar... Suiça vs...

O Brexit chegou

Paulo Portas e Rui Moreir...

Da crise alemã à crise eu...

O Expresso nasceu há 45 a...

A República Catalã venceu...

A EMA foi para… Amesterdã...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus