"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Quinta-feira, 20 de Janeiro de 2022
Faltam 10 dias para as Legislativas2022

Captura de ecrã 2022-01-20 134250.jpg

Eu não sou portuense de nascimento, mas sou PORTUENSE DE CORAÇÃO, pois embora tenha nascido na Praia da Granja e vivido parte da minha juventude em Espinho, a verdade é que foi na Cidade Invicta que fiz os meus estudos liceais (Liceu Alexandre Herculano) e de formação no Setor da Hotelaria e Turismo (Escola de Hotelaria e Turismo do Porto), cidade onde casei e criei duas filhas e onde vivo vai para mais de quatro décadas. Penso eu que isto dá direito a considerar-me PORTUENSE… e numa altura de eleições dou comigo a pensar que era tempo dos diferentes candidatos pelo círculo eleitoral do Porto nos dizerem o que pretendem para a Cidade, para a Área Metropolitana do Porto e para a Região Norte. Eu irei votar no dia 30 deste mês e votarei em consciência, mas numa negativa total à situação a que chegamos nos últimos tempos.

 

  Se esta notícia da SIC tem algo de verdade, para mim está tudo dito... e poderá pesar forte na hora de "botar" o papelinho na urna.
Captura de ecrã 2022-01-20 135615.jpg

Nuno Solla Lacerda - Só com alguma imaginação fértil se poderá assumir essa leitura do que o RR disse. Mas como para se criar parangonas há que criar notícias, todas as interpretações jornalísticas servem.
João Pedro Maia - 😅... Voto e Votarei IL...
David Ribeiro - Pois eu, caro João Pedro Maia, enquanto a IL não se definir sobre a Regionalização, terei uma linha vermelha para este partido.
João Pedro Maia - David Ribeiro, no distrito do Porto é consensual! Para mim, é facto q tem de se realizar. Será inimaginável isso n acontecer.

 

  PSD a subir, PS a descer, diz a tracking poll da CNN Portugal (trabalho de campo da Pitagórica).
CNN 19an2022.jpg



Publicado por Tovi às 14:07
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos (1)

Quinta-feira, 13 de Janeiro de 2022
Transportes públicos grátis

trnsporte públicos gratuitos.jpg
A propósito desta notícia lembrei-me que há cerca de um ano e numa conversa informal já não sei sobre quê, Rui Moreira me ter dito que o futuro a médio prazo passa pelos transportes públicos serem grátis em cidades da dimensão do Porto.



Publicado por Tovi às 07:39
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos (1)

Segunda-feira, 6 de Dezembro de 2021
Rua de 31 de Janeiro... no Porto

800px-Rua_31_de_Janeiro_(Porto).jpg

Já perguntei em diferentes ocasiões e a várias pessoas ligadas à nossa cidade o porquê do abandono a que chegou a Rua de 31 de Janeiro. Ninguém me conseguiu dar uma resposta minimamente válida e, no meu entender, para se reverter a situação é necessário primeiro saber a causa do estado a que esta rua está entregue.

 
   Construída por ordem de João de Almada e Melo em 1784, a rua pretendia estabelecer uma comunicação cómoda entre o bairro de Santo Ildefonso (na zona alta da Praça da Batalha) e o bairro do Bonjardim (na zona baixa da atual Praça de Almeida Garrett). Antes da abertura desta artéria a ligação fazia-se pela atual Rua da Madeira que, por aquele tempo, se denominava Calçada da Teresa. Grande parte da rua foi construída sobre estacaria e arcos em pedra, para vencer o enorme declive entre as extremidades da rua e também para dar passagem à "mina do Bolhão" que por aí corria para alimentar as monjas beneditinas do Convento de São Bento de Avé-Maria. Trata-se de uma rua meticulosamente planeada, com os alçados dos seus prédios projetados pelo arquiteto Teodoro de Sousa Maldonado, entre 1787 e 1793. A rua foi finalmente aberta em 1805 com o nome Rua Nova de Santo António. Santo António, devido a Santo António dos Congregados; Nova, porque já existia outra Rua de Santo António, na Picaria. Esta rua foi palco de um acontecimento que marcou, não apenas a História do Porto, mas a de Portugal inteiro. No dia 31 de Janeiro de 1891 deu-se o primeiro movimento revolucionário que teve por objetivo a implantação do regime republicano em Portugal. Em memória desta revolta, logo que a República foi implantada em Portugal, a rua foi rebatizada: Rua de 31 de Janeiro. Em 1940, com o Estado Novo, a rua voltou ao seu nome primitivo, tendo recuperado o “31 de Janeiro” após o 25 de Abril. (in Wikipédia)
 

Jose Riobom - Sim mas o que tem a história do passado a ver com o presente? A verdade é só uma... os preços especulativos por espaços em ruínas... A gula foi tão grande... que acabou a comida... agora srs proprietários passem um bom bocado de fome... para saberem o que durante anos passaram os que espremeram até ao tutano...

David Ribeiro - Sem dúvida que essa "gula" é um impedimento de monta no que se refere aos arrendamentos, mas não creio que será o único, até porque esses "preços especulativos" existem por toda a cidade.
Zé Regalado - É muito inclinada, pouco confortável. Os CC são planos e têm escadas para mudarmos de nível. O comércio de rua não sei se vingará.
Mario Ferreira Dos Reis - Zé Regalado eu só descia a rua
Albertino Amaral - Foi bom o meu amigo recordar a história desta histórica Rua. Sempre a conheci por Rua de Santo António, para minha melhor identificação. Comércio a rodos, sem espaços livres, mas de repente, parou... Faz-me lembra o Brasília, que também sofreu da mesma "doença", repentina…!
Jose Riobom - Continuo lá com o meu espaço agora arrendado... custou ao meu pai 2.500.000$00 há 46 anos... quanto preciso ter no banco para um rendimento de 400,00€ líquidos mensais? E a loja não é nada em ruínas… O inquilino tem belíssimas antiguidades... passe por lá... O Brasília nada tem a ver com os escombros de Sto. António... e vai levar um face-lift...
Rui Lima - Se fosse só a Rua 31 de Janeiro… Talvez a CMP possa ajudar.
Albertino Amaral - Jose Riobom Esta minha comparação, foi só para relembrar o tempo áureo porque cada um daqueles espaços comerciais passou, sendo que um, era shopping e o outro também, mas a céu aberto...
Mario Ferreira Dos Reis - Perguntem aos senhorios porquê que quando os empresários pediram para baixar as rendas não o fizeram?
Antero Braga - Comecei a trabalhar nessa rua. Anos 60. Era uma artéria com movimento muito grande. A perseguição a multa por estacionamento o movimento desapareceu. Já defendi muitas vezes que o triângulo Batalha, Santa Catarina e 31 de Janeiro tem de ter uma visão de conjunto desde lojas âncoras, eventos e movida podem gerar melhor aproveitamento. Um dia vai acontecer temos de esperar pela reestruturação da Praça da Batalha.
Jose Riobom - Antero Braga A maior parte delas e dos edificios têm necessáriamente de ser na sua maior parte demolidos pelo interior e preservar muitas dessas fachadas porque outras terão de ser totalmente demolidas e preservar a traça... O problema do terreno da ex-casa Forte pode servir de exemplo ao que afirmo... e verão que aquilo vai ser mais uma obra da Sta.Engrácia....
José Manuel Nero - O verdadeiro nome desta rua é de Santo António. Quando era pequeno, vestia-me numa casa que já não existe, chamava-se Corte Inglês. É pena a rua ter chegado a este estado, tinha um excelente comércio.
Luiz Paiva - Sempre lhe chamei R. 31 de Santo António... 😎 PS: Quanto às rendas, nunca deviam ter sido congeladas mas indexadas a um indicador como uma commodity.
Adao Fernando Batista Bastos - Incrível abandono! Rendas caras? A Associação de Comerciantes a Associação, Empresarial, encolhem os ombros? Tristeza.



Publicado por Tovi às 07:41
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 11 de Novembro de 2021
Obras para as quais o Porto não foi ouvido

É incompreensível, mas a verdade é que a Câmara Municipal do Porto não foi ouvida nem achada na elaboração do projeto de requalificação do tabuleiro inferior da Ponte de Luís I. Para as obras das novas linhas do Metro, incluindo a localização e inserção na malha urbana da nova ponte para a segunda ligação a Gaia, também ninguém pediu pareceres à Autarquia portuense. E está-se mesmo a ver que o Terreiro do Paço não está com intenção de nos ouvir sobre a ligação de alta velocidade que impõe a construção de uma nova ponte.

Captura de ecrã 2021-11-09 173532.jpg
  JN/Adriana Castro com Lusa, 09nov2021 



Publicado por Tovi às 07:34
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 16 de Outubro de 2021
Os subsídios às empresas

Por acaso o Serafim Nunes até tem razão, não acham?

sn 1.jpg

  David Almeida - Toda a razão... enquanto alimentarmos a subsídio-dependência, este país não sairá da 'cepa torta'...🙄

  Altino Duarte - Sim, acho que tem razão. Não conheço o meio empresarial mas o texto faz sentido. Sem nunca me ter passado pela cabeça o envolvimento no mesmo, exactamente porque sempre considerei e considero que há muitos riscos para quem investe num negócio, até admiro quem vai para a frente num projecto que lhe parece vir a dar certo. No entanto, a verdade é que quem espera que os subsídios sejam determinantes no êxito que procura, seria melhor encontrar outras formas de o conseguir. Aliás como o autor do artigo aqui publicado exemplifica bem como proceder.

 

 

E ainda a propósito deste assunto...
  Um dos maiores especialistas mundiais em analytics e consultoria para marcas vai investir cinco milhões de dólares (mais de 4,3 milhões de euros) no Porto. O objetivo da Kantar é criar um centro regional de competências que, até ao final de 2022, deverá empregar cerca de duas centenas de pessoas. Entre os perfis pretendidos estão profissionais – mas também recém-graduados – nas áreas de finanças, recursos humanos e compras. No futuro, o grupo inglês prevê alargar o centro na Invicta ao campo das tecnologias.  

Captura de ecrã 2021-10-12 134746.jpg



Publicado por Tovi às 07:35
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 11 de Outubro de 2021
Violência no Porto… e a comunicação social que temos

A comunicação social devia ser obrigada (detesto o verbo "obrigar", mas...) a noticiar com a mesma notoriedade o seguimento deste tipo de acontecimentos. Ficamo-nos sempre pelo espetacular... faltam sempre as razões e as medidas tomadas.

image.jpg
  CM, 26set2021 às 13h57 - Um homem de 30 anos foi espancado por dez ladrões durante um assalto, este sábado. A vítima tinha acabado de sair de um bar e seguia sozinha na rua, junto ao Campo dos Mártires da Pátria, na zona da Cordoaria, no Porto, quando foi atacada. Este local tem sido palco de sucessivos assaltos, alguns deles extremamente violentos e com recurso a facas. Os ladrões roubaram a carteira à vítima, que teve de ser transportada para o hospital de Santo António e está em estado crítico. O INEM esteve no local, assim como a PSP, que ainda tentou localizar o grupo de jovens, mas sem sucesso.
  JN, 10out2021 às 11h32 - Um jovem de 23 anos foi espancado, na madrugada deste domingo, na Baixa do Porto, tendo ficado em estado considerado grave. Segundo apurou o JN, o rapaz foi agredido por um grupo de pessoas cerca das 3 horas na Rua Passos Manuel, na Baixa do Porto. A PSP foi alertada e rapidamente chegou ao local, tendo conseguido ainda intercetar dois suspeitos, que são de nacionalidade estrangeira, ao que tudo indica francesa. Pode haver mais agressores em fuga. O jovem foi transportado para o Hospital de Santo António, no Porto, em estado considerado grave. Dada a gravidade do incidente, o caso transitou par a Polícia Judiciária (PJ), que vai agora conduzir a investigação.

  JN - atualização de hoje, 11out2021 às 08h13 - Uma discussão fútil, na fila de um bar da Rua de Passos Manuel, no Porto, terminou da pior maneira para um jovem, de 23 anos, na madrugada de sábado. O jovem levou um soco e, na queda, bateu com a cabeça numa superfície dura. A PSP deteve e entregou à Polícia Judiciária (PJ) o agressor, de nacionalidade francesa, suspeito de ter agredido a vítima, que reside no Grande Porto. O caso deu-se por volta das três horas da madrugada, num bar da Baixa portuense. Mas, ao contrário do que foi inicialmente avançado, a vítima não foi espancada por um grupo de pessoas. Segundo contou, ao JN, fonte da Judiciária, o francês estaria acompanhado de um compatriota e chamou a atenção de um cliente do bar por o mesmo ter furado uma fila. O português não terá gostado e estalou uma discussão. As informações recolhidas não permitiram apurar quem cometeu a primeira agressão física. Certo é que o português levou um soco que o fez cair e bater com a cabeça, ao que tudo indica no chão, com violência. Os dois franceses foram detidos pela PSP, enquanto o português foi levado para o Hospital de Santo António, no Porto, em estado grave. Ao início da noite deste domingo, fonte policial informou que o português estaria já em morte cerebral. "A situação é irreversível", afirmou. Entretanto, a Judiciária libertou o segundo cidadão francês, considerando que o mesmo não teria intervindo na contenda, pelo menos, como autor de agressões físicas. O outro ficou detido e deverá ser presente a um juiz de instrução criminal, no dia de hoje, para apresentação de medidas de coação.

 O portal de notícias do Porto., 11out2021 às 18h40O presidente da Câmara do Porto apresenta as condolências à família e amigos do jovem de 23 anos que acabou por falecer, esta tarde, na sequência de uma agressão de que foi vítima na madrugada de domingo, à porta de um bar na Baixa do Porto. Rui Moreira recorda que têm sido sucessivos os seus alertas a exigir mais policiamento nas ruas e reforça a necessidade de o Ministério da Administração Interna dar luz verde à videovigilância, que a Câmara do Porto está disposta a pagar.

  JN, 11out2021 às 21h28 - O cidadão francês, detido por ter agredido um estudante, perto de uma discoteca na baixa do Porto, vai aguardar julgamento em prisão preventiva. A medida de coação foi decretada pelo Tribunal de Instrução Criminal, esta segunda-feira à noite.




Quinta-feira, 30 de Setembro de 2021
A Descentralização que nos querem impor

Captura de ecrã 2021-09-29 212243.jpg
Isto não é um assunto que deverá preocupar só os Portuenses… todos os Portugueses têm que se indignar.
Os encargos que a Câmara do Porto vai ter de assumir no quadro da descentralização de competências - educação, saúde, ação social, habitação, estacionamento público, e os impactos indiretos - traduzem-se num défice anual a rondar os 12 milhões de euros. E nas pequenas autarquias o que vai acontecer?... É que no Porto, fruto de “boas contas”, esta crise passará por se deixar de fazer outras coisas muito importantes para a Cidade e para os Portuenses, mas o que vai acontecer aos pequenos municípios é uma tragédia. Isto não é descentralização nem muito menos regionalização, mas sim é um caminho para adiar indefinidamente a verdadeira e necessária Regionalização. Objetivamente o que está a ser passado para as câmaras são os encargos, nem sequer é o poder para dirigirem efetivamente aquelas áreas, sem que seja passado o respetivo cheque. Há que combater esta política de pseudodescentralização, que já tem imperativo legal, mas o Terreiro do Paço ainda está a tempo de recuar nesse assunto.



Publicado por Tovi às 07:21
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 22 de Setembro de 2021
A última sondagem para as Autárquicas no Porto

Rui Moreira 21set2021.jpg

Esta sondagem deverá estar, no meu entender, muito próximo do que acontecerá no domingo. Ora vejamos:

  Rui Moreira é reeleito para o terceiro e último mandato e ainda pode conseguir mais um vereador do que nas últimas eleições.

  Tiago Barbosa Ribeiro, do PS, garante o segundo lugar, mas tem apenas 17 por cento. A confirmar-se nas urnas, perde mais de 11 pontos percentuais, em relação ao resultado de há 4 anos.

  Vladimiro Feliz, do PSD, fica em terceiro lugar, com 14 por cento. São mais 4 pontos percentuais do que nas autárquicas de 2017.

  Ilda Figueiredo, da CDU, surge a seguir, com sete por cento.

  O Bloco de Esquerda tem quatro por cento, à frente do Chega, com três por cento, tal como o PAN.

  O Livre aparece com um por cento e o Volt também tem um por cento.

  Com menos do que um por cento, aparecem o PPM e o Ergue-te, que fica em último lugar.

 

   Sondagens conhecidas até hoje para as Autárquicas no Porto
Sondagens todas até 22set2021.jpg

   Aqui Há Porto
Aqui Há Porto 23set2021.jpg 



Publicado por Tovi às 13:53
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 13 de Setembro de 2021
Campanha eleitoral no Porto ao nível da pasmaceira

JN Paulo Ferreira 10set2021.jpg

"O PSD abdicou da luta, quando escolheu Vladimiro Feliz para fazer apenas figura de corpo presente. O PS andou aos tiros dentro de casa: ente 'mortos' e feridos, emergiu Tiago Barbosa Ribeiro, jovem nascido e crescido no aparelho socialista obrigado a dar o peito às balas. A coragem valer-lhe-á de pouco: escolhas de terceira linha são, normalmente, receita para o desastre. A CDU, o BE e quejandos limitam-se a picar o ponto. E é isto. Simplesmente isto."

  Artigo completo aqui

 

   Foi conhecida ontem (12set2021) uma sondagem da Pitagórica, para a TVI, com o segunite resultado:
Aqui Há Porto / Rui Moreira - 52,8%
PS / Tiago Barbosa Ribeiro - 15,7%
PSD / Vladimiro Feliz - 14,0%
CDU / Ilda Figueiredo - 5,8%
BE / Sérgio Aires - 3,5%
PAN / Bebiana Cunha - 2,2%
Chega / António Fonseca - 1,8%
Volt / André Eira - 0,2%
E o gráfico da evolução das sondagens para as Autárquicas no Porto, comparando com as últimas duas eleições, ficou assim...
Sondagem Porto 12set2021.jpg



Publicado por Tovi às 07:20
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 1 de Setembro de 2021
Museu Romântico da Quinta da Macieirinha

museu.jpg

Há muito que não vou ao Museu Romântico, nem mesmo depois da requalificação feita em 2018 e onde parece que se investiu meio milhão de euros em obras. Agora, com toda esta polémica gerada à volta de “uma remodelação e reconfiguração profundas do projeto” é que tenho mesmo que visitar o antigo Museu Romântico da Quinta da Macieirinha… mas sem pressas, para não ser influenciado pela espuma dos dias.

 


Captura de ecrã 2021-09-01 114758.jpg
Notícia completa aqui 

 

   Rui Moreira em 31ago2021
"Nenhum espólio foi destruído, nenhuma obra desperdiçada, nem ninguém pode acusar-nos de não termos preocupações patrimoniais" …/… "Simplesmente a nossa visão do Romantismo não é a de uma casa com janelas entaipadas e exposições apresentadas por trás de baias, para que as pessoas ali imaginem a vida dos ricos ou dos nobres do século XIX", afirmou Rui Moreira defendendo a nova configuração do espaço e reiterando confiança em Nuno Faria, diretor artístico do Museu da Cidade.



Publicado por Tovi às 11:35
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 30 de Agosto de 2021
Discussão política... entre amigos

Alfredo Fontinha 29ago2021.jpg



Publicado por Tovi às 07:43
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 24 de Agosto de 2021
“Quero o meu Porto de volta!”

Em janeiro deste ano Fernando Matos Rodrigues, atual candidato do PAN à Junta de Freguesia do Bonfim, escrevia no jornal ‘Nascer do Sol”:
Sol 19jan2021 .jpg
Notícia completa aqui.

 

   Comentários no Facebook
David Ribeiro - Sabem quem é o Fernando Matos Rodrigues?... Eu, assim de repente, não estava a ver quem era, mas fui à sua página e já fiquei a saber muito deste candidato do PAN à Junta de Freguesia do Bonfim. Vejam aqui um bocadinho... o resto podem ver na sua página do Facebook.
Fernando Matos Rodrigues ago2021.jpg

António Alves - Concordemos ou não, é uma pessoa com ideias. Não se limita a proclamar que "o porto é o nosso partido".
Rodrigues Pereira - David Ribeiro… Ora que surpresa 😂
David Ribeiro - Curiosamente os portuenses já disseram por duas vezes nas urnas que não estão de acordo com o autor deste texto.
David Almeida - Eu não quero o 'seu' Porto, velho, usado e sujo! Prefiro, de longe, o Porto renascido, das sobras e negrumes do passado, onde a frieza das ruas e vielas deu lugar à animação e à (nova) alegria de viver a cidade!
João Pedro Maia - É o Porto pobre, a cair aos bocados, sem emprego, sem aglomerado urbano, sem população, sem cultura, com emigração e nenhuma imigração, sem tecnologia, cheio de dívidas, sem Bolhão, sem batalha, sem Intermodal de transportes, sem investimento em Campanhã ou expansão do metro... Volta Porto... Porto sem futuro! É isto que querem?
Manuel Maria Moreira Neto - Há 23 anos atrás, no Zimbabwe, encontrei umas turistas Australianas, e quando lhes disse que eu era do Porto, disseram que tinham passado por aqui, e era uma cidade fantasma, muitas casas em ruínas e muita pobreza. Confesso que tive vergonha. Não se pode ter tudo, mas prefiro o Porto de agora.
Helder Cervantes - Manuel Maria Moreira Neto… há 23 anos atrás eu não só achava o mesmo como não me passava pela cabeça morar no centro e até evitava passar por lá. A sensação de insegurança era enorme. A cultura inexistente. O Porto de hoje é incomparavelmente melhor.
Isabel Maria Mendes - Helder Cervantes… sem dúvida.
Rodrigues Pereira - Donde se prova que ainda há "Velhos do Restelo".
David Ribeiro - Eu até acredito que ainda haja muito a fazer na nossa cidade, mas o argumento que “antigamente é que era bom” é confrangedor.



Publicado por Tovi às 07:15
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 4 de Agosto de 2021
Ernesto Santos recandidato a Campanhã pelo PS

227794401_128384169494272_458564944296476571_n.jpg

Ernesto Santos é o candidato do PS à Junta de Freguesia de Campanhã... e é com muito orgulho que o movimento independente "Rui Moreira - Aqui Há Porto" não apresenta candidato a esta freguesia, apoiando assim este autarca socialista na reeleição, dando continuidade a um excelente trabalho na mais oriental freguesia da Cidade Invicta.



Publicado por Tovi às 07:46
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 29 de Julho de 2021
Resultados preliminares do Censos 2021

censos 2021.jpg

Dados preliminares do Censos2021

  Portugal - 10.347.892 residentes (-2,0% que 2011)

  Região Norte - 3.588.701 residentes (-2,7% que 2011)

  Município do Porto - 231.962 residentes (-2,4% que 2011)

 

   Após serem conhecidos os números do Censos2021 no Município do Porto muito se tem falado sobre de quem é a "culpa" da perda de residentes... e para ajudar à discussão aqui fica quem governava a Cidade nos anos compreendidos entre os últimos cinco censos.
Censos vs Presidentes de Câmara - Porto.jpg



Publicado por Tovi às 07:04
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 23 de Julho de 2021
Autárquicas no Porto

Eurosondagem 23jul2021.jpg

   Ainda estamos no início da pré-campanha para as Autárquicas, mas já se pode ver qual o sentido da evolução dos estudos de opinião na Cidade do Porto.
Captura de ecrã 2021-07-23 120750.jpg



Publicado por Tovi às 11:45
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Janeiro 2022
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9


27
28
29

30
31


Posts recentes

Faltam 10 dias para as Le...

Transportes públicos grát...

Rua de 31 de Janeiro... n...

Obras para as quais o Por...

Os subsídios às empresas

Violência no Porto… e a c...

A Descentralização que no...

A última sondagem para as...

Campanha eleitoral no Por...

Museu Romântico da Quinta...

Discussão política... ent...

“Quero o meu Porto de vol...

Ernesto Santos recandidat...

Resultados preliminares d...

Autárquicas no Porto

Vandalismo no Parque da P...

Medalhas Municipais de Ho...

Covid-19 - Concelhos em R...

Lisboa e Porto perdem mai...

Novas restrições com o ag...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus