"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Quinta-feira, 11 de Julho de 2024
Cimeira da Nato em Washington

Captura de ecrã 2024-07-10 093038.png

Já está a decorrer a Cimeira da NATO em Washington, com Biden, que até agora rejeitou os apelos para se retirar da corrida presidencial, a fazer das alianças tradicionais no exterior a peça central de sua política externa, argumentando que Trump viraria as costas à NATO se retornasse à Casa Branca. Para já uma só coisa há a registar: Zelensky vem mais uma vez pedir "mais defesa aérea" e "caças F-16" e todos nós, os europeus, vamos continuar a pagar tudo isto e o mais que se verá. Estamos em crer que os líderes da NATO mais uma vez não chegarão a oferecer um cronograma garantido para a Ucrânia entrar na aliança, mas apresentarão a Zelensky o que as autoridades consideram de "ponte para a adesão", que supostamente deve estabelecer tarefas específicas, incluindo reformas governamentais, económicas e do estado de direito, que a Ucrânia deve cumprir para se juntar.

 

  Luís Montenegro, falando aos jornalistas na terça-feira [9jul2024], antes de um jantar na residência oficial de Portugal em Washington, acompanhado dos ministros de Estado e dos Negócios Estrangeiros, Paulo Rangel, e da Defesa Nacional, Nuno Melo, no âmbito da cimeira da NATO que decorre até esta quinta-feira, informou que a ajuda portuguesa à Ucrânia alcançará este ano [2024] um valor superior a 220 milhões de euros [mais 95 milhões de euros que se somam aos 126 milhões já previstos], sendo repetido em 2025.

  
Paulo TeixeiraSim a melhor solução é dar rédea solta ao Putin
David RibeiroNão se trata de dar "rédea solta" a ninguém, Paulo Teixeira, mas sim de encontrar uma forma de se conviver pacificamente no leste da Europa. E só a mesa de negociações é a solução. Ou acreditas que a Ucrânia vai derrotar a Rússia?
Paulo TeixeiraDavid Ribeiro acredito que um pais tem de se defender. Acredito que a capitulação so porque aparentemente o outro é mais forte raia a covardia e a falta de valores. Se quero a paz sim. Mas o que farias se a espanha quisesse pr exemplo o distrito se Portalegre? Drsistias so pq eles sao mais fortes?
David RibeiroPaulo Teixeira, essa comparação de Espanha e o distrito de Portalegre não tem qualquer sentido. Que eu saiba no distrito de Portalegre não se fala castelhano, não há uma esmagadora maioria de espanhóis, nem nunca os seus habitantes reivindicaram a sua autodeterminação.
Paulo Teixeira
David Ribeiro tens de rever a tua historia. O argumento que usas é o mm dos nazis nos anos 30. E se esta e a tua linha de facto nada mais ha a debatwr

  Ao mesmo tempo que se iniciou a Cimeira da Nato em Washington, o primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, fez na 2.ª e 3.ª feira [8 e 9jul2024] a sua primeira visita à Rússia desde a invasão da Ucrânia, para discutir questões que incluem defesa e acordos de armas.
Interactive_Russia_India_Defence_equipment-1720533

  O antigo primeiro-ministro holandês Mark Rutte foi formalmente escolhido como o próximo secretário-geral da NATO e vai iniciar funções a 1 de outubro, um homem com experiência em lidar com o antigo presidente Donald Trump que muitos esperam que possa manter a aliança unificada face a um turbilhão de desafios, incluindo uma eventual nova presidência de Trump. Há muita gente que espera que a relação passada de Rutte com Trump, de quando lideravam os seus respetivos países, possa dissuadir o antigo presidente dos EUA de minar a Aliança se for reeleito.

  
Jose Antonio M Macedo
Excelente escolha.
Isabel Sousa Braga
Pescadinha de rabo na boca com a arroz de tomate......🙄🙄🙄🙄 Assim vai a Europa
Castro Ferreira PadrãoVamos ver... ou será a continuidade?
Antero Filgueiras
Lidar com DT é como lidar com a doméstica: ignora-se tudo o que ela diz.

  A “missão de paz” de Viktor Orbán já passou por Kiev, Moscovo e Pequim e continua em Washington, onde o ministro dos Negócios Estrangeiros húngaro defendeu que a a reeleição de Trump abrirá caminho a diálogos para a paz. “Penso que tem de haver um impacto externo muito forte para obrigar [Putin e Zelensky] a negociar, pelo menos. Quem tem hipóteses de o fazer nos próximos tempos? Só o Presidente Trump, se for eleito”, defendeu Peter Szijjarto numa entrevista. A Hungria tem sido a voz crítica do apoio da NATO à Ucrânia, tema que marcou o arranque da cimeira em Washington.

  Disse Stoltenberg sobre a adesão da Ucrânia à NATO: "não é uma questão de 'se' mas de 'quando'". Está cá a parecer-me que o ainda secretário-geral da NATO ou não sabe o que diz ou então não nos conta tudo o que sabe.
Captura de ecrã 2024-07-11 094256.png



Publicado por Tovi às 07:44
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 7 de Julho de 2024
Assim vai o Leste da Europa
É assim que estamos
450051785_10225493437110695_13469569230681108_n.jp
O exército ucraniano diz que seu exército recuou de um bairro nos arredores de Chasiv Yar, na região oriental de Donetsk, uma cidade estrategicamente importante onde as forças russas capturaram recentemente um distrito. Os militares confirmaram nesta quinta-feira [4jul2024] que haviam recuado do distrito de Kanal, na cidade, dizendo que “o inimigo havia entrado”, destruindo “posições dos defensores” e ameaçando “as vidas e o bem-estar de nossos soldados”. “O comando decidiu recuar para posições mais bem protegidas e preparadas”, disse um porta-voz da formação de forças terrestres Khortytsia do exército ucraniano, relatando a retirada na televisão estatal. O Ministério da Defesa da Rússia afirmou na quarta-feira [3jul2024] que suas forças haviam tomado o controle do distrito de Novyi, que fica a oeste do canal Siverskyi Donets-Donbas, que atravessa a parte leste da cidade. As forças russas têm seus olhos voltados para Chasiv Yar, um centro militar valorizado por sua localização estratégica e elevada, há meses. A cidade fica a uma curta distância do oeste de Bakhmut, capturada pela Rússia no ano passado após uma amarga batalha de 10 meses.
 
  Quiseram-nos na União Europeia e na NATO e agora chamam-lhe "fantoche". Aturem-nos!

450012030_10225505423770354_8006224738109557910_n.
 
Jorge VeigaUma coisa é um País. Outra coisa é o seu Governo que pode alterar para melhor ou pior.
Jose Pinto PaisCaro David Ribeiro pode-me explicar por favor como se confunde um primeiro ministro com um pais ? Como se pode fazer um comentario de opcoes de um pais por em determinado momento ter um primeiro ministro com determinadas opcoes ? E se perder as eleicoes ? As opcoes do pais sao postas em causa ? Nao consigo entender o post
David RibeiroMeu caro amigo Jose Pinto Pais, os países do leste europeu, saídos da ex-União Soviética e que a UE e a NATO abraçaram sem medirem as consequências, vão ser a nossa desgraça, esperando eu que esta minha previsão esteja completamente errada.
Jose Pinto PaisDavid Ribeiro a Hungria ? Por amor de Deus. Um pais do leste ??? A republica checa a eslovaquia vao ser o terror da Uniao Europeia 😀

  Não é de agora que Orbán destoa dos restantes em relação à Ucrânia, mas a situação é mais delicada por ter a presidência rotativa da UE, que arrancou no dia 1 de julho e que vai durar seis meses. Parece que o tinham aconselhado a ir a Kiev, mas ninguém esperava que seguisse depois para Moscovo, sem dizer nada a ninguém e, ao que dizem, sem atender telefones. Será uma "missão de paz" ou uma provocação aos seus parceiros europeus?... Os próximos tempos dirão até onde irá Budapeste.

  
Eduarda De Sousa Pires
Medo!
Frederico Nunes da SilvaEsteve muito bem de acordo com os cânones húngaros. Soberania é isto, poder ter relações diplomáticas com quem quiser. Quem dera por cá.
Raul Vaz Osorio
Suspeito que isto é apenas cosmética, um lamber anal do Orban ao dono.

  E já agora, que estas coisas são importantes: Sabiam que André Ventura e a direção do Chega decidiram juntar-se à família europeia criada por Viktor Orbán, os "Patriotas da Europa"?...

  
Rui Lopes A. D'Orey
David Ribeiro em boa hora.
Raul Vaz Osorio
David Ribeiro o cair da máscara. Acho bem
Jorge Veigao Ventura é muito importante...Também pode ir ter com o Putin e ficar por lá.

 

  Manhã de 2.ª feira 8jul2024
img_900x508$2024_07_08_07_53_22_1697887.jpg"Missão de paz"... dizia a mensagem que acompanhou esta fotografia"O Presidente chinês, Xi Jinping, está reunido, em Pequim, com o primeiro-ministro húngaro, Viktor Orbán, que chegou hoje [2.ª feira 8jul2024] ao país asiático numa visita não anunciada, no âmbito da sua "missão de paz" para a Ucrânia. Viktor Orbán deve também reunir-se com o chefe da diplomacia chinesa, Wang Yi, segundo a imprensa local." Ao receber Orban, Xi Jinping pediu à Rússia e à Ucrânia que cessassem os combates e a outras grandes potências que criassem um ambiente propício para conversações. Somente quando todas as grandes potências projetarem “energia positiva em vez de energia negativa” pode ocorrer um cessar-fogo, disse Xi. “É do interesse de todas as partes buscar uma solução política por meio de um cessar-fogo rápido”, acrescentou.




Quarta-feira, 3 de Julho de 2024
Nunca é demais lutar pela PAZ

1920x1080_cmsv2_793b5289-ea59-5b39-8a6a-79d250e42f

O primeiro-ministro húngaro, Viktor Orbán, chegou esta terça-feira [2jul2024] a Kiev para se encontrar com o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky. É a primeira visita de Orbán à Ucrânia desde que começou a invasão russa. O primeiro-ministro húngaro tem sido crítico do apoio europeu a Kiev, mantendo relações próximas com Moscovo. A visita de Orbán acontece um dia depois de a Hungria ter assumido a presidência rotativa do Conselho da União Europeia. Segundo o porta-voz de Orbán o principal tema da reunião inédita com Zelensky será a oportunidade para construir a paz.

 

  Situação na quarta-feira 3jul2024
2024-07-02T172154Z_1661677175_RC2YM8ADBG8F_RTRMADP
(Na imagem o primeiro-ministro da Hungria, Viktor Orban, e o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, apertam as mãos após uma conferência de imprensa conjunta em Kiev, Ucrânia, em 2jul2024)Ataques russos na cidade central ucraniana de Nikopol mataram duas mulheres de 61 e 86 anos e feriram outras nove pessoas, de acordo com o governador regional Serhiy Lysak. Os ataques danificaram moradias residenciais, instalações educacionais e uma clínica na cidade, que fica do outro lado do Rio Dnipro, da central nuclear Zaporizhzhia ocupada pelos russos. A Rússia disse que destruiu cinco caças ucranianos SU-27 com mísseis Iskander-M e danificou mais dois na Base Aérea de Myrhorod, na região central de Poltava, na Ucrânia. O ataque acontece enquanto a Ucrânia se prepara para a chegada dos tão esperados caças F-16. A Ucrânia disse que houve um ataque na Base Aérea de Myrhorod, mas alegou que Moscovo estava exagerando os danos causados. Seu comandante da Força Aérea, Mykola Oleschuk, disse que os militares da Ucrânia também realizaram um "ataque destrutivo" em um depósito de munições russo na cidade de Balaklava, na Crimeia ocupada por Moscovo, na segunda-feira [1jul2024]. O Ministério da Defesa da Rússia disse que seus sistemas de defesa aérea destruíram 11 drones que a Ucrânia lançou contra território russo e a Península da Crimeia ocupada nas primeiras horas de terça-feira [2jul2024]. O presidente bielorrusso, Alexander Lukashenko, disse que o seu país não permitirá nenhum confronto na fronteira com a Ucrânia depois que seus militares reforçaram as defesas aéreas na área devido ao aumento da atividade de drones ucranianos no local.

  
Mario Pinheiro
Porque ainda toleramos Orban na UE? Bem sei que a presença da Hungria na Nato é simbólica e justificada e que a UE se deseja tão abrangente quanto possível, mas o custo da ameaça constante à democracia liberal parece excessivo para os benfícios da sua presença
David Ribeiro
Mario Pinheiro... quiseram os países saídos da União Soviética na UE e na NATO?... agora aturem-nos.
Carlos Manuel Costa AlmeidaMario Pinheiro Mas já se compreende bem o desejo pungente da entrada de Kiev para a UE!!! Um regime de base nazi, com doze partidos proibidos (todos menos os de extrema direita!), e um presidente com o mandato terminado e eleições adiadas sine die, mergulhado numa corrupção que até dói! Ou os governos da Polónia, da Áustria, da Letónia (com ex-SS celebrando nas ruas o passado), da Estónia (com memórias nazis a cada passo), da Itália... e brevemente da França... No meio disto tudo, o "problema" é mesmo Viktor Orban e a Hungria!!!! 😏
Mario PinheiroCarlos Manuel Costa Almeida, o problema é também Orban. As minhas interrogações a seu propósito não eliminam outras, tal como enumera. No entanto, a questão é: quem põe em questão a própria UE?
Carlos Manuel Costa AlmeidaMario Pinheiro Acha que não há razões para pôr em questão a própria UE?? Que tem dentro de si nazis e se esforça desesperadamente (por meios militares inclusive!I) por albergar mais?...
Mario PinheiroCarlos Manuel Costa Almeida, temos visões diferentes sobre a UE.
Castro Ferreira PadrãoE continua

 



Publicado por Tovi às 07:37
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sábado, 29 de Junho de 2024
Planos para acabar com a guerra... é URGENTE

Captura de ecrã 2024-06-28 185946.png
O Presidente da Ucrânia diz que "esta é a via diplomática em que estamos trabalhando”, mas eu, ouvindo as mais recentes declarações públicas de Zelensky e de Vladimir Putin, estou convencido que os dois lados estão mais distantes do que nunca no que diz respeito aos termos de um potencial acordo de paz. A Ucrânia tem vindo repetidamente a dizer que a Rússia deve retirar suas tropas de seu território reconhecido internacionalmente – incluindo a península da Crimeia que Moscovo anexou em 2014 – antes que as negociações de paz possam começar. Enquanto isso, Putin, que lançou a invasão em grande escala da Ucrânia em fevereiro de 2022, está exigindo que a Ucrânia efetivamente capitule, evacuando ainda mais territórios no leste e sul que a Rússia agora ocupa.

 

Captura de ecrã 2024-06-29 102545.png
Por mais de dois anos, o Ocidente tem alimentado as esperanças da Ucrânia – com financiamento, aconselhamento militar e armas cada vez mais avançadas – de que pode empurrar a Rússia de volta para suas fronteiras anteriores a 2014. Esse é um resultado irrealista, que palavras de fantasia não conseguirão fazer.

  Adriano MarquesO melhor mesmo é deixar os Ucranianos à sua sorte, quem sabe se com jeitinho o Ditador Assassino Putin, consegue reconstruir os Gulaks e seja criado um novo HOLOMODOR.




Quinta-feira, 27 de Junho de 2024
Assim continuamos no conflito Rússia-Ucrânia
  A brigada Azov tem ainda muito poder sobre a presidência ucraniana

mw-694.webp

O Presidente ucraniano Volodymyr Zelensky demitiu na segunda feira [24jun2024] um alto oficial do Exército que foi acusado por outro comandante de incompetência e abuso de poder, num momento em que o país continua a lutar contra a invasão russa. “Decidi substituir o comandante das forças conjuntas das Forças Armadas da Ucrânia, o tenente-general Yuri Sodol, pelo brigadeiro-general Andriy Gnatov”, adiantou Zelensky, na rede social Telegram. O chefe de Estado ucraniano não especificou os motivos desta demissão, mas a decisão surge após críticas de um comandante da brigada Azov, conhecida pelas suas ligações com círculos ultranacionalistas. Este comandante, Bogdan Krotevych, revelou hoje de manhã que tinha apresentado uma queixa aos serviços de segurança ucranianos (SBU), para exigir a abertura de uma investigação a Sodol. De acordo com os meios de comunicação ucranianos, Krotevych acusa Sodol de incompetência, levando à morte de soldados ucranianos e a retrocessos na frente de combate, noticiou a agência France-Presse (AFP).
 
  
Raul Vaz OsorioVisão Zinho capciosa, não?
David RibeiroFactos, Raul Vaz Osorio, unicamente factos... e cada um tira as suas conclusões.
Raul Vaz OsorioDavid Ribeiro não, este texto tem muito poucos factos e muitas conclusões


Publicado por Tovi às 07:07
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 20 de Junho de 2024
Putin no Vietname depois de passar por Pyongyang

Captura de ecrã 2024-06-20 094439.png

Depois de uma viagem de um dia à Coreia do Norte, para visitar um antigo aliado que se posiciona como um ator geopolítico cada vez mais influente, Putin está de visita ao Vietname, uma nação em ascensão com a qual o Ocidente deseja laços mais estreitos. Sendo um dos principais exportadores de vestuário, o Vietname conta hoje com os EUA e outros países ocidentais como parceiros importantes. E Putin sabe bem isto e por isso espera que a sua visita a Hanoi sinalize que a Rússia está longe de estar isolada na Ásia no meio da recente guerra na Ucrânia.

  
Adriano MarquesO Ditador está completamente desesperado, já pede conversações de paz e anda de mão estendida à procura de ajuda militar. Conquistava a Ucrânia em 3 dias mas o tiro saiu pela culatra, cometeu um grande erro, pensava que a Ucrânia ficaria sózinha e que a NATO estava moribunda. O grande problema é que quando se juntam dois Loucos Ditadores, pode dar um problema muito grande.
Carlos Manuel Costa AlmeidaAdriano Marques Quem está morto de medo é quem reúne 52 aliados para combater um!!! 🤪
Adriano Marques
Carlos Manuel Costa Almeida está completamente enganado, isso é conversa de fundamentalista de esquerda, ninguém está a combater nem a atacar o Ditador, estamos todos a defender um País soberano e democrático do ataque de um Louco, nada mais, está a ver o filme ao contrário.
Carlos Manuel Costa AlmeidaAdriano Marques País soberano??! Com um governo que chegou ao poder por um golpe nazi, com milícias nazis que durante oito anos perseguiram e mataram russófonos no Donbass, que os proibiram de votar nas eleições do Zelensky, que proibiu doze partidos (DOZE!), todos menos os de extrema direita, e em que as eleições presidenciais foram adiadas sine diae pelo presidente com o mandato esgotado??? E a ditadura é russa??? Que partidos lá estão proibidos?? Quando houve eleições presidenciais quem foi proibido de votar? De que país democrático fala?! E que têm a Europa e os Estados Unidos a ver com um regime NAZI? Antes da intervenção russa, a Ucrânia tinha um regime nazi e corrupto, reconhecido como tal por todos! E agora “temos de o defender”?! A que propósito temos de apoiar nazis? Porque somos nazis?? Não, não somos! Alguns é que são… Adriano Marques Nazis e corruptos antes. Agora “temos de os apoiar”?? Está mesmo a ver o filme ao contrário! Está a ver o filme na perspectiva dos nazis…
Adriano MarquesCaro Carlos Manuel Costa Almeida é verdade, concordo totalmente com o senhor, nem sei onde estava a minha cabeça quando escrevi tais barbaridades, ando a tomar comprimidos para uma lesão que contrai no exercício da minha profissão e isso às vezes faz-me delirar. Estou tão de acordo com o senhor que até acredito que o baixinho Zelensky ou é neto do Hitler ou é a sua reencarnação, basta ver a estatura e feições para ter quase a certeza do que digo, ele só não usa o bigodinho para não dar nas vistas. Obrigado e bem haja Um beijo fraternal socialista
Carlos Manuel Costa AlmeidaAdriano Marques Não disfarce… Por que diabo há-de fingir?? Ser nazi é mau?? Se calhar tem um bocado de má fama… e por isso quem o é tem vergonha de assumir… Alguns agora começaram a querer assumir… com esperança no Zelensky e nos amigos Azov… mas o diabo dos russos saltaram-lhes em cima outra vez!! Uma chatice! Mas olhe que o nazismo acaba sempre assim: em guerra, que perde!! Se assumir terá de viver com isso…
Adriano MarquesCarlos Manuel Costa Almeida tenho quase 60 anos, mau feitio e alguma dificuldade em acreditar no Pai Natal, além disso aprendi com a idade e experiência de vida que por vezes o silêncio é muito melhor que qualquer argumentação, pois por vezes argumentar com algumas pessoas é o mesmo que deitar pérolas a porcos. As suas ofensas à minha pessoa de tão absurdas nem sequer foram consideradas 😂😂😂 Bem haja
Carlos Manuel Costa AlmeidaAdriano Marques Ofensas? Mas chamar nazi a um nazi que defende nazis é uma ofensa??? Olhe que não… Se você achasse mau ser nazi não os defendia como defende!! Quem não quer ser lobo não lhe veste a pele!! Mas aqui só se trata de não querer parecer… o que se é.
Frederico Nunes da SilvaDo ponto de vista russo é uma grande jogada quer geopolítica, quer de propaganda. Nada a dizer.
Gloria GonçalvesPitin vai ter o fim que merece ,, mais cedo ou + tarde e não deve ser bom.
Carlos Manuel Costa AlmeidaNão creio que o Vietname e sobretudo o seu povo tenham esquecido os três milhões de mortos que os EUA lhes provocaram! E que uma boa parte da sua vitória sobre os americanos a ficaram a dever ao apoio russo!
David RibeiroTiago André Lopes, com muita razão, disse num comentário televisivo: "Putin procura duas coisas: aliados, mas mais do que procurar aliados, procura vencer a corrida para o Vietname" e com esta visita, Putin parece ter chegado "primeiro que Washington", daí o "desconforto da Casa Branca com este acordo".




Domingo, 16 de Junho de 2024
Cimeira da Paz na Suíça

Nas vésperas desta Cimeira da Paz na Suiça ouviu-se o seguinte:

  Vladimir Putin, que não vai estar presente na Suiça, garantiu que a Rússia está pronta para começar as negociações "amanhã" se as tropas ucranianas retirarem de Zaporizhzhia, Kherson, as regiões de Donetsk e Luhansk e se a Ucrânia desistisse dos seus planos de aderir à NATO. Se a Ucrânia concordasse com essas condições, Putin disse que a Rússia cessaria os ataques e iniciaria negociações. “Hoje estamos a fazer outra proposta de paz concreta e real [a Kiev] (...) A essência da nossa proposta não é uma espécie de trégua temporária ou suspensão de fogo, como pretende o Ocidente, a fim de restaurar as perdas, rearmar o regime de Kiev, prepará-lo para uma nova ofensiva. Repito, não estamos a falar  de congelar o conflito, mas de seu fim definitivo”, afirmou Putin. "Repito, a nossa posição de princípio é a seguinte: o estatuto neutro, não alinhado e livre de armas nucleares da Ucrânia, a sua desmilitarização e desnazificação."

  O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, quando chegou na sexta-feira à Suíça, afirmou: "Serão dois dias de trabalho ativo com países de todas as partes do mundo, com nações diferentes que estão unidas por um objetivo comum de encontrar uma paz justa e duradoura na Ucrânia". Disse também acreditar que Putin não iria parar a sua ofensiva militar, mesmo que as suas exigências de cessar-fogo fossem cumpridas.

 

 
14082539.normal.jpgAs expectativas eram baixas para a chamada “Cimeira de Alto Nível sobre a Paz na Ucrânia”, que se realizou neste fim-de-semana na Suíça, no hotel Bürgenstock, na vila de Obbürgen. Obviamente o foco não podia ser discutir um acordo para o fim da guerra, o que nunca poderia ser possível sem a presença de uma delegação russa, que não foi convidada. Também a ausência de aliados poderosos de Moscovo, como a China, atenuou o seu potencial impacto. Portugal fez-se representar pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e pelo Minstro dos Negócios Estrangeiros, Paulo Rangel. 


35127687_0_165_3055_1883_1920x0_80_0_0_9b8d1bc8db2No primeiro dia desta Cimeira sobre a Paz ficamos a saber que Gustavo Petro, presidente da Colômbia cancelou a visita à Suíça alegando que o evento promove a guerra e defendeu que "o diálogo entre a Rússia e a Ucrânia é fundamental (...) A América Latina não quer mais guerra. O que ela quer é a construção da paz o mais rápido possível".

 
Castro Ferreira Padrão
Para mim é tempo e muito dinheiro desperdiçado... continua a não existir bom senso para a solução desejada, as armas calarem-se. Bom fim de semana
Hugo Da Nóbrega Dias
É triste a figurinha a que os nossos políticos se prestam.
Adao Fernando Batista Bastos
Sem a presença da Rússia o wue edperam conseguir? Tretas e desperdício de dinheiro!

  
arabia-saoudite-2.jpgO ministro dos Negócios Estrangeiros da Arábia Saudita, Faisal bin Farhan Al Saud, argumentou que quaisquer conversações de paz credíveis sobre a guerra na Ucrânia vão ter de contar com a participação da Rússia e que tal implicará um "compromisso difícil (...) A Arábia Saudita está empenhada em ajudar a pôr termo ao conflito", sublinhou o ministro, durante o primeiro dia da Cimeira da Paz realizada na Suíça com o objetivo de ajudar a Ucrânia. "Acreditamos que é importante que a comunidade internacional encoraje qualquer passo no sentido de negociações sérias que exijam um compromisso difícil como parte de um caminho que conduza à paz", acrescentou.

  
teyxvearcnfi.webpEm declarações à imprensa no final da primeira sessão de trabalhos da cimeira o presidente português destacou neste sábado a forte e diversificada adesão de países e organizações à Cimeira para a Paz na Ucrânia, considerando que tal dá "um aspeto global muito importante" a este "primeiro passo" para o fim da guerra.

  
Adao Fernando Batista BastosPois...
Jose RiobomE por não saber ler nem escrever... aos quesitos disse nada....e apôs a sua impressão digital. Uma inutilidade .....

  Às primeiras horas do último dia da Cimeira para a Paz na Ucrânia é assim que estamos.
Captura de ecrã 2024-06-16 101709.png 
  
Luis Barata E a culpa é de quem?!...
David RibeiroA culpa é de todos, Luis Barata e principlmente dos que se "esqueceram" de convidar Putin para esta cimeira na Suíça, como se uma negociação para a paz fosse possível sem os dois beligerantes à mesa das negociações.
Jose Luis Soares MoreiraDavid Ribeiro, mas! Putin não tem ordem de prisão do tribunal internacional dos direitos do Homem?
David RibeiroJose Luis Soares Moreira, entre os 123 países atualmente signatários do Tribunal Penal Internacional a Suíça é um dos que coloca muitas reservas sobre o mandado de captura de Putin.
Amândio Gonçalves CordeiroE A NÃO BELIGERÂNCIA DE KIEV EM RELAÇÃO AOS POVOS DE LEST? E a não ameaça de utilização do território ucraniano contra a Rússia?
Castro Ferreira PadrãoUm bom domingo. Abraço
Isabel Sousa BragaPalhaçada a preocupação nunca foi a paz mas sim o dinheiro 
Jose PauperioHahaha... E o larilas …?

 

  Declaração final da Cimeira para a Paz na Ucrânia reafirma "integridade territorial da Ucrânia"... mas não assinaram o comunicado doze países entre os quais a Arábia Saudita, Índia, África do Sul, Tailândia, Indonésia, México e Emirados Árabes Unidos. Ou seja, espremidinho poucas gotas para a PAZ foi conseguido.
mw-720 (1).png 
  
Luis BarataQue lindo...
David Ribeiro
É mesmo, não é Luis Barata?... mas estou mesmo a ver que o que gostaria de ter ouvido nestas declarações finais da Cimeira para a Paz na Ucrânia seria a notícia de botas militares europeias em solo ucraniano... era, não era
Luis BarataDavid Ribeiro não era não, claro que não. Era mais um Putin diplomático negociador, sem pompa, conciliador, e uma Ucrânia da nesta forma, com cedências de parte a parte, naturalmente com intermediários internacionais, saídos da cimeira. Mas já vi que o David pende para um lado... apesar de se dizer pela Paz. Podre.
David RibeiroMas, Luis Barata, como poderíamos ter um "Putin diplomático negociador" se nem tiveram a hombridade de o convidar.
Carlos Manuel Costa AlmeidaLuis Barata Um Putin conciliador??? De longe? Sem ser ouvido? 🤪🤪🤪 Muita paciência tem ele tido para tanta patetice pro-ucraniana ( que é como quem diz, pro-nazi).
Luis BarataCarlos Manuel Costa Almeida que vergonha de resposta
Carlos Manuel Costa AlmeidaLuis Barata Vergonha é defender nazis...
Luis BarataDavid Ribeiro mas a hombridade é para aqui chamada porquê!? David... heil putin!
David RibeiroLuis Barata, quando não há argumentos lá vem a clássica acusação de "putinista".
Amândio Gonçalves CordeiroA MAIORIA DOS BRICS FICARAM FORA.
David RibeiroÓ Amândio Gonçalves Cordeiro... não é necessário berrar, não somos surdos.
Amândio Gonçalves Cordeiro
David Ribeiro... É um título.
Tiago Mergulhão GomesMuito pouco mesmo. Enquanto houver soldados russos a ocupar território soberano da Ucrânia, não haverá paz. Enquanto continuarem os ataques indiscriminados sobre civis na Ucrânia, não haverá paz. O resto são tretas para debater nas redes sociais.
Carlos Manuel Costa AlmeidaTiago Mergulhão Gomes Qual Ucrânia?! Crimeia e Donbass são Rússia. Os ataques a Donetsk e à Crimeia são ataques à Rússia, não à Ucrânia.
Tiago Mergulhão GomesCarlos Manuel Costa Almeida os seus compêndios de Geografia foram impressos no Kremlin, certo?
Carlos Manuel Costa AlmeidaTiago Mergulhão Gomes São de 2022. Após a guerra que começou em 2014, com a perseguição dos russos na Crimeia e no Donbass pelos nazis de Kiev. As regiões de língua russa passaram a fazer parte da Federação Russa. Porquê, o seu compêndio não tem essa parte?…
Tiago Mergulhão GomesCarlos Manuel Costa Almeida não, não tem. Esses territórios nunca foram reconhecidos internacionalmente como pertencentes à Rússia. Perseguição aos Russos? Tretas! Os homenzinhos verdes foram enviados para provocar sarilhos e tentarem justificar o que o Putin estava a planear há muito tempo. Você claramente não tem intenção em debater com elevação intelectual, portanto fique na sua e não se esqueça de tomar as gotas, porque está a dizer disparates à frente de pessoas que não conhece.
Castro Ferreira PadrãoAssim será para dar continuidade ao que se vai passando e, com mais gravidade. Está muito MAL
Carlos Manuel Costa AlmeidaApenas mostraram mais as divergências.
Chico GouveiaEsta cimeira teve como objetivo isolar (ainda mais) a Rússia. E serviu de aviso, não só para a Rússia como para outros países indecisos que, ou começam a pensar de que lado se querem posicionar, e que pensem bem, ou então vão ficar a ver navios. Porque foi de economia, transações, etc, que se tratou. Não foi de paz
David RibeiroAi não era de PAZ que se ia falar, Chico Gouveia?
wgyikaabamjo.png 
Chico GouveiaDavid Ribeiro não. Foi um aviso para a Rússia que não estava à espera do apoio que a reunião teve, e para os que duvidam que, colocarem-se ao lado da Rússia não é boa ideia. A paz está na mão do ausente. Ou sai da Ucrânia a bem, ou sai a mal.




Sexta-feira, 14 de Junho de 2024
Uma bomba atómica económica

448273702_10225367702167400_6122690653335545139_n. 
Está cá a parecer-me que vamos pagar caro esta brincadeira. 
  
Jose Antonio M MacedoMas os juros são dos ativos russos e não dos ativos dos paises do G7.
Maria Vilar de AlmeidaJá somos dois...
David Ribeiro - 
Esta decisão do G7 - EUA, Japão, França, Itália, Alemanha, Grã-Bretanha e Canadá - já é apelidada de "uma bomba atómica económica". Todos os bancos mostraram-se particularmente receosos de uma extensão do confisco de bens a indivíduos e empresas sancionadas. Estão a abrir um precedente que se pode virar contra o ocidente. Não se pode tomar esta decisão contra a Rússia e não esperar que não sejam tomadas este tipo de medidas contra o ocidente.
Mário PaivaDavid Ribeiro além disso já há notícias de vários países que estarão a levantar os seus activos em Euros e Dólares, além das suas reservas em ouro que têm/tinham nos países do G7... Ninguém quer ficar sob a Espada de Dâmocles de ser sancionado por discordâncias políticas..
Jose Antonio M Macedo
David Ribeiro A nova ordem mundial já está aí também com os novos modelos e decisões económicas e financeiras. Tudo irá mudar.
David Ribeiro
Parece que sim, Jose Antonio M Macedo, mas ainda vamos ter que esperar pelo futuro próximo dos líderes destes sete países mais industrializados do mundo, que, como todos sabemos, terão a curto prazo as suas "lideranças" colocadas à votação dos seus povos.
Jose Antonio M MacedoDavid Ribeiro Os povos de um modo geral são contra a Rússia. Pelo menos as sondagens assim o indicam. Serão certamente favoráveis porque vêm um financiamento que não sairá dos seus bolsos enquanto contribuintes.
G
loria GonçalvesParece que o medo impera na cabeça de que não vê o mal do Sr Putin. É preciso lucidez. Ainda bem que o G7 está a impor-se.
Jose Antonio M Macedo
Gloria Gonçalves Mais vale a Rússia e os russos pagarem pelo que fazem e continuam a fazer do que os contribuinte de cada um dos países na minha modesta opinião.
Jose Antonio M MacedoNa minha opinião é uma medida acertada uma vez que os contribuintes do Ocidente terão de pagar muito menos pela reconstrução. Uma questão de euros ou dólares, como quisermos, mas é nitidamente uma questão de dinheiro.
David RibeiroNão, Jose Antonio M Macedo, não é uma medida acertada, até porque na Rússia existem propriedades e bens europeus suficientes, e a inevitável retaliação russa será extremamente dolorosa para todos nós. A União Europeia irá muito provavelmente ser confrontada com uma fuga de capitais, uma vez que os fundos dos investidores da maior parte do mundo serão retirados dos países europeus.
Gloria Gonçalves
Jose Antonio M Macedo mais claro não poderia ser e mais justo.
Jorge VeigaDavid Ribeiro se esses fundos estão cativados, como é que podem ser retirados? Novos fundos que não virão? Já não podem vir...
David RibeiroJorge Veiga, o que pretendem utilizar são os juros dos fundos cativados.
Jorge Veiga
David Ribeiro por enquanto...
Jose Pinto PaisAgora é que vai ser. Todos os milionarios da UE dos USA e das restantes potencias democraticas ocidentais vao perder todas as fortunas que colocaram na russia. Isto para nao falar nos Kremelinssss que andaram a comprar la para os arrabaldes de Moscovo. Ainda o menos sao os investimentos em clubes de futebol. O pior vai ser com as multinacionais que ja se piraram da Russia, quer voluntariamente quer compulsivamente por ordem dos seus paises. Ja estou a ver o ocidente a falir a custa desta medida.
Castro Ferreira Padrão
Um péssimo princípio, a credibilidade do Universo Financeiro está posta em causa, todos vamos ser prejudicados... Senhor perdoai-lhes, que não sabem o que fazem.
David Ribeiro
Castro Ferreira Padrão, alguém dizia hoje que a reunião desta semana dos líderes do G7 em Itália pareceu mais uma última ceia do que uma demonstração do poder ocidental. É que realmente o fim destes líderes deve estar perto.



Publicado por Tovi às 07:07
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 12 de Junho de 2024
Se não fosse trágica esta guerra era um opereta

2024-05-28T105912Z_1392508761_RC2MZ7AUVSCV_RTRMADP
(Na imagem o presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, o primeiro-ministro da Bélgica, Alexander De Croo, e a ministra da Defesa da Bélgica, Ludivine Dedonder, perto de um F-16 na base aérea de Melsbroek, perto de Bruxelas, em 28 de maio de 2024)

Primeiro foram os "invenciveis" tanques Leopard de que já há muito não se ouve falar... agora são os 60 aviões de combate F-16 "oferecidos" aos senhores de Kiev pela Bélgica, Dinamarca, Países Baixos e Noruega, mas que poderão levar vários anos até que todos sejam entregues. A primeira aeronave deverá ser entregue até ao fim deste ano, se até lá os pilotos ucranianos terminarem os treinos que estão a receber pelos aliados ocidentais. E a última "novidade", segundo afirmou Serhii Holubtsov, oficial no comando da força aérea das forças armadas ucranianas, “há um número [de F-16] que irá para a Ucrânia e há um certo número de aeronaves que serão armazenadas em bases aéreas seguras, fora da Ucrânia, para que não sejam alvo aqui”. Se não fosse trágica esta guerra era um opereta.

  
Jorge Veiga
Ouvir o Sr Putin dizer que foi o Ocidente a começar a guerra, nem Opereta é. Parece um filme do Mr Bean.
Adriano MarquesOpereta é ter um Ditador comunista a ameaçar o mundo
David RibeiroAdriano Marques, o comunismo há muito acabou na Rússia. Que Putin é um ditador, lá isso é verdade.
Adriano MarquesDavid Ribeiro o Kremlin é do CHEGA 😂😂😂
Isabel Sousa BragaAdriano Marques quem é comunista?
Adriano MarquesIsabel Sousa Braga eu não sou de certeza...
Luis BarataPortanto, acha mesmo que é uma opereta!?... Só isso. Por a ridículo planos de defesa de um país, uma nação invadida, mais uma série de países limítrofes e a própria Europa, o Mundo, e assim fácil para si... Já a estratégia da Rússia, ameaçadora, sempre na origem de todos os conflitos mundiais, é uma bela ópera, uma ode majestosa e triunfal!? Que tipo de comentário lhe sobra?
David RibeiroO Luis Barata ainda acredita na vitória dos senhores no poder em Kiev?... O que gostaríamos que acontecesse é uma coisa, mas infelizmente muito diferente da realidade no terreno.inação num processo de Paz sequente à guerra, em condições de justiça e equidade. "Never surrender", diz-lhe alguma coisa? David Ribeiro isso dos "senhores do poder em Kiev" significa o quê?
David RibeiroLuis Barata... Eu não vivo estados de alma nesta guerra, nem noutras guerras quaisquer. Analiso a situação no terreno com base no que me é dado conhecer e assim construo o meu parecer, tendo sempre como objectivo a PAZ. Quanto aos senhores no poder em Kiev são Zelensky e todos os corruptos que o rodeiam.
Luis BarataDavid Ribeiro a culpa é do sr. Zelenski!? Um Lord of the War, ele!? Temos aqui um prisma um bocado marado...
Mário PaivaLuis Barata, no meio da confusão gostei do "sempre na orígem de todos os conflitos mundiais"... se calhar é porque não deixam que lhes comam as papás na cabeça...
Luis BarataMário Paiva ok... recordo-lhe a guerra que instigaram, promoveram e alimentaram nas nossas províncias ultramarinas... Os Portugueses queriam comer as papas na cabeça dos russos!?... É triste existirem pessoas como você, a pensar dessa maneira.
Mário Paiva
Luis Barata, e, já agora, o 25 de Abril... que chatice...
Luis Barata
Mário Paiva pode crer. Perfeitamente escusado. Á conta disso morreram mais uns milhões de pessoas...
Mário PaivaQuase garantia que o Luis Barata não chegou a tempo de ir defender "as províncias ultramarinas"...
Luis BarataMário Paiva pois não. Ainda era liceal. Mas lá estiveram muitos da minha família e muitos amigos, vieram sem nadinha e outros ás postas... Mas cá estamos todos contra os traidores à Pátria e contra quem apoia os russos.
Mário PaivaLuis Barata, eu também estive lá e não gostei, também não me lembro de ter por lá encontrado os meninos dos DDT, os únicos beneficiarios do nacionalismo que nos venderam... aliás estes continuam por lá, como sempre a sacar o que podem, nenhum veio às postas... Luis Barata, mas, olhe, boas notícias para a sua causa... Ukraine's Controversial Azov Brigade Boasts It's "More Dangerous" As US Lifts Weapons, Training Ban
Luis BarataMário Paiva Os seus namorados russos são meiguinhos, portanto... Estes da azov dão-lhes um bocado de trabalho, pelos vistos!
Mário PaivaUI! Que fino.... O problema dos fundamentalistas é verem tudo maniqueistamente a preto e branco e acharem que quem não lhes apara as causas e desejos tem de estar obrigatóriamente do outro lado do muro... valha-vos a CS monoteísta e controladinha para vos manter felizes...

 

  Corrupção!... um obstáculo sistémico na Ucrânia
Captura de ecrã 2024-06-11 103430.png

 

  Cimeira da Paz na Suíça
1875163.jpegCerca de 90 países e organizações vão participar na Cimeira da Paz na Suíça no fim-de-semana de 15 e 16 de junho, onde Zelensky tentará "impor o seu conceito de paz justa". Com a ausência da Rússia, por não ter sido convidada, está cá a parecer-me que, bem espremidinha, pouco sumo se conseguirá desta tentativa de resolução do conflito.

  
Jorge De Freitas Monteiro
É como fazer cozido à portuguesa sem carne.
David Ribeiro - Também a China não parece que vá participar nesta cimeira, pelo que não pode ser, no entender do Governo chinês, um esforço sério no sentido de encontrar consensos. “A China sempre insistiu que uma conferência internacional de paz deveria ser apoiada tanto pela Rússia como pela Ucrânia, com a participação igualitária de todas as partes, e que todas as propostas de paz deveriam ser discutidas de forma justa e igualitária. Caso contrário, será difícil para a China desempenhar um papel importante no restabelecimento da paz”, disse um representante do Ministério dos Negócios Estrangeiros chinês. A Índia também não irá enviar representantes de alto nível e a Arábia Saudita já disse que não participará, apresentando como justificação a mesma razão que a China.
Luis Barata
David Ribeiro todos a cuidar dos seus interesses. Esta é a verdadeira hipocrisia. E, portanto, 90 estarão errados!?...
David RibeiroUns estarão errados, Luis Barata, e outros a prestar vassalagem aos seus "senhores". Curiosamente quem tem peso político na geoestratégia mundial não deverá estar presente e até Joe Biden não vai comparecer, segundo as últimas notícias.



Publicado por Tovi às 07:23
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 5 de Junho de 2024
Rússia a quarta potência mais rica

banco mundial.jpg 
Então não andavam para aí a dizer que as famosas sanções tinham colocado a Federação Russa na miséria?!... Pois é, mas o Banco Mundial dá a 4ª posição à Rússia entre as potências mais ricas.

  
Mario Pinheiro
Pois
Carlos Miguel SousaO problema da Rússia é a falta de patentes de produtos com elevado VA, no mercado internacional, daí que a esmagadora maioria das exportações russas sejam recursos naturais. As comparações acima baseiam-se na Paridade do Poder de Compra. Os números sem PPP, são diferentes. Seja como for as sanções ocidentais não lograram o impacto pretendido, nas economia russa, «apenas» nos oligarcas russos.
Luis Barata
Mas acha mesmo que as sanções foram ineficientes?! Eu acho que foram minimas! Para mim era bloqueio total, cerco, nao entra nem sai!! Mas esta gente é tudo cheio de pruridos e festinhas...




Sábado, 1 de Junho de 2024
França envia instrutores militares para a Ucrânia

Captura de ecrã 2024-05-31 085533.png 
Ao ler esta notícia - iniciativa de França de enviar instrutores para a Ucrânia para treinar os militares ucranianos - lembrei-me que no começo da década de 1950, conselheiros militares americanos foram enviados para a então Indochina Francesa, iniciando-se assim o envolvimento dos Estados Unidos num conflito - Guerra do Vietname -, que só terminaria com a queda de Saigon em 30 de abril de 1975, da forma e com as consequências que todos sabemos: cerca de 5 milhões de mortos.

 

  Al Jazeera 26mar2024
AFP__20240216__34JK9WR__v1__HighRes__FranceUkraineLogo após a invasão em grande escala da Ucrânia pela Rússia, em Fevereiro de 2022, o presidente francês Emmanuel Macron procurou ajudar a resolver o conflito diplomaticamente. Durante o primeiro verão da guerra, Macron disse que era importante que Moscovo não fosse humilhada e que fosse estabelecida uma ordem de segurança europeia que incluísse a Rússia. Mas desde o ano passado, Macron tem vindo a mudar drasticamente para o que tem sido descrito como uma política externa agressiva. Numa conferência em Paris no mês passado, o presidente francês disse que o envio de tropas ocidentais para combater a Rússia no terreno na Ucrânia não deveria ser descartado, uma sugestão que irritou o presidente russo, Vladimir Putin, e foi rejeitada pelos principais apoiantes da Ucrânia. (...) Embora a ideia de Macron de enviar forças militares ocidentais para a Ucrânia tenha sido largamente rejeitada pela maioria dos aliados da França na NATO, os países bálticos – Estónia, Letónia e Lituânia – regozijaram-se, bem como alguns outros mais próximos geograficamente da Rússia.

  Ministra Kajsa Ollongren na rede social "X" - 30mai2024
Captura de ecrã 2024-05-31 104431.png"Durante os primeiros meses de 2024, as Forças Armadas dos Países Baixos treinaram 300 fuzileiros navais ucranianos", escreveu a ministra Kajsa Ollongren na rede social "X". Ollongren também informou que visitou recentemente os cursos de treino em operações anfíbias e em áreas urbanas. De acordo com o ministro das Relações Exteriores russo, Sergei Lavrov, os EUA e a NATO estão diretamente envolvidos no conflito na Ucrânia, não apenas fornecendo armas, mas também treinando pessoal em território do Reino Unido, Alemanha, Itália e outros países.

  A Rússia já subiu o seu tom de ameaça
1024.jpgO envio de instrutores militares ocidentais para a Ucrânia e o uso de armas ocidentais em território russo, vão seguramente mudar a guerra. A Rússia está a fazer subir o seu tom de ameaça e se essa ameaça se transformar em atos, o Ocidente tem de se preparar para algo verdadeiramente desproporcional e poderemos chegar a uma escalada nuclear.
  
Antero FilgueirasDeve rever os seus conhecimentos de História, pois um acontecimento nada tem a ver com o outro. Caso ainda não tenha percebido a Ucrânia, a Europa e a NATO nunca quiseram esta guerra; esta guerra é invenção do louco do sec. XXI que, porque teme a Democracia e tudo o que cheire a Estado de Direito, criou esta guerra. O culpado disto tudo foi o Truman: o Japão só precisava de uma bomba atómica para perceber que tinha que acabar com a guerra e tomar juízo. Tivemos uma Guerra Fria........sem a qual gente como Putin não consegue viver.
David RibeiroDiga lá, Antero Filgueiras, que parte do que aqui disse necessita que eu reveja os meus conhecimentos de História.
Carlos AlmeidaAntero Filgueiras Os seus “conhecimentos” de História são piores que zero: são totalmente atabalhoados!!! E criminosos, quando defende o uso de bombas atómicas contra civis japoneses, “para ganharem juízo”!!! E não percebe que a comparação aqui feita é absolutamente legítima, com a ingerência de “instrutores militares” em guerras doutros países, seja entre o Vietname do Norte e do Sul, seja entre a Rússia e a Ucrânia. A do Vietname levou a cinco milhões de mortos (a grande maioria civis, sob as bombas de napalm americanas!) e a uma das maiores derrotas americanas!! Política e militar! E a da Ucrânia estamos para ver… Mas tem graça que a ingerência da França no Vietname também a levou a sofrer uma derrota humilhante por aquelas bandas! Mas não aprendem… Esquecendo igualmente a derrota catastrófica quando resolveram invadir a Rússia! Só comparável à derrota monumental dos alemães nazis quando invadiram a mesma Rússia!! Mas depois “os russos” é que são maus!… O pavor do comunismo ficou por cá entranhado nos seguidores encapotados do Estado Novo…. que viam com esperança o nazismo ucraniano florescer… até que aparecem de novo “os russos” a desnazificá-los!!! Que desespero! Nem percebem que os russos há muito deixaram de ser comunistas, e de matar velhos e comer criancinhas (no ocidente é que fazem ambas essas coisas… com a eutanásia e a pedofilia 😩)!

  Entretanto... o fim da guerra continua longe do horizonte 
N240211ce-small.jpg
As forças russas lançaram uma série de mísseis e drones em toda a Ucrânia que danificaram infraestruturas energéticas em cinco regiões, segundo autoridades ucranianas. A operadora nacional de rede da Ucrânia, Ukrenergo, disse hoje [sábado 1jun2024] que os ataques atingiram instalações nas regiões leste de Donetsk, sudeste de Zaporizhia e Dnipropetrovsk, bem como nas regiões de Kirovohrad e Ivano-Frankivsk no centro e oeste do país, respectivamente. A DTEK, a maior empresa privada de geração de energia da Ucrânia, disse que as suas duas centrais térmicas foram atingidas e os equipamentos “seriamente danificados”. A defesa aérea ucraniana derrubou 35 dos 53 mísseis russos e 46 dos 47 drones russos, disse o comandante da Força Aérea. Não houve comentários imediatos por parte da Rússia.
  
Adao Fernando Batista Bastos
Putin criminoso impune.
Castro Ferreira PadrãoJá vi que és uma muito atenta ao caso da Ucrânia, pois esta semana, julgo que foi na quinta feira, assisti à intervenção do sr. Major general Carlos Branco, como sempre esteve bem, mas onde quero chegar. é para ouvires o disse, a proposito de uma afirmação de uma destacada política Ucrânia... o número dos que tombaram na frente da batalha. Fiquei incomodado. CNN, jornal da meia noite com Cláudio Carvalho.
David RibeiroCastro Ferreira Padrão... o Major General Carlos Branco, quer pelas várias missões ao serviço das Nações Unidas (Balcãs, Líbia, Síria, Israel e Iraque), quer nos vários trabalhos publicados sobre geoestratégia, merece toda a minha consideração. E como comentador da guerra da Ucrania não tem nada a ver com "Rogeiro, Milhazes & C.ª Lda".




Terça-feira, 28 de Maio de 2024
Volodymyr Zelensky em Portugal

AFP__20240527__34U48ZJ__v2__HighRes__SpainUkraineR

No dia de ontem [2.ª feira 27mai2024] o chefe Estado ucraniano foi recebido no Palácio da Moncloa por Pedro Sánchez para assinar um acordo bilateral de segurança entre a Espanha e a Ucrânia. Segundo Sanchez o acordo inclui um compromisso de mil milhões de euros em ajuda militar para 2024. Desde janeiro, a Ucrânia já assinou nove acordos de cooperação em matéria de segurança: Reino Unido (2500 milhões de libras), Alemanha (7000 milhões de euros), França (3000 milhões de euros), Dinamarca, Canadá, Itália, Países Baixos, Finlândia, Letónia e, agora, Espanha.

 

  Visita de Zelensky a Portugal
Captura de ecrã 2024-05-28 113301.pngNa manhã de hoje [3.ª feira 28mai2024] o Presidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, asssinou um acordo bilateral de segurança com o primeiro-ministro da Bélgica, em Bruxelas, antes de viajar para Lisboa para firmar também um acordo com Portugal. A Bélgica tem 977 milhões de euros em ajuda militar prometidos para este ano e também 30 caças F-16, mas nem todos seguem este ano, estando a entrega programada até 2028, com o primeiro a ser entregue ainda em 2024. Afinal, ao contrário do que diziam os comentadores "Rogeiro, Milhazes & C.ª Lda", os F-16 belgas ainda estão por entregar à Ucrânia.
Captura de ecrã 2024-05-28 145512.png"Este senhor simpático, vestido de verde, com um ar fofinho", que "está a querer levar-nos para uma guerra nuclear", aterrou em Figo Maduro para uma visita relâmpago a Portugal com encontros tanto com Marcelo Rebelo de Sousa como com Luís Montenegro. 
  
Jose Pinto PaisMas é este senhor fofinho vestido de verde que foi invadido por um grande fdp, que é um senhor bem vestidinho que tem um madato de captura internacional que nos está a levar para uma guerra mundial. Meu caro explique-me pf o que fez este senhor vestidinho de verde para provocar uma guerra ? Invadiu o pais do senhor bem vestidinho? Toda a UE apoia este senhor vestidinho de verde com excepcao de dois senhores com os quais presumo que o David nao se identifica. Entao toda a UE os USA e outros paises democraticos sao todos uma cambada de burros ? É isso?
David RibeiroO que está em causa, Jose Pinto Pais, é que "este senhor simpático, vestido de verde, com um ar fofinho" não consegue perceber que "um grande fdp", como o meu amigo chamou a Putin, nunca voltará atrás na invasão que fez ao leste da Ucrânia, quer queiramos ou não. E eu realmente não me identifico com esta forma imperial do senhor todo poderoso do Kremlin, mas também não me esqueço tudo que aconteceu em 2013-2014 quando os que derrubaram o ex-chefe de Estado ucraniano democraticamente eleito, num sangrento golpe e perante o qual todos assobiamos para o lado.
Jose Pinto PaisDavid Ribeiro a serio ? Acredita mesmo nisso ? Acha que foi democraticamente eleito ? Ou foi a moda de Putin. E na Primavera Ucraniana tambem nao acredita ? Mas a frente. Por aquilo que diz o gfp pode invadir a vontade o que lhe apetecer, que a seguir os paises invadidos teem de bater a bola baixa porque o grande fdp nao vai voltar atras. Por isso todos os paises que ele considera como integrantes da grande patria russa e que ate considere constitucionalmente, aqui ja nao sei se e fdp se completamente chanfrado vao ter que levar com essa teoria. Por mais que tente nao consigo entender essa sua obecessao pela Ucrania. David Ribeiro e assobiar para o lado quando da invasao da Crimeia ? Nao fala nisso ?
David RibeiroJose Pinto Pais... A anexação da Crimeia foi no mesmo período do diferendo de 2013-14 entre a Rússia e a Ucrânia sobre os territórios ucranianos de maioria russa. E já agora: O Jose Pinto Pais acredita que alguma vez os senhores de Kiev derrotarão as tropas de Putin?... Há que fazer uma paz que consiga salvar a vida ao pobre povo ucraniano.
Jose Pinto PaisDavid Ribeiro e a seguir salvar o povo Moldavo , Georgiano etc. Nao se questiona porque paises que mesmo nos tempos mais criticos da Guerra fria se mantiveram neutrais, agora e rapidamente aderem a Nato ? Passou-lhes assim uma coisinha ma pela cabeca e pediram a adesao assim tipo aderir ao festival da Eurovisao 😀
David RibeiroJose Pinto Pais, pagar para fazerem a guerra por nós nunca deu bom resultado. Lembra-se dos EUA ajudarem o Vietname do Sul a fazer a guerra ao Vietname do Norte e no que é que isso deu.
Jose Pinto PaisDavid Ribeiro ok por si a solucão é deixar o fgp do bem vestidinho fazer o que quiser. Ok mas de CHAMBERLAINS em vez de ajudas ainda bem que os principais paises da Europa se lembram dessa politica de baixar as calcas. Todos temos visto (pelos vistos nem todos) crimes contra a humanidade, assassinios a sangue frio, matar prisioneiros, atacar estruturas civis, quer sejam teatros, hospitais, bairros residenciais, barragens, etc etc e tudo isso deve ser obra do Senhor vestido de verde
David RibeiroO Jose Pinto Pais continua a não entender ou o defeito é meu que não lhe consigo explicar que o que está em questão é a situação atual no terreno que só pode piorar para o futuro do povo ucraniano. Os senhores de Kiev não querem saber da desgraça que se avizinha e tudo leva a crer que continuam a recusar a mesa de negociações, a única via para um paz há muito desejada.
Jose Pinto PaisDavid Ribeiro nao é defeito meu caro , até o tenho por uma pessoa muito ponderada mas neste aspecto da Ucrania desculpe que lhe diga mas a sua parcialidade é por de mais flagrante em prol do Putin. Qualquer assunto serve para criticar a Ucrania, ate os F16 belgas ... como se ja tivessem vindo a terreiro dizer k ja la estavam ... alias as declaracoes do 1 ministro Belga sobre esse assunto ontem foram esclarecedoras. Mas pessoalmente gostava de ver esse seu fervor a falar sobre os crimes que o Sr Putin e o seu rico pais fazem todos os dias. Mas o seu silencio sobre essas materias é esclarecedor
David RibeiroIsso do meu "silêncio" sobre os crimes de Putin, meu caro Jose Pinto Pais, não é de todo verdade. Quantas e quantas vezes me tenho por aqui referido à "democracia" do Kremlin mais a sua forma imperialista de governar a Federação Russa. Agora o que eu não esqueço é quem atualmente governa a Ucrânia.
Jose Pinto PaisDavid Ribeiro meu caro pode nao se esquecer quem governa a Ucrania e ainda bem pois todos os governos democraticos tambem nao se esquecem e apoiam e recebem o vestidinho de verde de bracos abertos. Ja nao se pode dizer o mesmo do Senhor bem vestidinho
Jose Antonio M MacedoDavid Ribeiro Provavelmente, quanto mais cedo a Rússia se fragmentar melhor para a Europa. A China tratará do resto.
Luis BarataDavid Ribeiro explique lá esse golpe de estado malfadado e as suas circunstancias e contra quem foi e qual foi a reação dos... nativos. Já agora. David Ribeiro deu raia... Porque!?...
David RibeiroÓ Luis Barata, para o seu peditório já dei. Putin não é flor que se cheire, mas por aqueles lados já não são comunistas e há muito deixaram de comer criancinhas e dar injeções atrás das orelhas aos velhinhos.
Luis Barata
David Ribeiro o vietnam aconteceu por causa dos russos, a nossa guerra pela defesa das nossas províncias ultramarinas aconteceu por causa dos russos, as guerras de África, América do Sul e Central, todas as guerras na Ásia aconteceram por causa , exclusiva, dos russos! O senhor está agora a por em causa quem se defende e os seus aliados a estas múltiplas e infames agressões!?...É que parece!

Captura de ecrã 2024-05-28 181209.pngDepois de uma reunião com Montenegro no Palácio de São Bento, onde esteve em cima da mesa um acordo de segurança e cooperação militar, Volodymyr Zelensky seguiu para o Palácio de Belém onde foi recebido pelo Presidente da República de Portugal, com honras de Estado. Um jantar de trabalho encerrou a primeira visita a Portugal de Zelensky desde o início da invasão russa na Ucrânia.

  Ainda sobre a visita do Presidente da Ucrânia a Lisboa
951669fb441372c1e62c7a3beb98bca3_N.png
Como eu gostaria de ter ouvido Zelensky dizer o que pensa sobre a putativa inclusão da Rússia na Conferância da Paz na Suiça e sobre o que seria preciso para aceitar sentar-se à mesa a discutir com o seu inimigo. Mas estas perguntas ficaram sem resposta.
  
Isabel Sousa Braga
Não interessam 😏
 Gloria GonçalvesDar o que é da Ucrânia nem pensar. Um exemplo de ser humano que luta pelo seu país.
David Ribeiro
Então vai ser até ao último ucraniano. É isso, Gloria Gonçalves?
Gloria GonçalvesDavid Ribeiro se lhe tirasse o que é seu, fugia?
Adriano MarquesDavid Ribeiro se eu ocupar a sua casa e o seu terreno, aceita negociar comigo com a premissa de que eu nunca lhe vou devolver o terreno??
David RibeiroAdriano Marques e Gloria Gonçalves, se a polícia não me socorrer e a Justiça não me der razão, lá terei que negociar, antes que fique sem nada. Mas mais importante que tudo e por mais que todos nós desejassem um futuro diferente do que a situação que se vive no terreno, a verdade é que a Ucrânia não tem capacidade militar para se opor aos exércitos de Putin. E quanto mais tarde se sentarem à mesa de negociações pior será para o pobre povo ucraniano.
Adriano MarquesDavid Ribeiro antes morrer do que ser roubado e subjugado. Na minha casa mando eu, se alguém me fizer mal a mim ou à minha família, ou a polícia resolve ou então eu trato do assunto, dar as minhas coisas de mão beijada, Nunca...
David RibeiroEntão a solução é até ao último ucraniano, é isso Adriano Marques?
Adriano MarquesDavid Ribeiro antes partir que vergar ... Mas não coloque o ónus da questão do lado Ucraniano, mas sim no lado Russo. Putin só se senta à mesa das negociações se os terrenos ocupados forem considerados Russos, isso já foi dito mais que uma vez. Por isso quem tem que dar alguma resposta sobre intransigências é o Putin
David RibeiroNada foi ainda negociado, Adriano Marques. E as negociações terão sempre como base a situação no terreno, que como é previsível, só tenderá para piorar para o lado ucraniano. 
Luis BarataAs negociações, para serem iniciadas, precisam de sinais francos, verdadeiros e dignos por parte dos intervenientes. Ora nesta guerra, como em quase todas, não existe qualquer tipo de intenção de negociar, foram impostas condições não negociáveis. A agressão continua. E envolve-nos a todos. Cede um e os outros vão a seguir. Limpinho!
Carlos Miguel SousaÉ cedo para incluir a Rússia, e nem o Kremlin aceitaria.
David Ribeiro
Segundo a comunicação social ocidental, citando a estação pública russa RT, o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, descreveu como "absurda e fútil a realização de uma cimeira de paz sobre a Ucrânia sem a participação das autoridades russas", que não foram convidadas para a conferência de junho, na Suíça. Todos sabemos como a Federção Russa lida com estas coisas, mas a verdade é que para "fazer a paz" os dois beligerantes têm que estar à mesa das negociações.

  Roubado por aí
445170723_10232476361919882_101703278275707987_n (

 

 

  28 de Maio de 1926
1024px-Desfile_de_tropas_28_de_Maio_1926.jpgFaz hoje noventa e oito anos que, devido aos graves erros cometidos pelos políticos da Primeira República Portuguesa, caímos numa ditadura de 41 longos anos ininterruptos, desde a aprovação da Constituição Portuguesa de 1933 até ao seu derrube pela Revolução de 25 de Abril de 1974.
  
Frederico Nunes da Silva
41 anos de uma Revolução protagonizada por jovens tenentes (muitos antigos cadetes de Sidónio Pais) e secundada pelo povo do país real contra a "democracia" burguesa e anti-católica de Lisboa, que nos arrastou para o desastre da Grande Guerra na Flandres - tal como hoje ousam pensar em relação à Ucrânia. Independente de se gostar ou não do que veio a seguir, o grosso da Nação esteve com a Revolução Nacional.
Mario Pinheiro
As condições hoje são bem diversas. Dificilmente voltaremos a ter uma ditadura como a saída do 28 de Maio, mas todos os cuidados são poucos, porque a tentação é muita. Haja sensatez e sejamos capazes de olhar para as soluções políticas em presença com espírito construtivo e sem "clubites".



Publicado por Tovi às 08:17
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 26 de Maio de 2024
Um lunático perigosíssimo no poder em Kiev...

 ...que ainda não entendeu o perigo em que está a colocar a segurança colectiva da Europa e do mundo, já para não falar dos horrores em que tem vindo a martirizar o povo ucraniano

Captura de ecrã 2024-05-25 110728.png


Luis Barata.... A culpa é dele, agora... Fazer dele o mau da fita... isso tem um nome, propaganda! Da má, péssima.
David RibeiroLuis Barata... não só mas também. Todos sabemos quem é Putin mas parece que nos esquecemos dos senhores no poder em Kiev, que mais não são que os herdeiros daqueles que derrubaram o ex-chefe de Estado ucraniano democraticamente eleito, num sangrento golpe e perante o qual todos assobiamos para o lado.
Luis Barata
David Ribeiro o xor kosta e o seu bando, democraticamente eleito por 25% dos portugueses também merecia ser derrubado. Como somos brandos e tal não aconteceu... Mas nem todos são assim. E, claro, aquelas pessoas têm honra na guerra, tradição... Mas Zelenski, agora, têm que ser derrubado!?...
David Ribeiro
Meu caro Luis Barata... O que já se lê (retirado do artigo "Já é hora de negociar?" publicado hoje no Expresso):
David Stone, do Departamento de Estratégia e Política na Escola de Guerra Naval, dos EUA - "É certamente verdade que a Ucrânia não pode marchar até Moscovo e derrubar Putin. Putin também não tem capacidade para ocupar e controlar toda a Ucrânia. Mas as guerras raramente terminam em vitória total ou em derrota total, como na II Guerra Mundial”.
Walter Dorn, professor de Estudos de Defesa na Canadian Forces College, em Toronto: “O fim da guerra terá de ser negociado”.
William Alberque, diretor de Estratégia, Tecnologia e Controlo de Armas do Instituto Internacional de Estudos Estratégicos, em Berlim: "A ofensiva russa em Kharkiv serve para melhorar a sua posição negocial em caso de negociações, bem como para desmoralizar os apoiantes da Ucrânia”.
Luis Barata - David Ribeiro naturalmente! A tal Diplomacia, que tanto falta em todos os Estados actualmente, deveria ter funcionado quando tantos sintomas foram aparecendo... E agora mais que nunca.

  O vice-presidente do Governo italiano pediu este domingo [26mai2024] a demissão do secretário-geral da NATO, se este não "se retratar ou pedir desculpa" por propor a permissão da Ucrânia utilizar armas doadas pelo Ocidente para atacar a Rússia no seu território. "Pode falar de guerra, falar de usar as bombas ou os mísseis ou as armas italianas que enviamos à Ucrânia para se defender no seu território, mas não pode falar em lutar, atacar e matar fora do seu território, não o pode fazer em meu nome, em nome da Liga (seu partido) ou em nome do povo italiano", disse Matteo Salvini.

 

  Zelensky em Portugal
img_920x518$2024_05_25_13_55_14_2255886.jpgpresidente da Ucrânia, Volodymyr Zelensky, deverá visitar Portugal na próxima terça-feira, 28 de maio [que raio de dia... lembram-se do que aconteceu em Portugal em 1926?], depois de já este mês uma visita à Península Ibérica ter estado 'no radar' - mas não ter sido realizada.  E desta vez, caso Zelensky venha, ainda não sabemos onde irá estar: vai falar ao Parlamento? Vai estar com o Presidente?




Sexta-feira, 17 de Maio de 2024
Ativos russos congelados

Captura de ecrã 2024-05-16 214053.png
O sistema monetário global não é a minha praia, mas pelo que tenho lido e depois da Rússia ter lançado a famigerada "operação especial na Ucrânia", os países da União Europeia e do G7 congelaram quase metade das reservas cambiais russas no valor de cerca de 300 mil milhões de euros. E o "nosso" Banco Central Europeu (BCE) alertou que isso poderia representar riscos para a reputação da moeda europeia a longo prazo e apelou a "olhar para além deste conflito isolado" e procurar outras formas de financiar Kiev. "É importante para o fundo que quaisquer ações tomadas tenham uma base jurídica suficiente e não prejudiquem o funcionamento do sistema monetário internacional", disse Julie Kozak, diretora de comunicações do Fundo Monetário Internacional (FMI) quando questionada sobre os planos do Ocidente de usar os ativos.

  Carlos Miguel SousaNa minha opinião esta decisão não é apenas errada, é um precedente mortal. Mas os políticos hoje brincam com o que é sagrado.

  Entretanto...
Captura de ecrã 2024-05-16 132145.pngA amizade sem limites de Xi e Putin. O Presidente russo, em visita de Estado à China, uniu a sua voz à de Xi Jinping: “Somos bons exemplos para garantir a paz, estabilidade e prosperidade no mundo”. Em 2022, pouco antes da invasão russa da Ucrânia, estiveram os dois também juntos em Pequim e de lá proclamaram “uma amizade sem limites”. 



Publicado por Tovi às 07:56
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 15 de Maio de 2024
Linhas de defesa de Kharkiv... e a corrupção

1440x810_cmsv2_3cb59043-eaa8-5bfd-9799-6335e192858

Segundo a mais credível comunicação social do ocidente, não é só no plano militar que a coisa está complicada na Ucrânia. Em Kiev vive-se um clima de pré-golpe de estado ao saber-se que as linhas de defesa em torno da cidade de Kharkiv, a segunda maior cidade da Ucrânia [1.433.886 habitantes em 2021], que se dizia estar em avançada fase de construção, não existe ou pouco mais são que insignificantes obstáculos. Isto tudo se deve à corrupção dos governos central e local. Todos roubaram e a voracidade foi tamanha que nada sobrou para trincheiras, parapeitos, ninhos de metralhadoras, fossos anti-carro ou barreiras e o resultado está à vista... não há um mínimo de confiança nas trincheiras ucranianas.

  Corrupção na Ucrânia
money-laundering2.jpgO "Corruption Perceptions Index", ou seja, um índice de percepção de corrupção no setor público, foi de 64 pontos na Ucrânia em 2023. A escala varia de 0 a 100, sendo que quanto maior a pontuação, mais massiva a corrupção. A Ucrânia ocupa assim o 107.º lugar no mundo. Em comparação com o ano anterior, houve uma ligeira diminuição da corrupção em 2023. Visto a longo prazo, ela tem caído moderadamente nos últimos anos. A propósito, o ranking é encabeçado pela Dinamarca com uma pontuação de 10; EUA com 31; Portugal com 39; Rússia com 74; O triste último lugar é ocupado por Somália (89 pontos).

  Jorge VeigaÉ por isso que Kiev muda ministros na Rússia...



Publicado por Tovi às 07:36
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Julho 2024
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


Posts recentes

Cimeira da Nato em Washin...

Assim vai o Leste da Euro...

Nunca é demais lutar pela...

Planos para acabar com a ...

Assim continuamos no conf...

Putin no Vietname depois ...

Cimeira da Paz na Suíça

Uma bomba atómica económi...

Se não fosse trágica esta...

Rússia a quarta potência ...

França envia instrutores ...

Volodymyr Zelensky em Por...

Um lunático perigosíssimo...

Ativos russos congelados

Linhas de defesa de Khark...

E continuam os "tiros, bo...

Acordo militar entre São ...

Portugal volta a receber ...

Cidades da Ucrânia caem p...

Dinheiro para a guerra nã...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus