"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Quinta-feira, 13 de Setembro de 2012
Um coro de protestos em Portugal

Até parece um levantamento Nacional o que se tem ouvido nestes últimos dias. Aqui ficam, para memória futura, algumas afirmações de gente conhecida da nossa praça:

{#emotions_dlg.star} Manuela Ferreira Leite - A antiga conselheira do Presidente da República, Cavaco Silva, e ex-ministra das Finanças, acusa o ministro das Finanças de "total insensibilidade social" pelas medidas de austeridade mais recentes sublinhando que o "país chega ao fim destroçado." E rematou dizendo que ainda não decidiu se vai à manifestação de sábado.

{#emotions_dlg.star} Bagão Félix - Ex-ministro da Segurança Social fala em "esbulho feito sobre os pensionistas" e considera que a austeridade atingiu o limite do "decoro ético".

{#emotions_dlg.star} António Capucho - Quanto ao papel de Cavaco Silva, Capucho lembrou os apelos do chefe de Estado à equidade. Além disso, sustentou que "algumas das medidas anunciadas são manifestamente inconstitucionais, como os cortes aplicados aos pensionistas e reformados".

{#emotions_dlg.star} Manuel Alegre - "Eu se fosse Presidente da República ou este Governo mudava as políticas ou tentaria encontrar uma solução, eventualmente mesmo a retirada da confiança ao Governo".

{#emotions_dlg.star} Eugénio Fonseca – O Presidente da Cáritas Portuguesa disse que a austeridade “está assente” em medidas “injustas” que pode deixar consequências “irreparáveis para o futuro”. Elas irão “agravar a já tão precária” situação socioeconómica da sociedade portuguesa e “não irão atingir o objectivo da criação de mais emprego”.

{#emotions_dlg.star} Lino Maia – O Presidente da Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade (CNIS) afirmou que Portugal está “na via do empobrecimento geral”, o que cria “graves problemas às instituições, às pessoas e a todo o país”.


«David Ribeiro» in Facebook >> {#emotions_dlg.confused} Estou a ver na RTP1 a entrevista de Passos Coelho e pergunto: É isto o Primeiro-Ministro de Portugal?... Realmente estamos entregue aos bichos. Que fraquinho... Que incompetente.

«Manuel António Sarmento Silva» in Facebook >> É uma anedota!

«Fátima Gabriel» in Facebook >> Agora quer mandar nos privados


«David Ribeiro» in Facebook >> {#emotions_dlg.blushed} Que vergonha!... Ficamos agora todos a saber que o Primeiro-Ministro é uma merda.

«Luís Lopes» in Facebook >> Só agora?

«António Sabão» in Facebook >> eu já sabia!!!!!!!!

«Luís Alexandre» in Facebook >> Um dia ficariamos a saber, foi hoje

«David Ribeiro» in Facebook >> Eu já desconfiava... Agora tenho a certeza.

«Manuel António Sarmento Silva» in Facebook >> David, estás a brincar... Sempre soubemos que é uma grande merda! O QUE PUDEREMOS FAZER PARA NOS LIVRARMOS DESTE IMBECIL?

«António Sabão» in Facebook >> é uma merda mas o povo votou nele! essa é que é essa! Agora dizem que não!!!! bem feito!!!!!

«Joaquim Leal» in Facebook >> Bom, o Trócastes ainda o bate aos pontos...

«Mário Jerónimo» in Facebook >> Da outra MERDA diga-se Socrates... .ninguem fala... porra.

«David Ribeiro» in Facebook >> O Sócrates já está fora do campeonato.

«Manuel Quirino» in Facebook >> Por agora... Espera que verás quem quem de cavalinho mansinho a dizer que afinal o cujo tal...




Sábado, 27 de Março de 2010
Bye bye Manuela Ferreira Leite

Com a estrondosa vitória de Passos Coelho nas directas para Presidente da Comissão Política Nacional do Partido Social Democrata, fica provado o erro político de Manuela Ferreira Leite ao não ter incluído o agora líder do PSD nas listas das últimas legislativas. Novos tempos se advinham na oposição ao actual Primeiro Ministro e até pode ser que isso obrigue a uma nova forma de encarar a oposição por parte de José Sócrates, pois este novo líder do PSD não é seguramente igual aos que o precederam.


«Laura Sarmento» in Facebook >> Concordo inteiramente.... acho que vai ser assim uma espécie de combate de titãs...



Publicado por Tovi às 22:37
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 13 de Março de 2010
XXXII Congresso do PSD #3

 Acabei de ouvir o discurso de Manuela Ferreira Leite no início dos trabalhos do XXXII Congresso do PSD ...e, não sei porquê, abriu-me o apetite. Vou almoçar.

 Panadinhos de Vitela com Arroz de Ervilhas, acompanhados de um verde branco (sub-região de Monção) Selecção de Enófilos Alvarinho 2008 da Quintas de Melgaço Agricultura e Turismo SA.


«Blanca Terrones Olive» in Facebook ► que aprovehce Sr. David jejejej!!! ;-)

«David Ribeiro» in Facebook ► Obrigado minha querida amiga Blanca.

«Blanca Terrones Olive» in Facebook ► ahhh buen vino, si tiene ocasion Sr. David pruebe los vinos de mi tierra Lleida (Cataluña) que son CASTELL DEL REMEI GOTIMBRÚ, i el ODA 2006 excelentes, también son muy buenos los VINOS DE RAYMAT (Costers del Segre). un saludo muy cordial.

«David Ribeiro» in Facebook ► Infelizmente dos vinhos da Cataluña (Catalunha, em português) pouco mais conheço que o Sangre de Toro, um soberbo tinto feito com as castas Garnacha e Cariñena e do qual ainda tenho na minha garrafeira alguns exemplares da colheita de 2006. E já agora, minha querida Blanca: Não há necessidade de me tratar por “Sr. David”… Para si e para todos os meus amigos, eu sou unicamente “David”.




Sábado, 19 de Setembro de 2009
Manuela Ferreira Leite toda nua

 Um amigo dos tempos do liceu enviou-me o seguinte texto:

Se agora, por altura das eleições, receber um mail com o assunto, “Manuela Ferreira Leite toda nua", não abra o mail e APAGUE IMEDIATAMENTE. Não é um vírus, nem malware, um worm ou trojan horse. É mesmo ela nua!



Publicado por Tovi às 09:50
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 7 de Setembro de 2009
Asfixia democrática

 Alguém me consegue explicar o que é que isto quer dizer?... Tanto quanto sei asfixia é um substantivo que significa “suspensão dos fenómenos da respiração” e democrática é um adjectivo que quer dizer “relativo à democracia”. Haja quem me explique, mas tem que ser muito bem explicado, porque eu não tenho o QI da Manuela Ferreira Leite.

«João Silvino Venâncio Costa» / Facebook ► É fácil amigo David... Mas 1º tenho que fazer alguns considerandos. O QI da Drª Manuela não é tão elevado como ela e o seu staff julgam. Caso contrário não me teriam a mim (com um QI substancialmente inferior ao que julgam), que nas próximas legislativas naturalmente (embora não habitualmente) votaria PSD, a anular o meu voto com a frase:"Ti Manela: Eu não voto em para-quedistas!!!"... (círculo de Castelo Branco para quem se quiser situar...). "Asfixia Democrática" é um termo inconscientemente utilizado por alguns iluminados para, substantivamente, descreverem um estado das coisas (em que só os agarrados a ideais que não promovem, carreiristas políticos do sistema dito democrático e carneirinhos seguidores dos mor's à espera de poleiro) que nitidamente nos mostra que a democracia tal como a conhecemos é um sistema falido, a agonizar lentamente enquanto a todos é permitido mandar os seus bitaites sem que haja a obrigação de tais bitaites serem assumidos e justificados... Que sentido faz um 'sistema' democrático em que a larga maioria não exerce regularmente o seu direito e dever cívico de voto? Que sentido faz um 'sistema' democrático em que a resposta da maioria a qualquer questão estrutural é "não sei nem quero saber"? Que sentido faz contabilizar as vontades individuais para a definição do interesse colectivo quando a LARGUÍSSIMA maioria das vontades individuais apenas se preocupa com o seu umbigo? O "poder" quer incontestavelmente adormecer as massas... A única vantagem da democracia é o facto de as massas, querendo, poderem não permitir ser adormecidas. Mas, a democracia é um 'sistema' que devia previligiar o colectivo. Será isso possível quando cada cidadão poderia ter como alcunha "individualista", "egocentrista", "narcisista" ou "invejoso"? "Asfixia Democrática" existe. É exercida por cada um de nós quando abdica de exercer os seus direitos seja porque motivo for e quando se "esquece" de cumprir os seus deveres... Ou cada um de nós muda ou será melhor 'inventar' outro sistema...

Boa João Silvino!... Gostei de te ler.



Publicado por Tovi às 22:10
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 4 de Maio de 2009
Política de Verdade ?...

Estou a chegar à conclusão que o firewall que está instalado no meu PC é uma merda!...

 Já é a segunda vez que a frase POLÍTICA DE VERDADE me leva a entrar no blog oficial do PSD para as eleições de 2009… Assim não vale… Se eu quiser saber o que a Manuela Ferreira Leite tem para dizer às massas eu sei bem por onde e como é que devo procurar.

 

«Max» / ViriatoWeb ► Mas a firewall não te impede o visionamento de sites. Impede (ou tenta impedir) que se instalem no teu computador ficheiros maléficos!

«XôZé» / ViriatoWeb ► Não percebeste ainda que o que ele quer é implicar com a senhora?!

«Tovi» / ViriatoWeb ► "...que se instalem no teu computador ficheiros maléficos!" - Pois!... É disso que eu tenho medo... Vindo de quem vem...

«Viriato» / ViriatoWeb ► senhora? porque "aquilo" é uma mulher? a gaja sorri-te, numa rua escura, numa segunda-feira à noite, e na sexta ainda vais a correr! se a gaja se ri para um policia é considerado insulto à autoridade!

«XôZé» / ViriatoWeb ► fds e não é que tens mesmo razão!

«sircanit» / ViriatoWeb ► A sorte é que a mulher não sabe sorrir!!!!

«nick» / ViriatoWeb ► se levasse a qualquer página relacionada com o nosso impagável PM (primeiro mentiroso) é que tinhas certamente um problema no computador.




Terça-feira, 18 de Novembro de 2008
Agora é que a Manelinha me matou...

Sem mais comentários: (in Diário Digital / 18Nov2008 - 16:45h) A presidente do PSD, Manuela Ferreira Leite, perguntou hoje se «não é bom haver seis meses sem democracia» para «pôr tudo na ordem» (...)

 

«XôZé» / ViriatoWeb ► Não sei, não e olha que eu até sou insuspeito. Para pôr isto na ordem acredito com uma suspensãozita (parcial e a prazo) da democracia em algumas das suas vertentes era capaz de dar um certo jeito. Aposto que até o Socrates apreciaria.

 

 Não me consta que a Manuela Ferreira Leite seja uma adoradora do deus Baco, mas como proferiu estes comentários no final de um almoço promovido pela Câmara de Comércio Luso-Americana…

 

«Reboredo» / ViriatoWeb ► bebeu concerteza alguma zurrapa! 

 



Publicado por Tovi às 19:04
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 16 de Novembro de 2008
A Manelinha do PSD até me faz rir... (III)

Ainda sobre a forma de actuação dos media...

 

«zézen» / ViriatoWeb ►

in http://veritas.blogs.sapo.pt/arquivo/1088103.html

Os meios de comunicação ocupam, hoje em dia, um lugar estratégico de mediação dos discursos dos actores sociais e institucionais, mediação que corre a par com uma propalada debilidade das instituições de representação política tradicionais. Assiste-se a uma reconfiguração das mediações, como defende Barbero (1998: XIV), os meios de comunicação não se limitando ao singelo papel de veiculadores das representações existentes, passando a ser encarados também como actores incontornáveis da vida pública.

Em 1904, Ota Benga, pigmeu do Congo, 23 anos, um metro e meio de altura, 47 quilos, por duas vezes casado, foi trazido pelo explorador africano Samuel Werner para os EUA, entregue aos cuidados do director do Zoo do Bronx. Apresentado no mesmo ano, ao público, na Feira Mundial de St. Louis, na companhia de outros pigmeus, regressou em seguida ao Zoo de Bronx, onde permaneceu largos anos, numa jaula de macacos. "Pela primeira vez na história de todos os zoos americanos, um ser humano era apresentado numa jaula. O director do zoo do Bronx não descortinava diferenças aparentes entre os animais selvagens e o pequeno homem negro" – afirma Jerry Bergman. 10 Milhões acorreram ao zoológico, atraídos por tão bizarro fenómeno. Só num domingo, o New York Times [18.09.1906] contara 40 mil visitantes. O engrossar dos protestos fez com que Bi (nome carinhoso por que era conhecido) deixasse a jaula, indo trabalhar para uma fábrica de tabaco na Virgínia. Em 1916 matou-se, com uma pistola emprestada.

Talvez fosse importante afixar a história de Ota Benga nas redacções televisivas, também a dos Charruas chicoteados, dos Núbios, dos Samoas, dos Lapões. Os gatekeepers talvez pensassem duas vezes antes de se decidirem pela introdução, na gaiola catódica, de muitas estórias sobre os Bengas deste mundo, incapazes de se libertarem das grades que os confinam a uma vida de desgraçada miséria.

«Arp» / ViriatoWeb ► O texto de onde tiraste isto merece uma visita, mas acredito que por aqui vamos continuar a preferir "o que consta", porque a realidade, mesmo quando escancaradamente disponível, é longa demais para o nosso gosto. Tiramos partido do charme discreto da ignorância atrevida. Ainda se, ao menos, fossemos burgueses.

 

Os media são o espelho da nossa sociedade, por mais que nos custe a admitir. Há efectivamente alguns nichos de mercado que poderão tentar fazer a diferença, mas são poucos e valem o que valem.

 

«Arp» / ViriatoWeb ► Sem desprimor para a tua opinião (que, tal como a minha, vale o que vale, mas a que temos todo o direito), os media serão o espelho da tua sociedade, se assim o preferires/decidires.
A minha, por minoritária que seja, serve-se de todos os nichos disponíveis (e não só dos de mercado, que é um termo eminentemente comercial), para se aproximar o mais possível da realidade e não andar p'ráqui neste "Maria vai com as outras"
.

«zézen» / ViriatoWeb ► TOVI !?  Chamada para ti :mrgreen:

  

Dizem que a palavra sociedade vem do latim societas, uma "associação amistosa com outros" e sendo assim até podermos considerar que quer a minha quer a tua sociedade compartilham interesses e preocupações sobre objectivos comuns. E por aqui me fico, pois nem me chamo Maria nem me está a apetecer ir com as outras.

 

«Arp» / ViriatoWeb ► Creio que sim, no que concerne a alguns objectivos comuns, que por certo os haverá. A diferença poderá estar no modo como cada um os entende, aceita ou combate. Não me parece que tenhamos de ser uma manada de vaquinhas, que se ajeita docemente à máquina de lhe chupar o leite. Isto, claro, sem levar em conta os objectivos particulares, que obviamente serão objecto de escolha individual.



Publicado por Tovi às 21:52
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 15 de Novembro de 2008
A Manelinha do PSD até me faz rir... (II)

Continuando a falar da oposição e de como ela é tratada nos media...

 

«Arp» / ViriatoWeb ► Prontos... tens razão no "nós", mas se aceitar-mos que os "nossos" eleitos, quando chegam ao poder, passem a ter mais visibilidade e deferências por parte da imprensa, temos que aceitar que se perpetuem por lá, além de não podermos reclamar quando for o caso dos eleitos dos "outros". P’ra mim está mal. Não é também assim que o Jardim se tem mantido muito bem plantado na Madeira?

«XôZé» / ViriatoWeb ► Algum de vocês acredita na isenção da comunicação social? Será o mesmo que acreditar na justiça e na politica.

«Arp» / ViriatoWeb ► Eu sei que a tal de "comunicação social" publica o que dá mai$ (do sangue ao político do momento e ao diz que diz da moda), mas a questão, para mim, não é de crença, mas de moralidade. Além do mais, também não lhes ficava mal serem menos óbvios nas engraxadelas.

«Reboredo» / ViriatoWeb ► Caro Tovi, "E se calhar nem nós queremos" Eu quero que se cumpra o Estatuto do Direito de Oposição nomeadamente sobre as medidas tomadas para assegurar uma estrutura e um funcionamento dos meios de comunicação social do sector público que salvaguardem a sua independência perante o Governo, a Administração Pública e os demais poderes públicos, bem como sobre a garantia constitucional da possibilidade de expressão e confronto das diversas correntes de opinião. "No meu entendimento" a coisa pública não depende do "meu entendimento" e à "maioria da população portuguesa" os politicos não podem apresentar-se com um programa e fazer o contrário. Não basta dizer que "estamos numa democracia representativa" é preciso assegurar a todos a democracia. "é capaz de ser assim que deve continuar a ser" o poeta diz: para melhor está bem! está bem! para pior já basta assim! "Mas neste caso específico de alguém aparecer muito ou pouco nas televisões e nos jornais, é capaz de ter mais a ver com o que essa pessoa diz ou faz" Tu mesmo meu caro Tovi dás o benefício da dúvida ao escreveres: "Ou não será?" Um abraço,

 

No meio disto tudo convêm dizer que uma das formas da Manelinha do PSD ser falada na comunicação social é dizer umas asneiritas… É que OPOSIÇÃO, aquilo que eu esperava dela, não tenho visto… E numa democracia representativa a oposição é importante e faz falta, principalmente quando o governo tem um apoio maioritário no parlamento e as “coisas” cá pelo "quadrado" não andam lá muito bem.



Publicado por Tovi às 10:00
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 13 de Novembro de 2008
A Manelinha do PSD até me faz rir...

...ou será melhor chorar? 

"Não pode ser a comunicação social a seleccionar aquilo que transmite"

http://ultimahora.publico.clix.pt/notic ... idCanal=23

Ontem em Fátima

Presidente do PSD admite dificuldade em passar a mensagem

13.11.2008 - 08h37 Lusa

A presidente do PSD, Manuela Ferreira Leite, admitiu quarta-feira, em Fátima, ter alguma dificuldade em passar a sua mensagem através dos meios de comunicação social, admitindo que esta é uma questão "a tomar em consideração".

"Esta denúncia que nós como oposição temos obrigação de fazer não é possível ser feita só com uma voz. Mesmo que a sala esteja cheia, não se transmite a nossa ideia só por se estar a falar para uma sala cheia" afirmou no colóquio "Portugal em crise! Que alternativa?", quando interpelada por um dos presentes sobre o que deve o PSD fazer para que os media vejam o partido de outra forma.

Citando o exemplo recente de uma acção do partido, a dirigente do PSD recordou que nesse dia essa foi a décima quarta notícia e teve quatro segundos na televisão.

"No momento da décima quarta notícia ninguém vê já a notícia. A décima quarta notícia não se vê em Telejornal e ainda por cima foi transmitida no momento exacto em que começou o jogo do Benfica-Sporting", criticou.

Manuela Ferreira Leite sublinhou que "isto foi feito ao maior partido da oposição", acrescentando: "Com media assim é muito difícil transmitir-se a mensagem".

Para a dirigente, "a grande responsabilidade da comunicação social" passa por "transmitir diferentes ideias a todo o país e as pessoas que julguem".

"Não pode ser a comunicação social a seleccionar aquilo que transmite", defendeu.

No colóquio em que o assunto dominante foi a situação económica do país, a presidente da Comissão Política Nacional do PSD lembrou que "há-de vir o momento" de apresentação das propostas do seu partido, rejeitando torná-las públicas já "porque até às eleições eram todas adoptadas por este Governo socialista".

Nós falámos das questões sociais, apareceram as questões sociais, nós falámos do IVA, apareceu o IVA, nós falámos das dívidas, apareceram as dívidas", recordou Manuela Ferreira Leite, acusando o PS de "aproveitar" as ideias do PSD.

 

«Xôzé» / ViriatoWeb ► Em Fátima, o que é que estavas à espera? É dos vapores.

«zézen» / ViriatoWeb ► Porque é que vocês gozam com as pessoas mais velhas?

 

Sobre este mesmo assunto o «Silver», do blog "Vozes de Burros", diz com muita piada: E nós a pensar que só o Menezes é que dizia disparates.

 

«Reboredo» / ViriatoWeb ► Caro Tovi, tu sabes que eu sei que tu sabes que a Manelinha, o lendário chefe Jerónimo, o Anacleto e o tortas nao têm o mesmo tempo de antena nem os escribas lhes coferem o mesmo número de colunas (cada uma das subdivisões verticais de um periódico) que concedem ao pinto de sousa e ao PS. Os tagarelas e os escribas falam a A voz do dono para assim acederem aos convites para acompanhar o pinto se sousa, os anúncios, (notícias ou avisos em jornais ou revistas tornando público certos factos) é distribuída apenas aos bem comportados.

para te regalar o fragmento dum poema de Chico Buarque.

A voz do dono e o dono da voz

Enfim, a voz firmou contrato
E foi morar com novo algoz
Queria-se pensar, queria ser um prato
Girar e se esquecer, veloz

Foi revelada na assembleia - ateia
Aquela situação atroz
A voz foi infiel trocando de traqueia
E o dono foi perdendo a voz

E o dono foi perdendo a linha - que tinha
E foi perdendo a luz e além
E disse: Minha voz, se vós não sereis minha
Vós não sereis de mais ninguém

(O que é bom para o dono é bom para a voz)

Um abraço,

 

"...tu sabes que eu sei que tu sabes que..." -  Claro que sei... E se calhar nem nós queremos que esses tais tenham o mesmo tempo de antena nas rádios e tv's, ou o mesmo número de colunas na imprensa escrita.

 

«Arp» / ViriatoWeb ► É preciso, antes de mais, definir quem somos "nós", e só então definir o que queremos ou não.

 

No meu entendimento "nós" é a maioria da população portuguesa e como ainda estamos numa democracia representativa, é capaz de ser assim que deve continuar a ser. Mas neste caso específico de alguém aparecer muito ou pouco nas televisões e nos jornais, é capaz de ter mais a ver com o que essa pessoa diz ou faz... Ou não será?

 

«Arp» / ViriatoWeb ► Prontos... tens razão no "nós", mas se aceitar-mos que os "nossos" eleitos, quando chegam ao poder, passem a ter mais visibilidade e deferências por parte da imprensa, temos que aceitar que se perpetuem por lá, além de não podermos reclamar quando for o caso dos eleitos dos "outros". P’ra mim está mal. Não é também assim que o Jardim se tem mantido muito bem plantado na Madeira?



Publicado por Tovi às 19:41
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Outubro 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9


24
25
26

27
28
29
30
31


Posts recentes

Um coro de protestos em P...

Bye bye Manuela Ferreira ...

XXXII Congresso do PSD #3

Manuela Ferreira Leite to...

Asfixia democrática

Política de Verdade ?...

Agora é que a Manelinha m...

A Manelinha do PSD até me...

A Manelinha do PSD até me...

A Manelinha do PSD até me...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus