"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Quinta-feira, 22 de Novembro de 2012
Molete

Embora tenha vindo a cair em desuso, cá pelo Grande Porto ainda se chama Molete a um pão feito com farinha de trigo, com cerca de 60 gramas, tipo “carcaça” ou “papo-seco”. A origem deste nome remonta à época das Invasões Francesas, quando um oficial das tropas napoleónicas – Monsieur Moullet - responsável pela logística de abastecimento das forças invasoras e que se encontrava aquartelado no edifício que é hoje o Colégio da Formiga, em Ermesinde, ordenou que o pão passasse a ter cerca de metade do peso habitual, um racionamento que tinha a ver com a necessidade imperiosa de alimentar os seus soldados, numa época em que as últimas colheitas de cereais tinham sido escassas. Era “o pão do Molete”, como dizia o povo… e assim ficou.


«Maria Vilar de Almeida» in Facebook >> O pão passar a ter metade do peso habitual... hum... ainda falam do Gasparzinho!

«Loja do Pecado Guimarães» in Facebook >> na minha aldeia comia-se o molete com omolete



Publicado por Tovi às 20:00
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 15 de Fevereiro de 2011
Molhar o pão no azeite

 Está decidido!... Vou deixar de comer "pão com manteiga" às refeições. A partir de agora só Pão com Azeite.

 [MaisAmbiente] - (...) o meu comensal pediu um pratinho com azeite. Em Roma sê romano e naturalmente, mais que não fosse por cortesia, acompanhei o pedido. E foi assim que enquanto esperávamos o que viria para o almoço, começámos a conversa substituindo os habituais e elegantes pedacinhos de pão com manteiga pela operação de molhar o pão no azeite dos ditos pratinhos o que na minha infância só podia ser feito às escondidas, ou pela magnânima condescendência paternal (...)


«Eduarda Fernandes» in Facebook >> O melhor é deixares de comer pão às refeições :))

«Rita Encarnação» in Facebook >> Pão transmontano (mais precisamente da Tia Maria Luísa) com azeite e flor de sal, foi precisamente o que acompanhou o meu jantar de hoje! É divinal ;-)

«Jorge Gonçalves» in Facebook >> O melhor é deixares de comer!!!

«Mário Ribeiro» in Facebook >> aqui na minha terra não se diz em roma sê romano... diz-se em trás os montes sê TRANSMONTANO. e não era azeite era OURO de Mirandela


«Raul Carvalho» in RevistaDeVinhos >> O Restaurante Assinatura já usa esse método na entrada de refeição... Eles que estão aqui para confirmar... Por acaso, até é o Azeite da CARM... Não é o meu preferido... Mas...

«Miguel» in RevistaDeVinhos >> Tovi, cada vez mais sou adepto disso e é uma das melhores maneiras de provar um azeite.

«mlpaiva» in RevistaDeVinhos >> Felizmente que há já imensos restaurantes a praticar esta velha modalidade. No defunto Degusto, até era o que faziam melhor: azeite, balsâmico, pimenta preta...

«joão geirinhas» in RevistaDeVinhos >> No jantar dos Prémios "Os Melhores do Ano" também alinhámos na moda. No caso, o azeite de J. Portugal Ramos.

«Alentejano» in RevistaDeVinhos >> Falando no azeite do JPR... ostenta uma Medalha de Ouro no Concurso Nacional de Azeites Virgem Extra 2010, a mesma que o azeite à venda no Continente da Quinta do Pouchão em formato 0,75 a 3,99€. PS: Pão com azeite é a melhor maneira de começar uma refeição.



Publicado por Tovi às 07:54
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Agosto 2019
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9


20
21
22
23
24

25
26
27
28
29
30
31


Posts recentes

Molete

Molhar o pão no azeite

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus