"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Segunda-feira, 25 de Janeiro de 2016
Marcelo venceu as Presidenciais2016

Eu não tinha grandes dúvidas que Marcelo Rebelo de Sousa ia vencer estas eleições e logo à primeira volta. E para quem diz que sondagens não valem nada, aqui fica a comparação entre os últimos estudos de opinião conhecidos e os resultados destas Presidenciais 2016.

Sondagens vs resultados finais aaa.jpg

  Comentários no Facebook

«João Simões» >> Sampaio da novos e Marisa tiveram bem mais que na sondagem [Emoji smile]

«David Ribeiro» >> Comparando com a última sondagem da Católica o candidato Nóvoa só teve mais 0,9% (e mais 0,3% que na Aximage) e a Marisa teve mais 2,1%. A maior diferença verificou-se com a candidata Maria de Belém, que obteve menos 3,8% do que o seu pior resultado em sondagens, mas isso tem a ver com as datas em que as sondagens foram feitas, todas anteriores à “bronca” das subvenções.



Publicado por Tovi às 08:58
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 11 de Dezembro de 2015
Marcelo à frente nas sondagens

Sondagem Católica 11Dez2015 aa.jpg

As intenções de voto recolhidas no fim-de-semana passado pelo Centro de Estudos e Sondagens de Opinião (CESOP) da Universidade Católica dão uma clara vantagem ao candidato Marcelo Rebelo de Sousa (62%) nas próximas eleições Presidenciais, ficando a grande distância Sampaio da Nóvoa (15%) e Maria de Belém (14%). Os outros candidatos não têm valores relevantes: Marisa Matias 3%, Edgar Silva 3%, Henrique Neto 1% e Paulo Morais 1%.

 

  Evolução das últimas sondagens conhecidas

Sondagens 11Dez2015 graf.jpg

 

  Comentários no Facebook

«Jose Bandeira» >> Ao ler estas notícias assola-me uma irreprimível vontade de atirar com a toalha ao chão. Como é possível que homens de coragem como Henrique Neto e Paulo de Morais somente recolham 1% de intenções de voto quando é por todos conhecida a sua posição de combate à máfia instalada no poder, enquanto se perspectiva uma vitória à primeira volta de um dos arautos do sistema podre que nos destrói a cada dia que passa? Estamos a falar de VOTO NOMINAL! Aqui não há desculpas de programas sem responsáveis: nestas eleições vota-se NA PESSOA! Não, não me venham com tretas, este país é maioritariamente composto por vermes rastejantes que agradecem a quem os pisa. Não vale a pena ter pena de seres cujo objectivo é somente ser dignos de pena. Não vou mais desgastar-me: têm o que merecem!

«David Ribeiro» >> Ainda há muita gente que não sabe, por exemplo, quem é Henrique Neto ou Paulo de Morais. Vota-se no mediatismo... e quem é engraçado cai em graça.

«Jose Bandeira» >> Consegue ouvir o meu urro de raiva?

«Antonio Pinto Caldeira» >> As sondagens hoje apresentam-se como instrumentos de manipulação política. Não me admira que neste caso concreto até estejam próximas da realidade, basta que atentemos à exposição mediática que tem Marcelo em comparação com os demais candidatos, por outro lado num país que confunde opção política com a popularidade alcançada nos reality shows tudo é possível. A nossa realidade faz-me lembrar um filme de Claude Lelouch, "les uns et les autres". Entre os dois existe um mundo estéril, uma terra queimada de ideias e princípios...

«Jose Bandeira» >> E ainda existe o limbo dos que procuram entender uns e outros.

«Judite Lina Sequeira» >> O populismo em força.

«Jose Bandeira» >> O rótulo "populismo" serve a muito tipo de produto. Vivemos numa sociedade muito complexa, onde o cidadão é bombardeado por informação contraditória, tem uma enorme carência de formação e está condenado a decidir em quem acreditar. Quantos mais anos vive mais dúvidas tem sobre onde está a razão, ou mesmo se esse conceito existe. Frequentemente, a palavra "populismo" é usada pelos políticos para carimbar promessas de outros que eles sabem não ser capazes de cumprir. Então chamam-lhes "populistas" e, com esse anátema, encerram uma discussão incómoda. Não gosto da palavra "populismo"; soa a insulto, a menosprezo pela capacidade de análise dos outros. E quem somos nós para nos assumirmos como donos da verdade? Só um esclarecimento: eu próprio me incluo no conceito de "cidadão" a que me referi acima.



Publicado por Tovi às 10:17
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 11 de Agosto de 2015
Maria de Belém candidata às Presidenciais

Maria de Belém 10Ago2015.jpg

Estou abismado com o tipo de comentários que tenho lido no Facebook sobre a hipotética possibilidade de Maria de Belém se candidatar às Presidenciais. E estou a falar de comentários escritos por socialistas “de papel passado”, como é uso dizer-se. Muito mal vai o PS com militantes destes. Goste-se ou não desta possível candidata seria muito mais bonito ver discutido nas redes sociais os pró e os contra de Maria de Belém no papel do mais alto magistrado da Nação, mas o que se vê é um insulto mesquinho ou juras de amor exacerbadas. Vai bonito o Partido Socialista.

 

  Comentários no Facebook

«Joaquim Leal» >> Há dias li uma prosa do Daniel Oliveira sobre o sentido ético desta senhora: “Quando deixou de ser ministra da saúde empregou-se no grupo ‘Melo Saúde’. Posteriormente enquanto deputada e presidente da comissão parlamentar de saúde, prestava serviços de consultadoria e emitia pareceres ao grupo ‘Espirito Santo Saúde’, altamente bem remunerada, diga-se”. Mais categoria que isto, impossível.

«David Ribeiro» >> Isto são comentáros que poderão formar opiniões sobre Maria de Belém, mas não era a isto que eu me referia. O que eu tenho lido de muitos "socialistas" é do tipo: "Essa gaja nunca!... " ou "nem morto voto nela" e outras coisas do tipo, que só demonstram que fazem da política o mesmo que fazem do amor clubístico. E estou à vontade para dizer o que acabo de escrever porque até nem tenho ainda opinião sobre a senhora no que se refere a uma candidatura às Presidenciais.

«Joaquim Leal» >> Tudo bem, eu apenas fiquei em alerta depois de ouvir o insuspeito Daniel Oliveira.

«David Ribeiro» >> O Daniel Oliveira, quando quer, sabe mais do que o diabo lhe ensinou (não querendo dizer com isto que estas suas afirmações não são verdade).

«Joaquim Leal» >> Certo, espreita o mural do Alfredo Barroso, pessoa por quem não dispenso qualquer simpatia e vai ler o que ele diz da senhora. wink emoticon

«David Ribeiro» >> Copiado de um local do Facebook frequentado por militantes e simpatizantes do PS (obviamente os autores manter-se-ão anónimos): A ESTA MULHER EU DIGO NÃO!!!! NEM NUMA SEGUNDA VOLTA!!!! /// eu sim grande mulher /// Grande só se for em incompetência e em sorriso artificial /// Eu sem dúvida um grande SIM /// tenha juízo. Apoiar um lixo destes só quem não sabe o que anda a fazer. Digo e repito: LIXO. Uma incompetente como ministra, e uma incompetente como presidente do Partido., LIXO, LIXO, e LIXO!!! /// Antes de mais nada sr dono da razão. Não lhe admito de de forma alguma que se dirija a mim nesses termos. Não o conheço de lado algum. E se há aqui alguém sem juízo deve ser o sr nem juízo nem educação! /// Eu prefiro Maria de Belém do que o Novoa.

«Joaquim Leal» >> O melhor vai ser mesmo o Costa não apoiar ninguém...

«David Ribeiro» >> Já li algumas coisas escritas por Eduardo Barroso sobre Maria de Belém e embora não goste do estilo, nem da forma, nem do conteúdo, a verdade é que faz leituras polítcas sobre ela e isso está correcto. Mandar bocas sem se dizer porquê é que eu não entendo.

«Jose Pinto Pais» >> Tá bonito .... Tá .... A merda da arma só dispara para os pés

«David Ribeiro» >> Eu nunca fui militante socialista, mas não renego que andei por lá perto na qualidade daquilo que se estipulou chamar “os independentes”, mas nunca vi uma situação igual à que se está a passar actualmente. Sempre houve opiniões diferentes no PS e isso é saudável num partido que se deseja pluralista e democrático, mas hoje já ninguém sabe o que se defende e quem é que defendo o quê.

«Jose Bandeira» >> A partir do momento em que não existe um modelo de sociedade que seja o elemento agregador de um partido, o que fica? O clubismo e a luta intestina pelo melhor tacho. É nisto que se transformaram todos os partidos que se habituaram a viver do orçamento de Estado. Mesmo os que se reúnem na quinta da Atalaia uma vez por ano.

«Pedro Aroso» >> Isto é o que acontece quando a inteligentsia de um país se demite de participar na vida política e deixa o Poder à mercê dos funcionários dos partidos.

«Adao Fernando Batista Bastos» >> Por este andar, como bem diz o nosso povo, o candidato da direita (seja quem for!) ganha as Presidenciais logo na primeira volta! E a continuar esta guerrinha, estimulada por seguristas desencantados com o tacho que lhes fugiu e por costistas gulosos que tudo querem abocanhar, no final, após as Legislativas e as Presidenciais, vai ser um "E Tudo o Vento Levou" para o Partido Socialista.

«Raul Vaz Osorio» >> Desconheço os desvios éticos referidos pelo Joaquim Leal e admito que possam ser verdadeiros pois, neste país, já nada me surpreende. No entanto, devo dizer que seria para mim uma enorme desilusão visto que, enquanto membro da direcção da APOMEPA (Associação Portuguesa de Médicos Patologistas), tive a oportunidade de trabalhar de perto com a senhora, então ministra da saúde, tendo adquirido por ela um enorme respeito, não só peka sua capacidade intelectual e conhecimento, mas também pela forma ética como trabalhava e reflectia.

«Joaquim Leal» >> Raul Vaz Osorio, baseei-me nos escritos do DO onde esse sentido "ético" ou falta dele era invocados pelo autor. Julgo que terá sido numa das suas crónicas do "Expresso" mas também ouvi da boca dele no "Eixo do Mal". Obviamente que sei por quem ele se inclina, provavelmente deu-lhe jeito. Não estou a colocar em causa a idoneidade da senhora que não conheço mas não me parece de bom tom estas ligações. Infelizmente não é caso inédito e exclusivo de um só grupo. wink emoticon

«David Ribeiro» >> Até já dizem que Marques Mendes vai apoiar Maria de Belém, pois finalmente encontrou um/a candidata à sua altura.



Publicado por Tovi às 11:32
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 13 de Junho de 2014
E agora, como é que vai ser?

Maria de Belém, Presidente do PS, pediu um parecer ao Conselho de Jurisdição e este concluiu, pela análise dos estatutos, que um congresso extraordinário não pode eleger um líder, pois este sendo eleito em diretas (como acontece desde António Guterres), tem legitimidade própria e se não se demitir do cargo não pode ser destituído por qualquer outro órgão do partido.


«Manuel Tiple» no Facebook >> A questão está aí: Convoca um congresso ou não?

«David Ribeiro» no Facebook >> Segundo diz o Conselho de Jurisdição socialista um congresso extraordinário não pode mudar o líder. E será que pode alterar os estatutos? Vamos ter "guerra" para muitos meses.

«Zé De Baião» no Facebook >> O que mais me indigna é que esta gente que produziu as alterações estatutárias, tal como António José Seguro, entre outros que por lá andam desde jovens, sabiam bem o que estavam a provocar com as alterações estatutárias. Depois há os militantes e mesmo dirigentes das estruturas de base que quase nunca prestam atenção a nada nem sequer representam devidamente as bases que os suportam.

«David Ribeiro» no Facebook >> (Já escrevi isto noutro lado mas vou repetir) O que me parece é que vocês socialistas nem conhecem os vossos estatutos. Ainda há muito pouco tempo perguntei ao PS-Porto o que era necessário para eu me inscrever como "Simpatizante" (art. 8º dos Estatutos do PS) e a resposta foi: "Caro David, obrigado pelo seu interesse! Assim que o modelo for definido pela direcção do PS iremos divulgar nesta página." Então está escrito nos estatutos e não sabem qual é o modelo?

«Luiz da Cunha» no Facebook >> E quem aproveita desta " guerra" ? Adivinhem!!!!

«Joaquim Leal» no Facebook >> O mal está em quererem quebrar a tradição partidária. Os líderes só se mudam depois de derrotados. Á excepção do pcp e be que ganham sempre

«Zé Regalado» no Facebook >> Tal como nos governos, eu acho que os mandados são para levar até ao fim. O resto é querer ganhar os jogos na secretaria. Não é exactamente assim mas é quase.

«Campos Barros» no Facebook >> E se calhar com árbitros "comprados"...

«Fernando Kosta» no Facebook >> Tanta preocupação com um partido de lisboa... Que ardam todos no inferno! O PS não é alternativa a nada. temos que eliminar um dos cancros deste país: os partidos políticos de lisboa e a escumalha que os apoia e que vive da bajulação e do favorzinho!

«José Costa Pinto» no Facebook >> Isto antigamente resolvia-se com um duelo entre cavalheiros num arvoredo ali a Monsanto. Mas como já não há homens como antes, que tal um julgamento de Deus? Caldeirão de azeite a ferver a ver qual aguenta mais tempo... Fernando Kosta, assim é que é. Esta página é para gajos do Norte, não para metrosexuais sulistas infiltrados - ainda por cima xuxas, francamente! A pior espécie de sulistas metrosexuais que existe! - que andam por aqui a chorar-se pelos cantos, à espera de um tacho e que pensam que com o António vão mais bem servidos que com o António.

«Fernando Kosta» no Facebook >> O que está em causa é que os Nortenhos não devem alimentar essas "guerrinhas" das elites (ha ha ha) lisboetas. Está mais do que demonstrado que são tudo tricas dos bastidores da política lisboeta. PS, PSD, CDS, PC, BE e quejandos não passam de partidecos sulisto-lisboetas, elitistas e que vivem à custa da nossa complacência e beneplácito. Digam lá o que os partidos de lisboa já fizeram pelo Norte!? Sempre que se aproximam uma eleições lá chegam com a conversa da regionalização. Depois, bem depois já sabem: é mais um centro cultural para lisboa, mais um evento internacional para lisboa, mais do mesmo, digo eu. Estou farto dessa corja. Ponto Final! Devemos, na minha opinião, investir as nossas atenções e dedicação ao Norte e por agora parece estarmos a ter um Líder (pese o raio da condecoração ao execrável rui rio...). O David R é um Senhor e está tudo dito!

«João Garcês» no Facebook >> o que está em causa aqui, é que o António Costa não pertence ao "arranjinho", ou seja, isto está tudo combinado, desde o parecer negativo do tribunal Constitucional que serve para legitimar as medidas repressivas que estavam escondidas, como o acordo táctico que existe entre o PS, o CDS e o PSD. O António Seguro está feito com a maioria de direita. Basta ver quem se mexe na sua sombra (todos os Socráticos) e os discursos idiotas do Presidente da Républica. Se não houvesse já um "arranjinho" ele não vinha com estes apelos "ridiculos" de entendimento que já existe. Quando houver eleições legislativas, o PS ganha mas sem maioria e com quem vai alinhar? com o PSD ou/e o CDS claro está. Isto meus caros, há muito que está combinado, e a candidatura do António Costa, veio por isto tudo em risco… isto sim, tirou o sono a muita gente, não o esperado "chumbo" do constitucional que toda a "gente" estava à espera... não pensem, por amor de Deus, que estes que nos governem são parvos... isso é um erro grave... e faltou rematar... por isso tudo que disse anteriormente, é que o Seguro e toda a maquina partidária se agiganta tanto contra o António Costa. O que está em causa é a Partidariçe, o interesse pessoal e do partido, porque estavam e estão todos combinados. Daí todas as dificuldades contra o António Costa... os socráticos não querem perder os privilégios e querem voltar ao Poder... e estão a fazer um favor ao Governo e favores com favores se pagam... capiches

«Zé Zen» no Facbook >> É triste ler comentários NACIONALISTAS próprios da extrema direita, por gente que se reinvindica de regionalista. Tristes tigres, nem o Douro merecem. Desculpa Amigo David, mas gentinha desta, só prejudica a regionalização. Abraço ;) 


«Narcisa Silva» no Facebook >> Portanto, António Costa que espere pelo prazo estatutário para se candidatar a Secretário-Geral. Nessa altura, é capaz de levar em cima com Jorge Coelho ou António Vitorino e perder!

«Pedro Baptista» no Facebook >> O que é evidentíssimo, e o Costa, que até fez um curso de direito, sabe-o muito bem. O que se pretendeu foi uma golpe de mão, picado pela Comunicação Social, e fez-se tudo para que o PS tivesse a menor vitória possível nas europeias, enquanto se quis salvar a Direita de cair, só para o Secretário Geral do PS não vir a ser indicado Primeiro-ministro em legislativas antecipadas. - Que alívio! - disse o Cavaco!



Publicado por Tovi às 17:17
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Maio 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

13

25
26

27
28
29
30
31


Posts recentes

Marcelo venceu as Preside...

Marcelo à frente nas sond...

Maria de Belém candidata ...

E agora, como é que vai s...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus