"Devido à velocidade da luz ser superior à do som, algumas pessoas parecem inteligentes até as ouvirmos."

Segunda-feira, 11 de Maio de 2020
Tragédia numa freguesia de Peniche

Concelhopeniche-050605-freg-atouguia.jpg

A comunicação social dava-nos a conhecer na manhã da passada quinta-feira que um menina de nove anos tinha desaparecido de casa de seu pai, em Atouguia da Baleia, em Peniche. A criança – Valentina – vivia permanentemente com sua mãe no Bombarral mas estaria a passar uma temporada com o seu pai, mais a madrasta e outras três crianças, uma de 12 anos, outra de quatro anos e ainda uma outra com meses. Durante três dias foram feitas buscas infrutíferas numa área de quatro mil hectares pela GNR, Bombeiros e muitos populares, mas no último domingo ficamos a saber que o corpo tinha sido encontrado morto, numa eucaliptal a cerca de seis quilómetros de Atouguia da Baleia, e o pai e a madrasta estavam detidos pela Polícia Judiciária. Em conferência de imprensa, o coordenador do Departamento de Investigação Criminal da PJ de Leiria, Fernando Jordão, referiu que o corpo da criança terá sido levado para uma zona de mato na Serra D'El Rei, em Peniche, onde foi tapado com arbustos. "Estamos a verificar o cenário da morte, mas claro que terá de ter acontecido em algum contexto de violência", disse o responsável, salientando que, "à partida" não terá sido uma morte acidental.

 

   17h00 de hoje

O pai e a madrasta suspeitos da morte da criança de nove anos, em Atouguia da Baleia, Peniche, só deverão ser ouvidos por um juiz de instrução criminal, no Tribunal de Leiria, na terça-feira de manhã. A autópsia da criança já se terá realizado e o relatório preliminar (o relatório final da autópsia ainda deverá demorar mais algum tempo) poder-se-á juntar ao inquérito na terça-feira, podendo ser mais um contributo para confrontar os suspeitos sobre a forma como a criança morreu.

 

  22h00 de hoje

 O resultado preliminar da autópsia de Valentina, encontrada morta em Atouguia da Baleia, no concelho de Peniche, aponta para uma morte violenta, com lesões na cabeça e indícios de asfixia.

 


Captura de Ecrã (201).png
“Fazer tudo isto sobre a tragédia que é o cadáver de uma criança inocente, é um condenável exercício de necrofilia, só ao alcance do pior dos abutres.” – Tem toda a razão o meu amigo que escreveu isto… apesar da dor que todos sentimos perante a brutalidade deste assassínio.

   Comentários no Facebook

 Eduardo Vasques de Carvalho - Sem ser simpatizante do André Ventura, admiro o modo politicamente incorrecto como diz "aquilo" que muitos pensam mas não dizem. A forma como os pseudo democratas se servem do governo para dizerem o politicamente correcto mas actuarem como uma ditadura de esquerda só tem valorizado o CHEGA e com o medo que o povo abra os olhos e por desgaste se virem para o outro extremo, até tentam ilegalizar o direito à liberdade de expressão.

Carla Molinari - Ditadura será sempre ditadura, seja da direita ou da esquerda, e limita as nossas vidas e impõe regras unilaterais. O que interessa ter liberdade de expressão se a liberdade de viver a nossa vida se torna inviável ?

David Ribeiro - O que está em causa neste meu post é o aproveitamento político desta tragédia, apesar da repugnância que este crime gera. Como dizia o meu amigo autor do texto citado: “É a diferença entre o homem moralmente sofisticado e o primitivismo impulsivo. É a diferença entre a civilização e a barbárie. É a opção consciente de não nos pormos no patamar do criminoso.”

 

   11h50 de 13mai2020

O Tribunal de Leiria decretou prisão preventiva para o pai e madrasta de Valentina, a menina de 9 anos encontrada morta em Peniche. Sandro Bernardo está acusado do homicídio qualificado e violência doméstica. Márcia está igualmente acusada de homicídio qualificado. Ambos os arguidos estão ainda acusados do crime de profanação de cadáver.



Publicado por Tovi às 13:57
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quinta-feira, 5 de Março de 2020
Miguel Pereira Leite… estamos consigo

Captura de Ecrã (20).png
  Notícia do Público

 

   Raul Ameida no Observador, em 10mar

Susana incendeia em Plenário, Pedro filma contra o regulamento, Maria Manuel irrompe a galope invocando o seu estatuto de deputada e Tatiana confessa que tudo o que queriam era armar a p*** lá dentro. = Notícia completa =

 



Publicado por Tovi às 11:39
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Domingo, 19 de Janeiro de 2020
Rui Rio vence as diretas no PSD

8EE04443-9804-492B-B68A-E2294D473CF1.jpg

O presidente do PSD, Rui Rio, e o antigo líder parlamentar Luís Montenegro voltaram a ir a votos no dia de ontem, em eleições diretas, para escolher quem vai ocupar a cadeira do poder na São Caetano à Lapa. E numa inédita segunda volta, em que o tom da campanha endureceu bastante, a vitória foi de Rui Rio com 53%.

 

  Comentários no Facebook

Raul Almeida - A vitória de Rui Rio no PSD é legitima e merece cumprimentos institucionais. Sou daquele CDS que não segue, ou apoia, candidatos ou candidatos a candidatos do PSD. O PSD sabe resolver o seu destino sem ajudas externas, tal como o CDS. Merece respeito nestes momentos. A escolha de Rui Rio para a presidência tem um significado político inequívoco. Teremos o PSD mais consolidado do que nunca no espaço do centro-esquerda, o que é uma opção legítima dos seus militantes. Politicamente e sociologicamente, o espaço entre a nova esquerda moderada e liberal do PSD e a direita populista do Chega fica por ocupar. Há na sociedade portuguesa uma faixa de eleitorado muito significativa e consolidada que é da direita social e moderada e que hoje fica sem casa e sem conforto. O Congresso do CDS na próxima semana decidirá se o partido vai mostrar que é capaz de mostrar a credibilidade necessária para ocupar este espaço, ou se quer ser um mega Iniciativa Liberal ou um proto-Chega.

Paulo Jorge Texeira - O centro direita a morrer, mas lentamente. Não nos livramos do PREC.

David Ribeiro - Rui Rio ganhou a liderança do PSD mas há quem ainda considere por resolver se o partido é de centro-esquerda ou centro direita… como se isso fosse importante para os portugueses, que muito bem sabem que está entre o PS e o CDS.



Publicado por Tovi às 00:01
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Segunda-feira, 16 de Dezembro de 2019
Não gostam? Votem diferente...

Captura de Ecrã (364).png



Publicado por Tovi às 07:26
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Sexta-feira, 13 de Dezembro de 2019
O dia seguinte às Eleições Gerais no Reino Unido

I160623c.jpg

  Resultado final das Eleições Gerais no RU
Captura de Ecrã (362).png

  Comentários no Facebook

Rui Moreira - Amanhã, os jornais portugueses vão dizer que os britânicos perderam. Ninguém dirá que o Labour se travestiu de BE, não soube dizer se queria brexit ou remain. Entretanto, a independência da Escócia parece inevitável. A Inglaterra será uma colónia da sua ex-colónia americana.

Pedro Braga de Carvalho - A maioria absoluta dos Conservadores de Boris Johnson vai finalmente conduzir à consumação do maior erro na política externa britânica no pós-guerra. E veremos, com o tempo, quais os estragos que esta consumação poderá trazer à unidade do reino. Do you still rule, Britannia?

Raul Almeida - A vitória de Boris Johnson traduz diferentes realidades. Primeiro, os britânicos querem inequivocamente o Brexit, as percepções contrárias, como a minha, estavam erradas. Segundo, foi uma derrota absoluta da esquerda que Corbyn protagoniza, um misto de populismo errância e cobardia. Terceiro, a Europa e o Reino Unido começam agora uma reconfiguração profunda, que exige o melhor de todos. Quarto, Boris Johnson, de quem não gosto nem um bocadinho, tem total legitimidade política para pôr o seu plano em marcha, I hope there is one.



Publicado por Tovi às 09:01
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Quarta-feira, 21 de Agosto de 2019
"A greve que definiu o regime", por Raul Almeida

Realmente parece que estamos num processo de venezuelização em curso.

Captura de Ecrã (208).png

Notícia completa aqui.

   

Comentários no Facebook

Manuel Matos - Dá gosto ver a Direita, que nas últimas eleições queria baixar salários, defender tão bem os trabalhadores agora...

Adao Fernando Batista Bastos - Ó Deus, frustados porque a greve não provocou o caos que muitos na oposição pretendiam? E toca a bater no Governo e no PS que agora são autoritários, quase ditadores, defendem os patrões! Certamente que solidários com os grevistas nem atestaram combustivel durante agreve ( atestaram uns dias. antes. ). Venezualização do regime! Valha- nos Pedro. ,Paulo e todos os Santos Apóstolos, esta gente ( que nunca fez greve e estão contra os Sindicatos das centrais sindicais, preferem os recêm- nascidos ditos independentes...) está louca, so pode.

Joaquim Figueiredo - Adao Fernando Batista Bastos como tens razão amigo... quando não reagiu de imediato, devia ter reagido com veemência, quando reagiu com antecipação não devia ter reagido... não há critérios e a direita anda desesperada, sem rumo, sem orientação, porque o diabo não chegou, apesar do chamamento uníssono da comunicação social....e dos grevistas

Duarte Nuno Correia - O que eu me divirto a ler alguns comentários. Quem "acusa" o David Ribeiro de ser de direita não tem a mínima noção do que escreve.

Jose Bandeira - Desculpem meter-me na conversa, mas o mal de que o David Ribeiro sofre é comum em quem já viveu uns anitos e tem a cavidade craneana bem preenchida. O problema mais candente de momento não são os partidos mas sim as lideranças dos mesmos e a forma como essas lideranças asseguram o poder.

As pessoas de bom senso e forte empatia social sempre se identificaram com o PS e a afinidade foi-se mantendo e quiçá consolidando desde que Cavaco Silva inquinou o PSD com todo o seu séquito de bandidos que hoje estão a gozar os rendimentos do seu saque. Foi esse cancro cavaquista que possibilitou a Sócrates a maioria absoluta e, tal como aconteceu com Cavaco, substituir os bandidos doutorados do cavaquismo por estagiários sem formação nem limites para a ganância pois, como todos sabemos, a esquerda tem terreno muito mais favorável junto dos media para tolerar todo o tipo de atentados.

Com o caos pós Socrático gerido pelos boys do PSD, emerge a eminência parda, o bicho político que há muito aguardava o seu momento: António Costa! Só que, muito parco em idéias e grande em ambição, Costa rodeia-se de uma enorme clientela que tem que satisfazer para assegurar o próprio poder. E aí recomeça o nosso calvário: uma nação pobre e sobreendividada tem pouco para dar sem atingir fortemente os do costume, classe média em impostos, classe mais desfavorecida em direitos.

Sofremos de uma enorme crise de liderança e de uma Administração Pública pejada de incompetentes ambiciosos. O único líder que ousa apontar a causa de todos os males, Rui Rio, está a fazer a travessia do deserto e ainda não conseguiu convencer que tem massa crítica no PSD para fazer diferente.

Portanto e à laia de conclusão todos sabemos que NÃO EXISTE SOLUÇÃO PARA PORTUGAL NO ESPECTRO POLÍTICO PARTIDÁRIO. A única solução é a da união de todos os portugueses em torno de um projecto nacional, mas todos sabemos que nenhum partido vai propor tal heresia pois a probabilidade dos seus dirigentes e matilha irem parar à cadeia é muito grande.

Daí, tanto o David como eu buscar-mos gente de bem para criar massa crítica que permita lançar um projecto para Portugal.

Se não interpretei bem o teu pensamento por favor corrige-me caro David.



Publicado por Tovi às 14:37
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Mais sobre mim
Descrição
Neste meu blog fica registado “para memória futura” tudo aquilo que escrevo por essa WEB fora.
Links
Pesquisar neste blog
 
Outubro 2020
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9



29
30
31


Posts recentes

Tragédia numa freguesia d...

Miguel Pereira Leite… est...

Rui Rio vence as diretas ...

Não gostam? Votem diferen...

O dia seguinte às Eleiçõe...

"A greve que definiu o re...

Arquivos
Tags

todas as tags

Os meus troféus