"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Quarta-feira, 27 de Março de 2024
A nova Assembleia da República

Captura de ecrã 2024-03-26 094132.png

  Distribuição dos lugares na Assembleia da República
Tanto Bloco como o PCP conseguiram manter os mesmos dois lugares na fila da frente e viram o Livre, que não tinha direito a entrar na corrida por não ter grupo parlamentar, ganhar os mesmos dois lugares equilibrando todos os partidos à esquerda do PS. Já o PS viu a sua bancada parlamentar perder 40 deputados e restou-lhe apenas cinco lugares na frente do hemiciclo. À direita, a vitória pouco expressiva da AD deu direito aos mesmos cinco lugares que os socialistas na montra do parlamento. Depois de não ter conseguido alcançar a meta de engordar a bancada parlamentar, a Iniciativa Liberal não conseguiu reclamar mais do que os dois lugares na frente que já lhe tinham sido atribuídos nas eleições de 2022. Já o crescimento exponencial do Chega permitiu-lhes ganhar mais representatividade também na primeira fila do parlamento, passando de três para quatro lugares. Outra das principais novidades desta nova sessão legislativa é o regresso do CDS ao Parlamento. Graças a esta distribuição que garante a inclusão de todos os grupos parlamentares na frente, também o partido liderado por Nuno Melo irá ter um dos seus elementos na fila mais disputada do hemiciclo.

  
Jose Luis Soares MoreiraFica só a questão! Porquê ainda se continua com 240 deputados, quando grandes em tudo, países europeus lhes chegam cerca de um terço destes 240? Vamos lá Portugal.
Júlio GouveiaJose Luis Soares Moreira são 230 , não 240 . De qualquer modo também acho um grande exagero. É só uma questão de mais despesas , que somos todos nós a pagar. 120 chegavam e mesmo assim ainda eram demais. Poupava-se varios milhares se não mesmo milhoes
David RibeiroSó que com um menor número de deputados algumas forças políticas nunca teriam a possibilidade de lugares no Parlamento, contribuindo assim para o poder único das grandes forças políticas.
Jose Luis Soares MoreiraDavid Ribeiro, também seria possível alterar essa lei, por exemplo atribuir até um ou dois deputados a partir dos 70 000 votos, depois seguir-se-ia o atual sistema. A questão de em Portugal não haver enriquecimento do País para um melhor desenvolvimento e de vida social mais qualificada em termos de sustentabilidade, prende-se com a despesa pública astronômica e criadora de tachos numa grande maioria.
Altino DuarteJose Luis Soares Moreira Creio que a opinião do Jose Luis Soares Moreira é bastante contestável se formos verificar o número de deputados que, de acordo com o número de habitantes, compõem os parlamentos dos vários países da Europa . Em Portugal, 120 eram demais? São livres as opiniões...
Salvador Silva
Jose Luis Soares Moreira, parece-me que são só 230 mas mesmo estes são um exagero.

 

  ELEIÇÃO DA PRESIDÊNCIA E RESTANTE MESA DA AR
1024.jpgNo dia de ontem [3.ª feira 26mar2024] a Assembleia da República, eleita nas Legislativas de 10 de março, numa primeira votação para eleição de José Pedro Aguiar-Branco, deputado eleito por Viana do Castelo pela Aliança Democrática (AD) e candidato único para presidente da Assembleia da República, precisava de, pelo menos, 116 votos para ser eleito (metade mais um dos 230 deputados existentes). No entanto, conseguiu apenas 89. Houve ainda 134 votos brancos e sete nulosEmbora não possam existir certezas sobre quem não votou a favor, há algumas deduções fáceis de fazer. Desde logo, sobre quem terá apoiado a eleição de Aguiar-Branco: a AD (PSD e CDS) tem 80 deputados, pelo que, partindo-se do princípio de que todos eles votaram a favor do candidato proposto, sobram nove votos a favor "incógnitos". Ora, a bancada do Chega tem 50 deputados e a da IL tem oito. Assim, entre as 134 abstenções estará, forçosamente, a maioria dos 78 deputados do PS, bem como boa parte dos 50 parlamentares do Chega. Menos dificil de intuir é o sentido de voto dos 14 deputados da Esquerda (BE, PCP e Livre) mais PAN, que deverão ter sido todos dirigidos para a abstenção e, em menor número, para os nulos.

  
Vitor Soares
Não se comprometem com o Chega... ainda ontem os comentadores de direita diziam que o anterior presidente tinha sido um mau presidente... pumba, não há apoio de ninguém... depois querem entendimento para legislar...vai ser bonito vai
Paulo TeixeiraPalavra dada tem de ser palavra honrada.
David RibeiroMas qual é o espanto?... André Ventura nunca foi e continua a não ser confiável.
Paulo TeixeiraDavid Ribeiro isto nao é tao linear. Sao todos burros. A direita toda é burra e o ps perdeu o sentido de estado. Caminhamos para o abismo.
David RibeiroPaulo Teixeira, o PS (neste caso justiça lhe seja feita) anunciou que iria abster-se, mas o Ventura afirmou que apoiaria a eleição de Aguiar-Branco... só que Ventura é Ventura e facilmente dá o dito por não dito.
Alexandre Lapão Dos SantosPaulo Teixeira nem mais, nem menos. Muito bem dito!!!!
Gonçalo G. MouraDavid Ribeiro foi a AD quem roeu a corda. O acordo foi negado duas vezes pelo Nuno Melo e pelo Paulo Rangel... o Ventura tinha que ser muito ingénuo para o honrar.
David RibeiroNão deixas de ter razão, Gonçalo G. Moura, há "impreparação política" nesta AD.

  E é assim que estamos... O PSD retirou o nome de Aguiar-Branco para candidato a presidente da Assembleia da República. Convictos de que a votação seria igual à primeira, isto é, com PS e Chega a não votarem a favor do nome do PSD, os sociais-democratas optam por retirar a candidatura. Joaquim Miranda Sarmento, líder parlamentar do PSD, anunciou no plenário. “Assistimos à primeira coligação negativa” entre PS e Chega. “Talvez haja uma coligação positiva entre as duas forças e queiram apresentar um candidato.”

 
Isabel Sousa BragaDavid Ribeiro enfim.....
Vitor SoaresDavid Ribeiro mas dizer que é uma coligação negativa sem que primeiro tenham falado com o PS, depois de supostamente haver acordo com o Chega, também não fica lá muito bem ao PSD...
David RibeiroSem dúvida, Vitor Soares. Está na hora de um entendimento entre PSD e PS, não obrigatoriamente no Governo mas pontualmente no Parlamento.
Vitor Soares
Está na hora de mostrarem ao povo português que o povo está a cima dos interesses partidários.
Jose Luis Soares MoreiraComplicado, e agora?

  O Partido Socialista acaba de anunciar Francisco Assis candidato para presidente da Assembleia da República. Aguiar-Branco volta atrás e reapresenta candidatura. Manuela Tender do Chega também se candidata à presidência da AR, o que torna praticamente impossível uma eleição com estes candidatos.
  
Isabel SilvaSerá que os portugueses vão aprender?

  Assis foi o mais votado e passou com Aguiar Branco à segunda volta (Aguiar Branco 88; Francisco Assis 90; Manuela Tender 49; 2 votos brancos). Na segunda votação Francisco Assis teve mais votos que Aguiar-Branco, mas nenhum conseguiu os 116 exigidos. Assis 90; Aguiar-Branco 88; Votos em branco 52. Vamos ter no dia de hoje mais novas candidaturas e as respetivas votações.

 Bernardo Sá Nogueira MergulhãoVergonha, politiquice do pior. Qual o mal de Aguiar-Branco? Nenhum apenas apanhado no triste espectáculo. Siga.

   Notícia desta manhã - 4.ª feira 27mar2024
Captura de ecrã 2024-03-27 101517.png 
  David RibeiroPerante a birra de André Ventura e a imaturidade política de alguns senhores da AD, só há duas opções: ou o PSD retira a candidatura de José Pedro Aguiar-Branco e aceita a eleição de Francisco Assis, proposto pela bancada do PS, ou Pedro Nuno Santos aceita o candidato do PSD.

  Acaba de ser noticiado que o Chega vai apresentar Rui Paulo Sousa como candidato.

  Vitor SoaresOs dois principais partidos da governação têm que se entender e ser claros com os portugueses, nas propostas e na resolução dos portugueses. Se for tudo às escuras e continuarem a não saber comunicar com o povo, só dão força ao Chega.

  A solução encontrada para acabar com a birra do Chega parece-me interessante: PS e PSD acordam presidência dividida da AR - José Pedro Aguiar-Branco será presidente da Assembleia da República durante duas sessões legislativas (isto é, metade da legislatura, se chegar até ao fim), sendo as outras duas entregues ao PS, com Francisco Assis. Mas Assis não confirma se vai ser ele a presidir à AR daqui a dois anos: "O que é certo é que vai ser alguém do PS".

  
Isabel Sousa BragaDavid Ribeiro está cena do chega custou-lhe vários votos
Paulo NevesDavid Ribeiro sinal de que o governo vai durar, pelo menos, dois anos. Sentido de Estado
David RibeiroAssim parece, Paulo Neves. Mas não há garantia que o PS aprove tudo e mais alguma coisa que o PSD apresente no Parlamento. Assembleia da República é uma coisa e Governo é outra.
Paulo Neves
David Ribeiro, claro. A ver vamos. Eu acredito que isto vai durar, pelo menos, dois anos.

  Aguiar-Branco foi eleito Presidente da Assembleia da República
Captura de ecrã 2024-03-27 160315.png
Houve ainda 18 votos em branco. Só votaram 228 dos 230 deputados.
Foram eleitos vice-presidentes da Assembleia da República, Teresa Morais, do PSD, Marcos Perestrello, do PS, Diogo Pacheco de Amorim, do Chega e Rodrigo Saraiva, da IL.

 
David Ribeiro - E já agora: António Filipe é um Senhor. Vai ficar na história da nossa Assembleia da República.
Antero Braga
Tenho para mim ser homem sério e sempre disponível para servir o país. Merece o respeito de todos nós.
Albertina Pena Sousa
Uma pessoa de grande respeito e seriedade 👏👏
Adolfo Barros
A escolha foi má, devia ser o Ventura🤣🤣🤣🤣
Jose Carvalho
Foi o Antônio Filipe porque era o deputado com mais anos de assembleia da republica por isso foi ele que abriu os trabalhos.
Júlio Gouveia
Acho que é uma pessoa séria, embora claro não concorde uma virgula com aquilo que ele pensa. Agora.....acho que quem deveria ser o presidente deveria ser o anorma (peço desculpa ao administradpr mas foi a palavra mais simpatica qie encontrei ) do Ventura. Na minha opinião o tribunal constitucional nem deveria autorizar este partido com aquele programa, totalmente autoritário e com ideias todas contrárias à constituição. 50 deputados ???? O povo está louco ???

  Rescaldo dos últimos dias no Parlamento
434187768_10225014187889764_1150209823337757568_n.



Publicado por Tovi às 07:06
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 8 de Março de 2024
Esmiuçando a campanha para as Legislativas2024

o-que-significa-bullshit.jpg

Amanhã é DIA DE REFLEXÃO durante o qual está vedado às formações partidárias o apelo direto ao voto. A proibição consta do n.º 1 do artigo 141.º da Lei Eleitoral da Assembleia da República, que dispõe que “aquele que no dia da eleição ou no anterior fizer propaganda eleitoral por qualquer meio será punido com prisão até seis meses”. Mas hoje ainda podemos esmiuçar esta campanha eleitoral para as Legislativas2024.

 

  Angela Silva e Matilde Fieschi no Expresso em 7mar2024
Marcelo rejeitará ‘solução Centeno’ da AD (e tudo fará para evitar Chega no Governo). forma como o líder do Chega e alguma esquerda (Pedro Nuno Santos não, mas há no PS quem fale por ele) insistem em agitar o papão de um suposto acordo entre figuras do PSD e André Ventura, para montarem uma solução de Governo que ultrapasse Luís Montenegro se este perder as eleições havendo uma maioria de direita, está a ser vista em Belém como um delírio. “Isso não existe”, confirmam fontes da Presidência da República, garantindo que nunca Marcelo aceitaria um primeiro-ministro de substituição do líder do PSD, da mesma forma que não aceitou Mário Centeno quando António Costa lho propôs para o substi­tuir em S. Bento. (...) Comecemos pelo primeiro: o PS ganhar e a esquerda ter maioria. Neste caso é fácil, o líder do partido vencedor forma Governo e terá vida estável. Só tem um problema — é um cenário improvável, segundo todas as sondagens. Segunda hipótese: o PS ganha e há uma maioria de direita. Neste caso, perante a garantia já comunicada por Luís Montenegro ao país e ao Presidente da República de que se perder não governa e não fará o que Costa fez em 2015, ou seja, derrubar o Governo do partido que ganhou e apresentar uma alternativa com a AD, a IL e o Chega, ou só a AD e a IL se fossem suficientes, aqui o jogo para o Presidente complica-se. O “não” de Montenegro a aproveitar esta chance preanuncia que Marcelo dará posse a um Governo socialista que pode ser rapidamente derrubado no Parlamento caso a AD alinhe com uma das já anunciadas moções de rejeição — do Chega e dos liberais — ao Executivo PS. Isto implicaria que Pedro Nuno Santos teria que ficar em gestão até poder haver novas eleições e, como o Presidente só pode voltar a dissolver em setembro, o Governo poderia durar quase um ano. (...) Ganhando a AD, também há duas hipóteses. Se as ganhar com maioria somada à IL (difícil, segundo as sondagens), levará a Marcelo uma solução de Governo estável. Se ganhar sem maioria (mais provável) e não estando disposto a fazer acordos com o Chega, ficará, caso Ventura o tente derrubar, dependente da viabilização do PS, coisa que Pedro Nuno já lhe garantiu quando, no frente a frente televisivo, lhe disse que não irá apresentar nem votar a favor de qualquer moção de rejeição do programa de Governo. Coisa diferente será a aprovação do Orçamento do Estado seguinte ou de um Orçamento Retificativo, mas essa pergunta é válida para qualquer Governo minoritário, seja de direita, seja de esquerda. (...) Contas feitas, o sonho mais tranquilo para Belém é a AD ganhar no domingo, ainda que sem maioria. Temerário até ao fim, por não saber até onde vai o Chega, o que farão os indecisos, o que preferirá um país que António Costa deixou “amarrado ao Estado” e qual o valor real do líder da AD, Marcelo evoluiu na sondagem que lhe borbulha na cabeça. Há um mês, achava que o PS ganhava. Agora, admite uma ligeira vantagem da AD. Estranha que Montenegro tenha batido pouco Lisboa. E prepara-se para tudo. Mas só espera um Governo do partido mais votado.

  
Júlio GouveiaDavid Ribeiro fazendo fé nas sondagens (???) a esquerda nunca conseguirá formar governo porque toda a direita junta (c/ chega) tem uma ampla maioria e não estou a ver ninguém da direita a votar e deixar passar algum governo PS. Sendo assim fica tudo na mão do CHEGA infelizmente e será sempre governos muito dependentes principalmente da vontade deste, infelizmente
David RibeiroPois a mim, caro Júlio Gouveia, tudo me leva a crer que, mais uma vez, estará tudo na mão de Marcelo. O Presidente da República já afirmou não estar disposto a aceitar um governo com o Chega... e vai tudo voltar ao princípio.
Captura de ecrã 2024-03-08 174748.png
Fernando DuarteDavid Ribeiro onde andam os peritos em politica que diziam que nas próximas eleições, o CHEGA nem sequer 1 deputado elegia? 🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣 
David RibeiroQuem disse isso e quando, Fernando Duarte?
Fernando DuarteDavid Ribeiro muita gente, aqui neste grupo
David RibeiroO Chega criou-te a mania da perseguição, Fernando Duarte.
Xavier CortezDavid Ribeiro o primeiro governo Sá Carneiro e o primeiro Cavaco caíram dando origem a maiorias absolutas. Sim o eleitorado está mais polarizado, mas não gostamos de chico espertos. E dois anos de governação são suficientes para que os reformados percebam que ninguém lhe vai diminuir as reformas
Altino Duarte
David Ribeiro Aqui chegados, compete ao presidente Marcelo a formação de um governo minimamente estável para governar. É ele que tem que resolver, independentemente de ser mais fácil ou mais difícil essa tarefa que só a ele cabe. Até pode acontecer que os resultados e os acordos dos partidos permitam que a estabilidade necessária não seja assim tão difícil de obter. Cada um de nós faz as suas análises e palpites de acordo com as sondagens que, mesmo não tendo acertado nas últimas eleições, não possam agora ser mais verdadeiras. E penso que , a haver alguma surpresa, ela poderá vir mais da votação no partido do dr. Ventura. Não me parece que exista um número tão elevado de eleitores dispostos a votar numa coisa daquelas. Mesmo levando em conta os sinais que agora parecem indiciar uma diminuição dos seus apoiantes, creio que os resultados ainda lhe serão mais desfavoráveis...


Captura de ecrã 2024-03-08 152520.pngCheguei às vésperas das Legislativas2024 com mais dúvidas do que certezas... mas irei votar em consciência, seguramente.

 
Xavier CortezPor isso é que já votei. Deixei de ter dúvidas 😀
Albertino Amaral
Essa, é sem dúvida a grande razão da abstenção. Quando as pessoas começam a ficar com muitas dúvidas e aproveitam as campanhas e ainda ficam piores, acabam por desistir.... História da Carochinha, só existe uma, todas as outras são para confundir e justificar a existência dos partidos........
David RibeiroPara quem tem muitas dúvidas e até ao dia de "botar o papelinho na caixinha" não deixa de as ter, há opções: abstenção, voto em branco ou nulo e ainda há o voto útil.
Albertino Amaral
David Ribeiro Por tudo aquilo que se tem visto, e a serem os do costume a ganhar a eleições, podemos também considerar o voto inútil......
Isabel Ponce de LeãoNão tenho qualquer dúvida. Ninguém é perfeito.

 

  Sábado 9mar2024 - Dia de Reflexão
Captura de ecrã 2024-03-09 153558.png
Eu e a minha mulher, neste DIA DE REFLEXÃO fomos durante a manhã "refletir" para a Praia do Paraíso (situa-se imediatamente a poente do Kartódromo do Cabo do Mundo com um areal de pequenas dimensões e onde existe uma grande abundância de formações rochosas). Estávamos a pensar onde ir almoçar quando fomos surpreendidos por uma forte saraivada, como há muito não víamos. Aguardamos que a tempestade amainasse e com todo o cuidado (o piso estava perigosíssimo) fomos para o restaurante do complexo do Grupo Desportivo Aldeia Nova. Aí banqueteamo-nos com umas fabulosas Ameijoas à Bulhão Pato, seguidas de uma Mista de Peixe na Grelha. O resto da tarde vai ser no sofá a bebericar uns licores... que um almoço destes merece um final de estalo. 

  
Albertino Amaral
Eu confesso que também reflecti muito com um leitão divinal que passou cá por casa hoje. Gostei muito de umas verdades que ele me confessou...... Veio acompanhado de um bruto, que disse ser seu guarda-costas, muito simpático por sinal.......
Rui Lima
Já aí estive no verão e confesso que fui surpreendido por esse restaurante quase escondido. O misto de peixe é fabuloso. Agora com este tempo deve ser de gelar.
José Ferreira Meireles Martins
Assim se descobrem bons sitios para comer. Descobri esse local quando aí fui vêr um jogo de futebol e agora vou de vez em quando, mesmo sem jogo.
Chico Gouveia
Eu refleti com umas papas de sarrabulho do Cabeças, e uma sandes de leitão. Dá uma reflexão mais pesada.
Jorge Veiga
Chico Gouveia ...um Bacalhau à Gomes de Sá feito pela minha Leninha.
Jorge Veiga
Chico Gouveia hehe parra mim é pesado por causa do ovo. Não como ovos de outra maneira...porque não devo.
Chico GouveiaJorge Veiga ovos são bons, para atirar aos candidatos.
Jorge VeigaChico Gouveia os ovos são bons quando já estão maus...
Joaquim FigueiredoBom dia... relaxado



Publicado por Tovi às 10:04
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 5 de Fevereiro de 2024
Eleições Regionais nos Açores

Resultados finais (provisórios)

Captura de ecrã 2024-02-04 233843.png

Tenho uma dúvida: Esta vitória da coligação PSD+CDS+PPM irá ter influência nas Legislativas2024?... O que vocês acham?

  
Paulo NevesVentos de mudança. PNS já disse tudo: não querem o Chega no governo, mas também não viabilizam um governo da AD. Conclusão: o maior aliado dos socialistas é o Chega.
Júlio Gouveia
Paulo Neves se a direita tiver maioria e os socialistas não viabilizarem governo da AD , infelizmente que remédio vão ter eles senão aguentarem com o Chega. Ao fim e so cabo foi o que eles fizeram com a geringonça. É pegar ou largar: ou apoias ou levas com o Chegq . Há outra solução?
Fernando PeresAquando das últimas legislativas o PS levantou o problema das sondagens que nunca deram maioria ao PS resultado que veio a obter. Será que hoje também vão pedir a cabeça das mesmas agências de sondagens que nunca deram a vitória da AD, colocando sempre o PS á frente?
Paulo Teixeira
Fernando Peres boa malha Peres
Paulo NevesSim, as sondagens e os comentadores são também os derrotados da noite.

  Reação da AD
"Governarei com uma maioria relativa. É com este cenário que vou tentar a estabilidade governativa durante 4 anos", diz José Manuel Bolieiro. O líder da AD Açores diz que está feliz e alegre e refere que a AD aumentou 5297 votos. "É a crescer que vemos a confiança do povo, o povo adere em massa à nossa governação", disse. O vencedor das eleições acusa o PS de fazer coligação negativa e "ainda assim sair derrotado". "Bolieiro é, de facto, o vencer da noite. Obteve para esta coligação uma vitória que não alcançávamos há 32 anos. É uma inspiração para dia 10 de março", começa por dizer Luís Montenegro. "Estes resultados dão condições de governabilidade", afirma.

 Reação do PS Açores
Vasco Cordeiro começa por dizer que já felicitou José Manuel Bolieiro pela vitória da AD nas eleições. "Os votos são claros e evidentes. A minha candidatura não alcançou o sucesso que eu desejava", afirma. Acrescentou que todas as "decisões e reflexões" sobre este resultado "serão feitas no tempo e local próprio". 
Já Pedro Nuno Santos afirma que "quando o PS ganha, ganha todo o PS, e quando perde, perde todo o PS". O líder do PS afirma que quer estabilidade, com progresso social e económico. 

  Reação do Chega
André Ventura diz que o PS e a esquerda não terão a maioria parlamentar e, segundo o líder do Chega, "isso deve-se ao crescimento exponencial do Chega em todas a ilhas dos Açores, em São Miguel e Terceira, com maiores círculos eleitorais".  O Chega mais que duplicou os resultados das eleições de 2020. "Já felicitei o presidente e a equipa dos Açores pelo resultado obtido", diz André Ventura. "A partir de hoje, com estes resultados, o Chega começará a trabalhar em conjunto com o PSD para um governo com estabilidade nos Açores. Estamos em articulação para haver uma convergência durante 4 anos", afirma.

  
David Ribeiro
Uma leitura que se pode fazer destas eleições nos Açores é que cabe aos socialistas impedir que o governo minoritário dependa do Chega, mas, infelizmente, não parece ser assim que pensa Pedro Nuno Santos. Mas os Açores são dos açorianos e eles é que sabem.
Jorge Ferreira MarvãoDavid Ribeiro, a estabilidade do futuro governo da AD nos Açores depende, pura e simplesmente, da vontade de PNS. Vota com o Chega e impede a maioria de governar. É só escolher
Bernardo Sá Nogueira MergulhãoA sondagem que dava vitória do PS da RTP é que pelos vistos não. Não faço a mínima ideia. O Chega apesar de todo o esforço para se tornar relevante é um desperdício de voto, nem cheira-rá poder e ainda bem.
David RibeiroBernardo Sá Nogueira Mergulhão... no meu entender se a AD da Madeira cair na esparrela de aceitar o Chega para lhe garantir uma maioria absoluta no Parlamento Regional, deixa de ser "um desperdício de voto", mas é capaz de vir a ser a breve trecho um problema para PSD+CDS+PPM.
Júlio Gouveia
David Ribeiro estou em querer que o PAN votará a favor do orçamento. Eles só não queriam era o Albuquerqie.v Claro que fazer acordos com o Chega é um desastre nacional aqui no continente , mas como vai ser se a direita tiver maioria???? Quem governa?
Bernardo Sá Nogueira Mergulhão
David Ribeiro já respondeu a isso, não. Irá governar em minoria negociando. Agora democratas tem de demonstrar sê-lo.
Manuel Alexandre SollaA direita tem que ganhar juízo . Sei que é difícil . A Coligação teve mais 5000 votos mas mantém uma minoria de deputados . O resto são flores. 
Fernando Peres
Manuel Alexandre Solla tem uma minoria de deputados com 42% , faltam 3 deputados para a maioria absoluta, mas cá o Costa / PS tiveram maioria com 41 %!!! O sistema nos Acores com o círculo de compensação da representatividade aos partidos mais pequenos e faz com que todos os votos contém, mantendo a importância de todas as 9 ilhas. Ca em Portalegre só elegem 2 deputados e todos os votos sobrastes vão para o lixo!!!
Manuel Alexandre Solla
A governação nos Açores que ter sair do binómio : Coligação de Direita - PS . A alternativa terá de ser à esquerda . Esperemos que o PS aprenda alguma coisa . Os Açores não precisam de alternância mas sim de alternativa . Mais 4 anos perdidos.
David Ribeiro - .Meu caro amigo Manuel Alexandre Solla... não estou muito à vontade para falar da política açoriana, porque em boa verdade não estou a par de todos os dados, mas uma coisa me parece certa: há partidos, os mais pequenos, que ou não fizeram um bom trabalho nos últimos anos ou já não têm qualquer credibilidade.
Manuel Alexandre Solla
David Ribeiro - A boa política não se mede pela quantidade . Hitler subiu ao poder com o voto popular e deu no que deu ... Não é para comparar mas apenas para justificar que nem sempre o voto popular justifica as políticas que se seguem.
Paulo Teixeira
Manuel Alexandre Solla so mesmo tu. A esquerda tem o seu pior resultado e nem a esperança no faial salvou a noite. A esquerda esta fora de moda. Foi o que disse o povo ontem
João CerqueiraSim, tem influencia



Publicado por Tovi às 07:21
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 7 de Janeiro de 2024
Reunião Magna Socialista

logomarca-24-congresso-PS.png

Iniciou-se na sexta-feira passada em Lisboa o 24.º Congresso do PS em que Pedro Nuno Santos terá que dar provas da união interna, revelar equipas e lançar os lemas para a campanha eleitoral das Legislativas2024. 

  O que se ouviu no primeiro dia
Luísa Salgueiro diz que Pedro Nuno "tem todas as condições" para unir partido.
Na noite de despedida, Costa assegura: "Podem-me ter derrubado, mas não me derrotaram".
Direita quer impor ao país a "degradação" que causou em Lisboa, acusa Temido.

  Segundo dia do Congresso Socialista
Carlos César foi reeleito Presidente do Partido Socialista (PS) com 90,36% dos votos. Carlos César, acusou, este sábado, Marcelo Rebelo de Sousa de não fazer o "politicamente devido" na demissão do Governo de António Costa. "O primeiro-ministro fez o que lhe era institucionalmente requerido, mas o Presidente da República não fez o que era politicamente devido", disse, no Congresso dos socialistas.
A antiga presidente do Partido Socialista, Maria de Belém, acredita que o PS não vai ser prejudicado por causa do inquérito judicial que está a decorrer no âmbito da Operação Influencer.
José Luís Carneiro está disponível para qualquer função que o Partido Socialista entenda como útil, e pede que o clima de unidade que se vive por estes dias no PS possa ter continuidade.

  Discurso de Pedro Nuno Santos no segundo dia do Congresso
Antes do intervalo para o almoço neste segundo dia do Congresso Socialista, pouco mais tivemos que propaganda... ficamos a aguardar o seu discurso de amanhã, para o qual nos prometeu divulgação de medidas estratégicas para uma eventual liderança do Governo que sairá das eleições Legislativas2024.

  Enecrramento do 24.º Congresso Nacional do PS
Captura de ecrã 2024-01-07 141426.png
 
Júlio Gouveia
Promessas???? Mas quem acredita em promessas???? Mais um que promete para os votos e apanhar aqueles que acreditam... depois nada fará do que prometeu, até porque não tendo maioria vai se encostar ao BE e aí teremos medidas extremistas impostas por este partido
David Ribeiro
Eu também não embarco facilmente em promessas, Júlio Gouveia, mas à falta de contraditório válido e credível por gente minimamente aceite na política nacional, fico à espera de outras "promessas" para os próximos anos em Portugal.
Paulo NevesAcha mesmo? Pegam-se ao diabo, fogem da questão dos CTT porque sabem que não cumpriram, enfim...
David RibeiroE outras coisas, Paulo Neves, o que nos dizem os candidatos não PS à governação de Portugal?
Paulo Neves
David Ribeiro, tudo tem o seu tempo. Essa coisa de que ninguém apresenta proposta é tão falsa. Basta consultar os arquivos da AR. Já agora: quando o PS esteve na oposição também apresentou propostas? É a mesma coisa. Deixem vir os programas e a campanha eleitoral.
José MirandaHá quem acredite no Pai Natal. Eu cinjo-me ao inarrável currículo do PNS.
Jorge Ferreira Marvão
Um discurso vazio de ideias. Justiça, nada! Saúde, nada!, Edificação, nada! Aumentar o salário dos candidatos a professores em início de carreira, é muito pouco. E a propalada pelo ainda ministro da educação, recuperação da contagem integral do tempo de serviço? E o aumento significativo dos salários dos profissionais de saúde para atrair e reter médicos no SNS? E dar ao milhão e seiscentos mil portugueses um médico de família? E os milhares de doentes amontoados nas urgências dos hospitais públicos?

 

  E já agora que isto está tudo ligado
Alianca-Democratica-768x261.png
Vai ser assinado hoje, numa cerimónia na Alfândega do Porto pelos presidentes do PSD, Luís Montenegro, do CDS-PP, Nuno Melo, e do PPM, Gonçalo da Câmara Pereira, um acordo para as próximas Legialativas2024. Nada a opor, até porque a Lei Eleitoral portuguesa o permite, mas convêm lembra qual o peso político de cada um destes intervenientes nas últimas Legislativas.
PSD - 1.618.343 votos, 29,09%; 77 deputados eleitos.
CDS - 89.113 votos, 1,60%; 0 deputados eleitos.
PPM - 260 votos, 0,0047%; 0 deputados eleitos.



Publicado por Tovi às 07:21
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 19 de Dezembro de 2023
Os dias seguintes à vitória de Pedro Nuno Santos

  Pois é!...
412217819_10224603175214704_107605990955116301_n.j

  
Júlio Gouveia
Chamar social democrata a este " não pagamos " é um insulto à social democracia e a Sá Carneiro. Porque não se chama as coisas pelo seu nome : comunista disfarçado
Bernardo Sá Nogueira MergulhãoO que é uma oposição digna?é que digno é que governo não tem sido.... eu ouço propostas bem razoáveis,não sei que exigem que não exigem minimamente ao PS ...não será mais país de mão estendida?...acho que problema é mais esse....e que tal achar execrável, porque o é, passar anos a dizer que não há dinheiro para pagar integralmente classe docente e de repente ,já depois de chamar irresponsável quando tal foi proposto por PSD, agora que há eleições, milagre afinal o dinheiro devia estar debaixo do colchão. Os portugueses tem é de ser minimamente mais exigentes com quem nos governa .
David RibeiroDos defeitos da governação PS sabemos todos, mas onde está a oposição digna, Bernardo Sá Nogueira Mergulhão?
Bernardo Sá Nogueira Mergulhão
David Ribeiro lá está a oposição é digna, vender ideia todo o santo dia que não há mais nada a não ser PS, ideia perigosa. A rotatividade é a base da democracia. Eu não sei se sabem, é assustador depois de tantos anos e tanta pouca vergonha continuarem achar que não há melhor. Muito mal anda Portugal, mas até eleições, aumenta-se pensões ,salario mínimo, função pública, etc e todas capelinhas estão satisfeitas com migalhas, este país está numa espiral assustadora de dependentes de estado e não vejo forma de quebrar este ciclo. Pronto discordamos eu acho oposição digna.
António Leite de Castro
Pedro Nuno Santos é um extrema esquerda, arrogante ignorante e incompetente, para além de ser malcriado. Tem a ideia que governar bem, é decidir rápido. Será uma fatalidade para o País, se chegar a primeiro ministro. Se Montenegro não ganha a tal personagem, então é porque vale muito pouco, e os eleitores deixam muito a desejar, nas escolhas que fazem.

  Sem dúvida alguma...
Captura de ecrã 2023-12-18 094424.png

 
Mario PinheiroNão será contraditório dizer-se que o PS fica mais à esquerda e não identificar ideias diferentes? O que é então ficar mais à esquera?
David RibeiroNeste momento, Mario Pinheiro, à falta de ideias, resta-nos o curriculum de Pedro Nuno Santos.
Joaquim Figueiredo
Mario Pinheiro o mesmo se disse de Costa... o habitual

  Ascenso Simões tem razão... adivinha-se uma luta fraticida
Captura de ecrã 2023-12-18 101235.png

  Começa bem a campanha... estão bem um para o outro
Captura de ecrã 2023-12-19 092956.png
  
Nuno Solla LacerdaMas há um que até diz a verdade... Não há dúvida que o passado muito recente do PNS como dirigente político é uma tatuagem que o acompanhará para sempre. E é uma tatuagem que só o pode envergonhar, a menos que ele não tenha vergonha na cara (e não tem).
David RibeiroO que me preocupa, Nuno Solla Lacerda, é a "linguagem" usada... o que eu gostaria de ouvir de ambos era coisas concretas e necessárias para o bem estar dos portugueses.
David Almeida
"Isto é uma impossibilidade, porque os partidos têm de dizer ao que é que vêm. É impossível dizer que se quer fazer diferente da maioria absoluta e fazer o mesmo que a maioria absoluta está a fazer", reiterou Catarina Martins.
Bernardo Sá Nogueira Mergulhão
Não há conversa possível com esse pateta Pedro Nuno Santos está visto....só diz disparates.
David Ribeiro"Pateta", Bernardo Sá Nogueira Mergulhão?... um pouco mais de adjetivação comedida era preferível, não acha?

  Ora aqui está algo que eu gostaria de ver líderes partidários a pronunciarem-se
Captura de ecrã 2023-12-19 102756.png

  Contextualizando... mais votados em Legislativas no pós-25Abril
Captura de ecrã 2023-12-19 112048.png

  
Bernardo Sá Nogueira MergulhãoO PRD já teve de 17% e não consta que tenha sido fim do mundo...
David RibeiroBernardo Sá Nogueira Mergulhão, realmente não foi o fim do mundo mas foi o princípio do fim do sonho de Ramalho Eanes e Hermínio Martinho.



Publicado por Tovi às 07:50
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 17 de Dezembro de 2023
Pedro Nuno Santos vence as eleições diretas do PS

jporfirio-comicio-pedro-nuno-santos-01-39.webp

Pedro Nuno Santos, antigo ministro das Infraestruturas, venceu em 18 federações e conseguiu ser eleito secretário-geral com 62% dos votos. José Luís Carneiro, ainda atual ministro da Administração Interna, venceu em três (Oeste, Vila Real e Madeira) com 36%. Daniel Adrião teve apenas 1% dos votos.

  Rei morto rei posto... e atrás de mim virá quem de mim bom fará. 



Publicado por Tovi às 07:15
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 27 de Novembro de 2023
Estará a pré-campanha à espera das Primárias no PS?...

...é que praticamente só se ouve falar de Pedro Nuno Santos  

24 nov.png

  Então como é?...
Captura de ecrã 2023-11-24 090015.png

  PSD não estava preparado para enfrentar eleições?...
Captura de ecrã 2023-11-24 094219.png
  Carla Afonso LeitãoDavid Ribeiro, é isso, infelizmente. Espero que o PS não caia na asneira de votar em PNS. Virará um mero instrumento de poder bloquista e perderá o centro.

  E assim vai a pré-campanha para as Legislativas'24
Captura de ecrã 2023-11-25 111447.pngMatematicamente falando é verdade o que diz Miguel Pinheiro... mas não há nada como só se fazer acordos ou coligações para governação após eleições, pois desta forma todos saberemos qual o peso específico de cada força politica. Por causa do CDS durante muito tempo não ter ido a votos sozinho é que não se sabia a sua verdadeira força... e o resultado foi o que se viu.

Fernando Peres
O que é mais importante para o País? Um governo que trace um plano de desenvolvimento a 30 anos ou saber quanto vale cada partido? Quero lá saber dos partidos!!! Quero é um governo , que governe e tenha a mesma posição , caso haja eleições amanhã ou daqui a 4 anos!!! Não quero alguém que diga hoje que temos que aumentar o IUC porque is carros poluem , e agora que temos eleições , já não há aumento!! Se forem governo ( PS) voltam ao tema depois das eleições, porque volta a haver uma crise climática!!! Este é só um dos exemplos!!!
David RibeiroFernando Peres... e porque é que um "governo que trace um plano de desenvolvimento a 30 anos" não pode sair de uma coligação pós-eleitoral?... e até seria muito interessante vários partidos defenderem as suas ideologias próprias, mas convergiram naquilo que é fundamental para o desenvolvimento nacional.
Fernando PeresDavid Ribeiro simples porque pelo método de Hondt se forem separados perdem deputados!!! É , para mim, muito importante , retirar a governação ao PS!!!
David RibeiroMeu caro Fernando Peres... nada do que acaba de dizer contradiz o que aqui afirmei. Para mim, que me considero um independente, o retirar a governação a quem quer que seja só quando houver uma alternativa válida e credível.
Fernando Peres
David Ribeiro já não se trata de ter alternativa, porque nunca desde o 25 de abril de 1974 tivemos um governo com tantas demissões por causa de casos/ corrupção. Mais disto não , chega , qualquer governo que venha será melhor que o que se passou, e a acabar descobrir 78.000 euros em numerário no meio de livros em S Bento , casa do primeiro ministro Antonio Costa
Júlio GouveiaNao estou nada de acordo. Dado o método que existe nas nossas eleições o PS teve maioria porque elegeu muitos deputados por apenas alguns votos em muitas freguesias, que se houvesse coligação PSD/CDS/IL pré eleitoral não os teria ganho. Está provado que ficaria bem longe dessa maioria. Ora com o perigo do comuna Pedro formar geringonça era bastante bom que essa pré coligação de direita fosse formada

Captura de ecrã 2023-11-25 113045.png

E não é que estou completamente de acordo com o meu amigo Vicente Ferreira da Silva?... a hipótese de Pedro Nuno Santos como primeiro-ministro é um "Réquiem pelo Socialismo Democrático".

Isabel Pires
Gosto mais do Pedro Nuno Santos.
David RibeiroEu não, Isabel Pires... a hipótese de uma nova geringonça arrepia-me as meninges.
Isabel PiresDavid Ribeiro Acontece !
Júlio Gouveia
David Ribeiro somos dois 
Joaquim FigueiredoO meu amigo Vicente tem uma tendência para o radicalismo...
Bernardo Sá Nogueira MergulhãoJoaquim Figueiredo parece-me oposto alerta é para em deriva mais extremista do... futuro PS?
Joao SoaresÉ da IL. Muito radical. Não gosto nada das suas crónicas.

 

  Sondagem realizada pela CESOP Universidade Católica Portuguesa para RTP, Antena 1 e Público, com inquéritos entre os dias 15 e 24 de novembro de 2023
Captura de ecrã 2023-11-27 202235.png

  Sondagens conhecidas após "Operação Influencer"
Captura de ecrã 2023-11-27 204106.png  

 
Nuno Solla LacerdaOu seja 55% são não socialistas 👍🏻
Bernardo Sá Nogueira Mergulhão
Conclusão,quase todos os dias resultado é diferente, mais vale deixar pessoas pensar pela sua cabeça.
David RibeiroNão, Bernardo Sá Nogueira Mergulhão... se lermos com cuidado as últimas sondagens (ver as margens de erro) todas apontam para um empate técnico estre PS e PSD.



Publicado por Tovi às 07:17
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Terça-feira, 14 de Novembro de 2023
Sondagens da Aximage para TVI e CNN

O trabalho de campo destas sondagens decorreu entre 10 e 13nov2023
Captura de ecrã 2023-11-13 204635.png Captura de ecrã 2023-11-13 210256.png 


Vitor SoaresCom a palhaçada que está a ser esta investigação, de nomes trocados, decretos trocados, acusações que caem por terra, vai ganhar novamente e por maioria...
Júlio Gouveia
Por esta sondagem a direita tem maioria (com o Chega). Mas estar dependente do Chega... não será solução.
Jaime Ribeiro
Júlio Gouveia Culturalmente faz mais sentido a direita dependente do Chega, que a esquerda dependente do PC. Com tanta pressão sobre o Chega, não tarde que o povo ( farto deste sistema corrupto), faça dele um Partido vencedor. 
Júlio Gouveia
Jaime Ribeiro temo por isso porque o Chega não é democraticamente confiável
Jaime Ribeiro
Júlio Gouveia O tempo dirá, mas não deixo de reconhecer que, por causa dos partidos de governo, tem razão para apresentar muitas das propostas que faz.
Jaine RibeiroNão tarda que o Chega ocupe o lugar do PSD. Keep Calm, Don't Warry !...
Jose BandeiraO resultado será o que o POVO determinar. Ponto final.
Vitor CastroUma vergonha a Justiça derrubou, sem fundamento legal e propositadamente um Governo democraticamente eleito. O povo vai dizer de sua justiça nas urnas.
Paulo SantosAssustador o crescimento dos Chegamos. Está visto que Montenegro não mobiliza…

 

  Portugueses não querem coligação do PSD com o Chega e no PS nova Geringonça é mais provável
Captura de ecrã 2023-11-14 191948.png
 
Nuno Solla LacerdaGostava de saber onde entra aqui a definição de “Portugueses“. São os que na sondagem votam PS? Ou serão os que votam PSD? Será um mix de todos? Se assim for será que a opinião dos de assumem votar PS deve ser contabilizada? Isso não deveria só dizer respeito aos intervenientes, ou seja os que se assumem como eleitores do PSD e do Chega?
David RibeiroNuno Solla Lacerda... nesta sondagem "Portugueses" é a base total dos inquiridos, como está referido.
Nuno Solla Lacerda
David Ribeiro eu percebi isso. Mas não acho que seja muito legítimo contabilizar a opinião de eleitores do PCP, BE, PS se eles se “importam“ que o PSD se alie ou não ao Chega. Acho que isso será uma preocupação, que poderá mudar ou não o sentido de voto, dos eventuais eleitores do PSD.
David Ribeiro
Nuno Solla Lacerda... ao que sei (não me pergunte como) as sondagens internas do PSD sobre este mesmo assunto dão valores muito próximos aos aqui apresentados nesta sondagem da Aximage.
Nuno Solla LacerdaDavid Ribeiro não quero ser o advogado do diabo neste tema mas o PSD tem cerca de 90.000 militantes e em contrapartida teve 1.5 Milhões de votos. Acho estas sondagens do que os portugueses pensam ou deixam de pensar é uma treta e tem uma agenda política.
David RibeiroMas a verdade, Nuno Solla Lacerda, é que as mais recentes declarações de Montenegro dizem que se não tiver maioria absoluta, o PSD tem de "desafiar todos os outros partidos a respeitarem a vontade popular e a encontrarem instrumentos no parlamento que façam com que o Governo possa executar o seu programa, excluindo o Chega".

 

  Folha de trabalho
14nov2023.png

 

  Como diz o Povo, uma desgraça nunca vem só
Captura de ecrã 2023-11-14 150343.png



Publicado por Tovi às 07:12
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 11 de Novembro de 2023
Primeiras sondagens após "Operação Influencer"

Captura de ecrã 2023-11-10 173830.png

Esta sondagem foi realizada entre as 17h de 7 de novembro e as 16h de 8 de novembro pela Intercampus para Jornal de Negócios, Correio da Manhã e CMTV. Os valores indicados já são com a correção da distribuição dos indecisos.


Isabel Ponce de Leão
Porque será que PS e PSD não pensam em se entenderem???
José Manuel Pedrosa MoreiraIsabel Ponce de Leão já viu alguma vez dois galos no mesmo poleiro?
Isabel Ponce de LeãoJosé Manuel Pedrosa Moreira, o problema é encostar-se a política como poleiro e não como serviço público.
Júlio GouveiaA ser assim que governo teremos???
David RibeiroA procissão ainda vai no adro, Júlio Gouveia, mas com os valores desta sondagem poderemos colocar duas hipóteses: a) Se na liderança do PS tivermos Pedro Nuno Santos a possibilidade de uma nova geringonça tem pernas para andar. Coisa que repudio veementemente. b) Mas se José Luís Carneiro vencer as primárias no PS então há a forte possibilidade de um entendimento de regime com o PSD. O que me agradaria como solução governativa.
Júlio Gouveia
David Ribeiro pois eu tb concordo que se for # o não pagamos # a ganhar quererá de imediato fazer uma nova geringonça. Mas pela spndagem atual a esquerda não tem maioria pelo que não será solução. Se a direita conforme esta soondagem tiver maioria , vai governar com o Chega????Isto seria o fim. Claro que me agradaria tb quer fosse o PS ou o PSD s ganhar ( desde que com o José Luis Carneiro )que houvesse um entendimento entre eles a bem de Portugal.Mas convenhamos....o chefe do PSD é tão fraquinho.... Mas comcordo completamente com a sua opção 2

 

  Folha de trabalho
Captura de ecrã 2023-11-10 221246.png

 

  Corrida para a liderança do PS (Aximage para DN)
image.jpg
  
Gonçalo G. MouraEsses dois primeiros são do mais medíocre que há... mas o Montenegro como líder da oposição também não vai lá das canetas...
Raul Almeida
É a loucura.
Lua Cristy
Pessoalmente gostaria de o dr Luís Carneiro pedro nuno santos não me agradada , na minha opinião está muito fora da realidade o serviço Nacional de saúde é de todos é um pilar fundamental da sociedade em termos de saúde, seja consultas ou mesmo socorro se temos um político que no seu discurso direciona e atribui o serviço Nacional de saúde para a população carenciada e envelhecida para mim é um político muito pequeno na sua visão
Júlio GouveiaSeria o fim do pais se ele ganhasse e a esquerda tivesse maioria. Passavamos a ser uma nova Coreia do Norte
David RibeiroEstá cá a parecer-me que o Júlio Gouveia não faz a mínima ideia do que é a Coreia do Norte. Não gostar da "esquerda", e eu também não gosto de qualquer esquerda, é perfeitamente admissível, mas comparar esta esquerda que "tivesse a maioria" com a Coreia do Norte é no mínimo surreal.
Júlio GouveiaDavid Ribeiro acha que se o BE tivesse poder , este pais não viraria numa ditadura completa de esquerda , com toda a gente que tivesse meia duzia de tostoes ou alguma coisa em seu nome , não seria logo nacionalizado?Esta gente quer por toda a gente a ganhar o ordenado minimo. E esse menino quando foi as eleições presidenciais disse logo que iria votar na Marisa porque seria incapaz de votar em algiem mais à direita . Com uma maioria absoluta deste senhor com a esquerda e na possibilidade eventual de elegerem um PR socialista temo , mas temo muito pelo futuro deste pais. Tenho a noção do que é a Coreia ; e usei como termo conparativi;mas temo muito por Portugal . Onde existe no mundo algum pais em que a extrema esquerda # meta bedelho # que seja minimanente democratico
Paulo TeixeiraNão acredito. E ao que sei. Verás surpresas. A bem do país
David RibeiroDiz lá então, Paulo Teixeira, aquilo que tu sabes e que te parece ser "a bem do país".
Paulo TeixeiraDavid Ribeiro o PS e eu não sou socialista para bem e para o mal é a pedra de toque em que este sistema se construiu Deixou se capturar por interesses e pela máquina do estado. Tem de fazer uma reflexão profunda e reformar se. A bem de Portugal Vê o que se passa na dita direita. Espero que ainda reste no PS energia e força suficiente para se reformar e se juntar numa liderança ao centro. Se o fizer e souber comunicar verás a surpresa nos resultados
David RibeiroTudo o que acabas de dizer, Paulo Teixeira, é pura verdade, mas isso é o que toda a gente de bem e democrata pensa, nunca aquilo que me parece que irá acontecer neste país em que se discute política como quem discute o penalty que o "malandro" do árbitro não marcou no último jogo do clube do nosso coração.
Paulo TeixeiraDavid Ribeiro eu quero sempre ter como visão o que deve ser. Só isso nos permite ser quem somos e superar as agruras destas coisas da causa pública 
Antonio PereiraGostaria que ganhasse Jose Carneiro Homem sério com um ótimo currículo Mesmo assim não sei se o ps vai ganhar as próximas eleições Alternativas????? Classe política muito fraco 


  António Costa vai falar ao país às 20h00 de hoje [sábado 11nov2023] e segundo alguns meios de comunicação social normalmente "bem informados" a declaração vai servir para dar explicações sobre a política de investimentos associada ao processo judicial em investigação. Vai daí e como hoje é dia de São Martinho, vou preparar umas castanhas à minha moda (*), pois não gosto nada de tomar conhecimento destas "declarações ministeriais" acompanhadas por uma mixórdia qualquer.
Iguaria-Descascar-Castanha-Cozida.jpg(*) Num litro e meio de água vou deitar dois paus de canela, uma folha de louro, três colheres de sal e esperar que ferva; Depois de fazer um pequeno corte nas castanhas (1 kg) vão para dentro da água a ferver e cozerão por mais vinte e cinco minutos; Após serem escorridas serão servidas com manteiga e muito bem acompanhas por uma jeropiga.

  
Júlio Gouveia
Atenção ao ouvir a comunicação e a comer castanhas. Ainda se pode engasgar 🤣🤣🤣
David Ribeiro
As castanhas souberam-me bem e a jeropiga ainda melhor, já a intervenção de António Costa fez-me recordar que as surpresas podem vir dos amigos, já que dos inimigos nada de bom se pode esperar. Gostei e concordo plenamente com o que Costa afirmou sobre a necessidade de se apoiar o investimento estrangeiro mas nunca fora das mais elementares regras e leis em vigor.
Júlio Gouveia
David Ribeiro O Costa tem muitos defeitos e tem errado muito e pessoalmente não gosto dele nem da governação socialista , mas neste caso , na minha opinião ( a justiça dirá) nao creio temha cometido algum ilicito. A ver vamos
Paulo Neves
Os cinco pecados capitais de António Costa: Pediu demissão, aceite pelo PR, e fala como se estivesse imaculado; utiliza o Palácio de S. Bento para uma declaração que muito poucos comentadores perceberam a utilidade; os investidores, invocados pelo PM, mais depressa deixam de aqui investir por haver um Estado pantanal que propriamente pelos encantos lançados pelo próprio PM na sua declaração; fala de todos os envolvidos como se não tivesse, ao longo destes anos, deixado que eles circulassem livremente pelos corredores do poder; aproveita o tempo mediático para atacar o MP, mas pior segura quem está diminuído, há muito tempo, diminuído politicamente: João Galamba. É preciso esperar por terça-feira?




Sábado, 10 de Junho de 2023
10 de Junho de 2023

dia-de-portugal-de-camoes-e-das-comunidades-portug 

O nosso grande poeta Luís de Camões terá morrido a 10 de junho de 1580 e por isso nesta data celebramos o DIA DE PORTUGAL, DE CAMÕES E DAS COMUNIDADES PORTUGUESAS (Durante o Estado Novo era o "Dia da Raça", mas isto agora não interessa nada).
Neste ano de 2023 as comemorações do Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas tiveram início na África do Sul. Em Portugal, as festividades do 10 de junho têm lugar em Peso da Régua, no contexto da designação do Douro, Património da Humanidade, como Capital Europeia do Vinho em 2023 e contam com a presença do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.
  Albertino AmaralComo muito bem diz o meu amigo David Ribeiro"Isso agora também não interessa para nada".......
 

  Cerimónias oficiais do 10 de Junho no Peso da Régua
10h39 - À chegada de João Galamba ouviram-se apupos e assobios. O ministro das Infraestruturas chegou com o ministro dos Negócios Estrangeiros, Gomes Cravinho, e a ministra da Defesa, Helena Carreiras.
 
David Ribeiro
Pimba!... As gentes do Norte, seguramente a maioria dos presentes hoje nestas cerimónias na Régua, não perdoam a Galamba.
Isabel Sousa Braga
A gente da Régua estagnada há anos e anos deviam assobiar a todos. Conheço muito bem a Régua e as pessoas.
David Ribeiro
Minha querida amiga Isabel Sousa Braga... na Régua e em todo o Douro Vinhateiro há, desde sempre que a conheço (mais de meio século), uma grande escassez de massa crítica e a "culpa" não é só da desertificação do interior.
Isabel Sousa BragaDavid Ribeiro pois não....
Cristina Vasconcelos PortoNão entendo como Galamba se sujeita a isto.
Isabel Sousa Braga
Cristina Vasconcelos Porto essa gente não tem vergonha.
10h55 - O primeiro-ministro António Costa chegou ao local das cerimónias do Dia de Portugal com alguns minutos de atraso e foi recebido com algumas palmas.
11h05 - Marcelo Rebelo de Sousa chegou há momentos às cerimónias de comemoração do 10 de Junho e foi, sem surpresa, o mais ovacionado dos representantes políticos.
Captura de ecrã 2023-06-10 121617.png
11h18 - Momento solene por esta altura, em silêncio, em homenagem aos militares e civis mortos em combate ao serviço do país. Nos céus, quatro F-16 sobrevoam o espaço das comemorações, antes de o capelão-mor das Forças Armadas fazer a prece de homenagem.
11h24 - Já se iniciou a intervenção de João Nicolau de Almeida, enólogo ligado à produção de vinho no Douro. Todos os anos o Presidente escolha uma personalidade para presidir às comemorações do Dia de Portugal. Este ano escolheu o enólogo João Nicolau de Almeida, nascido numa família enraizada no Douro e há gerações ligada à vinha e ao vinho – o seu pai foi o criador do Barca Velha, um tio-avô é o fundador da Casa Ramos Pinto -, foi enólogo e presidente executivo da Casa Ramos-Pinto. Reformou-se em 2017, dedicando-se ao projeto familiar da Quinta Monte Xisto.
11h50 - 
“Um retrato do Portugal que queremos.” Marcelo Rebelo de Sousa começa o discurso do 10 de junho evocando “os quase 900 anos de passado”, as “redobradas forças que ganhamos para os presentes" e a sonhar “novos futuros”. E para isso, diz o Presidente da República, este 10 de junho é importante e “muito diferente dos últimos”. Começou no dia 5, na África do Sul, para celebrar com as comunidades portuguesas que “esperavam desde a pandemia” e chegou a 10 ao Peso da Régua, “cidade do interior, que nunca foi nem capital de distrito nem cabeça de diocese”. Por ser celebrado ao mesmo tempo em 19 municípios, diz Marcelo, todos com o Douro em comum, um Douro “profundo, majestoso e fundamental”, este é um “retrato do Portugal que queremos. Queremos que os Pesos da Régua dos nossos interiores, sejam tão importantes quanto as Lisboas, os Portos, os Setúbais, as Coimbras, os Aveiros, as Vianas do Castelo, os Faros, do nosso continente”, diz Marcelo. E os “Funchais e os Portos Santos”, vai enumerando. Todos “iguais na lei, iguais na esperança no futuro”.

 

  
b5c0764a-8b7e-46d2-ab47-9d3147fe5470.jpg

Galamba até deverá ter corado ao ouvir isto: “Somos capazes do melhor vinho”, disse o Presidente, mas avisando que por vezes, é preciso “cortar os ramos mortos, que atingem a árvore toda”.
  
Jose Luís Kendall - O problema é quando a árvore toda esta já contaminada …e com sentença de morte. É o caso desta cambada de trafulhas e incompetentes que nos desgoverna. Quando se tem um Galamba a Ministro do quer que seja, estamos falados.
David Ribeiro - Meu caro Jose Luís Kendall... podemos sempre arrancar as árvores todas... só que vai ser difícil encontar outras, com qualidade, para plantar.
Jose Luís KendallDavid Ribeiro, caríssimo …os portugueses têm uma atração fatal por políticos bem falantes, incompetentes e charlalatoes. Os poucos sérios e competentes são afastados. Em Massamá…está a melhor das alternativas a um governo contaminado. Não fossem eles os cúmplices do Pinóquio.
David RibeiroE o Jose Luís Kendall ainda acredita que se o tal de Massamá fosse a votos conseguiria ser primeiro-ministro?
Jose Luís Kendall
David Ribeiro, não ha impossíveis! E enquanto há vida há esperança. Mesmo num País onde grande parte do eleitorado vive dependente do Estado social…ista.
Júlio GouveiaEu nem gosto do Marcelo mas às vezes diz coisas de jeito. É claro claríssimo que essa foi mesmo para o brinquinho. Aliás, quanto a mim, foi uma autentica provocação do sr. AC ao convidar o brinquinho para o evento a sentar-se na mesma bancada do Marcelo. O sr. AC quis dar um ar de que quer pode e manda e o PR que vá dar uma grande volta. Não há dúvida que este governo é o mais arrogante de sempre em democracia. Arrogancia e incompetencia é aquilo que não falta a este governo.
Jose Luís Kendall
Júlio Gouveia, duas características, entre outras, que fazem parte do adn dos ratos do Largo. Incompetência e arrogância.

 


353434864_10223542862227542_5579940431078493220_n.
Que vergonha de professores são estes?... e não, não sou socialista nem morro de amores pelas políticas de Educação deste governo, mas tão cedo não me verão a defender a luta dos professores.

Jorge Albuquerque da Quinta
O que esperar de organizações Comunistas. Um nojo de atitude !!!!
Maria José FolhadelaEducar é isto ?☹️☹️☹️ Que tristeza 😔!
Paula GamaSou professora e não me revejo nesta forma de protesto.
Conceição SaMuito mau exemplo vindo de pessoas formadas ,que irão dizer os pais dos vossos alunos,mau demais e eu que não vou á bola com o Antônio



Publicado por Tovi às 07:56
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 22 de Maio de 2023
Cavaco voltou a criticar o Executivo socialista

1q9a6500-2-1.jpg

Cavaco Silva de vez em quando diz umas coisas certas, tal qual um relógio avariado que também está certo duas vezes por dia. E como o "sebastianismo" parece ainda estar vivo em Portugal, lá vieram os "hosana" ao seu discurso.

  Aníbal Cavaco Silva diz estar “seriamente preocupado com as consequências para o país da governação do PS”. Falando no encerramento do terceiro Encontro Nacional de Autarcas Social-Democratas [sábado 20mai2023], que aconteceu em Lisboa,  o antigo Presidente da República voltou a criticar o Executivo socialista e a apontar baterias a António Costa — a mais dura intervenção pública que Cavaco Silva fez contra António Costa desde que deixou o Palácio de Belém.


Gonçalo G. Moura
Por uma vez estamos de acordo David Ribeiro...
Júlio Gouveia
Só disse aquilo que hoje grande maioria sabe e pensa mas ninguém tem coragem de dizer - governo incompetente, que só se mostra disponível para duas coisas ou seja mentir e controlar todo o aparelho de estado sem qualquer vergonha. Cada elemento deste partido que fala diz coisas diferentes do anterior. Cavaco só disse verdades, o PS não gostou.... lamenta-se. Ridículo é ouvir aquele anormal do Eurico Dias dizer que não se respeita um partido com 50 anos e com milhares de apoiantes ...deve ser mesmo uma anedota pois pergunto- será que o PS respeita outros partidos, neste caso o PSD, também com muitos anos e muitos milhares de simpatizantes???? Tratam o país como uma coutada sua, utilizando todos os meios do Estado a belo prazer do partido. Grande Cavaco
Albertino AmaralQuer se queira, quer não, a velha guarda ainda continua a pensar com a cabeça, contrastando com a "nova guarda" que muito pensa e age com os calcanhares... Também não sou cavaquista, caso isso interesse...
Isabel Ponce de LeãoExcelente e corajoso discurso de uma seriedade que caiu fora de moda.
Albertino AmaralIsabel Ponce de Leão Nada me aproxima dos modelos políticos passados, mas concordo consigo. Só gostava de saber, qual é o modelo de moda actual ??
Carla Afonso LeitãoA mim, fez-me lembrar uma figura presidencial e esquecer por momentos um pateta em exercício. Disse o que disse, com toda a liberdade, com sentido de Estado e coberto de sentido, este PS trabalha arduamente para lhe dar razão, a ele, a António Barreto, a Álvaro Beleza, a Sérgio Sousa Pinto, a António José Seguro...
Joaquim FigueiredoGostaria que este ressabiado viesse explicar como conseguiu ganhar dinheiro com o BPN e que explicasse a colocação de escutas no gabinete do PM por um chefe da sua casa civil. A honestidade ou a falta dela nunca passou pelo crivo da investigação do MP



Publicado por Tovi às 07:07
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 19 de Maio de 2023
Estou a seguir a telenovela Galambagate...

...mas já estou a adivinhar o fim  

Captura de ecrã 2023-05-18 105323.png

 

  O que se ouviu por aí na quarta-feira 17mai2023
António Costa (jornalista) - Audições da comissão de inquérito à TAP revelam "falência moral do Governo e das instituições".
Pedro Tadeu (jornalista) - Galamba vai ter "dificuldade em defender-se" depois de audição de Frederico Pinheiro.
Álvaro Beleza (socialista e presdiente da SEDES) - "Espero que não seja verdade que um ministro do meu partido ameaçou um funcionário do Governo de pancada".
Rogério Alves (advogado) - “Já todos percebemos que a intervenção do SIS foi ilegal e todas as justificações que têm sido dadas são uma pior do que a outra".
Miguel Relvas (ex-ministro do PSD) - Comissão de inquérito à TAP: “Hoje a oposição foi liderada por André Ventura”.
Luís Rosa (jornalista) - "Assistimos hoje a um espetáculo que comprova que o Governo está na lama".
Mafalda Anjos (comentadora CNNPortugal) - Governo tentou omitir de factos à CPI? "Só isto, num país a sério, faz cair ministros".
Ana Sá Lopes (jornalista) - Estamos perante um grave problema de regime e de Estado de direito. A audição de Frederico Pinheiro na Comissão de Inquérito à TAP mostra um governo num frenesim selvagem, que manda o SIS telefonar a um cidadão à noite – que, até horas antes, era um “leal servidor” do Estado – e o SIS, invocando “ordens de cima”, pede-lhe o computador de trabalho, para isto ir “a bem”. Não há precedentes de um episódio destes nos anais da política nacional em democracia.

 

  O que se ouviu por aí na quinta-feira 18mai2023
Marcelo Rebelo de Sousa - Disse o Presidente da República horas antes da audição de Galamba: "É uma ilusão que se pode ser importante sem pagar um preço".
Sebastião Bugalho (comentador da CNNPortugal) - "Galamba admitiu que Frederico Pinheiro não estava credenciado para ter acesso a documentos classificados. Isso constitui o crime".
João Galamba - "Não disse à CEO da TAP que devia ir à reunião, disse que podia ir".
Ana Abrunhosa - A ministra da Coesão Territorial acredita que o resultado da Comissão de Inquérito à TAP vai "afetar todo o Governo".
António Rodrigues (ex-membro do Conselho de Fiscalização do SIRP)
Telefonema ao SIRP foi "enorme precipitação. Nada configura ameaça à segurança nacional".
Luís Rosa (jornalista) - "Ao ouvir João Galamba lembrei-me muito de José Sócrates, tinha exatamente a mesma estratégia quando era atacado".
Helena Matos (comentadora da CNNPortugal) - "É penoso ver João Galamba". O governante já não tem condições para desempenhar "qualquer cargo com o mínimo de responsabilidade".

 

  Um diz uma coisa o outro diz o contrário. Um deles mente. E a VERDADE fica por se saber.
  
Júlio Gouveia
Palpita-me que nunca se saberá, mas isto claro será a lei do mais forte e o mais é o ministro
Isabel Sousa Braga
Ficou-se a saber quem controla o ministério 😏
David Ribeiro
Está cá a parecer-me que se António Costa um dia demitir Galamba, seguramente é a Eugénia Correia que vai tutelar o ministério das Infraestruturas. 😉
Joaquim Figueiredo
Frederico mente ...provado até à exaustão, só quem já decidiu previamente é que não percebe
David RibeiroCaramba!... O Joaquim Figueiredo está a ver longe, coisa que a esmagadora maioria dos portugueses não consegue enxergar. 😉
Joaquim Figueiredo
David Ribeiro estou a ouvir a CPI e ouço má educação do Sr deputado do PSD, ouço imputações mal fundamentadas e ouço respostas validadas. Ouço atentamente para não condenar previamente...em tudo. Claro que para a narrativa do jornalixo a verdade não interessa, não é só no caso dos nossos amigos
David RibeiroLá está, o Joaquim Figueiredo vê muito mais do que todos nós.
Joaquim FigueiredoDavid Ribeiro estou a ouvir e chego à conclusão que o Galamba está seguro do que diz... é muito difícil falar com quem já tem posição assumida... e o meu amigo tem essa tendência. Má educação do deputado do PSD
David Ribeiro - Meu caro amigo Joaquim Figueiredo... como aqui comecei por dizer nestes dois dias já ouvi nesta CPI tudo e o seu contrário, o que não abona nada na credibilidade dos intervenientes, pelo que não é verdade que eu tenha "essa tendência" que refere.
Bernardo Sá Nogueira Mergulhão
Joaquim Figueiredo provado?
Bernardo Sá Nogueira MergulhãoTem de se ver conteúdo de telemóveis e computador, e a polícia tem de falar há registos das chamadas, autos etc....isso serão provas definitivas, até lá é tudo uma questão de fé.
António ConceiçãoExclui uma hipótese altamente provável: que todos mentem.
Rafael Campos Pereira
António Conceição evidentemente. Apesar de também ser evidente que a versão do Galamba é muitíssimo mais contraditória e confusa.
Jose Pinto PaisA Falencia da Republica, a vergonha dos intervenientes, tudo a mentir. Parece um Big Brother da TVI

 

  
mw-1920.jpgMarcelo Rebelo de Sousa convocou esta manhã os jornalistas para uma declaração às 14h00 de hoje, no Jardim do Buxo, no Palácio de Belém. Contudo, cerca de duas horas depois, a declaração foi cancelada. Mas como para a tarde desta sexta-feira está previsto o encontro semanal entre o Presidente da República e o Primeiro-Ministro, é capaz de haver "novidades" mais para o fim do dia... ou talvez não que com Marcelo nunca se sabe. 


Paulo Santos
Marcelo não consegue ficar calado muito tempo. Se for para falar do Galamba, pode mandar recados, como o fez, ontem. Se for para acrescentar algo como dissolver a assembleia da república (não tem poderes para demitir o governo nem o Primeiro Ministro com já vi escrito em alguns sítios) e convocar eleições então merece mais do que falar as 14h00, é assunto para abrir telejornais das 20:00. Outra coisa é convencer Costa a demitir o governo em bloco e convidar novamente o PS a formar governo…
David Ribeiro - Paulo Santos... inclino-me mais para a hipótese de demissão do Governo e convite ao PS para formar novo executivo... mas com Marcelo nunca se sabe.
Jose Pinto Pais
Paulo Santos anda há 8 dias a morder a língua, até tenho pena dele, 8 dias sem falar. Tadinho

 

  O meu amigo Jorge De Freitas Monteiro distribuiu, e no meu entender muito bem, equitativamente as críticas: "Uma oposição medíocre e impotente encontra palco para atacar o governo ao nível que está ao seu alcance, o das mexeriquices. Um governo medíocre e desorientado não só não soube lidar com o que aconteceu como não sabe lidar com uma comissão parlamentar de inquérito que parece um museu de horrores."



Publicado por Tovi às 07:51
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 24 de Abril de 2023
A festa do PS e a manif que gritava "demissão"

Captura de ecrã 2023-04-23 164408.png
Os socialistas presentes na tarde de ontem no Palácio de Cristal, no Porto, para a festa dos 50 anos do PS, eram muitos e, como era de esperar, ordeiros e todos com ar festivo, mas os milhares de professores e outros profissionais da educação, representantes do Alojamento Local (AL), oficiais de justiça, entre outros setores, que eu vi a descer a rua de Júlio Dinis em direção ao local onde se realizava a festa socialista, primavam por uma estrondosa contestação verbal ao Governo. A polícia também se encontrava em todas estas zonas com um forte dispositivo.

  
Isabel Pires
Não se pode agradar a todos! Eu gosto
David Ribeiro - E o inevitável aconteceu. “Faz parte da democracia”, foi esta a reação da ministra Ana Catarina Mendes ao protesto de professores junto ao recinto onde se realizava a festa que assinalou os 50 anos do Partido Socialista. Muitos dos manifestantes foram impedidos de entrar nos jardins do Palácio de Cristal, que são de uso público, com um cordão policial. A ministra foi confrontada por uma das manifestantes que ainda conseguiu entrar nos jardins. “Nós só queremos ser ouvidos”, apela outra professora. “Têm sido ouvidos”, reagiu Ana Catarina Mendes.
Joaquim FigueiredoDavid Ribeiro todos os dias, a toda a hora falam na comunicação social, em todos os canais, têm reuniões e querem ser ouvidos? Querem é berrar...e têm o direito, não podem é usar argumentos falsos. 
Joaquim FigueiredoOs extremistas... tudo fazem para criar instabilidade. A história vai-se repetindo. Chamem a troika, querem ganhar na rua o que não ganharam nas urnas. A santa aliança dos extremos, infelizmente até o PSD se associa.
Antonio PereiraNão são os extremistas são os desagrados com o teu governo xuxialistas
Joaquim FigueiredoAntonio Pereira alguém que não dá a cara não deve comentar... uma questão de ética. E há erros de escrita, apesar do novo acordo ortográfico, que não devem ser cometidos. Claro que os governos passistas que vendem o país ao desbarato é que interessam...e já agora, e por uma questão de urbanidade, não i conheço de lado nenhum para essa liberdade de tratamento
Paulo NevesA receita já foi aplicada por Sócrates e deu no que deu: Pec I, II, III e IV. O PS vê as sondagens a descer, alguns rendimentos têm de subir. Depois vem a Troika. 50 anos de história e por três vezes ela veio por causa dos socialistas. Factos.
Carla Afonso LeitãoUma coisa é haver manifestação na rua, legitimamente válida com pré aviso, outra é a negociação sindical, normal num Estado democrático e outra é querer tomar de assalto espaço que não tem cabimento em aviso prévio. Sou crítica do PS e do governo PS? Sou. Mas, há limites para tudo. Sou docente e devo dizer que na minha sala de aula, com aula a decorrer, não entra qualquer um sem o meu consentimento, aliás, há regras de civilidade. O que se passou hoje no Palácio de Cristal é vergonhoso. A democracia não pode admitir tudo, por isso, muitos dos colegas que hoje queriam forçar o direito a entrar, tivessem pensado 2x antes de fazerem a cruz no boletim de voto. É a bida.
David AlmeidaLamentavelmente, e uma vez mais, as liberdades foram coartadas, apesar do convite enviado aos portugueses para uma festa, de ENTRADA LIVRE, esses mesmos portugueses foram impedidos de entrar num espaço que é público e que, mesmo com bilhete na mão, pudessem usufruir dos concertos para os quais adquiriram os mesmos (sim, alguns dos manifestantes também eram do PS). Um muito mau exemplo de ABRIL 🌹
David Ribeiro
Caríssimo David Almeida... por mais legitimada que estivesse esta manifestação, e acredito que estivesse validada com pré-aviso e também com razão nas suas reinvindicações, a verdade é que querer tomar de assalto espaço onde decorre uma festividade de um partido político, não tem cabimento.
David Almeida - David Ribeiro 'tomar de assalto' não consegui ver onde foi buscar essa ideia! O direito à manifestação e reprovação da governação é consignado na CRP, sem limitações!
David RibeiroDavid Almeida... eu estive lá e sei bem o que vi. E é com este tipo de atitudes que se perde a razão.
David AlmeidaDavid Ribeiro eu estive lá e vi o que não se passou... e, com toda a razão, gritavam RESPEITO! que foi do que mais faltou por quem nos governa! David Ribeiro não foi para isto que o meu amigo e outros se esforçaram para fazer a revolução dos cravos! 🌹✌️25Abril SEMPRE✌️🌹 
Goreti DiasFui barrada á porta do Palácio, só porque levava na lapela do casaco um auto colante alusivo ao Alojamento Local. Até queria ir à festa ver o Rui Reininho ouvir a " pronúncia do Norte". Acabei por ficar á porta a ver a garra das pessoas do Norte, a gritarem por democracia e liberdade. A liberdade que este desgoverno fala, não é que eu quero para o meu país cada vez mais empobrecido. 



Publicado por Tovi às 07:26
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 31 de Março de 2023
PS e PSD empatados - Direita consegue maioria

Conhecida ontem uma sondagem ICS-ISCTE, para SIC/Expresso. Trabalho de campo decorreu entre os dias 11 e 20mar2023.

Captura de ecrã 2023-03-30 214122.png

  Este Governo de António Costa já teve melhores dias
Captura de ecrã 2023-03-30 220649.png


Júlio GouveiaPois.... o Chega cada vez a subir mais ....por culpa de quem???? Da péssima governação do PS, e isso vê-se também na descida abrupta desse partido.
Raul Almeida
E é do ISCTE, o maior feudo socialista da academia.

 

  Evolução das sondagens trimestrais da ICS-ISCTE, comparadas com os resultados das Legislativas2022
ISCTE 30mar2023.png



Publicado por Tovi às 07:55
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 18 de Março de 2023
Chega de André Ventura mais próximo do PSD e PS

Captura de ecrã 2023-03-17 203800.png

O PS e o PSD continuam muito próximos nas intenções de votos, uma tendência que se tem verificado nas últimas sondagens. De acordo com o último barómetro da Intercampus publicado nesta sexta-feira, no Jornal de Negócios e no Correio da Manhã, os socialistas obteriam 25,9% dos votos, enquanto os sociais-democratas conseguiriam 24,2%. Os dois partidos sobem face ao último estudo de opinião. O Chega, por sua vez, consegue 13,5%, aumentando em quase 2% as intenções de votos em relação ao barómetro de fevereiro. O partido de André Ventura obtém mesmo o melhor resultado de sempre numa sondagem da Intercampus. Em quarto, segue-se a Iniciativa Liberal, com 7%, registando uma queda de 0,4 pontos percentuais. Os partidos de direita (PSD, Chega, IL e CDS) voltam a estar em maioria face à esquerda (PS, BE, CDU e Livre) e com uma vantagem confortável (46% contra 37,2%). 

  Júlio GouveiaO povo está a começar abrir os olhos e a perceber o quão errada tem sido está governação, em que se apresentou a eleições com um programa socialista e executa o programa comunista que não foi sufragado. E esta governação infelizmente está a fazer o " upa upa " do Chega

 

  Evolução dos valores do  barómetro mensal da Intercampus, comparados com as Legislativas2022
Intercampus evolução até 17mar2023.png

 

  António Costa vs Luís Montenegro
336510137_219486480736356_761621240512850077_n.jpg

Maria Emília FerreiraCosta
Raquel P. Magalhães CorreiaGostaria de ouvir qual o fundamento dos inquiridos para tal escolha.
David RibeiroPois é, Raquel P. Magalhães Correia ... A falta de confiança na oposição dá estes resultados.



Publicado por Tovi às 07:35
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Abril 2024
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9

19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30


Posts recentes

A nova Assembleia da Repú...

Esmiuçando a campanha par...

Eleições Regionais nos Aç...

Reunião Magna Socialista

Os dias seguintes à vitór...

Pedro Nuno Santos vence a...

Estará a pré-campanha à e...

Sondagens da Aximage para...

Primeiras sondagens após ...

10 de Junho de 2023

Cavaco voltou a criticar ...

Estou a seguir a telenove...

A festa do PS e a manif q...

PS e PSD empatados - Dire...

Chega de André Ventura ma...

António Costa em entrevis...

Sondagem da Aximage para ...

Barómetro da Aximage para...

Notícias de ontem que me ...

Gente do PS e PSD "apanha...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus